Mensagens Anteriores

dez

18

Sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Mensagens mensais
MENSAGEM MENSAL DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN​​​​​

Quando estávamos orando o terço da Divina Misericórdia, mais ou menos na metade do trabalho, comecei a ver um lugar desértico, um lugar que era desconhecido para mim. No final da oração, enquanto cantávamos “Cristo, Tu el Amor”, vi o Mestre caminhando nesse lugar. Ele disse que era o Oriente Médio, especificamente a Síria, onde estava recolhendo espiritualmente aqueles irmãos que morreram tentando cruzar o deserto, buscando uma saída, uma alternativa. Também O vi dentro das barcas dos refugiados: Ele ajudava a resgatar a alma de cada uma dessas consciências.

Durante todo o tempo no qual Ele esteve aqui, dando a mensagem mensal, Ele continuava realizando essa tarefa naquele lugar. Era uma tarefa invisível, mas profunda, com cada pessoa que estava ali necessitando de ajuda. Ele mostrou que a demanda era muito grande e que Sua Consciência conseguia abarcar até certa proporção. Nesse momento, Lhe perguntamos “por quê?” e Ele nos respondeu que era o que o Pai lhe permitia, o que a Lei do Universo lhe permitia, já que, com o que está acontecendo no Oriente Médio, o conflito e os refugiados, há um grande desequilíbrio nas Leis e Ele estava reparando a Lei. Mas, de qualquer forma, o Mestre ajudava as consciências.

Em outro momento, Ele mostrou que tinha muitas crianças nos braços. Mostrou muitos rostos de crianças que estavam muito necessitadas, muitas delas desnutridas e quase mortas.

Quando Ele apareceu aqui em Aurora, Ele se mostrou vestido como um árabe. As roupas cobriam todo o Seu corpo e se via apenas o Seu rosto, chamando especialmente a atenção o brilho de Seus olhos, que eram de cor azul celeste profundo. Enquanto transmitia a mensagem, em Sua mão esquerda sustentava Seu Coração. Era um coração humano, que pulsava, que tinha vida, que recebia e fazia circular sangue, sangue vital, luminoso, vivo. Ele estendia Sua mão para nós e nos oferecia Seu Coração, para nós e para toda a humanidade.


Olha-Me e estarei contigo.

Busca-Me e Me encontrarás.

Não te afastes de Mim e fica ao Meu lado.

Ainda te ofereço Meu Coração, como salvação e resgate.

Ainda ofereço Meu Coração por vocês, especialmente por aqueles que não Me querem, nem Me vivem.

Hoje, não vim do universo somente para entregar-lhes Minha Paz e dissolver todos os males.

Hoje, vim em nome de Meu Pai, para agradá-Lo e aliviar Seu Coração ferido.

Hoje, vim de um lugar especial, que muitos de vocês não conhecem, porque só estiveram ali em oração, por intermédio de suas almas e de suas sinceras ofertas ao Meu Coração.

Hoje, venho de terras distantes, onde os corações sofrem e muitos se desesperam, porque não encontram a paz e porque vivem o temor à morte todo o tempo.

Hoje, venho com as vestes de um grande Mestre árabe, que percorre os desertos, porque escuta, em todo lugar, as vozes que clamam por auxílio e piedade.

Hoje, tive entre Meus braços os que morreram, os que naufragaram, os que se perdem nos mares, diante de tanta indignidade.

Hoje, estão aqui em Meu colo, neste presépio aquecido, que se prepara para encarnar novamente o Filho de Deus, diante de um grande tempo de tribulação e escuridão. Mas quem derramou uma lágrima por aqueles que vocês não conhecem e que sofrem?

Hoje, venho retirá-los de seus cômodos espaços, para que vejam, além de vocês mesmos, a verdadeira necessidade do Plano. É por isso que Meu Pai, graças às Minhas orações, escutou a súplica de Seu Filho, para que consciências, em oferta e serviço, fossem levar Minha Paz, a Paz que aqui lhes entreguei durante tanto tempo.

Hoje, não venho reclamar-lhes nada, mas somente pedir-lhes que finalmente se decidam a ser aquilo que vocês ainda não querem ser: Meus instrumentos, Meus faróis, que iluminam o mundo, que está na escuridão.

