MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Que teu coração esteja sempre limpo para que possas receber a Deus em teu interior, escutar Suas Palavras e seguir Seus Passos.

Que teu coração seja puro, coração humano e divino, onde o Espírito de Deus pode habitar e guiar tua vida a cada instante.

Para consolidar em teu interior uma morada santa, filho, precisas aprender da determinação, não a determinação fruto da vontade e dos impulsos humanos, mas a determinação fruto do amor, do diálogo e da comunhão com Deus, a determinação que nasce da vontade de corresponder à Vontade Divina e ser inteiramente Sua morada, Seu instrumento.

A determinação espiritual deve nascer em teu interior para que amadureças e consolides a cada dia o Propósito de Deus para a tua vida. Essa determinação surge do amor a Cristo e se forma, cada vez mais intensamente, à medida que teu coração está mais unido ao Sagrado Coração de Jesus.

A confissão com Deus a cada dia fortalece em ti a determinação de seguir Seus Passos, renova teu coração e te impulsiona a começar de novo, apesar das quedas, e a não desistir, apesar dos desafios.

A adoração ao Corpo Eucarístico de Cristo preencherá teu ser da Graça Divina e fortalecerá em ti a determinação para saber dizer não diante das tentações e estímulos que repetidas vezes te levam a cair.

Dessa forma compreende, filho, que, para desenvolver em teu coração a determinação santa que leva a um coração puro, precisas preenchê-la com a Graça que o relacionamento sincero com Cristo traz para a tua vida, através da confissão e da adoração diárias, porque esses dois momentos serão para ti como beber da Fonte do Amor de Deus, para amar a Sua Vontade e o Seu Pensamento perfeito, para escutar os Seus desígnios e renovar teu compromisso com Ele, para que saibas estar neste mundo e vencer os seus estímulos.

Nestes tempos de tantas batalhas que se travam no invisível da mente, dos sentimentos e dos sentidos humanos, a determinação espiritual será um dom necessário para que consigas manter-te de pé. Por isso, busca essa Graça e cultiva esse dom em teu coração.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Filho, 

Não meças tuas possibilidades segundo as tuas próprias forças. Não busques concretizar o Plano de Deus apenas com tuas próprias mãos. Não penses que não és capaz de fazer e viver esta ou aquela coisa porque não encontras dentro de ti as possibilidades. 

Olha para a história dos que cumpriram a Vontade de Deus e a expressaram, manifestando a parte que lhes cabia da Obra Divina do Criador. Foram eles, por si sós, construtores dessa Obra?

Tuas possibilidades humanas e o que conheces de ti mesmo pouco importam no momento de concretizar uma Obra Divina. O que sim importa é tua capacidade de ir além de ti mesmo, de colocar teus olhos, teu pensamento e teu coração em Deus e dizer: 

 

Senhor, 
faz em mim e através de mim a Tua Obra,
cumpre Tuas promessas, manifesta Teu Espírito 
e toma meu coração vazio como Tua morada. 
Eu sou Teu.

 

Essa, filho, deve ser tua oração nos tempos que virão.

Não olhes para tuas imperfeições, mas sim para a Perfeição de Deus. Não olhes sequer para as tuas destrezas e virtudes, para que não limites a Obra Divina às tuas possibilidades, mas apenas sê um instrumento vazio, morada do Espírito Santo, disposto sempre a seguir caminhos que não estão em tua mente, que não foram traçados por ti, mas por Deus.

Confia em que, no coração vazio e disposto ao Criador, ali operam os Seus milagres, e sê tu milagre vivo.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando a natureza se agita, entra em oração e busca a unidade com o Espírito mais profundo da Terra, Espírito de Deus, silencioso, que impregna a vida e sustenta o planeta. 

Encontra em seu silêncio a paz, apesar de todos os ruídos dos elementos na superfície do mundo. Deixa rugir o vento e os mares, bravejar o fogo e mover-se a terra. Que teu coração esteja sempre no coração do planeta, em oração, servindo pelo equilíbrio e pela paz.

Aprende a observar e escutar a natureza, aprende a ver os seus sinais nos elementos e saber que quando ela se agita é porque o seu Espírito profundo necessita de paz.

Tudo na Criação é vida. Cada alma e cada espírito são partes de um Deus Único. Do coração do homem ao profundo dos Reinos da Natureza, tudo provém de Deus e encontra n'Ele a unidade.

Por isso, filho, sente-te parte da natureza, sente que tua oração lhe acalma, que teu amor lhe traz paz e que, quando tu estás em Deus, toda a vida pode ali estar, na Presença eterna do Criador. 

