MENSAGEM SEMANAL DA VIRGEM MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NA SIERRA DE LA ESTRELLA, PORTUGAL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Filho,

Quando necessitares retornar ao princípio do Todo, à tua origem, contempla na noite o céu estrelado e pergunta: Pai, de onde sou? Assim, estarás abrindo teu coração para despertar ao conhecimento de tua existência.

Abre-te sem medos, para que algum dia saibas de onde vens e para que estás aqui neste planeta; porque deves reconhecer que a verdadeira vida não é material, mas imaterial.

Mas se perguntas de onde é tua origem interior, deves saber, filho Meu, que saber isso te compromete a ser responsável e maduro pela tua evolução e despertar.

Por isso, convido-te a que te arrisques a saber quem és de verdade, e que permitas que tua alma seja libertada da prisão material que não lhe permite ser o que veio ser aqui na Terra.

Não falo de buscar realizações, mas de saber para crescer e servir melhor ao Plano de Deus; porque o Pai Celestial necessita que Seus filhos estejam despertos e abandonem a ilusão e os prazeres da vida material.

Assim, sabendo quem és e pondo-te a servir, não temerás a morte porque saberás que o espírito não morre, mas que se reintegra à dinâmica vida universal.

Sê paciente, mas sê também humilde. Persevera todos os dias na ardente aspiração de que tua consciência se eleve para que se expanda, somente com o fim de que sejas mais consciente, responsável e entregue à Vida Maior.

Tens Meu apoio e bênção para começar esse  sagrado caminho para o retorno à Existência Maior.

Adiante!

Agradeço-vos por responderdes ao Meu chamado!

Abençoa-vos, 

Vossa Mãe, a Virgem Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM DIÁRIA DA VIRGEM MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Queridos filhos,

O amor está em uma árdua batalha contra a indiferença. Enquanto somente alguns corações se sensibilizam, a maioria se torna indiferente e a ignorância os abraça.

O amor tenta resgatar a consciência dos que omitem a verdade, para assim levá-los ao despertar da consciência. Por outro lado, a indiferença é como um veneno imperceptível que permeia a mente humana e a afasta da realidade.

É uma luta sem fim, mas tudo dependerá do estado de consciência em que o ser humano decidirá permanecer.

Nessa batalha sutil tudo está permitido, e os corações terão que fazer ainda mais um esforço interior para sensibilizar-se e não ser apanhado pela indiferença que cega a consciência humana.

Essa luta definirá o próximo ciclo, se a humanidade evoluirá ou se estancará. Todas as ferramentas e advertências já foram dadas.

Muitos pensaram que a Graça Divina continuaria alimentando as pessoas sem que elas fizessem o menor esforço. Mas o tempo e a resposta são agora. Assim se voltará a cumprir o que disse Meu Filho uma vez: "por seus frutos os conhecerão".

Permitam que a arrogância, a soberba e a falta de humildade sejam dissolvidas em suas consciências para que, quando chegar o grande dia, nada os surpreenda.

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado!

Abençoa-os,

Sua Mãe, a Virgem Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Em todos os Centros Marianos, através do Relicário de Meu Coração, serei o porteiro e o protetor, o guardião das relíquias espirituais e dos dons divinos que se guardam nos lugares sagrados, erguidos em honra a Deus e pela manifestação de Seu Plano.

O Relicário de Meu Coração será a proteção para todas as virtudes alcançadas pelas almas. Será o guardião da evolução daqueles que disseram sim a Deus, e, cada vez que o contemplarem com amor, não apenas estarão recebendo em seu interior o que um dia Eu alcancei através da humildade e do vazio espiritual, mas também, filhos, estarão sendo resguardados por Mim, que, diante de Deus, recebi a potestade de ser seu pai e guardião nestes tempos de transição.

É por isso que, frente às dificuldades que lhes parecem impossíveis de transformar, orem Comigo, contemplando o Relicário de Meu Coração. Quando o deserto for maior que a sua fé, orem Comigo, contemplando o Relicário de Meu Coração. Quando as energias do mundo parecerem batalhar, em seu próprio interior, com seus princípios mais puros, orem Comigo, contemplando o Relicário de Meu Coração.

E, para que todas as almas do mundo tenham a oportunidade de estar diante do Relicário de Meu Coração, peço-lhes que todos os dias 19, de uma forma simples, o Relicário de Meu Coração seja transmitido ao vivo, por uma hora, para que todos aqueles que quiserem estar diante dele, em silêncio, possam fazê-lo. Esse exercício lhes permitirá encontrar a paz e fortalecer no próprio interior todas as virtudes já alcançadas.

Neste tempo de transição, serei o guardião de suas almas, pai e companheiro que, no silêncio, seguirá os seus passos para que não se percam, mas que sempre se encontrem em Cristo.

É dessa forma, filhos, que lhes peço que, todos os dias 19 de cada mês, às 17 horas, seus corações se unam em oração, e sobretudo aqueles que hoje não podem estar nos Centros Marianos também recebam as Graças e os Dons que surgem do Relicário de Meu Coração para o mundo.

Se fizerem esse simples exercício no dia da Festa do Coração de São José, não apenas por vocês mesmos, mas também por todas as almas do mundo, poderão interceder Comigo pelos mais pecadores e pelos que se autocondenaram, para que essas almas abram os seus olhos e encontrem a luz e a salvação em Cristo.

Eu os aguardo em oração e os abençoo.

São José Castíssimo

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Aprende a contemplar e adorar o Sangue de Cristo, sabendo que cada gota derramada pelo Senhor representa o Seu ilimitado Amor por cada ser e pela própria vida.

