São José

Castíssimo Coração de São José

 

 

Vídeo em destaque de São José

Última mensagem de São José

APARIÇÃO EXTRAORDINÁRIA DE SÃO JOSÉ NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS, PARA O ENCONTRO DE ORAÇÃO DO DIA 19

Hoje o Reino de Aurora se manifesta diante de seus olhos, de seus espíritos e de seus corações; um Reino antigo, que não provém deste mundo, mas do profundo do Coração de Deus.

Contemplem, filhos, este Sagrado Reino, seus Templos de Cura, seus Espelhos da Paz, suas Fontes de Misericórdia, através das quais a Redenção flui para todo o planeta. E recebam hoje não apenas a Minha bênção, mas a bênção do Reino de Aurora, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Quando o Criador manifestou o coração humano, não foi para que sofresse, mas para que vivesse o Amor e superasse o Amor, de tempos em tempos, não só uma vez, muitas vezes.

Quando o Criador manifestou os seres humanos, não foi para que sentissem dor, não foi para que ultrajassem uns aos outros; foi para que vivessem o Amor e, amando uns aos outros, aprendessem como se renova a Criação Divina.

Porém as escolhas humanas, as definições que vivem cada dia, os caminhos que decidem trilhar, através do livre-arbítrio, os trouxeram até onde estão hoje. 

Contemplando o Senhor que o livre-arbítrio foi manifestado, manifestou também a Cura e a Redenção. Neste momento, filhos, revelo-lhes que não foi desde o princípio que o Criador havia pensado no livre-arbítrio; havia pensado apenas no Amor, na Misericórdia, na Paz e na Graça Infinita e Insondável que seriam capazes de brotar e de nascer do coração de Suas Criaturas.

Porém lhes digo que, antes de que os seres fossem manifestados neste planeta sagrado, uma criatura viveu a desobediência e escolheu a própria vontade, diante da Vontade Divina, dando assim início a esta Lei que começou a reger o Universo, que manifestou a dualidade e a vontade própria para todas as criaturas que, abaixo dos Anjos e dos Arcanjos, começaram a se manifestar.

Também nesse momento, o Amor se superou no Coração Divino, e, apesar da profunda dor que isso Lhe causou, o Criador manifestou a Cura e a Redenção para que, independentemente dos caminhos escolhidos pelos seres, eles tivessem a oportunidade de retornar. Assim nasceu Aurora, da superação do Amor de Deus, antes mesmo da existência de cada um de vocês.

Digo-lhes isso para que compreendam que, muito antes de que cometessem qualquer erro, o Criador já os amava e já lhes tinha concedido a oportunidade de retornar. 

Muito antes de se perderem, as portas para o Coração de Deus já estavam abertas para que pudessem olhar para trás, arrepender-se de seus pecados e retornar à Casa.

Hoje venho até aqui para que esta Cura, este Amor e esta Redenção Divinos  possam ser irradiados ao planeta e ao coração da África, possam transpassar os corações que sofrem e chegar à raiz do sofrimento, naquele momento em que a humanidade decidiu errar e escolheu a dor no lugar do Amor Divino.

Que a Cura e a Redenção possam chegar às cicatrizes mais profundas do coração humano e tocar ali a sua essência, essa que, apesar de toda a obscuridade, ainda permanece intacta, essa pequena-grande porta para o Coração de Deus, que mantém os seres conectados com o seu Criador, e, apesar de todos os descaminhos ao longo dos séculos, ela segue aí.

O Criador supera a Si mesmo, de tempos em tempos, dentro dos seres humanos, ainda que não saibam disso. 

Muitas vezes se perguntam como superarão o Amor de Deus. E hoje Eu lhes digo que isso já está acontecendo e deve continuar acontecendo, cada vez mais profundamente, porque, cada vez que o Criador não desiste dos seres humanos e vocês podem levantar-se em um novo dia, isso significa, filhos, que Deus está superando o Seu próprio Amor. 

Apesar de contemplar a indiferença humana, apesar de contemplar como se ferem uns aos outros, dias como este se levantam na Terra, em que podem sentir a Paz e o Amor de Deus. Isso significa, filhos, que Deus supera a Si mesmo no Amor.

Para participar dessa superação e deixar que ela aconteça no próprio interior, devem apenas ser agradecidos, porque todas essas coisas o Criador vive dentro de vocês.

Que o Amor Divino toque o coração da África e que, através de seus cantos e louvores, abram as portas do Céu dentro desse continente ferido, isso significa, filhos, que Deus Se supera no Amor dentro de vocês.

Que, apesar de todos os ultrajes vividos, apesar de todos os traumas experimentados, uma criança eleve sua voz para cantar a Deus, isso significa que o Criador Se supera no Amor dentro dos seres humanos.

Apesar das guerras, dentro e fora dos homens, se são capazes de sorrir, isso significa que Deus Se supera no Amor dentro dos seres humanos.

O Criador vê muito mais do que os seus olhos podem ver; Seu Coração penetra até as camadas mais obscuras da Terra e além dela. Da mesma forma, penetra o profundo das intenções humanas e de sua essência, e o que Ele ainda vê dentro da essência dos seres é capaz de equilibrar o que Ele vê no profundo da obscuridade dos abismos. 