Por isso, ora pela vida, pelo equilíbrio e pela paz em tudo o que é vida.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma convertida e arrependida de seus pecados mais profundos questionou o Senhor, dizendo: – “Senhor, aqui estou, confiando na grandeza de Teu Amor e descobrindo a Graça de Teu perdão. Dize-me, ó Pai, como posso ser eu perdoada e amada e, mais do que isso, como posso sentir em meu coração que fui tocada pelo Teu perdão?”

E o Senhor respondeu-lhe: – "Amada és, alma pequena, desde o primeiro respiro de tua consciência, desde que Meu Espírito pousou sobre ti e te deu alento e vida. Desde então és profundamente amada.

Perdoada és quando abraças o perdão e compreendes que não Sou Eu quem te priva dele, mas és tu quem passa por ele e não o vê; és tu que não lhe estende as mãos, por estar ocupada com a ignorância e com o pecado. 

Quando despertas e abres teus olhos para Meu infinito Amor, pode ser tocada por Minhas Santas Mãos. Meu Espírito te alça de volta para a pureza e a paz, e é ali que podes encontrar o Meu perdão e compreender que, em verdade, sempre estive aqui. 

Deixa então, alma Minha, que tuas angústias e incertezas deem lugar ao Meu Amor por ti, e vê que o Meu perdão está frente aos teus olhos, batendo à porta de teu coração. Deixa que ele entre e transforme tua morada interior.”

Que esse diálogo, filhos, ensine-lhes que manter-se no pecado ou na ignorância ou ser abraçado pelo Amor e o Perdão é apenas uma escolha de cada ser. São amados desde o princípio, filhos esperados por seu Criador; basta agora que abram os olhos e vejam que diante de todos vocês habita, com paciência e esperança, o Amor de Deus.

Têm a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando a alma da natureza entra em diálogo com Deus, o que ela diz? Como é respondida pelo seu Criador?

A alma da natureza fala com Deus em silêncio, através da expressão da beleza e do movimento dos elementos. A alma da natureza expressa ao Criador a sua dor através do vento, da chuva, do céu fechado e silencioso, do tempo que parece se deter para sentir a vida da Terra. 

A natureza expressa sua doação e amor através das flores, dos frutos, das folhas verdes e das folhas que se secam, entregando-se à renovação. Fala através do profundo silêncio dos oceanos, do seu equilíbrio e da sua entrega, do seu serviço constante e abnegado, seu esforço em manter vivo o Projeto do Criador para este mundo. 

A alma da natureza fala com Deus através do silêncio da terra, renovando em suas camadas mais profundas os registros mais antigos da humanidade, transformando com fogo o que passou e entregando ao planeta matéria que nutre, que supre, que sustenta.

E Deus responde à natureza com o sol que ilumina e comunica a vida, com a noite que restaura e traz alento, com o sopro que se faz ar e respiro, para que, apesar de toda a densidade do planeta, haja Espírito no espírito dos seres. Deus responde à natureza com gratidão, renovando sua perfeição e beleza, sua vida e sua forma, sua paz.

Que este diálogo, filhos, ensine-os a servir sem condições, a doar-se por amor, a expressar paz mesmo em tempo de caos, a adorar em silêncio quando o mundo se agita e a receber do Senhor a gratidão e o Amor de Seu infinito Coração. 

Têm a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que se sentia agraciada por todas as bênçãos que chegavam à sua vida constantemente, em um momento de oração, questionou o Senhor, dizendo: – “Senhor amado, tudo tenho e tanto mais recebo de Ti a cada dia; diz-me o motivo de tantas bênçãos. O que devo fazer com cada Graça recebida? Como posso agradecer os Dons de Teu eterno Espírito?” 

E o Senhor respondeu-lhe: – “Vê, alma pequena, que do Universo Celestial fluem constantemente Dons e Graças para toda a vida. Meu Amor é vertido sobre a Criação, indistintamente, para todos aqueles que se abram para vivê-lo.

Se tu Me abres as portas de teu coração, de tua consciência e de tua vida, essas Graças fluirão por ti e inundarão tudo ao teu redor. Mas, quando Me fecham as portas, quando são ignorantes ou indiferentes, quando estão com sua atenção voltada apenas para o mundo, Meu Manancial passa e simplesmente passa, sem que o sintam, sem que o vejam ou o percebam.

Tudo o que envio às criaturas é por Amor, para que cresçam, renovem e recriem a Criação. Por isso, toma as Minhas bênçãos e sê uma alma agradecida; toma os Meus Dons e multiplica-os através do serviço, da oração, do exemplo vivo de cada dia em que Eu vivo em teu interior e que Minhas Graças fluem em ti, para que assim os cegos possam ver, os que têm medo possam se arriscar, os que não amam possam se abrir, os que não servem e não saem de si possam se doar e descobrir o imenso Amor que flui de Meu Coração para aqueles que se doam sem condições.

