jan

31

Sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, PARA A CIDADE DE BUENOS AIRES, ARGENTINA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Chegou o tempo de responder ao chamado de Deus; chamado que os convida a ir ao encontro das necessidades espirituais e físicas deste planeta em redenção.

Chegou o tempo de escutar a Voz de Deus, que ressoa forte nos corações que já despertaram. 

De Seu Verbo virá a força para seguir adiante. De Seu Amor virá o auxílio para renovar-se a cada dia no cumprimento de Seu Plano. De Seu deserto, mas também de Seu Reino, virão as experiências que forjarão, nos que caminham, uma fortaleza inquebrantável.

Por isso, escutem a Voz de Deus em seu interior e sigam Seu chamado. Não haverá outro ciclo, não haverá outra hora.

Apenas há, filhos, uma grande necessidade de estar no lugar correto e cumprir com os compromissos que seu Pai Celestial lhes entregou desde o princípio da humanidade. 

As provas se acentuam, mas também as Graças se multiplicam. Saibam tomar os Dons de Deus para que sejam a base sob os seus pés e sigam adiante, em oração, em comunhão e em entrega.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

jan

30

Quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando Me chamam, venho ao seu encontro, amparando com Meu Casto Coração cada pequeno e grande esforço que fazem para cumprir o Propósito de Deus.

Contemplo, com amor, aquilo que puderam alcançar e, com piedade, as suas debilidades mais profundas, as suas misérias mais arraigadas.

Contemplo com um olhar de Graça e de Misericórdia cada um de vocês, porque, sempre que estão diante de Deus e abrem o caminho para os Seus Mensageiros, o Criador mesmo verte sobre os seus espíritos os desígnios celestiais que Ele tem para as suas vidas, desde o princípio.

Seu Pai Celestial descansa nos corações que se esforçam, e por mais que ainda sejam ignorantes da verdade e tantas vezes se percam nas ilusões deste mundo, é o esforço, filhos, o esforço constante que os aproxima de Deus, que os faz reparar o Seu Santo e Eterno Coração.

Seu Pai Celestial tem um tempo para tudo e, com amor, aguarda cada um de seus passos. O que mais importa é que sempre estejam caminhando, que sempre estejam com seus pés e seu coração na direção correta, que é a rendição a Deus e o esforço por amar e servir cada dia melhor.

Com esse pequeno, porém tão profundo movimento de ir em direção a Deus e ao próximo todos os dias, o próprio Deus, filhos, também virá em sua direção. E ainda que seja silencioso e invisível, o encontro acontecerá.

Meu Casto Coração hoje se alegra, não apenas por todas as tarefas materiais e os esforços físicos que fizeram nesta manhã. Alegro-Me de ver espíritos esforçados, corações prostrados, tentando superar-se, apesar de seus limites.

Não digo essas coisas para engrandecê-los, mas para animá-los. Este é o caminho, o caminho do amor e da entrega, da doação de si e do compartilhar da vida e do pão com seus irmãos.

Que suas aspirações não estejam voltadas a mais nada que à manifestação da Vontade Divina, ainda que para isso, filhos, vocês diminuam e outros cresçam.

Sejam bases quando for necessário alçar um coração que precisa de apoio.

Sejam mãos que elevam, que inspiram, que doam e que se arriscam a apoiar todos aqueles que estão tentando caminhar.

Que cada um faça seu esforço sem esquecer-se do próximo. Caminhem olhando para frente, mas sabendo que sempre estão abrindo o caminho para outros e não para si mesmos.

Hoje, filhos, deixo-lhes Minha bênção, Minha graça e Minha paz.

Sei que muitos de vocês estão cruzando desertos e desafios. Por isso, que Meu amor e Minha presença sejam água e renovação em suas vidas.

Orem Comigo, porque sou seu intercessor diante de Deus.

Não venho ao mundo mais do que para servir. Poderia estar perfeitamente unido ao Criador, mas estou aqui para levá-los pela mão, porque esta é a Vontade Divina. Por isso contem Comigo, com Meu amor e com Minha intercessão.

