MENSAGEM SEMANAL DA VIRGEM MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA EM FÁTIMA, PORTUGAL AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Queridos filhos,

Neste momento, Meu Coração Imaculado ainda se encontra unido ao coração essencial de cada pequeno filho da África, a fim de que estas pequenas almas alcancem o alívio espiritual e moral que necessitam.

Desejo, de forma ardente, que se abra a porta de Minha Graça na África, de uma Graça de oportunidades e de esperanças para os adolescentes e jovens, para que Meus filhos da África saibam que é possível viver outra experiência na superfície da Terra, uma experiência que permita o despertar de seus valores espirituais e internos, dos valores que os ajudarão a ser boas pessoas, assim como são bons e simples de espírito, algo que todos os Meus filhos do mundo deveriam aprender a reconhecer.

A África deve ser ela mesma, como foi em suas origens, desde suas mais profundas raízes de união com o Divino e Cósmico. 

Por isso, através da atual missão humanitária em curso, os três Mensageiros Divinos preparam outro cenário interior, a fim de que o cenário exterior possa ser melhorado, harmonizado e corrigido, para que todos os Meus filhos tenham a dignidade que perderam, não apenas como seres humanos, mas também a dignidade de reconhecer-se e de sentir-se merecedores Filhos de Deus.

Por isso, na África recém começam a gestar-se o dom da esperança, as oportunidades e a Nova Terra.

África Minha, és parte de Meu Coração; és Minha aspiração do novo berço da Nova Humanidade.

Oremos para que a África seja ela mesma e já não seja dos exploradores e bandidos.

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado!

Abençoa-os,

Sua Mãe, a Virgem Maria, Rosa da Paz

 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Sempre que clamarem pela paz, Eu ali estarei. Meu Coração está atento a cada súplica, a cada clamor, a cada coração sincero que acende a luz de sua essência, mesmo nos abismos mais profundos da consciência planetária.

Quando oram de coração, suas vozes são como melodias que ressoam entre as dimensões e que chegam aos Altares Celestiais, comovendo o Coração de Deus, que responde à súplica de Seus filhos com piedade, cura e Misericórdia, com a Verdade que os desperta do sono do mundo e os faz retornar ao Seu Coração.

Sempre que orarem, recordem de fazê-lo de verdade, com atenção em cada palavra, com vida em tudo o que pronunciarem, cantarem e ofertarem, porque o milagre da oração ainda é um mistério para o coração humano. Mas hoje Eu lhes digo, filhos, que é esse mistério, guardado em seus corações, que revela o verdadeiro potencial dos seres humanos.

É quando oram com sinceridade, vencendo toda vergonha, temor e condição humana, que podem experimentar o que são e descobrir as suas potencialidades mais puras e espirituais.

E não falo da vida universal, não falo sobre realidades materiais, mas de suas essências, daquilo que os faz semelhantes a Deus e que muitos pensam conhecer, sentir e viver sob sua guia, e não é dessa forma.

Quanto mais orarem, mais poderão ir ascendendo a esse espaço profundo da consciência. Quando deixam de lado os temores e tudo o que pensam de si mesmos, quando se colocam na Presença de Deus, e só d’Ele, para entrar em um diálogo profundo com o Criador, é então que podem começar a conhecer a si mesmos.

O autoconhecimento começa com a confissão, quando se permitem estar transparentes, sem capas, sem véus, e se permitem não apenas se expor diante de Deus, mas também que Deus seja Quem os toque com Suas Mãos e lhes mostre aquilo de vocês mesmos que ainda desconhecem.

Por que lhes digo essas coisas hoje?

Porque, dos últimos anos, esta é a síntese de tudo o que tenho para lhes dizer: orem, de verdade, em confissão, diante de Deus, desfazendo-se de tudo o que creem de si mesmos. Percam o medo e a vergonha de não serem o que construíram por tanto tempo na Terra e além dela, e deixem que a Mão de Deus os limpe e lhes mostre algo maravilhoso sobre si mesmos, que nada são, senão uma essência, pura, divina, parte do Criador, capaz de recriar e renovar toda a Sua Criação.

Cada vez que orarem, que seja de verdade, e, pouco a pouco, suas vidas serão uma constante confissão, na qual já não precisarão estar sozinhos para serem transparentes, mas se encontrarão na Presença de Deus em todo momento, e tudo quanto fizerem será verdadeiro, em tudo se expressará a sua essência.

Neste dia de renovação e de Graças, venho dizer-lhes algo que creem já saber, mas que em verdade ainda precisam arriscar-se a descobrir. Orem e sigam orando, até serem nada e encontrarem tudo, até que os mistérios deixem de ser mistérios.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Depois de viver o encontro com Deus, escutar Suas Palavras e participar da revelação de Seus Desígnios, as almas devem, então, crescer fortalecidas pelas Leis Celestiais; devem viver tudo quanto aprenderam e difundir com a vida a Graça que receberam através de seus exemplos, de seu amor e da emanação profunda de seu coração.