Por isso, acreditem que dentro de vocês ainda podem transformar este mundo, a condição humana, a vida na Terra; ainda podem ser instrumentos para a superação do Amor de Deus.

A África é o símbolo de que o Amor do Pai segue superando-se a cada dia, apesar do caos, apesar da dor. Existem cantos e louvores, existem sorrisos que secam as lágrimas, existem preces que superam os abismos internos. Por isso, não pensem que chegamos à África apenas para levar Cura e Redenção, porque também chegamos, filhos, para que aprendam do Amor Divino e juntos possam transformar a Criação.

Cada ser humano porta em si um atributo único; cada nação, cada povo, cada raça manifesta um Dom Divino, que deve ser colocado na mesa da redenção para completar a transformação humana. E é nessa mesa da unidade que Se sentará o Redentor quando Ele retornar em Corpo, Alma e Divindade.

E ali não haverá aqueles que servem e aqueles que são servidos. Ali haverá seres que aprendem uns com os outros, seres que amam uns aos outros, seres que se ajudam mutuamente.

Quando olham nos olhos de uma criança da África, são capazes de compreender a própria ignorância. Elas lhes ensinam sobre o amor. É sobre isso que lhes falo, sobre contemplar a virtude além do sofrimento; sobre contemplar Deus no interior do próximo, superando a Si mesmo.

No interior de Aurora, Deus também supera a Si mesmo, incansavelmente, todos os dias, todos os instantes. E aqueles seres de Luz que ali habitam, seres que muitas vezes deixaram para trás caminhos maiores para permanecerem servindo a humanidade, para serem instrumentos da superação do Amor Divino, também eles aprendem com os seres humanos.

Por isso hoje venho ensinar-lhes a estar em comunhão, venho dissolver as fronteiras, unir corações. Que Aurora esteja na África; que a África esteja em Aurora. Que cada coração esteja unido a esta ponte de Cura e Redenção.

Sintam o fluir das correntes divinas, sintam o pulsar do coração de Aurora, o mesmo pulsar do Coração de Deus quando, pela primeira vez, manifestou a Redenção como uma oportunidade para que os seres pudessem retornar. 

Que este pulsar do coração de Aurora marque os ritmos dos Pés do Redentor. Assim como a Redenção se aproxima das feridas profundas da humanidade, o Redentor Se aproxima deste mundo. Escutem Seus Passos, sintam Seu Coração. 

A cada pulsar, uma alma reencontra Deus. 

A cada pulsar, os Espelhos de Aurora irradiam sua Paz. 

A cada pulsar, a liberação de Aurora manifesta seu Poder. 

A cada pulsar, o Coração de Deus Se supera no Amor. 

Sejam parte deste momento. Contemplem em seus corações, no silêncio de Aurora, a Cura que chega aos corações feridos, às almas esquecidas, às feridas ocultas. Existem abismos dentro dos seres que devem ser iluminados, como seus rostos o são através do sol de Aurora. 

Cantemos mais uma vez “Reino de Aurora” para que o Criador possa chegar a esses abismos, a essas feridas, a esses corações; para que o Amor de Deus, nascido no princípio da vida, possa renovar-se e preencher toda a África, assim como todos os corações que sofrem além dela, abrindo caminhos para que situações impossíveis possam ser curadas e oportunidades nunca pensadas possam manifestar-se para os seres que mais se equivocaram desde o princípio da sua existência, que nunca conheceram a Redenção, tampouco o Amor; mas que é chegado o tempo de que esse Amor seja conhecido por eles. 

Canção: Reino de Aurora.

E assim se cumpre uma Vontade Divina.

E assim se manifesta, mais uma vez, a renovação de Seu Amor.

Sigam renovando, filhos, este Amor de Deus a cada dia. Têm a Minha bênção para isso.

Que a Paz, a Cura e a Redenção do Coração do Altíssimo preencham suas vidas e lhes mostrem a porta para a oportunidade de retornar ao Coração do Pai.

Eu os abençoo e lhes agradeço.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Impulsos de São José

Próximos eventos

Cantando com São José


“Com alegria, digo-lhes que cantarei ao seu lado para aliviar o mundo e o Coração ferido de Deus Altíssimo.”

São José, em 23 de dezembro de 2015

São José convida-nos a cantar ao Seu lado, com devoção, alegria e humildade, para que  a Luz Maior ingresse em nosso interior e, também, ilumine a vida de nossos irmãos em sofrimento.

Nosso Amado Instrutor pede que cantemos, como forma de buscar uma vida superior, anunciando ao mundo a Graça de consagrar a alma ao Coração de Deus.

Visite também as páginas da Virgem Maria e Cristo Jesus


Quem somos?

Associação Maria
Fundada em dezembro de 2012, a pedido da Virgem Maria, a Associação Maria, Mãe da Divina Concepção é uma associação religiosa, sem vínculos com nenhuma religião instituída, de caráter filosófico-espiritual, ecumênico, humanitário, beneficente, cultural, que ampara todas as atividades indicadas através da Instrução transmitida por Cristo Jesus, pela Virgem Maria e por São José. Ler mais

Contato