Hoje, vim para demonstrar-lhes onde está a necessidade. Enquanto caminho pelo deserto da Síria distante, escuto o pranto dos inocentes. Mas para transcender a dor que sinto, diante de tanta crueldade e indiferença, diante de tanta falta de amor e falta de piedade, oferto, ofereço Meu Coração como refúgio.

Hoje, estou plantando no mundo Meu último Raio de Luz, para que aqueles que foram presos por seus próprios irmãos encontrem a saída para a redenção e vejam Minha Luz no horizonte, que brilha como a Aurora, para trazer o resgate para os que verdadeiramente o merecem.

Companheiros, vocês podem comparar, diante disso, a pequenez de suas dificuldades? Se vocês viram o rosto para não falar com um irmão, o que fariam se estivessem frente a um fuzil, a ponto de matá-los? Entregariam a vida por Mim? Para dar testemunho, ao mundo, de que Eu estive entre vocês e que ressuscitei dentre os mortos para entregar-lhes a vida eterna?

Não há tempo a perder em coisas superficiais. Não devem se dar a permissão de vocês se perderem em coisas insignificantes, que não têm valor nem essência perante os Olhos de Deus.

Venho trazer-lhes a consciência que ainda está adormecida em vocês, porque já é hora de despertar diante do Chamado do Plano. Olhem ao redor e compreendam o que acontece e, assim, firmemente, sigo caminhando, para consolar aqueles que chamam e que clamam por Minha Misericórdia, ainda que não Me conheçam. Por isso, estou no deserto e também nos mares, estendendo Minhas mãos para aqueles que naufragam todo o tempo, sem ter terra nem lugar onde viver.

Ai, companheiros, quão insignificantes serão suas coisas para vocês, que ainda não viram centenas de crianças chorarem por fome, por falta de pão ou de água?!

Os tempos vistos por João estão se cumprindo e ninguém poderá escapar. A hora da maldade já chegou e não basta, companheiros, que se escondam em suas comodidades ou em seus ideais, para justificar, perante Meu Pai, que isso não é real. Por isso, lhes ofereço Meu Coração como uma chama viva e resplandecente, porque seu Mestre, que está nos Céus e que agora está na Síria, prepara a importante missão de levar a paz de um coração a outro, de levar o amor de um espírito a outro. Será nessa hora que confirmarei se, em verdade, vocês compreenderam Minha Lei, de se amarem uns aos outros, apesar de seus erros e suas faltas.

Enquanto as almas conhecem os primeiros passos de sua purificação, que ninguém tema, porque quem busca Meu Coração não se perderá, nem estará vazio de sentimento ou de palavra.

Venho buscar aquilo que vocês ainda não Me deram. Venho desterrar o que ainda não quer morrer e que tem raízes cada vez mais profundas na consciência. Não necessito de suas raízes secas e duras. Eu venho transplantá-los, para que sejam um novo ser, uma nova consciência, onde Minha Luz possa atuar nos momentos mais difíceis.

Sei que todos falham Comigo repetidamente, mas Meu olhar está em seus talentos, talentos que são refúgios para os Meus Dons, estes que venho depositar em cada coração humano. Por isso, vim congregar todos para esta nova missão no Oriente Médio. Vocês trarão a realidade para muitos. Isso ajudará a que muitos vivam Minha mensagem, para que ela faça parte de seus seres.

Só agora a humanidade está cruzando sua primeira parte de maior escuridão, mas a pior ainda não começou. É nessa hora que Eu retornarei para revelar ao mundo o tempo de seu juízo, perante Meu Senhor, perante os anjos do Céu. E, ali, a Terra será colocada em um novo ponto, em um novo começo, no qual os que rejeitaram Meu nome já não estarão, porque a Terra será repovoada por aqueles que Eu chamei para viverem Meu Caminho. Necessito de que esta missão se realize, pois a hora mais aguda se aproxima.

Que este Natal seja o Natal da renovação, da renovação das suas consciências e não da infantilidade, da ingenuidade ou da indiferença. Vocês já estão prontos para dar os frutos de que Meu Coração necessita, mas que não sejam frutos estragados em cestas limpas com frutas frescas. Não destruam o que Eu estou construindo.