Eu os abençoo e lhes agradeço por não deterem seus passos.

São José Castíssimo

jan

29

Quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Para chegar a ser conhecedor de Deus, depois de cruzar os abismos, as tribulações e os vazios, devem persistir em oração.

O Rosário, filhos, será o seu abrigo em todas as etapas do deserto.

O Santo Rosário os sustentará quando seus corações estiverem enfraquecidos.

O Santo Rosário os protegerá quando seus corações estiverem assediados.

O Santo Rosário os elevará quando seus corações estiverem livres.

O Santo Rosário lhes mostrará a Face de Deus quando seus espíritos estiverem inteiros na oração, entregues ao Pai, e sua aspiração única e verdadeira for chegar a Ele.

É das mãos de Maria Santíssima que chegarão a Cristo e imitarão Seu caminho.

Assim como o seu Senhor esteve internamente e inteiramente unido à Sua Mãe Celestial, e dessa forma foi amparado por Suas silenciosas e ocultas orações, tanto no deserto como na Cruz, assim deve estar cada um de vocês. Com o coração intimamente unido ao Coração de Maria, deixem-se guiar e proteger por Ela.

Conhecedora dos desertos como da cruz, conhecedora da morte e da fé na ressurreição, conhecedora da superação e do apostolado, conhecedora dos mistérios celestiais e dos mistérios profundos da consciência humana, Sua Mãe Santíssima sempre os guiará.

Por isso, seja no deserto, no calvário, na vida, na morte, na ressurreição ou diante dos mistérios celestiais, confiem na guia e no amparo da Mãe de Deus, Serva incansável, pensada, manifestada e enviada pelo Criador para conduzir Suas criaturas ao Seu Coração.

Vejam em Maria as Mãos de Deus, que cruzam as dimensões para buscá-los, e no Santo Rosário a ponte e a conexão correta para manterem-se unidos ao Seu Imaculado Coração.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

jan

28

Terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Esteja no deserto como Madre Teresa de Calcutá que, apesar de estar no vazio e na solidão, soube encontrar o Senhor em seus semelhantes.

E tudo quanto buscava de compensação interna se desvaneceu. Sua fé se fortaleceu e se consolidou em tão somente cumprir a Vontade de Deus e consolar os pobres, no corpo e no espírito.

Foi dessa forma que Madre Teresa encontrou a Deus e se fundiu n'Ele, ainda que não O percebesse inteiramente.

Esteja no deserto como Madre Teresa de Calcutá, fortalecendo o próprio interior, não no mundo sensível e na união mística com Deus, mas na fé palpável e na superação constante, comprovando e experimentando a Presença de Deus nos que mais necessitam, sendo nada para o mundo e para si mesmo, e tudo para Deus, tudo para o Coração do Redentor, que batia cansado dentro dos pobres e dos oprimidos, dentro dos solitários e dos perdidos.

Busca, filho, viver teu deserto consolidando tua fé. Sabe que cada deserto traz consigo um salto ao Infinito, e isso acontece de muitas formas. 

Se tens sede de sensações e de experiências internas, sede de realizar-se e ver a Deus e, ainda assim, Ele te mantém no vazio, descobre que talvez a Vontade do Senhor seja revelar-Se para ti onde menos esperas, naquele espaço onde teu amor custa a chegar, onde tuas resistências bloqueiam teus passos e não te permitem entrar, onde tuas fraquezas te impedem de descobrir a necessidade de amor. Ali está Deus, esperando por ti.

Deixa no deserto teus desejos e aspirações, tuas necessidades, tuas ânsias mais profundas. E quando não tiveres nada, o Criador te mostrará onde Ele está escondido, chamando por ti, buscando teu olhar, tua fé, teu coração.

Quem sabe, filho, teu deserto será o deserto da Madre Teresa de Calcutá, onde Deus Se revela de fora para dentro e de dentro do próximo para dentro de ti.

