Domingo, 3 de junho de 2018

Mensagens mensais
MENSAGEM ESPECIAL DE CRISTO JESUS, TRANSMITIDA PARA A 59ª MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA, EM MONCHIQUE, ALGARVE, PORTUGAL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Primeira Mensagem

Que estar Comigo não seja um compromisso, mas uma necessidade essencial para estes tempos.

Eu não venho pedir o impossível, mas o que em verdade podem dar-Me, porque o vejo e o sinto.

Assim como Minha Mãe do Céu, hoje piso com Meus Pés a cabeça da serpente da maldição, a serpente usurpadora e invasora, e assim libero os infernos, as almas e, sobretudo, os povos. 

Hoje Minha Obra começa aqui, neste lugar de Portugal, porque ele também necessita de Minha Misericórdia, apesar de todos os fatos que aconteceram em outros tempos e de todas as Graças que desceram sobre este país.

Mas agora estamos em um momento definitivo, em que a participação de cada um de Meus companheiros é essencial.

Essa é a resposta que Eu receberei de vocês para seguir levando adiante Minha Obra, desta vez nesta parte do mundo, na Europa, mas também em outros lugares onde se necessita de Minha Divina Misericórdia para poder seguir adiante.

Agora chegou o momento de Meus companheiros darem tudo por amor, e esta mensagem é para todos.

Chegou o momento de se igualarem a Mim, de serem tão semelhantes a Mim, não apenas no espírito, mas também nas obras.

Enquanto estou com vocês, descomprimo a humanidade do mal e permito que as almas se submerjam no Oceano Infinito de Minha Misericórdia.

Todos aqueles que puderem entrar nela será importante, porque a Fonte está fechando-se, enquanto se aproxima a Justiça Divina.

Todos aqueles que puderem estar a salvo será importante, porque assim poderei dar testemunho, ante Meu Pai, de que as almas respondem a Meus pedidos e a Meus comandos.

Estou aqui não apenas por Portugal, mas também por toda Europa, que deve despertar à essência de Minha Divina Misericórdia; e para poder despertar à essência de Minha Misericórdia, deverá compreendê-la e sobretudo vivê-la nestes tempos tão cruciais em que lutam o amor e a indiferença.

Necessito que sejam parte dessa Fonte da Misericórdia enquanto estiverem aqui, neste planeta e fazendo parte desta humanidade.

Que cada ato ou cada sentir seja parte de Minha Divina Misericórdia.

Que cada oferecimento ou doação de vocês seja parte de Minha Divina Misericórdia, para que Minha Cruz Redentora possa triunfar uma vez mais.

Já estamos no tempo e, por meio desta Peregrinação, estamos ingressando no momento mais culminante da humanidade, em que já não haverá mais o que escolher, mas um só caminho a seguir, que é o caminho até Meu Coração, que Eu ofereço incansavelmente ao mundo para que as almas se sirvam de Meus méritos e de todos os tesouros que o próprio Pai concedeu à Minha Consciência Divina.

Mas vocês sabem, companheiros, que por mais que Eu esteja no Céu, Eu Sou igual a vocês, como homem, como alma e espírito; que Meu Corpo ressuscitado e toda Minha Consciência subiram aos Céus para estarem protegidos destes tempos e, especialmente, para se prepararem para o momento do grande retorno à humanidade.

Estamos nessa transição e nesse caminho, estamos à espera desse grande momento, em que tudo se desencadeará, dentro e fora das criaturas.

Enquanto isso, bebam da Fonte de Minha Misericórdia para que possam purificar-se e limpar-se. 

Que seus atos estejam cheios de amor.

Que suas palavras estejam cheias de sabedoria, e não de vibrações baixas.

Que suas obras estejam cheias de caridade e de Misericórdia.

Que seus gestos sejam gestos de luz e de elevação da sua consciência e da consciência de toda a humanidade, para que, quando Eu voltar, possa encontrá-los transformados, sem necessidade de purificá-los um pouco mais nem de pedir-lhes que permaneçam mais tempo na Terra, e não possam voltar Comigo ao Céu.