Sei que muitos não acreditarão no que digo, pois verdadeiramente é humilde aquele que escuta e faz silêncio para reconhecer a realidade. Não necessito de suas barreiras, não quero seus obstáculos. Preciso, companheiros, de seus puros corações, onde vivem Deus e Sua Obra através dos tempos. Não deixem que seus corações se endureçam como uma pedra. Sejam livres de vocês mesmos de uma vez para sempre e busquem o tempo todo a filiação Comigo e com Meu Pai, que está nos Céus.

Não quero que se enganem. Eu venho trazer Minha Luz e o testemunho de Minha Verdade. Eu venho dar-lhes o que vocês não merecem, porque sei que se ofertaram a Mim em muitos momentos. Eu necessito, amigos, de sua unidade, onde Meu adversário não pode entrar. Se na cesta houver uma fruta estragada, as demais se perderão, e isso não será pela falta de Meus cuidados, mas, sim, por suas ações, que não têm importância diante da grande necessidade deste planeta.

Eu lhes dou Meu Amor, que é o Amor do Deus Vivo, o Amor do Deus Eterno e Onipresente, este Amor que, através dos séculos, cuida das almas frágeis. Da mesma forma que uma planta que morre, porque não consegue sobreviver, Eu lhes dou desta Água, mas vocês não a bebem. Eu lhes entrego um pouco do Meu Amor, que os transforma, mas vocês se fecham. Eu lhes dou Minha Palavra, mas vocês não querem escutá-la. Se eu desse todas essas coisas para os Meus filhos do Oriente Médio, a guerra terminaria e os tronos que se construíram cairiam à direita e à esquerda de Deus, porque o Pai, que está nos Céus, é quem tem o Poder, e não vocês, nem nenhum ser da Terra.

Eu encarnei neste mundo para que aprendessem a amar e a viver graças ao Meu Coração. Eu sempre estou aqui, mas vocês não Me buscam. Sempre os espero, para dar-lhes Meu abraço e Meu consolo.

Tudo o que deve morrer viverá seu sofrimento, mas não temam, porque o Amor supera todas as barreiras.

Sejam Minhas testemunhas neste tempo e caminhem ao Meu lado, para que possam ver sempre a paz. Recordem-se de que Meu Amor é invencível e que tudo transpõe.

Rendam suas potestades aos Meus pés e Eu os ressuscitarei. É hora da humildade.

Cristo Jesus Glorificado

dez

06

Domingo, 6 de dezembro de 2015

Mensagens mensais
MENSAGEM EXTRAORDINÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA DURANTE A 29a MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA, NO CENTRO MARIANO DE AURORA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN​​​​

Escutem com atenção, nesta hora da Misericórdia.

Meus caminhos são os seus caminhos e se vocês não estão no Meu caminho, nada farão. Deus deseja instituir no mundo a devoção ao Meu Sagrado Coração. Para que esse desejo se cumpra, preciso de testemunhas que viveram, graças a Mim, as experiências da redenção e da reabilitação.

Do Céu, desejo ver todos unidos o tempo todo para que Meus Planos possam descer e se fazerem carne nas vidas dos homens pelas experiências do amor e do perdão.

O mundo está longe de Deus porque quis, porque se separou do Reino de Deus, aquele que uma vez Nós trouxemos a todos com a Boa Nova. Por isso, muitas almas se desesperam e enlouquecem nestes tempos, porque se separaram do Meu Caminho, do Caminho de Deus, do Caminho do Senhor, porque substituíram Meus Planos pelos planos deles, para cumprir a vaga vontade humana. Sei que muitos não sabem como fazer morrer essa energia que corrói a essência das coisas e que os aparta de Meu Pai. Mas se seus corações forem humildes para pedir Minha ajuda, Eu lhes darei ela, tanto de dia quanto de noite e também nos tempos de tribulação, quando as coisas se tornarão intensas dentro e fora dos seres, assim como Eu disse no dia ontem.

Hoje, venho entregar Minhas Palavras de outra forma com outra energia, pois necessito dissipar certos obstáculos que impedem que Minhas Obras se realizem neste planeta.

Muitos são parte da Minha Igreja, mas poucos são os verdadeiros discípulos, que são aqueles que cumprem os Mandamentos de Moisés para não pecar. Mas como a essência da antiga Instrução se perdeu ao longo dos tempos, Eu prometi ao Meu Pai, antes de 2013, que viria até aqui, a este lugar perdido, para dar Minha grande Mensagem de Salvação ao mundo, assim como fiz uma vez em Kibeho, onde muitos não acreditaram e ainda não acreditam que o Filho de Deus abençoou o coração de Ruanda, para impedir uma catástrofe, que foi o resultado de muitos não terem ouvido o coração de Deus por intermédio de Seu Filho amado.