Põe teus olhos sobre o Cristo do Calvário e sabe que Seu Amor, mesmo sem a Cruz, já superou e renovou toda a Criação, mas Sua oferta foi além e, derramando Sangue e Água, perpetuou a Graça da salvação e da redenção para todos os seres da Terra e além dela.

Que teus olhos postos sobre o Sangue derramado de Cristo te concedam a compreensão e a experiência do que é a rendição e a entrega, do que é dar tudo por amor.

A Água que foi derramada por Cristo representou a ilimitada Misericórdia, que, além de verter todo o Seu Sangue, verteu também Água para dar tudo de Si, na matéria e no espírito.

Juntos – Sangue e Água – representam o mistério de um Amor ainda incompreendido pelos homens; Amor esse que são chamados a renovar e a superar para que tudo se recrie e a evolução encontre um novo começo, uma vida maior de união com o Pai Criador.

Começa, então, contemplando em teu coração o Sangue de Cristo e a Água que foi vertida de Seu Corpo, para que assim penetres os Seus Mistérios e eles te inspirem e conduzam a uma imitação mais verdadeira do Amor de Cristo.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Em cada ciclo da evolução humana, filhos, chega o momento de os discípulos darem os seus próprios passos e entregarem ao Criador os frutos de seu aprendizado. Isso se vive no Céu como na Terra. 

Quando chega o momento de colocar em prática tudo o que foi aprendido, devem ter como primeiro princípio, o mais básico e ao mesmo tempo o primordial, a humildade. Nunca se esqueçam de que todo ensinamento recebido teve como base a Graça de Deus, e não o merecimento humano. Cada instrução, cada dom, cada virtude, e até mesmo cada destreza alcançada, tudo é fruto da Graça Divina em suas vidas. 

Por isso, filhos, não percam de vista essa Graça e, sob o espírito perpétuo da humildade, saibam que apenas triunfam quando estão na Presença do Senhor e Ele atua através de Seus filhos. Por isso, a oração, o silêncio e a eterna consciência da Presença Divina e da necessidade da Sua Graça são o que lhes permitirá sempre manter-se no caminho correto.

Isso é o que extirpará de seus corações qualquer vestígio de competição e desunião quando quiserem impor suas próprias ideias e pensamentos acima das ideias e pensamentos dos demais. Que ninguém queira jamais estabelecer sua própria vontade, mas que todos, reunidos humildemente na Presença do Criador, orem e peçam a Graça para atuar, decidir e discernir frente a cada situação da vida; isso os protegerá, os guiará e os manterá amparados sob a Lei da Graça e da Misericórdia de Deus, mesmo em tempos de justiça.

Tudo em suas vidas deve ser guiado pelo Criador, e, ainda que Seus Mensageiros silenciem, devem aprender a buscar a Presença do Pai no próprio coração e escutar os Seus desígnios. As pontes já foram criadas, as portas já foram abertas; basta que em seus corações sejam sempre humildes e conscientes da necessidade da Graça frente a qualquer situação. 

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que por muito tempo se preparava para a grande tribulação do planeta, à medida que esta se aproximava, sentia-se mais insegura e ignorante. Sentia o desconhecido dessa provação planetária e questionava o Senhor, dizendo: – “Senhor e Pai Eterno, como posso eu estar pronta para viver estes tempos? Como posso ir além de minha ignorância e ingressar em Tua Sabedoria? Como posso ir além de meus medos e ingressar em Tua Paz?”

E o Senhor respondeu-lhe: – “Como percebes, alma pequena, estes tempos são novos e esta provação, desconhecida e desafiadora para toda a vida na Terra e além dela; mas, em teu interior, encontram-se Minhas Graças e todos os dons que um dia, enquanto oravas e servias, fui depositando. Eles emergirão e serão teu auxílio e tua paz.

Dentro de ti, porém, vive também uma síntese, que te permite encontrar aquilo que ainda não foi vivido: amor-sabedoria ainda não alcançado em nenhuma época da humanidade, mas apenas no Coração de Meu Filho. Para isso, alma pequena, deixa que todos os aprendizados mais profundos da humanidade se sintetizem em teu interior.

Vive e sente a ignorância dos povos primitivos, que, em sua simplicidade mental, não permaneceram ali, mas foram capazes de lançar-se no desconhecido para sobreviver e evoluir. Toma dali os registros mais profundos da possibilidade humana de romper barreiras e crescer. Cresce, então, não apenas como ser humano pensante, mas como ser humano que sente a vida, que comunga e que se encontra no Todo da Criação.

Vive a pureza dos povos indígenas, os povos originários. Vive a perseverança dos que, apesar de toda a ânsia de poder na humanidade, escolheram a pura sabedoria e permaneceram em sua paz.

Vive em teu interior a compaixão do Oriente, a ciência pura do estudo do corpo, da natureza e das estrelas, que faz com que a consciência humana reconheça, ao mesmo tempo, sua grandeza e sua pequenez.

Vive a fé dos primeiros cristãos, os que romperam barreiras e foram além das primeiras Escrituras Sagradas; os que não permaneceram nas palavras, mas acreditaram ao ver profecias vivas; os que se permitiram transformar e que souberam escutar, mais do que a simbólica pregação de Meu Filho, todas as revelações celestiais que Ele trouxe; os que viveram o Reino e se descobriram Reino com Cristo, imitando Seus passos ao longo de todos os séculos.

Vive a paz das almas simples, que não se prendem às riquezas do mundo, mas, sim, sustentam-se na alegria da Presença de Deus; almas cuja fortaleza foi construída sobre a rocha e que não se abalam quando se derruba a glória do mundo, mas que permanecem em Deus, mesmo diante das tempestades.