Depois de viver o encontro com Deus, as almas devem definir-se, reconfirmar-se e caminhar para descobrir a Presença Divina no próprio interior e, assim, ouvir a Sua Voz em cada instante de suas vidas.

Cada encontro com Deus traz um impulso que deve ressoar no interior dos seres e se manifestar na vida humana através das transformações profundas alcançadas pelos que escutaram a Voz do Criador.

A Voz de Deus ressoa, filhos, e ela deve ser não apenas escutada, mas também feita carne e vida em todos os Seus filhos.

É chegado o momento de não serem apenas chamados discípulos e companheiros de Cristo, mas, sobretudo, testemunharem a Sua Presença e o eco de Sua Voz com a própria vida. O Evangelho dos últimos tempos já começou a se escrever, e ele é feito pelas Palavras de Deus e pelo testemunho de Seus filhos.

Sejam vocês testemunhas das Palavras de Cristo.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA TRANSMITIDA PELA VIRGEM MARIA, ROSA DA PAZ, NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Poemas ao Imaculado Coração de Maria

Trigésimo oitavo poema

Santíssima Mãe da Contemplação, 
Guardiã Sagrada das Relíquias de Cristo,
Mensageira da Palavra de Amor de Teu Filho,
pedimos-Te neste dia
que nos ajudes a viver integralmente
todos os ensinamentos de Cristo,
para que, neste tempo definitivo,
possamos ser um exemplo de Redenção e de Graça.

Santíssima Mãe da Contemplação,
ajuda-nos para que cada Palavra de Cristo
ressoe como um impulso de Luz dentro de nós.

Que, através do Evangelho, nós nos autoconvoquemos
para servir a Deus sem condições,
tendo como meta 
aliviar o Coração ferido de Cristo
por tudo que Ele observa no mundo.

Santíssima Senhora da Contemplação,
ensina-nos a comprometer-nos com o Caminho de Cristo,
porque, em adesão, ajudaremos a preparar Seu Retorno
através das obras de amor.

Que nunca percamos a alegria de servir 
e de reconhecer que somos filhos de Deus.

Quando conseguirmos despojar-nos de nós mesmos,
pedimos-Te, Mãe, que nos leves pela mão
ao caminho da verdade,
no qual seguiremos redimindo nossas vidas,
que estarão a serviço do Plano de Amor 
de Nosso Senhor.

Amém.

 

Agradeço-vos por responderdes ao Meu chamado!

Abençoa-vos,

Vossa Mãe, a Virgem Maria, Rosa da Paz
 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que aspirava a viver e expressar a pureza de seu coração, mas que sentia esse atributo corrompido em seu interior, orava a Deus pedindo-Lhe que a pureza voltasse a emergir, e questionava o Senhor, dizendo: – “Senhor, sei que há em mim o atributo da pureza, porque sei que, ao criar-me, colocaste essa pureza em meu interior, mas, ao longo desta vida, acredito que a perdi e não consigo encontrá-la. Como recobrar a pureza em meu coração? Como amá-la e expressá-la mais do que todas as energias capitais que circundam nossos seres?”

E, com amor, o Senhor respondeu-lhe: – “Alma pequena, sim, desde o princípio da vida a pureza habita em teu ser; pureza essa que provém do Ventre Imaculado que te criou no universo infinito de Minha Criação. Essa pureza não se perde, mas, sim, é ocultada por todas as experiências humanas que não a permitem expressar-se nos corações de Meus filhos.

Para que ela volte a emergir e ganhe espaço em toda a tua consciência, o que se deve transformar em ti é o teu conceito de amor e o próprio amor em teu coração, ou seja, alma pequena, deves amar mais a Mim, Meu Plano e Meu Reino do que os homens e as coisas do mundo. Mas esse amor deve ser verdadeiro, genuíno e incondicional. Não deve haver condição alguma que imponhas para Me amar, e, aos poucos, esse amor te fará ver a vida e cada ser com olhos diferentes.

É o amor por Deus o que transforma as criaturas. Meu Amor em vocês muda seus pensamentos e sentimentos, muda sua forma de agir, muda suas necessidades e aspirações, lava seus olhos e as manchas em seus corações, fazendo com que recobrem a pureza.

É assim, alma amada, que não deves buscar vencer as energias do mundo para expressar essa pureza, porque, se assim for, estarás em constante batalha e não conhecerás a paz. Esforça-te, antes, apenas em amar-Me, com verdade e inteireza, e que cresça em ti Meu Amor. Assim encontrarás a pureza em teu interior.”