Eu não venho até aqui, neste tempo, para profetizar essas coisas, pois a grande profecia do apóstolo João está se cumprindo ao pé da letra. Ditosos serão aqueles que saibam ler nas entrelinhas os símbolos e a mensagem.

Tenho vindo todo este tempo para prepará-los para algo desconhecido, que nem sequer existe em suas memórias ou células. Vim para congregá-los em nome do amor e da verdade para que, apesar das dificuldades e das provas, vocês não deixem de confiar em Meu Coração. Vocês conhecerão coisas desconhecidas dentro de vocês, mas volto a lhes dizer que não temam. Para que a água suja seja pura, cristalina e limpa, ela deve se purificar. Eu lhes trago essa Água da Vida, que provém de Minha insondável Misericórdia Espiritual, para remediar todos os seus males e os males do mundo, que deterioram toda a humanidade.

Eu vim trazer esperança ao que parece não tê-la. Eu vim trazer a paz àqueles que não a têm. Sem estes atributos, não será possível cruzar o umbral até a nova humanidade.

As desgraças seguem acontecendo neste mundo e ninguém as detém. Ai daqueles que têm o poder de impedir essas coisas e não o fazem porque estão longe de Deus e de Sua Lei! Quantas almas inocentes morrem dia a dia nesta balança de desequilíbrio, de injustiça e de falta de fraternidade!

Se Eu venho até aqui, a este país, como uma vez foi profetizado nas cartas de madre Esmeralda, é porque Eu revelei que aqui existia a semente para dar novos frutos em almas congregadas para a redenção e a transformação da humanidade. Não creiam que vocês vivem a transformação por vocês mesmos, mas por este planeta, que decai e decai.

Deus precisa novamente congregar Seus antigos povos, como foi no deserto, para mais uma vez começar a realizar Seu Projeto com outro estado divino, com outra consciência. Por isso, vocês devem estar limpos por dentro e por fora para que Minhas energias sutis possam se expressar nas consciências que disseram “sim” à redenção e ao chamado pela paz.

Hoje não posso lhes prometer, companheiros, que o mundo todo se salvará, que toda a humanidade será resgatada pelas correntes poderosas das Hierarquias. Vamos tentar isso até o fim, mas a parte de vocês neste planeta é importante não só para aqueles que hoje ouvem ou que já Me ouviram, mas também para aqueles que, ainda adormecidos, não têm consciência de sua missão espiritual, que a descobrirão da noite para o dia.

Se vocês Me ofenderam, não se perturbem. O Filho de Deus conheceu neste planeta a terrível condição humana, que acarreta a deterioração do Propósito Divino, a marginalização da vida, a precariedade do espírito. Por isso, os anjos Me enviaram até aqui para encarnar entre vocês e salvá-los, não pelas Minhas Obras, mas pelas Obras de Meu Pai, que descem como luzes sobre o mundo através dos tempos. Se o próprio Deus, encarnado em Seu Filho, não houvesse sido martirizado, flagelado e crucificado, o Projeto se perderia. Mas agora, nestes tempos, o risco é maior, e muitos não acreditam que isso seja assim.

Quando a Lei descer, todos deverão estar seguros do que fazem e estar conscientes de suas obras. Porque quando cessar o tempo de Minha Divina Misericórdia, a última trombeta soará e espargirá a força do vento aos quatro cantos da Terra, para que os mares se levantem e a Terra devore os injustos. Não haverá ninguém que possa impedi-lo. O pecado é maior do que o próprio pecador, e o sangue inocente tem o seu valor, como o Sangue do Cordeiro, que morreu por vocês. Os mesmos pecadores repetem os mesmos pecados uma e outra vez e ainda não se redimem, porque não aceitam a redenção.

Suas mentes não deverão emitir juízos nem sequer sentimentos de crítica. Cada qual viverá seu tempo de purificação, pois Deus assim necessita disso, para cumprir Suas Obras neste Universo. A humanidade já poderia ser confederada, mas não o quis e se desviou de Deus e de Seu Coração.