São José Castíssimo

jan

27

Segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma segunda etapa do deserto que os seres vivem, em outro momento de sua evolução, é estar no deserto, filhos, nos braços de Maria Santíssima.

Depois de vivido o deserto interior, depois de experimentarem o vazio e o Encontro, depois de viverem o calvário destes tempos, chegará um deserto ainda não vivido por nenhuma alma, porque é o deserto espiritual que cruzarão neste momento do planeta, o deserto profetizado no Apocalipse.

Sua Mãe Santíssima cruzou e segue cruzando muitos desertos espirituais. Ela é conhecedora das almas e de seus caminhos. É Aquela que levou as Palavras e os Dons de Cristo pelos quatro cantos do mundo e, por isso, conheceu profundamente a condição humana e todos os caminhos que os levam a Deus.

Por isso, filhos, Maria Santíssima é Aquela que conhece cada grão de areia dos desertos espirituais que os conduzem a Deus.

Ali, onde todos os seres se confundem, perdem-se, desesperam-se, sua Mãe Santíssima os coloca em Seus braços e, segura de Seu caminho, cruza os vazios e a solidão e chega a Deus.

No deserto, até mesmo o Seu adversário se vê confuso. Ele persegue as almas que estão perdidas, mas não sabe encontrá-las quando estão em Deus. Por esse motivo, sua Mãe Divina percorre o deserto e toma as almas perdidas em Seus braços, uma a uma, para conduzi-las ao seu destino.

Por isso lhes digo que, nestes tempos de confusão e obscuridade, no Apocalipse e no Armagedom do planeta, busquem sua Mãe Celestial. Deixem-se encontrar por Ela e rendam-se em Seus braços, porque quando tudo parecer perdido, Ela saberá o caminho; quando já não puderem caminhar, Ela os tomará em Seus braços, e é sob Sua proteção e sabedoria que vocês chegarão a Deus.

São José Castíssimo

jan

26

Domingo, 26 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando um ser ingressa no deserto, ainda que simplesmente tenha tocado as suas areias e sentido o seu calor, já não pode caminhar para trás.

O deserto pode parecer perigoso, cheio de sofrimentos e padecimentos. Mas hoje lhes digo que não há maior padecimento para uma alma do que ingressar no deserto e não aprofundar sua experiência nele, não render-se a Deus e descobrir seus mistérios.

A alma que pisa o deserto, mas nele não caminha, senão que fica presa em seus temores, não solta as muletas que apoiavam os seus passos nem descobre nelas verdadeiro apoio e tampouco sabe o que é caminhar com os próprios pés.

Essa alma, vencida por seus temores, sem querer soltar os afetos, as sensações, o passado em si, acaba buscando, em mais muletas e mais correntes, as sensações que não encontra com as que tem em suas mãos e as que estão presas em seus pés.

Prisioneira de si mesma se torna essa alma, cada vez mais vazia, mais escrava e mais temerosa, simplesmente por não conseguir se render ao infinito do deserto que se apresentou em sua frente.

Deus os chama a amadurecer no deserto, a deixar as emoções humanas para descobrir e consolidar o coração no Amor Crístico. Mas para isso, filhos, precisam soltar as muletas, quebrar as correntes, experimentar o vazio e caminhar nele, ainda que não sintam base sob os próprios pés.

Isso se chama experimentar a fé.

Não sejam escravos de si mesmos. Reconheçam que não há outro verdugo senão o orgulho, a vaidade e a ignorância dos corações que creem que estão mais seguros quando estão cheios de si, mas não percebem que sequer conhecem a si mesmos.

Deixo-lhes Minha bênção para que clamem por libertação e a vivam.

Se sentirem que seus pés estão nas areias do deserto, caminhem e não detenham os seus passos. Consolidem a união com Deus e fortaleçam a própria fé. Isso os fará verdadeiramente livres.