Que esse diálogo, filhos, ensine-lhes que todos os mistérios celestiais e a pura expressão dos seres se guardam tão somente no Amor de Deus. Basta amar o Criador com todo o seu ser, com verdade e incondicionalmente.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que aspirava a poder um dia viver a unidade com todos os seres e com Deus buscava em cada religião pontos que pudessem unir, no amor e no respeito, cada uma delas. E um dia, em oração, questionou o Senhor, dizendo: − “Senhor, Tu és o mesmo Deus para todas as religiões verdadeiras. És o mesmo que inspira os corações e as almas pelo caminho de retorno ao Teu Espírito de Amor. Diz-me, então, o que há em cada religião que nos une, que nos faz, a todos, Teus filhos?”

E o Senhor, com amor, respondeu-lhe: − “O que faz, alma pequena, com que sejam Meus filhos não são as religiões, mas a própria vida. O fato de existirem na vasta Criação faz de cada ser um filho de Deus, amado e predileto, criado por um propósito e com uma missão.

As religiões são impulsos que dei à humanidade, de tempos em tempos, para que as almas recordassem o caminho para a sua evolução, mas não apenas através delas enviei esses impulsos ao mundo; Eu o fiz também através da natureza, do silêncio, do serviço e, muitas vezes, através do sofrimento, porque alguns de Meus filhos escolheram esse caminho para despertar e perceber que não estavam compreendendo a vida da forma correta e que estavam perdendo o verdadeiro sentido de sua existência.

Através das religiões, enviei impulsos ao mundo que, à medida que os seres humanos cresciam e evoluíam mental, emocional e animicamente, puderam ser mais amplos, mais claros, mais diretos.

Através de Krishna, conduzi-os ao despertar de um grau de amor simples, amor pela vida, pelos elementos, pelas energias. Conduzi-os a uma percepção mais ampla da existência e comecei a criar um caminho de retorno ao Meu Coração. Porém, cada ser compreendeu a religião de uma forma diferente e a manifestou segundo as suas possibilidades, que muitas vezes não foram puras como os Meus impulsos.

Através de Buda, ensinei-lhes a unidade com o Todo, o amor compassivo e a paz. Ensinei Meus filhos a viverem em comunhão com o universo e a saírem das rodas constantes dos erros e das consequências. Já estavam prontos para compreender que são vocês mesmos os responsáveis pela própria vida e, através de suas escolhas, atraem para si os Raios e os impulsos que os elevam ou os corrigem, segundo o que escolhem viver.

Mas nem toda a humanidade evoluiu, nem todos se abriram para amar. A mente humana se desenvolveu e, com ela, a sua maldade, e não o seu amor. Em vez de viverem em comunhão com a vida, quiseram possuí-la e manipulá-la. Por isso, fizeram dos elementos deuses e das energias, formas de conseguir o que queriam.

Através dos Patriarcas, voltei a dar impulsos aos seres, corrigindo os seus caminhos; impulsos que foram vividos também segundo sua compreensão.

Até que enviei ao mundo o Meu Filho, não apenas com um ensinamento, mas com uma Graça. Diferente de todas as religiões anteriores, não era através do conhecimento ou do esforço constante para elevar-se que chegariam a Mim, mas, sim, através de uma Graça e da Misericórdia que um coração rendido pode receber.

O Amor de Cristo não veio para poucos, veio para todos. Não veio para o Oriente ou para o Ocidente, veio para toda a vida, para todos os seres que, apesar de seus pecados, souberam dizer sim.

Em tempos anteriores, a humanidade chegava às dimensões divinas através de um esforço constante pela elevação. Através de Cristo, foi-lhes revelado o Reino no próprio coração, e, ao longo da evolução humana, Meus impulsos seguem renovando-se.

Começo a unir em seu interior todos os conhecimentos e todos os graus de amor, porque é chegado o tempo da síntese da vida na Terra, o tempo da porta estreita e única, através da qual todos os seres chegarão a Mim. E essa porta, alma amada, é o amor em seus corações.

Por isso Eu Sou o Deus da Vida, porque a todos amo e a todos ensinei a amar. Esse é o caminho para chegar a Mim. Por isso venham, apesar das diferenças. Venham, apesar dos conhecimentos. Venham, apesar dos impulsos que receberam, porque todos eles tinham um único propósito, o de conduzi-los a amar.”

Que este diálogo, filhos, ensine-os a compreender os ciclos da vida e seu verdadeiro sentido, e saber que, apesar de toda a complexidade da existência humana, para tudo há um único propósito, que é a vivência do amor.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que amava a Deus e o Seu Plano, mas que estava cheia de si mesma e de suas vontades, tentava a cada dia esvaziar o seu coração para viver as Leis Divinas. Essa alma preparava-se para tempos agudos do planeta, onde ela sabia que apenas o amor incondicional e a obediência seriam a base da transformação do velho homem naquele que o Criador esperava.