Deixo para todos o Meu sentimento e uma grande mudança nas suas consciências, antes que tudo aconteça. Deixo para todos a bênção dos Dons chamados Sacramentos, que infundem nas suas almas a renovação, a fé e a união com o Eterno, com Adonai.

Não deixem de remar dentro de Minha Barca. Não deixem que nenhum de seus irmãos se afogue por não poder remar. Não percam de vista seus semelhantes, que são parte de Meu Projeto. Mas não insistam com aqueles que não querem mudar por vontade própria: Eu Me encarregarei disso, pois é parte de Minha responsabilidade que tudo seja justo e misericordioso.

Em verdade lhes digo, companheiros, que nem todos têm consciência do que se sucede no planeta, pois não estão sofrendo como os outros sofrem e padecem dia a dia. Ofereçam a Deus o melhor de vocês o tempo todo. Agradem ao Seu Coração com pequenos esforços para que possam ir conquistando a entrega e, assim, possam ingressar no caminho da humildade e da paz.

Venho nestes três meses a Aurora para anunciar novos tempos, que já deixaram de ser preparatórios, para se tornarem tempos definitivos. Tempos de obras decisivas da parte de Meus congregados. Muitos vão se unir a este trabalho quando vocês mudarem de verdade. Ao menos, não deixem de continuar tentando, para que as portas para a redenção estejam abertas a todos os que devem chegar aos Meus Núcleos de Amor.

Entendam, companheiros, que os tempos já mudaram e que agora é hora de implorar ao Criador. Não apenas sejam bem-aventurados, mas também constantes, mansos e pacificadores.

Venho aqui para demonstrar-lhes que não os abandonei. Ainda que Minha Obra tenha um tempo com vocês, tudo deverá continuar até que ao menos um alcance o Meu Projeto.

Adonai, Pai Eterno, imploro-Te por este mundo, estendendo Meus Braços sobre todos, entregando Minhas Mãos, para que as tomem forte e caminhem ao Meu lado. Não deixes de olhar com misericórdia para Teus filhos menores. Observa, Adonai, com esperança, tudo o que Tua Santa Imagem e Vontade criaram.

Leva-Me, Adonai, àqueles que não Me querem, que não Me escutam nem Me aceitam. Leva-Me, Adonai, por intermédio de Teus filhos, como uma centelha de esperança para os corações escurecidos.

Mostra Teu Poder, Adonai, na beleza de Teus Reinos da Natureza. Faz que Tuas almas e Tuas criaturas vivam na união perfeita com a Criação. Perdoa-lhes, Adonai, por seus pecados e ressuscita-os em espírito todos os dias de Tua Existência no Coração de Teu Universo e de Tua Paz.

Adonai, crê que seja possível, em Teu Infinito Propósito, que os que Me escutam vão segui-Lo, ao menos para que a Terra cumpra sua promessa de redenção.

Ofereço-Te, Adonai, as súplicas que chegaram nestes dias ao Meu Coração. Ofereço-Te, Adonai, as humilhações, as renúncias e as provas, como o testemunho de uma grande conversão da humanidade.

Não chores, Pai Meu, pelo que Tu vês deste mundo. Acalma Teu Coração com o Meu, para que brote do Teu a Piedade infinita que transforma as vidas e as consciências.

Adonai, nunca deixes de abrir nesta raça, neste planeta, Teu Manancial de Paz.

Amém.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Cristo Jesus Glorificado

dez

05

Sábado, 5 de dezembro de 2015

Mensagens mensais
MENSAGEM EXTRAORDINÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA DURANTE A 29a MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA, NO CENTRO MARIANO DE AURORA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN​

Para que esta obra se cumpra, necessito de todos, até que Eu retorne a este mundo infiel para poder reparar os corações e levantar do chão aqueles que caíram à Minha direita e à Minha esquerda.

Virei ressuscitar espiritualmente as nações que foram aniquiladas pelos homens.

Virei ressuscitar os que morreram em vida e que perderam seu espírito de união com Deus.

Virei ressuscitar o mais puro de vocês para lhes trazer Minha Paz e a renovação do espírito para os tempos que virão.

Por isso, preciso de todos em Minha Obra nesta hora decisiva, em que a maior parte do mundo se condena sem poder voltar a ver a Luz, a Luz de Meu Coração, a Luz de Deus.