O que Eu lhes digo neste momento não é simbólico, é uma verdade que emana Meu Coração.

Quando Eu retornar ao mundo, a muitas, muitas almas custará reconhecer-Me, porque retornarei diferente de como Eu fui para o Universo.

Mas Minha Voz, sim, será reconhecida. Meu Coração Glorificado e vivo, sim, será visto, e todos poderão ser testemunhas de Minhas cinco principais Chagas de Luz, que Eu repartirei como a luz de mais que centenas de sóis para abençoar a Terra e convertê-la em redenção.

Quando tudo isso estiver para acontecer, os corações já deverão estar limpos, sem arrogância, sem orgulho, sem soberba, e sobretudo, sem maldade, porque, para que o Reino de Deus entre em vocês, vocês deverão ser dignos do Reino de Deus.

E o Reino de Deus poderá entrar em vocês quando seus corações estiverem limpos de si e cheios da entrega que compartilharão com seu Mestre e Senhor, transmutando e liberando a dor do mundo e o sofrimento que aprisiona e faz as almas agonizarem.

Esta é a cruz que Eu ofereço a muito poucos, porque a recompensa, que não será deste mundo, é muito grande para quem a carregar junto Comigo e com valentia.

Chegou o momento de que a cruz desta humanidade, que foi pervertida e ultrajada, redima-se e resplandeça como vitória de Luz e de Amor, de Unidade e de Irmandade, tão semelhante à Cruz na qual Eu fui cravado no alto do Monte Calvário; nessa redenção se unirão à Essência do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Mas ainda há muito por fazer, há muito por fazer com tão poucos.

No entanto, a Força de Meu Espírito não lhes faltará, porque, quem está em Mim, Meu Espírito o tornará invencível e lhe dará a força para poder fazer tudo, segundo Meus desígnios e Minha Vontade.

É assim que hoje lhes digo, companheiros, especialmente aos que escutam esta mensagem neste primeiro dia de Maratona, que se esforçaram e madrugaram para  receber-Me em seus corações do outro lado do mundo, que com esses Eu contarei, porque não serão corações tíbios nem frios, serão corações nos quais Eu poderei confiar infinitamente e sem exceções, sem justificativas e sem reclamações.

Volto a dizer-lhes que é hora de dar tudo pelos que não o dão; e quando chegar o tempo de Meu regresso, serão bem-aventurados como os que estão nos Céus, serão reconhecidos pela causa de terem sofrido e padecido por Mim, assim como tantos santos e tantos servidores dos últimos tempos.

Que esta Maratona da Divina Misericórdia seja a maratona do sacrifício e da instituição do Divino Perdão entre os povos e as nações que se conquistaram e se lastimaram, transgredindo as Leis de Deus e os atributos da evolução.

Que, por meio da Fonte e do Oceano de Minha Divina e Insondável Misericórdia, as feridas mais profundas do sofrimento humano sejam fechadas, desde o momento de Minha Ascensão até o presente.

Confio, confio no que poderão dar-Me, porque o que Me deram até agora concedeu esta Graça tão importante de que vocês estejam aqui, junto a Mim, para seguir os caminhos do perdão e da redenção.

Escuta, Pai, a voz dos que sempre estão Contigo.

Escuta a voz dos que clamam por Tua Vontade e por Tua Graça.

Que tudo seja renovado, Pai, do mais íntimo ao mais superficial.

Que tudo seja curado, Pai, desde o menor até o maior.

Porque em tudo Tu Te encontras, Adonai.

Porque em tudo Tu vibras, Emmanuel.

E Teu Espírito está presente, Abba, em todas as dimensões.

Que as almas mais sedentas e perdidas encontrem Tua Luz por meio desta oferta à Divina Misericórdia de Meu Coração, e assim estarei cumprindo, amado Pai, junto a Meus irmãos, a promessa de voltar a fazer triunfar Minha Cruz no mundo. Amém.

Que a Luz do Espírito Santo os abençoe, e que o Espírito Santo os guie, no Dom de Sua Sabedoria e do Discernimento.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.