Que Minhas Graças e bênçãos não permaneçam em ti e em nenhuma alma deste mundo, mas que cresçam, multipliquem-se, renovem-se e cheguem a todos os seres.”

Que esse diálogo, filhos, ensine-os a perceber o fluir da Graça de Deus, a recebê-la, multiplicá-la e doá-la constantemente.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que aspirava a poder um dia viver a unidade com todos os seres e com Deus buscava em cada religião pontos que pudessem unir, no amor e no respeito, cada uma delas. E um dia, em oração, questionou o Senhor, dizendo: − “Senhor, Tu és o mesmo Deus para todas as religiões verdadeiras. És o mesmo que inspira os corações e as almas pelo caminho de retorno ao Teu Espírito de Amor. Diz-me, então, o que há em cada religião que nos une, que nos faz, a todos, Teus filhos?”

E o Senhor, com amor, respondeu-lhe: − “O que faz, alma pequena, com que sejam Meus filhos não são as religiões, mas a própria vida. O fato de existirem na vasta Criação faz de cada ser um filho de Deus, amado e predileto, criado por um propósito e com uma missão.

As religiões são impulsos que dei à humanidade, de tempos em tempos, para que as almas recordassem o caminho para a sua evolução, mas não apenas através delas enviei esses impulsos ao mundo; Eu o fiz também através da natureza, do silêncio, do serviço e, muitas vezes, através do sofrimento, porque alguns de Meus filhos escolheram esse caminho para despertar e perceber que não estavam compreendendo a vida da forma correta e que estavam perdendo o verdadeiro sentido de sua existência.

Através das religiões, enviei impulsos ao mundo que, à medida que os seres humanos cresciam e evoluíam mental, emocional e animicamente, puderam ser mais amplos, mais claros, mais diretos.

Através de Krishna, conduzi-os ao despertar de um grau de amor simples, amor pela vida, pelos elementos, pelas energias. Conduzi-os a uma percepção mais ampla da existência e comecei a criar um caminho de retorno ao Meu Coração. Porém, cada ser compreendeu a religião de uma forma diferente e a manifestou segundo as suas possibilidades, que muitas vezes não foram puras como os Meus impulsos.

Através de Buda, ensinei-lhes a unidade com o Todo, o amor compassivo e a paz. Ensinei Meus filhos a viverem em comunhão com o universo e a saírem das rodas constantes dos erros e das consequências. Já estavam prontos para compreender que são vocês mesmos os responsáveis pela própria vida e, através de suas escolhas, atraem para si os Raios e os impulsos que os elevam ou os corrigem, segundo o que escolhem viver.

Mas nem toda a humanidade evoluiu, nem todos se abriram para amar. A mente humana se desenvolveu e, com ela, a sua maldade, e não o seu amor. Em vez de viverem em comunhão com a vida, quiseram possuí-la e manipulá-la. Por isso, fizeram dos elementos deuses e das energias, formas de conseguir o que queriam.

Através dos Patriarcas, voltei a dar impulsos aos seres, corrigindo os seus caminhos; impulsos que foram vividos também segundo sua compreensão.

Até que enviei ao mundo o Meu Filho, não apenas com um ensinamento, mas com uma Graça. Diferente de todas as religiões anteriores, não era através do conhecimento ou do esforço constante para elevar-se que chegariam a Mim, mas, sim, através de uma Graça e da Misericórdia que um coração rendido pode receber.

O Amor de Cristo não veio para poucos, veio para todos. Não veio para o Oriente ou para o Ocidente, veio para toda a vida, para todos os seres que, apesar de seus pecados, souberam dizer sim.

Em tempos anteriores, a humanidade chegava às dimensões divinas através de um esforço constante pela elevação. Através de Cristo, foi-lhes revelado o Reino no próprio coração, e, ao longo da evolução humana, Meus impulsos seguem renovando-se.

Começo a unir em seu interior todos os conhecimentos e todos os graus de amor, porque é chegado o tempo da síntese da vida na Terra, o tempo da porta estreita e única, através da qual todos os seres chegarão a Mim. E essa porta, alma amada, é o amor em seus corações.

Por isso Eu Sou o Deus da Vida, porque a todos amo e a todos ensinei a amar. Esse é o caminho para chegar a Mim. Por isso venham, apesar das diferenças. Venham, apesar dos conhecimentos. Venham, apesar dos impulsos que receberam, porque todos eles tinham um único propósito, o de conduzi-los a amar.”