Enquanto tudo acontece, enquanto a taça da injustiça transborda pelas ofensas dos homens, Eu venho lhes entregar novamente o espírito de Minha Misericórdia salvadora, aquela que penetra os espaços e que gera frutos nos homens que vivem em Minha Solenidade.

Todos os dias, faço-os enfrentar novas coisas que talvez não queiram ver, mas – para que possam estar dentro de Meus caminhos – seus pés devem estar limpos de tudo o que fizeram em outros tempos e, assim, caminhar livres ao Meu lado, junto a Mim ou em Meu Coração para que possam alcançar o Propósito.

Conheço suas dúvidas, suas incertezas, sua falta de paz e de sossego. Conheço seus erros e suas faltas. Tudo Eu conheço, repetidas vezes. Mas Minha visão divina não se concentra nessas coisas, ainda que saiba que terão de purificá-las árdua e duramente.

Meu olhar penetra suas almas e seus corações, ali onde verdadeiramente existe a essência de todo o criado, do que foi desenhado por Meu Pai desde o princípio deste projeto para toda a humanidade.

A parte mais aguda no planeta ainda não começou. O primeiro Armagedom será interior, para depois acontecer exteriormente em toda a vida planetária. Que vocês farão, companheiros, quando virem que as coisas se precipitam? Ficarão mais preocupados, perderão o controle de suas destrezas, a paz lhes faltará ou entrarão em pânico?

Meu Senhor deseja que, por intermédio de Meu Coração, seus corações estejam firmes e seguros no caminho que Eu lhes ofereço, enfrentando com coragem as mudanças e sem temer o que encontrarão dentro e fora de vocês. Sei que a transformação da raça humana é muito dura; por isso, Eu o padeci durante a Paixão. Cada minuto que sofri por vocês foi pelo pecado de algum homem, foi por alguma falta da humanidade, que era irreversível aos Olhos de Deus. Antes que sua humanidade naquele tempo se perdesse, Eu encarnei, a pedido de Meu Pai, que está nos Céus, para trazer esta mensagem de salvação e de redenção para os corações.

O que aflige Meu Coração é que os homens da Terra nestes tempos se acostumaram a ouvir Minhas palavras, mas ainda não mudaram. Para que ingressem em coisas novas em seus corações e em suas vidas, vocês devem estar transformados e fazer coisas novas. Como lhes disse uma vez, não poderei colocar vinho novo em odres velhos. Esta Lei, até os dias de hoje, se cumpre para quem em verdade a reconhece de coração e de alma.

Chegaram os tempos das definições para todos, e não haverá ninguém que o possa dizer. Isso será entre vocês, entre cada um de vocês e Deus. Mas Meu Coração, que é Bondoso e Compassivo, abre-se como um cofre de luz, para que suas almas se depositem nEle. Ali, no recinto de Meu Coração, não existirá nenhum mal, nenhuma tentação, nenhuma adversidade.

Venho trazer ao mundo uma mensagem de esperança, de uma esperança que se desvanece pouco a pouco da consciência da humanidade. Porque agora o que abraça é o medo do fracasso. Muitos pensaram que naquele tempo, durante a Paixão, Eu fracassei; que fracassei da vida pública até a morte. Mas o que propiciou a persistência de Meu Coração ante tantas ofensas e injustiças cometidas por Meus próprios irmãos, pelos filhos de Deus? O amor foi a força inquebrantável que superou todas as provas. O amor que foi sendo gerado dentro do amor abriu as portas à redenção e à vida dos que estavam mortos. Se neste tempo vocês não viverem desse mesmo Amor que Eu lhes ofereço pelo Meu Espírito e pelo Meu Coração Sacerdotal, muitos perecerão, e não será por culpa de ninguém, nem pela ação de alguém. Seus passos poderão ficar indefinidos se vocês não se arriscarem a viver esse amor, que a tudo transforma e redime.

Mas para alcançar esse amor de que Eu lhes falo, companheiros, vocês devem primeiro morrer para si, para que dessa maneira estejam vazios e nasça o amor e brote como uma fonte no maior deserto de suas vidas. Muitos creem que nestes tempos de purificação não conseguirão cruzar esse deserto, mas se hoje Eu estou aqui para animá-los, para abençoá-los, para consolá-los e renová-los, por que creem que não o conseguirão? Se Eu Sou a Força do Amor de Deus que move o Universo e todas as formas, por que vocês temem que possam abalar suas estruturas ou seus seres?