Orando um dia ao Senhor e pedindo-Lhe uma guia para o final dos tempos, essa alma Lhe disse: – “Senhor, custa esvaziar-me de mim, de minhas ideias e conceitos, do que acredito ser correto e o melhor para Ti; custa-me silenciar minha voz para escutar a Tua e confiar quando Tu te manifestas através de meus irmãos. Diz-me, ó Deus, como eu posso fazer para viver em Tua obediência, em Teu Amor e em confiança, e manter-me em Tua Vontade para os tempos que virão?”

E, contemplando o Senhor a sinceridade dessa alma, respondeu-lhe: – “Alma pequena, Eu te criei e conheço a tua força, força que deve ser rendida para dar lugar ao Meu Poder, este que ainda desconheces, porque tu dás mais lugar em teu coração para ti que para Mim. Tenho para cada um de Meus filhos dons inesgotáveis, o potencial não apenas de conduzir a vida na Terra com sabedoria, mas de transformar os universos. 

Porém, Meus filhos estão presos em si mesmos, em tudo o que conquistaram e aprenderam equivocadamente ao longo de sua evolução na Terra. Aprenderam que crescer é afirmar-se e reafirmar-se constantemente na própria vontade, e se perdem de todas as maravilhas e verdadeiros dons que Eu concedo aos que estão vazios de si.

Por isso, alma pequena, reconhecer tua ignorância é o primeiro passo; silenciar e conter teus impulsos é o passo seguinte; ser observadora, em oração, de todos os gestos da vida e dar tua opinião apenas quando ela for pedida. Antes de discordar de uma vontade alheia, primeiro a vive em obediência. Não queiras colocar tua vontade sobre a dos demais, sem antes aceitar o que te pedem. Eu forjo tua consciência e transformo teu orgulho humano através daqueles que enviei para que servissem contigo. Por isso, exercita obedecer sem condições e expõe teus sentimentos apenas quando te abrem caminho. 

Descobre o fluir das leis e, quando assim o fizeres, estarás dentro de Minha Graça, e ela fluirá sobre ti como caudal de sabedoria quando algo te for dado a conduzir. Enquanto isso, alma pequena, vive a confiança, a obediência e o amor, e eles serão para ti fonte de transformação e de entrega. E chegarás a Mim e Me representarás no mundo e além dele, porque te esvaziarei de ti e farei morada em teu coração.”

Que esse diálogo os inspire para que vivam em obediência e amor, para que deem espaço para que Deus Se expresse em seus corações.

Têm a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que temia a Justiça de Deus, constantemente orava e clamava por Misericórdia, e, sentindo um dia que o ciclo dessa Justiça havia chegado ao mundo, questionou o Senhor, dizendo:  – “Senhor, Tu és o Deus do Amor, da Graça e da Misericórdia, capaz de entregar-Te em Cruz pela salvação do mundo, explica-me então o que é a justiça e como pode um Deus de Amor atuar com justiça sobre Seus filhos?”

E, olhando essa alma com paz, o Senhor respondeu-lhe: – “Alma amada, que ignoras o verdadeiro sentido de Minha Justiça Divina, a Justiça de Meu Coração é uma lei, permeada por tão grande amor como a Divina Misericórdia. Enquanto a Misericórdia eleva os que estão cegos e concede o melhor de Meu Reino mesmo aos ignorantes, a Minha Justiça primeiro lava os seus olhos, abre-os e faz com que as almas sejam conscientes de tudo quanto Eu já lhes entreguei.

Depois de derramar Misericórdia sobre os corações e vê-los ainda mergulhados na indiferença, na ingratidão e na inconsciência, Meu Espírito verte sobre eles a Justiça. E a Justiça é um raio de Amor do Meu Coração, que estremece as almas e derruba as suas ilusões mais arraigadas, para que assim possam perceber a verdade e se arrepender.

O que causa o sofrimento nas almas não é a Minha Justiça, mas a sua própria ignorância, porque percebem que estavam firmadas em bases de areia, enquanto Eu tantas vezes lhes ofereci a rocha de Meu Coração. A Justiça, alma pequena, é parte de Meu Amor, para que nenhum de Meus filhos permaneça no mundo sem despertar e perceber o que realmente são e qual o caminho que devem trilhar.

Por isso, diante da Justiça, não sofras, mas apenas ora para que esta nova oportunidade, que chega através da lei da Justiça, também não passe em vão pelas almas ignorantes, e que elas possam fazer desta correção divina o primeiro passo para endireitar os seus caminhos.”

Que esse diálogo os ensine, filhos, a amar a Deus, Sua Misericórdia e Sua Justiça, e compreender que a atuação das leis é justa e preenchida de um celestial amor pelas almas.    