E assim, alma amada, experimentando em teu interior os dons que Eu entreguei à humanidade em cada época, em cada povo, em cada religião, abre-te para viver algo novo, fruto de tudo o que foi aprendido. Essa é a transição dos tempos.”

Que esse profundo diálogo os inspire, filhos, a encontrar a paz e a sabedoria nos tempos de transição.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que aspirava a poder um dia viver a unidade com todos os seres e com Deus buscava em cada religião pontos que pudessem unir, no amor e no respeito, cada uma delas. E um dia, em oração, questionou o Senhor, dizendo: − “Senhor, Tu és o mesmo Deus para todas as religiões verdadeiras. És o mesmo que inspira os corações e as almas pelo caminho de retorno ao Teu Espírito de Amor. Diz-me, então, o que há em cada religião que nos une, que nos faz, a todos, Teus filhos?”

E o Senhor, com amor, respondeu-lhe: − “O que faz, alma pequena, com que sejam Meus filhos não são as religiões, mas a própria vida. O fato de existirem na vasta Criação faz de cada ser um filho de Deus, amado e predileto, criado por um propósito e com uma missão.

As religiões são impulsos que dei à humanidade, de tempos em tempos, para que as almas recordassem o caminho para a sua evolução, mas não apenas através delas enviei esses impulsos ao mundo; Eu o fiz também através da natureza, do silêncio, do serviço e, muitas vezes, através do sofrimento, porque alguns de Meus filhos escolheram esse caminho para despertar e perceber que não estavam compreendendo a vida da forma correta e que estavam perdendo o verdadeiro sentido de sua existência.

Através das religiões, enviei impulsos ao mundo que, à medida que os seres humanos cresciam e evoluíam mental, emocional e animicamente, puderam ser mais amplos, mais claros, mais diretos.

Através de Krishna, conduzi-os ao despertar de um grau de amor simples, amor pela vida, pelos elementos, pelas energias. Conduzi-os a uma percepção mais ampla da existência e comecei a criar um caminho de retorno ao Meu Coração. Porém, cada ser compreendeu a religião de uma forma diferente e a manifestou segundo as suas possibilidades, que muitas vezes não foram puras como os Meus impulsos.

Através de Buda, ensinei-lhes a unidade com o Todo, o amor compassivo e a paz. Ensinei Meus filhos a viverem em comunhão com o universo e a saírem das rodas constantes dos erros e das consequências. Já estavam prontos para compreender que são vocês mesmos os responsáveis pela própria vida e, através de suas escolhas, atraem para si os Raios e os impulsos que os elevam ou os corrigem, segundo o que escolhem viver.

Mas nem toda a humanidade evoluiu, nem todos se abriram para amar. A mente humana se desenvolveu e, com ela, a sua maldade, e não o seu amor. Em vez de viverem em comunhão com a vida, quiseram possuí-la e manipulá-la. Por isso, fizeram dos elementos deuses e das energias, formas de conseguir o que queriam.

Através dos Patriarcas, voltei a dar impulsos aos seres, corrigindo os seus caminhos; impulsos que foram vividos também segundo sua compreensão.

Até que enviei ao mundo o Meu Filho, não apenas com um ensinamento, mas com uma Graça. Diferente de todas as religiões anteriores, não era através do conhecimento ou do esforço constante para elevar-se que chegariam a Mim, mas, sim, através de uma Graça e da Misericórdia que um coração rendido pode receber.

O Amor de Cristo não veio para poucos, veio para todos. Não veio para o Oriente ou para o Ocidente, veio para toda a vida, para todos os seres que, apesar de seus pecados, souberam dizer sim.

Em tempos anteriores, a humanidade chegava às dimensões divinas através de um esforço constante pela elevação. Através de Cristo, foi-lhes revelado o Reino no próprio coração, e, ao longo da evolução humana, Meus impulsos seguem renovando-se.

Começo a unir em seu interior todos os conhecimentos e todos os graus de amor, porque é chegado o tempo da síntese da vida na Terra, o tempo da porta estreita e única, através da qual todos os seres chegarão a Mim. E essa porta, alma amada, é o amor em seus corações.

Por isso Eu Sou o Deus da Vida, porque a todos amo e a todos ensinei a amar. Esse é o caminho para chegar a Mim. Por isso venham, apesar das diferenças. Venham, apesar dos conhecimentos. Venham, apesar dos impulsos que receberam, porque todos eles tinham um único propósito, o de conduzi-los a amar.”

Que este diálogo, filhos, ensine-os a compreender os ciclos da vida e seu verdadeiro sentido, e saber que, apesar de toda a complexidade da existência humana, para tudo há um único propósito, que é a vivência do amor.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

 

Sentindo em seu peito uma angústia profunda, que não sabia explicar, uma alma questionou o Senhor, dizendo: – “Senhor, em meu coração há um sentimento que não explico. Não sei se é tristeza ou confusão. Não sei se é angústia ou pesar. Não sei se me falta um sentido para viver ou se estou sentindo a Tua dor, a dor do mundo. Poderás Tu me explicar o que sinto?”

E o Senhor respondeu, dizendo-lhe: – “Alma pequena, contempla o Infinito e a vastidão do universo. Contempla a grandeza e a complexidade da vida. Contempla os mistérios ocultos nas estrelas. Tão infinito como a vida é o teu próprio ser, e o que sentes e vives muitas vezes não provém desta Terra nem deste tempo, mas de um espaço e um tempo distantes do que vives hoje. Muitas vezes, a angústia de teu coração provém do Infinito, de partes de tua consciência que habitam no universo, onde a vida segue a sua evolução, criando-se e recriando-se constantemente.