Que este diálogo, filhos, ensine-os a compreender os ciclos da vida e seu verdadeiro sentido, e saber que, apesar de toda a complexidade da existência humana, para tudo há um único propósito, que é a vivência do amor.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma que temia a Justiça de Deus, constantemente orava e clamava por Misericórdia, e, sentindo um dia que o ciclo dessa Justiça havia chegado ao mundo, questionou o Senhor, dizendo:  – “Senhor, Tu és o Deus do Amor, da Graça e da Misericórdia, capaz de entregar-Te em Cruz pela salvação do mundo, explica-me então o que é a justiça e como pode um Deus de Amor atuar com justiça sobre Seus filhos?”

E, olhando essa alma com paz, o Senhor respondeu-lhe: – “Alma amada, que ignoras o verdadeiro sentido de Minha Justiça Divina, a Justiça de Meu Coração é uma lei, permeada por tão grande amor como a Divina Misericórdia. Enquanto a Misericórdia eleva os que estão cegos e concede o melhor de Meu Reino mesmo aos ignorantes, a Minha Justiça primeiro lava os seus olhos, abre-os e faz com que as almas sejam conscientes de tudo quanto Eu já lhes entreguei.

Depois de derramar Misericórdia sobre os corações e vê-los ainda mergulhados na indiferença, na ingratidão e na inconsciência, Meu Espírito verte sobre eles a Justiça. E a Justiça é um raio de Amor do Meu Coração, que estremece as almas e derruba as suas ilusões mais arraigadas, para que assim possam perceber a verdade e se arrepender.

O que causa o sofrimento nas almas não é a Minha Justiça, mas a sua própria ignorância, porque percebem que estavam firmadas em bases de areia, enquanto Eu tantas vezes lhes ofereci a rocha de Meu Coração. A Justiça, alma pequena, é parte de Meu Amor, para que nenhum de Meus filhos permaneça no mundo sem despertar e perceber o que realmente são e qual o caminho que devem trilhar.

Por isso, diante da Justiça, não sofras, mas apenas ora para que esta nova oportunidade, que chega através da lei da Justiça, também não passe em vão pelas almas ignorantes, e que elas possam fazer desta correção divina o primeiro passo para endireitar os seus caminhos.”

Que esse diálogo os ensine, filhos, a amar a Deus, Sua Misericórdia e Sua Justiça, e compreender que a atuação das leis é justa e preenchida de um celestial amor pelas almas.    

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma muito esforçada por cumprir o Plano de Deus e ser melhor estava aflita por sentir que, apesar de seus esforços, não sabia amar e não conseguia ser melhor como tanto aspirava.

Em um momento de oração, questionou o Senhor e Lhe perguntou: – “Senhor, tanto esforço faço para amar mais e ser melhor, e sinto não sair do lugar e estar longe da perfeição de Teu Amor e da semelhança Contigo. Onde está isso que Tu dizes que habita em nós?” 

E, respondendo-lhe o Senhor, também com uma pergunta, disse: – “Alma pequena, acaso buscas mais a Mim, a ti ou ao mundo? Está tua atenção em edificar tua própria consciência, em contentar os demais ou em amar-Me de todo o coração e com todo o teu ser?

Compreende que Sou Eu quem deve amar através de ti e, para que alcances a revelação desta união profunda Comigo, deves buscar mais a Mim que a ti. Deves ter a tua atenção posta sobre o Meu Espírito, teu coração disposto diante de Minha Presença e, antes de mais nada, construir teu vínculo espiritual e essencial Comigo. Assim, serei Eu a amar em ti, e te sentirás melhor, porque sentirás mais a Mim e menos tuas limitações humanas. Tua vida falará sobre Mim, e, aqueles que te encontrarem, Me encontrarão.

É assim, alma pequena, que alcanças a perfeição: quando Eu posso ser perfeito em teu interior.

Esse é um caminho longo, diário, em que cada dia mais buscas Meu Coração e cedes um espaço em teu interior. Mas, se tua atenção está em que tu sejas melhor e que teu amor seja maior e mais perfeito, então sempre te frustrarás e não encontrarás a paz.”

Conto-lhes essa história para que saibam em que direção devem fazer os seus esforços, para que seu empenho esteja em amar a Deus, conhecê-Lo e expressá-Lo cada dia mais. Assim encontrarão a paz.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando uma alma tem um compromisso com Deus, Ele pacientemente a conduz pelo caminho da entrega. 

Primeiro a inspira a transformar a vida, a direcionar o seu caminho para a senda que conduz ao Seu Coração, e não ao mundo. Aos poucos, coloca em seu trajeto oportunidades, sinais, encontros que a inspiram a dar por si só novos passos rumo ao Coração de Deus.