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DA VIRGEM MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Poemas ao Imaculado Coração de Maria

Décimo segundo poema

Guardiã e Protetora da fé,
livra-nos da escuridão destes tempos,
afasta-nos do caminho da perdição.

Que a Chama Sagrada de Teu Imaculado Coração
seja a guia de nossas vidas.

Mãe Celestial,
que nossos passos sejam acompanhados
até que possamos encontrar Cristo.

Que o poder de Teu luminoso e amoroso Coração
nos conduza à Casa do Pai Celestial,
porque nos reconhecemos como filhos de Deus, 
expressões de Seu Projeto Redentor,
partes fundamentais de Sua Obra de Misericórdia.

Que nunca nos cansemos de buscar
a união com o Reino dos Céus.

Que a gratidão e a reverência 
nos ajudem a perceber a realidade divina 
que está dia a dia diante de nossos olhos.

Que, com Tua divina ajuda, Mãe de Deus,
possamos cumprir o que estabelece
a Santa Vontade de Deus.

Assim aprenderemos,
como Tu, querida Mãe,
a permanecer no vazio de nós mesmos,
sem esperar nada em troca.

Desperta Teu Amor incondicional em nós,
para que também sejamos incondicionais,
e assim nossas vidas serão de Deus.

Amém.

 

Agradeço-vos por responderdes ao Meu chamado!

Abençoa-vos,

Vossa Mãe, a Virgem Maria, Rosa da Paz
 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

A Ressurreição de Cristo, filhos, significa o início de um novo tempo, em que a humanidade poderá compreender para que veio ao mundo e qual o caminho que deve seguir para plenificar a própria existência.

A Ressurreição os eleva além dos maiores medos humanos, que são o sofrimento e a morte, e os coloca na verdade do Tempo Eterno de Deus, para que saibam que aquele que dá tudo de si a Deus, recebe d'Ele tudo o que Ele é, participa de Sua Glória em unidade com o Seu Reino.

Ressurreição é júbilo infinito, divino e universal, porque é a revelação não apenas da Face de Deus, mas também é a revelação da face dos homens, enquanto filhos de Deus e criaturas semelhantes ao seu Criador.

O caminho para a Glória de Deus é a entrega absoluta, o amor incondicional, extremo e total, que nasce das entranhas mais profundas da rendição humana.

Todas essas coisas vocês já sabem, mas devem recordar, porque a própria condição do planeta os colocará diante das situações que os levarão a viver isso: a escolher a cruz, a entrega, a vida eterna em Cristo.

Ano após ano, vocês são levados a recordar a Vida, a Morte e a Ressurreição de Cristo para que, quando chegar o tempo da Páscoa deste mundo, possam imitar os Seus passos. 

Por isso, amem cada dia mais ao seu Senhor, Sua Vida, Seu exemplo, Sua entrega, Sua Consciência eterna, Seu Caminho, Sua Verdade, porque este mesmo Amor os levará a imitá-Lo.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Para compreender e amar a Justiça de Deus, primeiro, filho, deves abrir teu coração para conhecer o próprio Deus - puro Amor, Misericórdia e Compaixão -, que, com ternura, aguarda o retorno de Seus filhos à Fonte Celestial.

Com tua oração, com teu diálogo com o Criador, com a meditação em todas as santas palavras que Ele tem enviado ao longo dos séculos, com a adoração ao Corpo Eucarístico de Cristo, com a contemplação de Sua Sagrada Face, com o silêncio, com a própria vida, conhece a Deus e aprofunda em teu contato com Ele.

Busca saber quem Ele é, para que, então, saibas que Seu Amor excede todos os limites e se oculta até mesmo na justiça e nas correções que expressam as Suas Leis na vida universal e planetária. 

Conhece a Deus e saberás, filho Meu, que Seu Amor, sempre presente, está sobre ti através dos Olhos fixos de Deus em teu coração. Deixa que esse olhar te ampare. Encontra tu também a Face Sagrada de teu Criador e une-te a Ele, por meio de um olhar que encontra o Seu e se transforma, funde-se, dissolve-se nessa Presença Divina.

Tudo isso se alcança não apenas com a fé, mas também com o esforço permanente, com a rendição cada vez mais interna, mais profunda, de espaços mais ocultos de tua consciência. 

Cada dia, entrega-te mais a Deus e saberás quanto Ele também aguarda por entregar a Si mesmo ao teu coração.

O Amor de Deus é um espelho que reflete em teu interior para que aprofundes, para que aprendas a amar. E quanto mais te abres para receber o Amor do Pai, mais esse Amor se expande e te transforma.  

Pede a Graça de conhecê-Lo mais, de dar mais espaço para Sua expressão, Sua Voz, Sua Vida, Seu Amor em teu interior. 