São José Castíssimo

jan

25

Sábado, 25 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Caminhar pelo deserto e ser vencido pelo Poder de Deus não é ser indiferente com a vida ou com o próximo. O deserto os leva a conhecer a Deus para que sejam capazes de encontrar toda criatura e toda vida dentro do Criador.

O deserto é um Encontro.

Depois de cruzar o vazio, a aridez e a solidão, transcendidas as primeiras etapas do deserto, purificado o coração e rendido a Deus, que é sua única e última Fonte de água pura, os corações vivem um Encontro. Em Deus descobrem a verdade, a pureza e a Vida mesma, contendo em si todas as criaturas.

O deserto é um caminho para encontrar o próximo de verdade. Ao conhecerem a si mesmos, despojando-se das aparências, das muletas, das correntes, também vão começar a ver com olhos transparentes. Cruzando o deserto e encontrando a Deus, poderão enxergá-Lo em tudo e em todos, descobrir Seu Amor revelado nas essências dos homens.

Quando um coração vive árido, não é porque está simplesmente cruzando o deserto, é porque pisou o deserto. Mas precisa caminhar nele, deixar-se transformar nele, viver o vazio e também o Encontro.

O deserto é feito de etapas, descobertas, experiências profundas e internas que devem hoje ser compreendidas. Se os seus corações sentem aridez, vazio, tentação, solidão, aprofundem-se no que vivem e cheguem à rendição, à revelação da fé. 

Deixem quebrar suas muletas, suas correntes. Deixem pelo caminho os apoios humanos e, inclusive, os espirituais, que se manifestam como virtudes e destrezas, e permitam-se ser nada.

Sigam deserto adentro em um longo caminho que é esvaziar-se.

Sintam-se suspensos no nada e, ao mesmo tempo, muito próximos de tocar a Deus.

É o Encontro do deserto que os fortalece para renovarem o Amor de Deus. Se não há deserto, não há Amor Crístico. Mas não lhes falo apenas de tocar os pés nas areias quentes e sentir sua aridez; falo de saber-se no deserto, aceitá-lo, adentrá-lo, vivê-lo plenamente.

Por isso lhes falo sobre o deserto, não para trazer alento, mas para trazer valentia. Valentia de ser nada.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

jan

24

Sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando o teu coração ingressar no deserto, ora, silencia e sente o teu mundo interior.

Compreende que ser chamado ao vazio e à solidão é ser chamado para mais próximo do Coração de Deus, da verdade do que és, longe das ilusões e da confusão humana.

O deserto é um caminho de transição. O povo de Israel cruzou o deserto para cultivar uma nova vida, uma genética pura e simples, mas forjada no sacrifício e na fé.

Teu Senhor cruzou o deserto antes de viver Sua Paixão e ali encontrou a união definitiva com Deus, que não era apenas um diálogo com o Pai, mas a experiência do Pai dentro de Si mesmo.

Cada ser, ao cruzar o deserto interior, vive uma transição para algo novo, verdadeiro e profundo.

Confia que no vazio do deserto algo novo está sendo forjado e construído dentro de ti. Deixa que teu espírito se fortaleça e que tua alma encontre a verdade que necessita descobrir neste ciclo.

Ainda que não vejas, não sintas e não saibas, cruza as diferentes etapas do deserto. Sente o vazio de sua entrada, a confusão de permanecer nele, as provas que chegam, as desolações; mas também sente o despertar da fé, a consolidação da verdade e, por fim, a revelação de Deus em teu interior.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

jan

23

Quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Retira-te no deserto com Deus, confiando em Seu silêncio e em Sua Presença.

Deixa que todas as sensações espirituais e humanas, que antes eram para ti confirmações e impulsos internos, sejam agora substituídas pela fortaleza da fé que te une pura e simplesmente a Deus.

Aceita com amor o milagre do deserto, porque Deus chama ao deserto aqueles nos quais espera colocar Sua confiança, Sua Cruz, Sua Graça e, acima de tudo, filho, aqueles que se dispuseram, desde o princípio, a redimir a própria vida, superando o Amor de Deus.