À medida que essa alma conhece o Amor de Deus e confia, o Criador começa a lhe pedir novas coisas, novas entregas, novas renúncias, até que chega um ponto definitivo para essa alma, em que o Senhor lhe pede uma renúncia maior, uma transformação completa da vida.

Quando a alma se lança no abismo desconhecido da entrega, descobre que estava caindo nas Mãos de Deus, em uma Fonte de Amor inesgotável, que se escondia no profundo da alma que aprende a renunciar e arriscar-se a viver a entrega.

Ainda nesse caminho, a alma inspirada pelo Amor de Deus Lhe faz muitas ofertas, coloca tudo em Suas Mãos, mas oferece aquilo que lhe é conhecido, aquilo que em verdade ela já entregou ao saltar no abismo. Então, o Senhor abre uma porta no profundo de sua consciência e aponta onde está aquilo que deve ser transformado.

Um novo abismo desconhecido se apresenta. A alma se vê diante de aspectos de sua consciência que eram como tesouros escondidos: suas destrezas, seu magnetismo, sua autoconfiança, suas vaidades mais ocultas. 

E, por mais que siga oferecendo sua vida a Deus, seu Criador sempre busca, mais profundo em seu ser, o foco da entrega, o que deve ser esvaziado em seu coração. E às vezes dói, e a alma sofre, mas ela sabe que cada espaço que se esvazia em seu coração, em sua consciência, espaço oculto de seu ser, é aquele que se doa ao Coração de Deus, ao Seu Amor, ao Seu Espírito, para que ali Ele tenha uma doce morada, limpa e pronta para habitar.

O caminho da entrega, filhos, é eterno, profundo, uma senda para o vazio e ao mesmo tempo para uma unidade com o Todo. 

Por isso, nunca pensem que já entregaram tudo, mas sempre deixem que Deus chegue mais fundo. E, por mais que às vezes cause dor, saibam que a dor é humana e será reparada pela Presença Divina no próprio interior.

Até hoje e em cada instante, ofereço ao Pai tudo o que sou, tudo o que há em Mim e tudo o que faço, vivo, experimento, penso e falo ao mundo, porque a entrega é eterna. 

Eu os convido a seguir estes passos e aprofundar cada dia em sua união com Deus.  

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Enquanto caminhava com a Cruz, no Coração de Cristo, além de sofrimento e dor, havia paz e compaixão. 

Este era um exercício constante de Seu Espírito Divino em um corpo humano: transcender a cada segundo as dimensões de caos, de ignorância, de maldade, onde os seres que O rodeavam estavam absorvidos pela obscuridade, e ingressar nas dimensões de paz, de compaixão, de sabedoria, de Verdade, onde Seus Olhos poderiam ver cada acontecimento como ele era, e não como parecia ser.

Os Olhos do Cristo do Calvário contemplavam o mundo e viam uma realidade mais complexa, mais profunda; olhavam a maldade dos seres e viam essências presas do jugo dessa maldade; conheciam o espírito do mal que conduzia cada ação dos que O maltratavam, e sabiam que a forma de liberar essas essências era o Amor, o Amor não apenas da Cruz, mas o Amor de toda a eternidade; o Amor que começaria a nascer com o Seu exemplo, como uma nascente que surgiria com a última gota de Sangue que se derramaria de Seu Corpo, mas que se tornaria afluente através das almas que, ao longo dos séculos, responderiam ao Seu Chamado e imitariam o Seu exemplo, renovando e multiplicando esse Amor.

Em cada obstáculo da vida, filho, que teus olhos sejam os Olhos do Cristo do Calvário, contemplando a Verdade, e não a ilusão, colocados nas dimensões de paz, e não de ódio, sabendo que a cura provém do Amor vivo, no exemplo de cada segundo da vida.

Assim é como cumprirás o Plano de teu Pai Celestial e serás um com Ele em todos os tempos.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Sentado à mesa com teu Senhor, ora, filho, por toda a vida, por todos os seres, pelos que estão perdidos em sua própria ignorância, pelos que não reconhecem Aquele que reparte o Pão e entrega a Si mesmo para reparar os pecados do mundo.

Sentado à mesa com teu Senhor, contempla toda a vida, a profundidade de cada instante, a grandeza escondida em cada movimento, os Olhos atentos de Deus sobre a Terra, Seu Espírito inundando toda a Criação.

Observa que o Tempo de Deus une-se ao tempo da Terra, e, por um instante, nada está separado. O Filho e o Pai são Um com o Espírito Consolador, e tua pequena essência participa da unidade divina.

Sentado à mesa com teu Senhor, agradece cada oferta, cada palavra e cada silêncio, cada gesto e movimento, cada instante de quietude. Tudo é parte de uma cerimônia universal, celestial e humana, revelando o que verdadeiramente o ser humano é para toda a Criação.