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

O Reino de Deus começa a se manifestar na Terra através dos corações dos homens. Em seu interior, guardam a ponte perfeita para o Coração do Pai, o caminho para a expressão de Seus atributos, virtudes, dons e Leis universais e divinas.

Através dos filhos de Deus, criados espiritualmente semelhantes a Ele, o Seu Reino se torna realidade na Terra. 

Muito além das dimensões sublimes e das realidades invisíveis, que coabitam com a humanidade neste mundo, vocês, filhos, são o Reino de Deus na Terra. Através de suas ações, pensamentos e sentimentos, criam e recriam a vida. 

Quando seus espíritos estão alinhados com o Propósito Divino e podem expressar paz, tudo ao seu redor se transforma. 

Quando seus corações estão alinhados com Deus e podem expressar amor, os Planos do Criador se realizam.

Sejam conscientes de que não basta que o Tempo de Deus se una ao tempo deste mundo. Não basta ver com olhos físicos o que sempre lhes foi invisível, porque o que é essencial para que o Reino de Deus se expresse é que cada ser descubra a si mesmo como parte viva desse Reino.

A nova vida já existe. É nova porque a desconhecem, mas ela é desde o princípio e está viva em cada um de vocês.

Sejam, filhos Meus, o Reino vivo de Deus neste mundo.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM HOUSTON, TEXAS, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Ora, filho, pelas almas mais perdidas que, mesmo na ilusão de seus corpos materiais, internamente reconhecem a luz e buscam por auxílio.

Ora pelos que vieram ao mundo para viver uma oportunidade de perdão e redenção, e que, no entanto, confundiram-se com todos os estímulos do mundo e se perderam. 

Ora, porque as almas que hoje estão confundidas já não terão outras oportunidades de evoluir e de crescer e retrocederão nos abismos do mundo e do próprio interior, apenas por escolherem estar na ilusão e no engano.

Ora para que o Coração de Deus toque os corações de Seus filhos e sê tu uma luz no caminho dos que estão cegos e não reconhecem a senda pela qual devem caminhar. 

Que teu coração esteja sempre pleno de piedade e de compaixão pelos que estão perdidos, porque este não é apenas o tempo final para o velho homem; esta é também a última oportunidade de muitas almas.

Preenche teu coração de Deus e sente com o Seu sentimento e com o Seu Amor; pensa com Sua Sabedoria e vive com Suas ações, inspirado por Seu Espírito, para que sejas instrumento para o encontro das almas consigo mesmas, com sua verdade interior e com Deus.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM PHOENIX, ARIZONA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Enquanto percorrem os lugares sagrados, tenham em seus corações toda a humanidade, toda a vida.

Sintam que tudo o que recebem, como impulso interior, chega a cada ser da Terra e além dela.

Sintam a unidade espiritual que se estabelece nos corações dos que sabem que tudo o que recebem não é para si, mas para que o Plano de Deus se cumpra em todos os Seus filhos e neste mundo.

Além de unir as dimensões e chegar ao Coração do Pai Celestial, os seres humanos, filhos, têm a possibilidade de compartilhar interiormente todos os aprendizados evolutivos que vivem, assim como todos os códigos de luz que recebem para dar seus passos em direção ao Amor de Deus.

Foi dessa forma que o Amor alcançado por seu Senhor na Cruz transbordou de Seu Coração, e tudo o que Ele alcançou chegou a cada ser deste planeta e muito além dele. 

Este é um dos dons que Ele lhes ensinou com Sua entrega: o dom de doar não apenas a si mesmo, mas todas as Graças recebidas e alcançadas; o dom de sentir-se unido a todas as criaturas e saber que tudo o que vivem é por todo e cada ser deste planeta.

Olhem para o próximo, mesmo que seja um desconhecido, e saibam que também ele é parte de Deus e está aqui para aportar algo, aprender algo, redimir algo e alcançar o mesmo amor que, por Graça e Misericórdia, vocês recebem todos os dias.

Quanto mais deixarem influir as dádivas recebidas e, conscientemente, viverem as Graças como um serviço pela humanidade, mais, filhos, essas dádivas fluirão ao mundo. 

Lembrem-se que os seres humanos são um grande mistério. Mistério que se desvela experimentando e vivendo, arriscando-se a amar e a servir cada vez mais profundamente.

Têm a minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DE REDWOOD, CALIFÓRNIA, PARA PHOENIX, ARIZONA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

O Espírito de Deus habita nas montanhas, e nelas expressa Sua fortaleza para inspirar as almas à elevação e à iluminação da consciência.

O Espírito de Deus habita no silêncio das montanhas, em seu interior, onde se guarda a história de toda a vida, de onde se sustenta este mundo, em segredo e em solidão.