Minha voz é alento para as almas que caminham no vazio, porque simplesmente digo: “Vai por este vazio e este deserto; caminha longe e adentra profundo, porque ali, onde não podes reconhecer-te a ti mesmo, é que Deus Se revelará e te mostrará finalmente quem és.”

Teu Senhor Se recolhia para orar no deserto, porque era ali onde deixava para trás Sua condição humana e abraçava Sua Condição Divina. Por isso, o deserto deve ser para ti uma esperança.

Deixa que as dores da renúncia se transformem em liberdade daquilo que te prende ao mundo.

No deserto, podes sofrer com passos pesados devido às correntes de escravo do mundo que estão presas em teus pés, ou podes abaixar-te diante de Deus, tocar teu rosto no chão e saber que, com o clamor elevado ao vazio, essas correntes se rompem e tu podes caminhar livre.

O deserto não deixará de ser árido e solitário, mas teus passos serão livres e teu coração leve para chegar ao próprio destino.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

jan

22

Quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Os desertos, filho, são vividos em diferentes etapas da entrega e da transformação dos homens.

Ao longo de seu crescimento interior, o Criador traz os Seus filhos para o deserto muitas vezes. Às vezes de forma rápida e simples e, às vezes, de forma profunda e prolongada, e que parece não ter fim.

O deserto é um estado interno de vazio onde o Criador retira de Seus filhos e amigos todas as consolações da Terra, todo sentir, todo afeto, tudo aquilo que o ser espiritual cria como apoio e, às vezes, como trampolim em seu caminho para a vida interna.

Tudo isso lhe é retirado para que, assim, a consciência aprenda a sustentar-se em bases puramente espirituais, no conhecimento e na experiência de Deus, que nasce da fé e da vivência do vazio.

Consolida tua união com Deus pela simples certeza de que Ele está presente, ainda que não Se faça sentir, ouvir ou ver.

O deserto pode ser visto como áspero e doloroso, mas em verdade, filho, o deserto é o convite de Deus para que as almas alcancem uma união profunda e direta com Ele, distante das ilusões e dos sentidos, distante das dimensões da matéria e de tudo o que as compõe.

O deserto é o convite para o que é real; mas para cruzar esse deserto não basta o conhecimento. Necessitas descobrir a ciência da humildade, da rendição e da entrega, a ciência de lançar-se nas Mãos Divinas e saber que Sua Vontade é perfeita, no oásis como no deserto, nos templos cheios de almas que despertam como no calvário cheio de almas que desprezam.

Por isso falo sobre o deserto, para que aprendas a amá-lo e aspirar a ele. Não para aspirar ao sofrimento, mas sim para aspirar a uma união direta, profunda e verdadeira com Aquele que te criou e que te convida a expressar a semelhança com Seu Coração.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

jan

21

Terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

No deserto, filho, onde não há alimento, não há água, não há fontes, apenas vazio, teu sustento será o Sopro do Espírito de Deus.

É a união com o Espírito Santo que te revelará tua fortaleza em Cristo, apesar de toda miséria, debilidade e pequenez.

É o Espírito de Deus, que habita no mais profundo de teu ser, que falará mais alto que todas as palavras confusas de tua mente perdida e das tentações do mundo. De dentro para fora, o Espírito Santo Se revelará em teu interior, e no deserto árido e escuro, em teu próprio coração, encontrarás uma Luz.

Por isso busca o Espírito Santo, ainda que te seja incompreensível. Pede a Graça de descobri-Lo e conhecê-Lo em ti e em tudo.

Quando foste pensado por Deus, em teu interior, no mais profundo de tua condição humana, se escondeu uma partícula de Seu Santo Espírito. Esse Espírito que anima a matéria, e que é a ponte entre a ilusão e a Verdade, pode tomar conta de tudo o que és, através da rendição de teu coração, da entrega e da união verdadeira com Deus, mesmo no vazio.