Mas não importa o que sintas ou de onde provéns. Se queres aliviar o teu pequeno coração, apenas vem a Mim, que Sou teu Deus e conheço as raízes mais profundas de teu ser, de teus pensamentos e sentimentos, de tua vida, enfim.

Vem, alma pequena, ao Meu encontro, rendida e sincera, transparente e frágil. Não terás uma explicação para todas as coisas, porque às vezes não é o tempo de que conheças certas coisas sobre ti, mas sim que tenhas um alívio para tudo, e ele se encontra em Mim.

Por isso vem a Mim, humilde, sabendo-te pequena. Vem a Mim como filha que encontra refúgio em seu pai, e o que puder te explicarei. E, quando não for o tempo, apenas te aliviarei, e seja qual for Minha resposta, ela te fará crescer, porque às vezes cresces pelo conhecimento e, outras vezes, cresces por saber que nada sabes.”

Que esse diálogo, filhos, ensine-os a buscar o alívio sempre em Deus, e nem sempre encontrar as respostas, mas agradecer por Seu Silêncio como por Sua Voz e, sobretudo, acolher o Amor de Sua simples Presença.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que trilhava seu caminho de entrega a Deus, um dia, vivendo um profundo momento de definição interior, tentada pelas forças do mundo, pensava em abandonar tudo e lançar-se aos prazeres e ilusões da vida. Essa alma era tentada a pensar e sentir que sua entrega não tinha sentido, não fazia diferença para a evolução da vida, e que, apesar de tantos esforços, ela não saía do lugar; então, melhor seria deixar esse caminho e lançar-se no mundo.

Ao planejar interiormente o abandono de seu caminho espiritual, sentia que não podia fazê-lo e que algo a prendia a Deus. Com uma mistura de temor e indignação, começou então a questionar o Senhor, dizendo: – “Diz-me, Senhor, porque me prendes ao Teu Coração? Que diferença faço eu para Ti se sou sempre a mesma alma invisível e imperfeita, na infinidade de Tua Criação? Por que não permites, Deus, que eu abandone este caminho e que, entregue ao mundo, aprenda a encontrar-Te por outras vias que não seja esta?”

E, com um sorriso no Rosto, demonstrando Sua celestial compaixão, o Senhor respondeu-lhe: – “Acaso pode um órgão decidir por si mesmo viver fora do corpo e sair? Por mais que queira ser independente dentro desse corpo e crie enfermidades e desequilíbrios, esse órgão não pode sair por si mesmo. E se um dia, depois de tantas doenças, ele fosse retirado desse corpo, acreditas, alma pequena, que ele sobreviveria sozinho?

Assim são as almas que se comprometeram Comigo. Todas as almas que Eu criei são células de Meu Corpo Místico e infinito, mas aquelas que se comprometeram Comigo são órgãos dentro de Mim, que têm um papel fundamental na evolução da vida e, ainda que não percebam, são parte de uma Obra infinita que não começa nem termina neste mundo. Sendo assim, alma amada, não sou Eu quem te prende ao Meu Coração e não te permite seguir outros caminhos, é tua própria vida e tua condição de união Comigo que te faz sentir que, apesar de todas as tentações, não podes fazê-lo.

Mas este momento não é para ti a expressão de teu mais puro pensamento. Estás transitando um momento de cegueira e ignorância, em que nuvens encobrem teu rosto e teu coração, e não podes ver nem sentir a verdade. Para que essa verdade te seja revelada, não te afastes de Meu Amor e não deixes de clamar por Minha Misericórdia. Ainda que estejas no deserto, Eu te darei forças para persistir. E, mesmo na sequidão interior, sentirás Minha Fonte que, no profundo do profundo, volta a brotar em ti. Em um tempo de confusão, não deixes de buscar-Me e Eu te darei a paz.”

Que nesse diálogo com Deus, filhos, as almas que estão hoje cegas encontrem forças para buscar a luz e clamar por Misericórdia. 

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Toma um tempo em teu dia para meditar em quem verdadeiramente és, para pensar que antes desta vida havia uma Vida Maior, da qual provém o Propósito e o sentido de toda existência.

Medita na Criação e no profundo Amor de Deus por ti, quando Ele pensou em cada uma de Suas criaturas. E tão grande foi o Seu Amor pela vida que fez nascer essências semelhantes à Sua Essência Divina, para que pudessem amar como Ele ama, multiplicar a vida como Ele multiplica e recriar a Criação como Ele recria e renova em cada respiração celestial.

Pensa, filho, que, além de todo o caos material, há uma realidade sublime, que o Paraíso é mais do que um céu de paz eterna, é o princípio e o fim da vida, de onde partem as criaturas e para onde devem retornar com todos os dons alcançados em sua evolução além das dimensões.

Recorda que este planeta é uma escola e que as dificuldades existem para serem superadas, levando-te, assim, a superar-te no amor a cada dia, através de um Amor maior, este que em algum momento de tua evolução te revelará o Amor de Deus.

Não olhes para o mundo apenas com olhos humanos, olhos que estão presos na condição de ignorância, olhos de quem vê a vida por trás dos véus. O Amor de Cristo rasgou os véus que encobriam o teu rosto. Por isso busca esse Amor. Busca o ponto de tua consciência capaz de compreender a vida mais amplamente e coloca teu coração ali, sobre as ondas da tribulação destes tempos, caminhando com teu Senhor nestas águas, pois elas nada mais são do que o Vento de Deus soprando o caos do mundo, para remover o que estava apodrecido e tornar tudo novo.

Eleva tua consciência além das atrocidades, das batalhas do caos e do mal no palco da Terra, e sê para este mundo uma ponte para o Coração de Deus.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Prepara desde já teu coração, filho, não apenas para reviver a Paixão de teu Senhor, mas para receber d'Ele os últimos e mais importantes impulsos, que prepararão tua consciência e teu espírito para o tempo que virá. 

Assim como Deus construiu em Jesus a fortaleza que Lhe permitiu carregar a Cruz da redenção do mundo, agora Ele envia o Seu Filho para fortalecer e formar os espíritos que se comprometeram com Ele na renovação de Seu Amor e na revelação dos mistérios mais profundos de Seu Evangelho Universal.

Por isso, sê consciente de onde estás e para quê foste chamado e deixa que tua alma se aprofunde no mistério de sua existência, através da oração e da gratidão, através do esforço de cada dia para estar pronto, para estar diante de Cristo.

Que esta Quaresma tenha para ti um novo e definitivo sentido de verdadeiramente ter o coração pronto, como O de Cristo, para suportar o peso da cruz destes tempos e renovar o Seu Amor.

Vive os ciclos com atenção e com humildade, simples, mas vigilante de coração. Tudo em tua vida tem um sentido espiritual; a evolução humana é uma grande e perpétua cerimônia de abrir caminhos para Deus. Participa dessa cerimônia com teu coração.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

É momento, filho, de colocar as tentações em seu devido lugar em tua consciência. 

Isso se faz compreendendo quem és, o que vieste fazer neste mundo e como tua missão espiritual é maior que qualquer aspiração, pensamento, sentimento ou assédio que provenha deste mundo.

Para que as tentações ocupem o devido lugar em tua vida - que são apenas para fazer-te crescer, superar medos, infantilidades e condições retrógradas-, também tua consciência deve estar colocada no lugar correto.

Contempla quem és e o poder da união de teu espírito com o Espírito de Deus, e põe fim ao que te enfraquece e distrai de teu caminho. 

Contempla quem és, filho amado e semelhante a Deus, cuja evolução valeu o Sangue do próprio Deus, derramado por completo neste mundo. Não será que para entregar a Si mesmo, por ti, por tua evolução, Deus sabe o mistério do potencial de tua vida e da vida de cada ser? 

Contempla quem és, filho: um motor de transformação e de renovação de toda a Criação Divina.

E é assim, miserável e imperfeito, que a química oculta se realiza e o milagre se manifesta. É assim, pleno de erros e descaminhos, que a redenção se concretiza e a renovação se consolida. O mistério se revela em tua constante superação.

Coloca as tentações e os desejos humanos no lugar de inferioridade que lhes corresponde. 

Coloca tua batalha mental e tuas aparentes derrotas no lugar ínfimo que lhes corresponde, diante da grandeza do Pensamento de Deus para ti. E, assim como o teu Senhor no Horto Getsêmani, pisa tu também a cabeça da serpente que te circunda, enxuga o sangue que corre pelo teu rosto e levanta da fraqueza das ilusões, na qual o adversário de Deus te coloca todo o tempo.

Há em ti um potencial para superar tentações, humilhações, dores, renúncias e desafios. 

Há em ti o potencial para ser flagelado, crucificado e morto em cruz.

E há em ti o potencial para amar mais do que o próprio Deus te amou e renovar a Sua Criação através desse Amor Maior.

Por isso, contempla quem és. Coloca tua consciência no lugar correto, rende teus aspectos mais humanos a Deus e deixa que o suor de sangue fortaleça o teu espírito, para descobrir que, além da fraqueza humana, oculta-se uma essência e um Propósito Divino. 

Desperta! Porque já é tempo, já é hora. 

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Filhos Meus,

Desde o princípio de suas vidas, na manifestação de suas essências no Universo, o Propósito de Deus e Seu Pensamento perfeito já se desenharam para cada um de vocês.

Cada ser desta Terra, e também além dela, tem uma missão única traçada por Deus para que, através do cumprimento dela, não apenas o Plano de seu Criador se cumpra, mas a Sua vasta Criação, de ciclos em ciclos, possa recriar-se e renovar-se, com base em novos e maiores graus de Amor.

Cada essência porta em si um dom único do Espírito de Deus, uma virtude que a torna única na Criação e especial para Deus, com o seu lugar guardado em Seu Sagrado Coração.

Essa virtude é como uma nota musical dentro de uma grande melodia celestial. Sem ela, a melodia não estará completa. Essa nota está no acorde que lhe corresponde, com outras notas que a complementam; essa nota está na melodia perfeita, no tempo perfeito para que, ao soar o seu tom, uma nova porta se abra para toda a Vida.

Digo-lhes isso, filhos Meus, para que compreendam que nada termina. Os ciclos não significam um fim, mas um novo degrau de uma escalada evolutiva infinita, que vem desenhando-se em suas vidas desde o princípio de sua criação, desde o princípio da criação da Vida mesma.

A evolução dos seres se constrói passo a passo, desde a criação de sua consciência, e, se bem sua missão seja a mesma, ela se aprofunda e se aperfeiçoa para que, através dela, algo maior possa construir-se.

Cada consciência, ao ser criada, recebe uma linhagem para expressar, e vida após vida, na Terra ou além dela, essa linhagem se cumpre e se manifesta mais ou menos intensamente, segundo o despertar da consciência.

Os seres que conhecem como visionários manifestam essa linhagem desde o princípio de sua existência, porque sua missão é ver além das dimensões e comunicar a Vontade de Deus, captada e percebida, a todas as criaturas.

Existem diferentes expressões dessa linhagem espiritual, que não significa que sejam melhores ou piores umas das outras, mas apenas que estão em graus de desenvolvimento diferente, segundo a Vontade de Deus e a missão de cada consciência. 