Deixa então que teus pés sejam lavados, teu espírito purificado e tua alma redimida. Recorda, assim, a pureza de tua essência e, deixando o pó do passado ser retirado de teus pés, abre-te a um novo e eterno caminho de retorno ao Coração de Deus: caminho que se trilha no sacrifício, no amor e na unidade perfeita com a Consciência Divina.

Lavado por Cristo, teu espírito torna-se um com Ele. És pão, parte do Pão que se entrega no altar; és sangue, parte do Sangue que se derrama no Calvário. E assim como, pelos séculos dos séculos, a oferta de teu Senhor se renova, assim também deve renovar-se a tua entrega.

Por isso, senta-te, mais uma vez, à mesa da renovação com teu Senhor e Deus, teu Irmão e Amigo, teu Pai, Esposo e Companheiro, teu próprio coração, já que foste chamado a ser um com Cristo. 

Recebe o Seu Corpo e o Seu Sangue e renova tua entrega. Entrega corpo, sangue e vida Àquele que tudo te dá a cada dia. Vive a revelação da entrega no mistério da Comunhão.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

O ser humano desperto é como um grãozinho de areia em frente ao mar. 

Enquanto dormia, estava distante da água e, no deserto de sua sequidão interior, nem sequer poderia conceber a existência do oceano. 

Até que um dia, o Sopro do Espírito de Deus toca o seu coração, move a sua vida e o empurra para a beira do mar. Ali, esse grãozinho de areia começa a compreender a imensidão da vida e da Criação. 

Compreende que nem tudo é deserto e sequidão, mas que existe um oceano. Ele o vê, sente o frescor de suas águas, mas apenas imagina como é a vida em seu interior. 

Até que um dia, o Sopro do Espírito de Deus novamente o move, empurra e transforma sua vida, de forma que o aproxima mais da água.

Quando Deus impulsiona o mar da Criação e dá uma graça aos pequenos grãos de areia, uma onda deles se aproxima e, por alguns instantes, os pequenos grãos veem-se submersos nas águas do oceano. 

Aquele que vê o oceano de cima sabe que esse grãozinho apenas conhece a espuma suave de um grande impulso de Deus e que a fonte desse impulso é um oceano imenso e cheio de vida.

Mas o grãozinho, submerso por alguns instantes na água, pensa que já conhece o oceano, que sabe como é a vida em seu interior e que compreende o que é estar submerso nas águas da Criação. 

Mas, em verdade, filhos, um grão de areia apenas conhece o oceano quando é levado para as suas profundezas; e, depois de experimentar a vida em seu interior, esse grãozinho se dissolve, tornando-se ele mesmo oceano na imensidão. É então que poderá saber a verdade da Criação, porque será parte dela.

Até que chegue esse momento, o grãozinho percorre um longo caminho, no qual se abre ao Espírito de Deus, e Ele o move, transforma, converte sua vida e suas estruturas mais profundas, desconstrói suas certezas e lhe mostra uma nova verdade.

A verdade é sempre a mesma, mas ela se amplia, aprofunda e enriquece, até que a consciência possa não apenas compreender algo, mas também ser parte disso. Nesse momento, já não haverá necessidade de compreender, e tudo estará cumprido.

Pequenos grãozinhos de areia em frente ao mar: deixem que as ondas dos impulsos divinos os levem cada vez mais para dentro do oceano do Coração de Deus e, a cada novo impulso, dissolvam-se n'Ele, até chegar o dia de fundir-se n'Ele eternamente.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, À CIDADE DE SÃO PAULO, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Ora para que a Sabedoria de Deus inunde o teu espírito, tua mente e teu coração.

Busca sempre a resposta para as tuas questões mais profundas, assim como para cada decisão que tomas nas coisas mais simples de teus dias.

Cria um vínculo com o Espírito de Deus, chamado Espírito Santo, para que Ele possa iluminar cada expressão de tua consciência, desde tuas palavras, ações e sentimentos, até teus pensamentos, ideias e aspirações mais internas.

Neste tempo de tanta confusão no mundo, filho, será o Espírito de Deus que guiará tua alma e, através de ti, muitas almas mais, que estarão perdidas neste mundo.

Este é o momento de tomar o tempo correto para orar e, antes de cada decisão, unir tua consciência à Consciência Divina. O Espírito de Deus habita em ti e anima desde a tua alma até as tuas células. Por isso, basta que tu coloques a atenção no que é real e que silencies para escutá-Lo.

A Vontade de Deus e Seus desígnios não estão distantes do pensamento e do alcance da humanidade. Mas, para estar unido a Deus e escutá-Lo, precisas dar o espaço correto ao Pai em teu interior. 

Por isso, ora e busca Sua Sabedoria. Silencia e escuta Sua Voz. Assim, sempre darás os passos corretos para cumprir Sua Vontade.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM HOUSTON, TEXAS, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Ora, filho, pelas almas mais perdidas que, mesmo na ilusão de seus corpos materiais, internamente reconhecem a luz e buscam por auxílio.

Ora pelos que vieram ao mundo para viver uma oportunidade de perdão e redenção, e que, no entanto, confundiram-se com todos os estímulos do mundo e se perderam. 

Ora, porque as almas que hoje estão confundidas já não terão outras oportunidades de evoluir e de crescer e retrocederão nos abismos do mundo e do próprio interior, apenas por escolherem estar na ilusão e no engano.

Ora para que o Coração de Deus toque os corações de Seus filhos e sê tu uma luz no caminho dos que estão cegos e não reconhecem a senda pela qual devem caminhar. 

Que teu coração esteja sempre pleno de piedade e de compaixão pelos que estão perdidos, porque este não é apenas o tempo final para o velho homem; esta é também a última oportunidade de muitas almas.

Preenche teu coração de Deus e sente com o Seu sentimento e com o Seu Amor; pensa com Sua Sabedoria e vive com Suas ações, inspirado por Seu Espírito, para que sejas instrumento para o encontro das almas consigo mesmas, com sua verdade interior e com Deus.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DE REDWOOD, CALIFÓRNIA, PARA PHOENIX, ARIZONA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

O Espírito de Deus habita nas montanhas, e nelas expressa Sua fortaleza para inspirar as almas à elevação e à iluminação da consciência.

O Espírito de Deus habita no silêncio das montanhas, em seu interior, onde se guarda a história de toda a vida, de onde se sustenta este mundo, em segredo e em solidão.

O Espírito de Deus habita nas montanhas, convidando os Seus filhos a descobrirem a verdade sobre si mesmos.

A natureza, filhos, guarda em si muitos atributos e dons do Espírito de Deus. Esse Espírito Santo e Imaculado habita na matéria para convidá-los a encontrar o sagrado que há nessa dimensão da vida.

O Espírito de Deus, silencioso, no profundo da natureza, convida-os a encontrar a unidade, não apenas entre irmãos, mas também a unidade com a vida, com as dimensões, com as estrelas.

Deixem que seus espíritos encontrem o silencioso Espírito de Deus, escondido em tudo o que expressa harmonia e beleza, e deixem-se inspirar, despertar e renovar por essa Presença Divina.

O Espírito de Deus habita nas montanhas para conduzi-los ao ponto mais alto da própria consciência, que é, ao mesmo tempo, o mais oculto, e que se revela no silêncio do próprio interior. 

Encontrem em si mesmos os altos cumes, onde o Espírito de Deus habita. Ali estarão em paz.

Têm a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DA CIDADE DE BUENOS AIRES, ARGENTINA, PARA LOS ANGELES, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Deus fortalece os corações que respondem ao Seu chamado através das provas e dos desafios, das batalhas e das dificuldades que forjam em seu interior a fortaleza e a fé.

É assim, filhos, que, diante de tantas Graças recebidas, as leis se equilibram, e aqueles que recebem tudo de seu Criador são chamados a dar tudo por Ele.

Deus não quer vê-los sofrer, mas, sim, deve permitir que as leis deste mundo se cumpram e que elas mesmas os conduzam, para que vivam uma entrega cada vez mais profunda de suas vidas.

Diante do caos do mundo e do caos interior, busquem o espírito da paz e permitam que suas consciências estejam colocadas fora das dimensões de conflito que confundem as mentes dos homens. 

Através da paz, seus corações poderão atrair as Leis Divinas e Universais, em tempos de tanta confusão e desequilíbrio, e viver a sabedoria e o discernimento do Espírito de Deus.

Por isso, não se esqueçam, filhos, de compreender que as leis se cumprem e toda Graça abundante se equilibra com o sacrifício. 

Mas, dentro das dificuldades, podem escolher a forma de vivê-las. Podem estar em paz e unidos à Consciência Divina e, dessa forma, não apenas manter a própria consciência em Deus, mas também prestar um serviço a este mundo tão confuso e carente de equilíbrio e de harmonia.

Eu os abençoo, coloco-os na proteção e na paz de Meu Casto Coração.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA NA CIDADE DE LA CUMBRE, CÓRDOBA, ARGENTINA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Eu lhes dou Meu Corpo para que se alimentem do Espírito de Deus.

Eu lhes dou Meu Sangue para que justifiquem seus erros, corrijam-nos e recebam perdão e Misericórdia.

