Domingo, 15 de novembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO ÔNIBUS ÁGUIA DE LUZ, DURANTE A VIAGEM DE SÃO PAULO ATÉ FLORIANÓPOLIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Sejam como a natureza que, diante de um pequeno suspiro de amor enviado por Deus, resplandece e restaura seu espírito. A natureza vive do amor que recebe do Céu. Seus elementos buscam, no Princípio fecundo de Deus, o poder para se manifestar.

Os Reinos apenas continuarão existindo se puderem cumprir com sua função de também aprender a amar e a perdoar.

Observem os animais: com que facilidade perdoam os erros daqueles que amam, com que alegria suportam seus males, apenas pela fidelidade que vive em seus corações para com aqueles que cuidam deles.

Os seres humanos compartilham sua existência com os Reinos da Natureza para que se elevem uns aos outros por meio da comunhão com a vida nas diferentes formas.

Para que se estabeleça a paz e para que o Reino de Deus seja um com o reino deste mundo, vocês devem descobrir o que cada Reino e cada elemento traz como vivência para enriquecer o aprendizado humano. Porque se vocês não aprenderem a amar os Reinos da Natureza, que constantemente se doamaos seres humanos e de todas as formas tentam auxiliar o seu aprendizado de amor, será difícil que possam amar de verdade o próximo assim como ele é.

Se sentem que não sabem amar ou que não podem fazê-lo, busquem cuidar dos Reinos da Natureza, sobretudo do Reino Animal, que canaliza seu amor sobre os seres humanos mesmo sendo tão ultrajado por eles.

Percebam, observando os Reinos, que a escola do amor está em todas as coisas. Em especial os Reinos da Natureza lhes demonstram permanentemente como se vive o amor que transcende as imperfeições e, inclusive, as cura.

Eu os amo e, clamando aos corações que ingressem no caminho do aprendizado do amor e do perdão, peço-lhes que comunguem em unidade com os Reinos da Natureza.

Seu pai e companheiro,

São José Castíssimo