O Espírito de Deus habita nas montanhas, convidando os Seus filhos a descobrirem a verdade sobre si mesmos.

A natureza, filhos, guarda em si muitos atributos e dons do Espírito de Deus. Esse Espírito Santo e Imaculado habita na matéria para convidá-los a encontrar o sagrado que há nessa dimensão da vida.

O Espírito de Deus, silencioso, no profundo da natureza, convida-os a encontrar a unidade, não apenas entre irmãos, mas também a unidade com a vida, com as dimensões, com as estrelas.

Deixem que seus espíritos encontrem o silencioso Espírito de Deus, escondido em tudo o que expressa harmonia e beleza, e deixem-se inspirar, despertar e renovar por essa Presença Divina.

O Espírito de Deus habita nas montanhas para conduzi-los ao ponto mais alto da própria consciência, que é, ao mesmo tempo, o mais oculto, e que se revela no silêncio do próprio interior. 

Encontrem em si mesmos os altos cumes, onde o Espírito de Deus habita. Ali estarão em paz.

Têm a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM WEED, SISKIYOU, CALIFÓRNIA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Onde estiveres, une teu coração a Deus, para cumprir com Sua Vontade e manifestar o Seu Plano. 

A Vontade e o Plano de Deus são muito maiores e mais amplos do que tua pequena mente pode conceber. No entanto, é através das coisas simples que teu coração encontra o caminho para viver essa Vontade e concretizar esse Plano.

A Criação de Deus é vasta e ampla entre as dimensões, tanto no Céu como na Terra. Porém, para recordá-la e reconhecê-la hoje, podendo acessar estas realidades sublimes, basta que sejas simples de coração, puro de intenção e disposto a amar e a servir cada dia mais e melhor.

Ainda que teus olhos físicos não vejam extraordinárias existências e manifestações da vida, teu coração pode participar do que é invisível e tua alma pode transitar nas realidades eternas quando estás unido a Deus.

A humanidade foi criada para muito mais do que ver e sentir as realidades da vida. Os seres humanos foram criados para unir essas realidades, vivê-las e estar nelas ao mesmo tempo.

Porque, assim como o Coração do Pai Celestial, os corações de Seus filhos têm essa possibilidade de unir em si toda a Vida, de estar unido a tudo e participar de todas as dimensões da existência.

Por isso, antes de ver, sentir ou experimentar sensivelmente a Verdade Divina, busca, filho, entregar teu coração a Deus e, através da rendição de teu espírito e de cada parte de tua consciência, fazer-te um com toda a Criação.

As dimensões habitam em ti, e teu coração pode habitar em todas elas e vivê-las quando és simples e verdadeiro.

Tens a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Os desertos, filho, são vividos em diferentes etapas da entrega e da transformação dos homens.

Ao longo de seu crescimento interior, o Criador traz os Seus filhos para o deserto muitas vezes. Às vezes de forma rápida e simples e, às vezes, de forma profunda e prolongada, e que parece não ter fim.

O deserto é um estado interno de vazio onde o Criador retira de Seus filhos e amigos todas as consolações da Terra, todo sentir, todo afeto, tudo aquilo que o ser espiritual cria como apoio e, às vezes, como trampolim em seu caminho para a vida interna.

Tudo isso lhe é retirado para que, assim, a consciência aprenda a sustentar-se em bases puramente espirituais, no conhecimento e na experiência de Deus, que nasce da fé e da vivência do vazio.

Consolida tua união com Deus pela simples certeza de que Ele está presente, ainda que não Se faça sentir, ouvir ou ver.

O deserto pode ser visto como áspero e doloroso, mas em verdade, filho, o deserto é o convite de Deus para que as almas alcancem uma união profunda e direta com Ele, distante das ilusões e dos sentidos, distante das dimensões da matéria e de tudo o que as compõe.

O deserto é o convite para o que é real; mas para cruzar esse deserto não basta o conhecimento. Necessitas descobrir a ciência da humildade, da rendição e da entrega, a ciência de lançar-se nas Mãos Divinas e saber que Sua Vontade é perfeita, no oásis como no deserto, nos templos cheios de almas que despertam como no calvário cheio de almas que desprezam.

Por isso falo sobre o deserto, para que aprendas a amá-lo e aspirar a ele. Não para aspirar ao sofrimento, mas sim para aspirar a uma união direta, profunda e verdadeira com Aquele que te criou e que te convida a expressar a semelhança com Seu Coração.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DA CIDADE DE PAYSANDÚ, URUGUAI, PARA BUENOS AIRES, ARGENTINA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando os corações oram pelos povos e pelas culturas, pelas nações e pelas religiões do mundo, resgatam com sua intenção o que de mais puro há no interior dos seres e atraem para a Terra o Pensamento Original de Deus para a expressão dos povos.