Clama pela revelação do misterioso e silencioso Espírito de Deus.

Seu Sol dourado se revelará na noite de teu coração, e  tu já não caminharás perdido no deserto, mas terás uma direção, que é o aprofundamento do mistério da entrega, que te mostrará um dia quem verdadeiramente és.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

jan

20

Segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Ora, filho, e adora a Deus ainda no deserto de teu coração. Recorda que retirar-se no deserto é preparar-se para encontrar o Criador.

O deserto é cheio de desolações, tentações e desafios; o deserto é seco, vazio e solitário. Mas isso é assim para que cruzes todos os limites de tuas debilidades humanas, purifiques as ilusões e quebres as correntes que, desde o princípio da humanidade, foram sendo criadas para aprisionar a consciência em uma mentira sobre si mesma.

Caminha com passos firmes pelo deserto de teu coração e sabe que teu destino é apenas um: o encontro com o teu Criador.

No deserto, o Senhor te leva a vencer as tentações que enfraquecem tua parte mais humana: tuas células, teus ossos, tua mente, tuas emoções. Mas é da fortaleza desse deserto que teu Criador te revelará o potencial que há em ti para transformar as condições mais impuras de toda uma raça.

Os seres humanos, filho, vão descobrindo a si mesmos através da superação, da rendição e da entrega. E cada deserto cruzado os aproxima mais de Deus e assim os aproxima mais de si mesmos, do que são em verdade.

Cruza teus desertos internos para que tua alma se prepare para desertos planetários, e um dia, filho, também teu espírito será levado a um deserto universal, deserto esse que revelará o verdadeiro sentido da existência humana e que aproximará não apenas os homens, mas toda a criação do Coração de Deus.

Deixo-te Minha benção e Minha paz, para que com elas dês os passos necessários neste tempo.

São José Castíssimo

jan

19

Domingo, 19 de janeiro de 2020

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Venho do Céu, trazendo em Meu Coração um profundo júbilo interior; júbilo que provém não apenas do sentir de Meu Casto Coração, mas que provém do Coração de Deus, fruto de Sua Misericórdia, de Sua Piedade e, sobretudo, filhos, fruto de Seu grande Amor pela humanidade.

Venho oferecer Meu Casto Coração ao mundo, assim como o ofereci a Deus, para que, desta forma, os corações dos homens se renovem, despertem e tenham forças e fé para seguir adiante no calvário destes tempos.

Assim como uma vez o Criador enviou Maria Santíssima para ajudar o Seu Filho a Se levantar no Calvário e, através do profundo Amor do Imaculado Coração, o seu Senhor renovou as Suas forças, assim, filhos, o Criador Nos envia no calvário destes tempos para olhar nos olhos dos cansados, dos humilhados, dos que estão sem esperança, dos que perderam a fé, para que compreendam a essência da Cruz destes tempos; para que superem o peso de suas faltas, fraquezas, misérias e superem o peso da condição humana, que se transmuta em suas consciências como em suas células. E, assim, saibam que de tudo isso nasce um amor maior, nasce uma misericórdia maior, nasce o verdadeiro homem.

Venho para tocar os seus rostos, secar as suas lágrimas e ajudá-los a descobrir o poder do sacrifício.

E não que Minhas palavras, ao longo dos últimos anos, não tenham sido suficientes; mas venho, filhos, para revelar-lhes, assim, o Amor de Deus.

E que vocês possam saber e experimentar que renovar o Amor de Deus não é apenas carregar a cruz e caminhar para o calvário; é também sentir o Seu Amor e ser amados por Aqueles que Ele envia em seu auxílio e, assim, ver nascer esse amor novo em seu interior.

Caminhemos então para a renovação, para o Amor de Deus e, sobretudo, agradeçamos ao Pai a revelação de Sua infinita e insondável Misericórdia.

Eu os abençoo hoje e sempre.

São José Castíssimo

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos