Quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​

Enquanto todo o universo se mobiliza para auxiliar de alguma forma a humanidade, e até mesmo o Criador desce à Terra, entre os homens, por intermédio de Seus Mensageiros, não sejas tu indiferente e não vivas mais tua pequena vida como sempre viveste.

Filho amado,

Sei que para tua consciência custa muito despertar à realidade espiritual da vida, na qual tudo o que buscas viver encontra um sentido, mas se teu coração, tua mente e teus sentimentos não saem, um pouco que seja, das preocupações materiais e de tudo o que te envolve em relação à vida na Terra, em pouco tempo o teu caminho espiritual perderá sentido.

Se não buscares agora compreender como se movem os acon­tecimentos no que concerne ao espírito e quão é mais real o que acontece nas dimensões superiores do que na densidade da matéria, diante do terrível caos que se precipita na Terra, corres o risco de te envolver de tal forma com os ditos aconteci­mentos que a ti parecerá que de nada vale orar e clamar a Deus. Enquanto o Senhor espera de ti uma transformação absoluta, tu esperarás que Ele venha e resolva tudo por ti, apenas pelo fato de emitir algumas orações todos os dias.

Orar é a ação primordial para a tua vida, mas ela deve ser acom­panhada do servir, do agir, do transcender, do transformar, do ser e do parecer.

Compreende, filho, que esta batalha final já começou no nível do espírito e que, por menos que percebas e sigas vivendo como se nada de diferente estivesse acontecendo, não significa que tua consciência não esteja sendo partícipe deste acontecimento universal.

Chegou o momento de amadurecer e não somente de se como­ver com a atual situação planetária, porque de que serve a Deus e ao Seu Plano que chores pela falta de acolhimento e fraterni­dade dos demais e que ores algumas Ave-Marias pelo Oriente Médio se, após tuas orações, dás mostras de que os códigos de não fraternidade e de falta de amor também estão dentro de ti?

Não chores mais por ti nem pela atual situação planetária, por­que em verdade desconheces completamente a gravidade destes tempos. Faz aquilo que está ao teu alcance para transformar, ainda que seja com um conta-gotas, a vida neste mundo.

Sê fraterno, sê amoroso, sê serviçal, vive a santidade, vive a unidade com Deus. Isso é o que permitirá que os Mensageiros Divinos sigam intercedendo pelo mundo, pelos que mais necessitam e que nem sempre são aqueles nos quais pensaste.

O que é necessário agora é que a humanidade gere méritos para equilibrar o mal no mundo; por isso, perdoa, ama, reconcilia­-te com o próximo, apoia com tuas orações e como puder as missões que Nós pedimos que se realizem.

Concentra-te nos detalhes e nas pequenas coisas e constrói uma base firme, para que tenhas, algum dia, a possibilidade de agir nas grandes coisas. Por enquanto, deixa que realizem grandes obras Aqueles que podem fazê-las, porque já trans­cenderam os aprendizados menores da vida material e agora retornam ao mundo para auxiliá-lo. Falo dos Mensageiros enviados por Deus.

Não deixes de ser simples e humilde. Isso vale mais do que qual­quer grande ação.

Teu pai e companheiro,

São José Castíssimo