Em todo esse mistério, Deus Se entrega completamente aos Seus filhos para que Seus filhos se entreguem a Ele e reconheçam-No como o Pai da Misericórdia e da Bondade.

Através do Corpo e do Sangue de Cristo as almas alcançam todos os dias a expiação que necessitam para poder viver conforme o Reino de Deus determina.

Por isso, essa união perfeita com o Corpo e o Sangue de Cristo concederá não apenas importantes processos espirituais de redenção e de cura, mas também trará ao mundo o que ele necessita para poder santificar-se e, assim, receber os Atributos Divinos necessários para poder cumprir com o Plano de Deus.

Este é o momento de descobrir, além das formas, o que significa essa aliança, espiritualmente profunda, com o Corpo e o Sangue de Cristo, porque, por meio desse descobrimento do que é primordial e fundamental, o ser humano entrará no verdadeiro caminho do sagrado.

Agradeço-lhes por guardarem Minhas Palavras no coração!

Abençoa-os.

Seu Mestre e Senhor, Cristo Jesus

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Abre teu coração e te mostrarei que Minha presença está além do que os teus olhos podem ver e Meu silêncio revela mais mistérios que mil palavras pronunciadas todos os dias.

Abre teu coração e te mostrarei que o caminho da renúncia é uma ponte que a alma cria para cruzar os abismos do mundo e chegar a Deus.

Abre teu coração e te mostrarei que os mistérios universais se encontram quando permites que todo conceito sobre ti mesmo se perca.

Abre teu coração e te mostrarei um caminho silencioso e humilde, revelado e profundo, o mesmo caminho que apontei para Maria Santíssima quando expirei em Seus braços: o mesmo caminho que Ela Me mostrou através de Seu olhar, quando Me disse: “vai”.

Abre teu coração e deixa ingressar em teu interior a liberdade do vazio, a profundidade de saber-se unido a todas as coisas, além dos sentidos, dos sentimentos ou dos pensamentos. Deixa que se te revelem os sentidos de Deus, de Sua Essência, de Seu Coração.

Quero te mostrar um caminho novo, um ciclo novo, no qual Meu Coração estará contigo e te ensinará a encontrar o infinito em teu próprio coração, através do silêncio e da simples união com Deus.

Sente, filho, em teu coração, o mesmo amor que sentiu tua Mãe Santíssima e o pequeno Menino Jesus quando, em silêncio, viram Meu Espírito se fundir com o Espírito Divino e descobriram a essência da Eternidade, da Onipresença.

Meu Coração respira no Sopro de Deus e vive dentro de Sua Graça; por isso, sempre Me encontrarás, silencioso como o ar, em todos os instantes da vida.

Abre teu coração para um novo ciclo, um novo tempo, um tempo que será vivido por toda a humanidade, um ciclo que será vivido por toda a Criação.

Chegou o momento de subir o Calvário deste mundo, de descobrir o que é ser um ser humano. Já tens todas as chaves para isso; agora, caminha rumo à cruz, rumo à revelação do Amor, rumo a Deus.

Tens a Minha bênção para isso.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE BUENOS AIRES, ARGENTINA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Busquem amar com sabedoria: palavras sempre para Deus, ações sempre para Deus, sentimentos sempre para Deus, para que construam com suas vidas o Seu Plano.

Busquem viver com sabedoria, observando as próprias ações e intenções, deixando que elas sejam conduzidas por um Propósito superior; observando o próprio coração para que ele esteja imbuído de sua missão e da Verdade Divina.

Busquem em Deus as respostas para as suas perguntas e saberão que d'Ele são os méritos das vitórias de suas vidas.

Busquem em Deus as virtudes para expressar e saberão que Ele é o motor de toda transformação verdadeira.

Deixem que as Mãos de Deus os guiem, que o Pensamento Divino os inspire, que o Amor de Deus os preencha, que a Sabedoria Divina seja o que impulsione tudo o que são e seus pensamentos serão inspirações de Deus, seus conselhos serão Dons de Seu Espírito, suas ações serão Obras incansáveis que constroem pontes para chegar ao Pai, suas vidas serão santificadas por Sua Presença e, mais do que isso, por Sua Ação.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

Páginas

Quem somos?

Associação Maria
Fundada em dezembro de 2012, a pedido da Virgem Maria, a Associação Maria, Mãe da Divina Concepção é uma associação religiosa, sem vínculos com nenhuma religião instituída, de caráter filosófico-espiritual, ecumênico, humanitário, beneficente, cultural, que ampara todas as atividades indicadas através da Instrução transmitida por Cristo Jesus, pela Virgem Maria e por São José. Ler mais

Contato