Desde sua vida universal e cósmica até sua experiência na Terra, um visionário vem aprofundando não apenas em sua capacidade de perceber as dimensões, mas sobretudo de amá-las, amar o que percebe, amar o que transmite e a quem transmite, e cada dia fazê-lo mais profunda e verdadeiramente.

Cada etapa da evolução de um visionário o convida a aprofundar não apenas em sua percepção, mas em seus graus de amor e de humildade. E, muitas vezes, um ciclo que se encerra significa um novo ciclo mais profundo que se abre. 

Quando os Mensageiros Divinos começam uma etapa de recolhimento, isso significa, filhos Meus, não apenas que o visionário deve começar a aprofundar em sua missão e ingressar em esferas mais sutis e desconhecidas, que se revelam na solidão de seu coração. Significa também que todos aqueles que compartilham do que é transmitido por Deus também devem começar um ciclo de aprofundamento e síntese interior.

Uma nota não pode sozinha recolher uma melodia inteira dentro de uma canção. Toda a canção se recolhe com ela, aprofunda-se em seus silêncios, para que então possa intensificar-se em um próximo momento dessa grande melodia. 

Dessa forma lhes explico que este é um ciclo de revelações, que não devem ser apenas escutadas, mas também aprofundadas.

Depois desse ciclo, quando começarmos a Nos recolher, virá um grande silêncio, momento no qual Nossa Voz deve fazer eco dentro de cada um de vocês.

Esse eco deve ingressar em sua consciência, em suas células e átomos, ecoando dentro de cada um a experiência das Leis superiores, a experiência e a vivência de tudo o quanto lhes dissemos ao longo dos anos. Porque é através da profundidade desse silêncio que se construirá em vocês a fortaleza que os fará dignos não apenas de sustentar este planeta, mas também de reconstruí-lo a partir dos Recintos Sagrados que, aos poucos, lhes são revelados.

Vivam cada ciclo com o espírito pleno de gratidão, com o coração pronto para um novo passo ainda maior. Dessa forma, filhos Meus, Nosso silêncio não será para vocês motivo de decaimento, mas sim de elevação. 

Tomo este tempo para que compreendam que a evolução é uma eterna ascensão, e que essa Lei se cumpre além das aparências e da pequena compreensão humana.

Vivam cada etapa sempre olhando para o Alto, e ali estará o Propósito de Deus guiando suas vidas.

Eu os amo e estou com vocês em cada instante. 

Meu Coração, desde o nascimento de Cristo até a Cruz, filhos Meus, sempre se manteve silencioso, e não por isso deixei de sentir e de viver cada instante da vida de Cristo. Compartilhei com Ele cada experiência, cada aprendizado, cada salto no desconhecido, cada desafio ultrapassado, e é isso o que hoje faço com cada um de vocês.

Por isso, confiem em Meu verbo de Amor e, mais do que isso, confiem em Meu silêncio misterioso e consolador, porque é ali onde sustento sua cruz.

Eu os abençoo e lhes agradeço por responderem com amor ao Meu chamado!

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz 

MENSAGEM PARA A VIGÍLIA DE ORAÇÃO PELA PAZ NAS NAÇÕES, RECEBIDA EM TAHLEQUAH, ESTADOS UNIDOS, TRANSMITIDA POR MARIA, ROSA DA PAZ, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Desde sempre, existiu no planeta a presença da Hierarquia. Essa presença chegou a esta civilização para poder guiá-la e acompanhá-la no aprendizado da expansão da sua consciência.

Assim, inumeráveis seres foram convocados nos planos internos de consciência, para que tais Hierarquias se oferecessem para participar do processo evolutivo e redentor de todo o gênero humano.

Por sua vez, esse chamado e convocação permitiu ampliar o campo de serviço e de doação das almas, para que elas também pudessem viver o avanço do seu estado de consciência para uma consciência maior e incondicional.

A linhagem ou virtude do mestre foi algo que se aplicou desde os primeiros tempos, porque era necessário guia e direção verdadeira para a humanidade, para evitar que a humanidade se perdesse todo o tempo.

Assim, as grandes consciências convocadas atuariam e ajudariam o projeto humano, de uma maneira imperceptível e silenciosa, trazendo para o planeta todos os impulsos necessários para que a humanidade pudesse perceber a necessidade constante de ascensão.

Para isso, os Mestres convocados foram designados para intervir espiritual e internamente em certas culturas, raças e povos que pudessem compreender e, sobretudo, entender a mensagem e a instrução recebida.

Com esse propósito, os Mestres se concentraram nos espaços importantes e solitários, como nas montanhas dos Himalaias, nos Alpes, nos Pirineus e até na grandiosa cadeia montanhosa dos Andes americanos. E, nos Recintos Sagrados de retiro, silêncio e contemplação, começaram a trabalhar espiritualmente pelas diversas necessidades da própria humanidade.

Todo esse trabalho da Hierarquia era interno, mas em muitos casos ocorria o processo da materialização, o que significa sair de um nível interno para um nível físico e concreto sem perder os princípios e os ensinamentos adquiridos.

Esse movimento, que se dava segundo a necessidade ou a emergência dos núcleos internos, colaborava no rápido despertar da consciência para a realidade antimaterial. Ou seja, tomar consciência da vida do espírito e da essência divina em cada ser.

Essas aparições dos Mestres fomentaram, no Oriente como no Ocidente, o equilíbrio necessário para abarcar a expansão da consciência e, sobretudo, a responsabilidade pelo caminho evolutivo e cósmico.

Hoje lhes revelo essa história e realidade porque é importante compreender o sentido interno da existência de diversas religiões que, em tempos remotos, foram impulsionadas pela intenção da Divindade através da Hierarquia.

