Sábado, 7 de novembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​

Orem com o coração pela paz no planeta e façam deste Centro Mariano um grande espelho de luz que irradie a redenção, o amor, a fé e a paz para aqueles de seus irmãos que estão no mundo e que não conhecem o poder de Deus.

Orem pelos que estão no último momento de suas vidas e que estão deixando este mundo na ignorância, no abandono e na tristeza de suas almas, por não terem cumprido com sua missão nem sequer conhecido a existência dela.

Orem hoje pelos que estão presos às ilusões do mundo, os que têm tudo materialmente e, no entanto, estão vazios de Deus.

Orem para que a humanidade compreenda que o maior tesouro é o que se encontra quando os seres dão tudo de si por amor ao próximo e por amor aos Reinos da Natureza, porque, vazios de si mesmos, serão preenchidos pelo Espírito de Deus.

Orem pelos pobres e famintos, para que compreendam a pobre­za como uma oportunidade de encontrar a simplicidade. Mas orem também pelos desequilíbrios do mundo, porque os ricos e fartos em tudo devem aprender que tudo lhes foi dado por Deus para que compartilhassem com o próximo.

Orem para que os jovens do mundo despertem à vida superior, para que encontrem o caminho da união com o Espírito de Deus e que, assim, revertam o futuro do planeta e possam ser construtores da Nova Terra redimida.  

Orem pelos Reinos da Natureza, para que os espíritos de cada espécie, que já estão cansados de sustentar o mundo, possam cumprir com sua missão até o final e, assim, também coloquem na experiência do planeta o aprendizado de perpétua doação.

Orem, mas também sirvam. Doem seu verbo, mas também suas mãos e o suor de seus rostos.

Peçam pelos Reinos, mas também cuidem dos que vocês têm ao lado e dos que chegam a suas vidas pedindo auxílio.

Sejam simples e alegres em tudo. Sejam conscientes neste mun­do, que está cego. Irradiem luz para os olhos dos homens com seus exemplos. E, em vez de seguir as correntes de ilusão do planeta, sejam como uma barca que vai contra essa corrente, levando as almas ao novo, à redenção, atraindo, com suas redes ao mar, os seres que querem sair da vida retrógrada.

Eu os amo e lhes agradeço, em nome de Deus, por orarem todo o dia de hoje, preparando com tanto amor a chegada de São Miguel Arcanjo. Que a liberação trazida pelo Servo de Deus, São Miguel, chegue a todos os espaços do mundo.

Paz e redenção ao planeta.

São José Castíssimo