Quando oram para que as diferentes religiões sejam verdadeiros caminhos que conduzam os corações a Deus, estão resgatando os princípios originais que inspiraram as religiões a existir, como forma de serem uma guia para os seres humanos e, dessa forma, filhos, ajudam aqueles que estão perdidos em sua ignorância e que fazem dos caminhos que deveriam levar a Deus o caminho para a sua própria perdição.

Orar pelos povos e pelas nações é muito importante neste tempo, é colocar o propósito de suas orações em algo superior e incluir toda a humanidade em suas preces.

Vocês estão no momento de se aprofundar em sua união com Deus e passar a sentir o Seu Amor por cada um de Seus filhos, sentir a importância dos povos, a importância da existência de cada criatura da Terra.

Por isso, filhos, venho hoje dizer-lhes que não se cansem de orar pela vida, pelos seres humanos e pelos Reinos menores. Não se cansem de orar sinceramente pelas nações, pelas religiões e por este projeto humano, enfim. Porque é chegada a hora de que os tempos mudem e a vida se renove. É chegado o momento do ciclo definitivo, que inclui toda a existência.

Por isso, orem para que haja paz, orem para que haja amor e orem, sobretudo, para que a Verdade os una em um único caminho, que é a porta estreita para o Coração de Deus.

Têm a Minha bênção para isso.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Alegra-Me ver os corações que se abrem para ser sacramentados. Alegra-Me ver o Espírito de Deus descendo sobre o mundo e permeando as almas e os corações dos seres, despertando o Sagrado que há em seu interior, revelando seu universo interno e a semelhança perfeita com o Pai Celestial.

Alegra-Me ver quando o Criador pode manifestar Sua Presença entre os Seus filhos, derramando Seu Perdão e Sua Graça sobre os corações que se fazem transparentes diante d'Ele.

Alegra-Me ver o crescimento espiritual daqueles que foram chamados por Cristo para repartir Suas bênçãos e Sua expiação para o mundo.

Quando um Sacerdote perdoa os pecados de uma alma angustiada, também os seus próprios pecados são perdoados; quando lava os pés de uma alma sedenta por novos passos que conduzem ao Senhor, também os seus próprios pés são lavados; quando batizam em nome do Espírito de Deus, revelando às almas sua filiação com o Altíssimo, também as suas próprias almas são batizadas pelo Fogo do Espírito Santo; quando ungem com a potestade de Cristo, para curar as mais profundas enfermidades das almas, também as suas almas e toda a consciência humana recebem a cura para aquilo que está degenerado.

Os Sacramentos, concedidos e recebidos com amor, são Graças que permeiam toda a vida; são um serviço para toda a Criação, porque, cada vez que são sacramentados,  aproximam-se mais de Deus e conduzem toda humanidade a retornar ao Seu Coração.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

No princípio da Criação Divina, antes mesmo da existência dos anjos e arcanjos, das dimensões e das estrelas, o Criador escreveu no Espelho de Seu Coração uma história. Fez nascer de Seu Amor um pensamento e o manifestou em cores e sons. Para vê-lo, refletiu-o em um Espelho, que emanou de Seu interior, e tudo começou a se plasmar, de um puro sentir divino.

A história pensada por Deus e escrita imaterialmente no Espelho de Seu Coração foi repartida entre as dimensões e colocada no interior de cada uma de Suas criaturas. Todos os filhos de Deus guardam em si uma parte de Seu pensamento. A história da Criação se completa quando todos esses espelhos voltam a se reunir em um só e tudo aquilo que estava escrito em cada um deles tenha se manifestado.

A história imaterial, escrita nos espelhos, toma vida quando os seres encontram a Vontade Divina no próprio interior e cada passo dado no cumprimento dessa Vontade se torna uma informação de luz, que preenche o seu espaço imaterial nos espelhos dos corações. É como se, com suas vidas, filhos, vocês pintassem o desenho da Vontade Divina para cada um de vocês. Essa Arte Universal, plasmada nos espelhos, se completará quando todos regressarem ao Coração de Deus.

Para manifestar esta Obra Divina, busquem nos espelhos de seus corações essa Vontade e a expressem. Encontrem ali os mistérios da Origem, o caminho de retorno e o sentido do presente, do agora. Tudo isso está em seu interior.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

Páginas

Quem somos?

Associação Maria
Fundada em dezembro de 2012, a pedido da Virgem Maria, a Associação Maria, Mãe da Divina Concepção é uma associação religiosa, sem vínculos com nenhuma religião instituída, de caráter filosófico-espiritual, ecumênico, humanitário, beneficente, cultural, que ampara todas as atividades indicadas através da Instrução transmitida por Cristo Jesus, pela Virgem Maria e por São José. Ler mais

Contato