É momento de realizar uma síntese mais ampla para compreender porque a existência de tantas religiões que, no próximo tempo, deverão caminhar juntas para uma união definitiva com o Divino, deixando para trás o que cada uma representa ou ensina, e permitindo que a matriz de todas elas seja fundida no Amor de Deus. 

Por isso devem orar para que sua Mãe Divina, que tem essa missão para com as religiões da humanidade, possa levar adiante o que Deus necessita, com a ajuda e colaboração de todos os Meus filhos.

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado!

Abençoa-os,

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DA CIDADE DE SÃO PAULO PARA CARMO DA CACHOEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Aos puros de coração, são abertas as portas do Céu.

Aos puros de coração, são abertos os caminhos para o perdão e para a redenção, e suas almas podem tocar o Coração de Deus por sua simples pureza.

Ao pensar a evolução humana, filhos, o Seu Criador manifestou o nascimento e a infância dos seres, porque, nesse período de suas vidas, recebem novas oportunidades de curar o incurável e redimir o que parecia impossível.

Quando uma alma encarna, em um corpo frágil de criança, manifesta a pureza de sua essência e de seu espírito. Dessa forma, recorda o que é necessário para comover o Coração do Pai e retornar a Ele.

Vida após vida, na infância, as almas recebem uma oportunidade de recomeçar antes que suas dívidas mais antigas comecem a atuar em sua consciência espiritual e desenhem o seu destino em mais uma vida.

Ser criança é ter as portas abertas para curar-se, redimir-se, perdoar-se e retornar a Deus. Por isso, é muito importante que, ainda nessa etapa da vida, as almas conheçam e reconheçam a Presença Divina, Sua Misericórdia e Sua Graça, porque é dessa forma que espíritos tão antigos, e outrora tão perdidos, podem voltar a reencontrar Deus.

Orem pelas crianças e, mais do que isso, orem pelas almas que, em pequenos corpos e grandes essências, recebem mais uma oportunidade de retornar a Deus e renovar o Seu Amor.

Que a pureza da infância não se perca, mas que seja fecunda, para que o destino das almas seja traçado com bases de amor e de perdão.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM REDWOOD, CALIFÓRNIA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Contempla e conhece a história da humanidade, guardada em teu coração e nos registros espirituais mais profundos do planeta.

A partir de então, filho, sabes por onde não deves caminhar e por onde, sim, devem andar os teus pés e o teu coração.

Ao longo da evolução humana, os seres se perderam na ânsia por um poder que os fazia sentir-se maiores que o próprio Deus. Nessa ilusão não deve estar o teu coração.

Teu caminho é unir-te a Deus e descobrir-te não apenas semelhante a Ele, mas parte viva d'Ele. E isso se constrói através da humildade, do vazio e da constante renúncia e entrega de ti mesmo.

Ao longo da evolução humana, os seres se perderam por competir uns com os outros, acreditando que crescer é ser melhor que os demais, vencê-los e submetê-los ao próprio poder mental, físico, emocional e inclusive interno. Nesse caminho não deve estar o teu coração.

Assim como tu és parte da Consciência Divina, também o é cada ser desta Terra. O Criador é um todo infinito que, para estar completo, necessita da presença de cada um de Seus filhos. Por isso teu caminho é servir, com a doação, com o amor, com o exemplo e com a vida, para que teu próximo chegue a Deus, desenvolva suas virtudes mais puras e alcance a redenção.

Ao longo da evolução humana, os seres se perderam, filho, porque perderam seus valores, confundiram-se e transformaram-se no oposto das verdadeiras virtudes que a humanidade deve expressar.

Para retornar ao sagrado e ao que é real, deves agora romper as barreiras dentro e fora de ti, para que descubras o verdadeiro sentido de tua existência e a verdadeira missão de tua alma.

Para evoluir, caminha pela senda da entrega, da mansidão, da alegria pura de ver a evolução de teus irmãos, do compartilhar do Pão consagrado, que faz de todas as criaturas partes vivas do Corpo Místico de Cristo.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM REDWOOD, CALIFÓRNIA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

De tempos em tempos, as Palavras e os impulsos de Deus se renovam, ainda que em Seu íntimo estejam os mesmos princípios que buscam conduzir a humanidade à expressão da Vontade e do Pensamento Divino.

Desde a era dos Patriarcas, e muito antes deles, Deus já falava aos homens, corrigia seus caminhos e guiava os seus passos para que, segundo a compreensão humana de cada período, os seres pudessem viver os atributos da entrega, da renúncia, da caridade, do amor e todos os Dons que, na origem da existência humana, o Espírito Santo manifestou na essência de cada ser.

Quando os homens necessitaram de justiça, Deus lhes falou com justiça. 

Quando necessitaram de sabedoria, Deus lhes falou com a sabedoria e a ciência do Espírito.

Quando necessitaram de paz, Deus lhes falou com paz e transmitiu a paz de Seu Reino. 

Quando os homens estavam completamente perdidos e a um passo de desaparecer como raça e Projeto Divino, Deus lhes enviou o Seu Filho para romper com os véus da ilusão e abrir os olhos dos seres ao que é o seu verdadeiro Propósito.

Hoje, filhos, a humanidade necessita viver uma síntese de tudo que aprendeu através dos erros e acertos de sua evolução. 

Por isso, Deus vem ao seu encontro e lhes fala com piedade e com justiça, com silêncio e com ciência, com amor e com Misericórdia, levando seus espíritos ao despertar, à retidão, ao amadurecimento e à entrega, porque estão dentro de vocês todos os impulsos que, como humanidade, receberam ao longo dos tempos. 

E hoje cada palavra divina vem para fazê-los recordar e colocá-los em um ponto nunca antes alcançado pela humanidade, porque é tempo de redimir o velho e viver o novo.

Por isso, escutem cada Palavra de Deus e recebam cada impulso Seu. A história da humanidade se reescreve todos os dias através de suas vidas. 

Apesar de todas as dificuldades, saibam dizer sim e, dessa forma, tudo se cumprirá. 

Têm a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM REDWOOD, CALIFÓRNIA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Conhece o ilimitado Amor de Deus através da união com teu Criador e compreenderás a amplitude da Sua Criação e a perfeição com a qual teu Senhor preencheu de mistérios, de detalhes, de caminhos, as dimensões que unem Sua Consciência com as consciências de Seus filhos.

Conhece o ilimitado Amor de Deus pela vida e, ao descobrir a grandeza de Sua Criação, não te surpreenderás. Infinitas são as formas que as essências receberam de Deus para cumprir com Seu Propósito e recriar a vida.

Mas recriá-la, filho, não apenas começando do zero uma nova Criação. Recriar significa que a espiral evolutiva chegou a um ponto mais elevado e, dali, mais próximo de Deus, começa um novo ciclo.

Contempla e conhece o ilimitado Amor de Deus e não te assombrarás ao descobrir que, mais do que enviar o Seu Filho a este mundo, o Criador enviou muitos outros de Seus companheiros e também criou outros mundos, outras raças, outras vidas, para que, na perfeita expressão de cada uma delas, complementem-se, auxiliem, cresçam e retornem ao Seu Coração com um amor renovado, multiplicado e amadurecido pelas experiências e superações vividas.

Contempla, então, e conhece o ilimitado Amor de Deus e sê tu também ilimitado em tua compreensão, em tua abertura, em tua doação e em tua entrega, para que algum dia, filho, mais do que contemplar e conhecer, possas viver e ser o ilimitado Amor de Deus.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma segunda etapa do deserto que os seres vivem, em outro momento de sua evolução, é estar no deserto, filhos, nos braços de Maria Santíssima.

Depois de vivido o deserto interior, depois de experimentarem o vazio e o Encontro, depois de viverem o calvário destes tempos, chegará um deserto ainda não vivido por nenhuma alma, porque é o deserto espiritual que cruzarão neste momento do planeta, o deserto profetizado no Apocalipse.

Sua Mãe Santíssima cruzou e segue cruzando muitos desertos espirituais. Ela é conhecedora das almas e de seus caminhos. É Aquela que levou as Palavras e os Dons de Cristo pelos quatro cantos do mundo e, por isso, conheceu profundamente a condição humana e todos os caminhos que os levam a Deus.

Por isso, filhos, Maria Santíssima é Aquela que conhece cada grão de areia dos desertos espirituais que os conduzem a Deus.

Ali, onde todos os seres se confundem, perdem-se, desesperam-se, sua Mãe Santíssima os coloca em Seus braços e, segura de Seu caminho, cruza os vazios e a solidão e chega a Deus.

No deserto, até mesmo o Seu adversário se vê confuso. Ele persegue as almas que estão perdidas, mas não sabe encontrá-las quando estão em Deus. Por esse motivo, sua Mãe Divina percorre o deserto e toma as almas perdidas em Seus braços, uma a uma, para conduzi-las ao seu destino.

Por isso lhes digo que, nestes tempos de confusão e obscuridade, no Apocalipse e no Armagedom do planeta, busquem sua Mãe Celestial. Deixem-se encontrar por Ela e rendam-se em Seus braços, porque quando tudo parecer perdido, Ela saberá o caminho; quando já não puderem caminhar, Ela os tomará em Seus braços, e é sob Sua proteção e sabedoria que vocês chegarão a Deus.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA NA CIDADE DE MINAS, LAVALLEJA, URUGUAI, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Assim como no Universo existe uma história que está escrita no grande campo da energia cósmica, também existem os momentos espirituais em que todos os seres podem dar seu passo na evolução.

Com isso quero dizer-lhes que o Universo é dinâmico, assim como seu universo interior é dinâmico.

Seu universo interior se cristaliza quando resistem à mudança que o Cosmo traz para todos ao longo dos ciclos.

Por isso, o dinamismo universal permite que a energia cósmica, que é neutra, possa se renovar e, nessa renovação, a consciência consiga concretizar seus passos sem ficar na teoria.

A analogia de tudo isso é que assim como o Universo se move o tempo todo, também seu universo interior se moverá, e isso é parte de uma história que deverá ser purificada e redimida sob o absoluto e poderoso Amor Cósmico. Porque nessa purificação do que aparentemente é desconhecido, a consciência se libera de muitas cadeias e opressões que foram geradas e criadas por ela mesma; mas agora ela será consciente de que uma grande mudança a levará a viver uma grande e única transformação.

Não será agradável enfrentar esse momento, mas é necessário não apenas para o ser em si, mas para todo o Universo que, em oferta, vem sustentando, desde tempos remotos, o peso das dívidas ocasionadas como parte da ignorância humana.

Esse momento trará cura, luz e transcendência para quem saiba aferrar-se ao Comando da Hierarquia.

Agradeço-lhes por compreenderem a ciência de Minhas Palavras!

Abençoa-os,

Seu Mestre e Senhor, Cristo Jesus

 

 

Páginas

Quem somos?

Associação Maria
Fundada em dezembro de 2012, a pedido da Virgem Maria, a Associação Maria, Mãe da Divina Concepção é uma associação religiosa, sem vínculos com nenhuma religião instituída, de caráter filosófico-espiritual, ecumênico, humanitário, beneficente, cultural, que ampara todas as atividades indicadas através da Instrução transmitida por Cristo Jesus, pela Virgem Maria e por São José. Ler mais

Contato

Mensageiros Divinos