Eu venho remover em vocês o que já está velho, o que já não Me serve, porque nunca o usei em Meu proveito. Mas vocês, como humanidade, sim, tiraram proveito dos próprios homens e das próprias vontades. Será mediante esse amor, que Eu promovo em todo o Cosmos, que vocês alcançarão viver minimamente a Vontade de Meu Senhor. Não tenham medo, companheiros, de se rasgarem por dentro e de pedir aos Céus.

Eu venho aqui, neste momento e neste tempo, para esta parte da raça que deve cumprir o Projeto que está escrito no Coração de Deus. Se vocês fracassarem, muitos fracassarão.

Eu venho lhes trazer a Luz que surge dentro deste grande abismo da Terra, onde todos se colocaram e onde muitos condenaram milhões de almas através destes últimos tempos.

Poderá existir uma guerra pior do que a que hoje acontece no mundo, porque a guerra mais cruel é a guerra espiritual, que o mundo e os seres humanos estão enfrentando sem consciência nem perdão.

Nossos Corações transbordam de dor quando veem os fatos que cometem todos os homens nestes tempos. Assim, vocês poderão compreender, companheiros, que – se diante de tanta crueldade, naqueles tempos, Meu sacrifício foi grandioso – sua transformação é pequeníssima ante tanta adversidade. Eu venho colocar suas consciências em outro estado e em outro plano para que vocês alcancem uma visão mais profunda e verdadeira do que está acontecendo.

Nossa última tentativa, como Sagrados Corações, como Corações do Pai Celestial, será que neste mês de dezembro iremos dar o grande e último impulso a toda a humanidade. Será neste momento culminante em que seus corações, humilhados ante o Criador, receberão novamente o Espírito de Minha Graça e de Meu Perdão, trazendo à memória a lembrança de Meu sagrado nascimento em Belém. Que este mês, para todos os homens e mulheres do planeta, seja uma Boa Nova proclamada por Seu Santíssimo Redentor.

Não se desesperem, não desanimem, porque a barca poderá naufragar, mas ela não afundará, se Eu estou em vocês e vocês estão humildemente em Mim.

Busquem desterrar prontamente tudo o que os incomoda, pois necessito de vocês como Meus instrumentos vazios para que Minhas Leis desçam e se infundam em toda a Terra não redimida.

Virão tempos melhores depois da purificação. Tudo o que acontece nestes tempos já foi profetizado e escrito por João Evangelista, o apóstolo, Meu amado discípulo. Mas não foi profetizado que os tempos de hoje seriam tão difíceis. Hoje lhes entrego, com Minha Mão, a Graça de vocês poderem sair dos abismos que a Terra gerou. Sejam Meus apóstolos da Luz em redenção e animem-se a Me seguir até o fim. Assim, o Plano poderá se cumprir e os mais perdidos receberão a oportunidade de retornar à Casa de Meu Pai.

O joio está sendo separado do trigo, e com esse trigo, por mais imperfeito que seja, Eu farei o novo pão de vida, que estará na mesa para o fim dos tempos, para quando Seu Sacerdote chegar para comungar com Seus redimidos.

Tenham fé e persistam. Minha Misericórdia, através dos tempos, tudo pode.

Agradeço àqueles que dizem que Me amam ou que o proclamam, pois nisso não há vergonha, mas, sim, a renovação do espírito dos que buscam o Amor do Redentor.

Vão em paz, enfrentando o fim dos tempos e, em espírito de transformação interior, Eu os ajudarei.

Agradeço-lhes.

Cristo Jesus Glorificado

dez

04

Sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Mensagens mensais
MENSAGEM EXTRAORDINÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA PARA A 29a MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA, NO CENTRO MARIANO DE AURORA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN​

Quando estávamos orando as 150 contas do Terço da Misericórdia, no Centro Mariano, acontecia a procissão com o Santíssimo. Então, vi entre as pessoas, enquanto os irmãos caminhavam seguindo o Santíssimo Sacramento, um ser que era o Mestre, mas que tinha um aspecto diferente do apresentado por Ele. Era mais magro, tinha barba e cabelo curtos e caminhava e cantava entre as pessoas. Depois, vi os irmãos entrando na Casa de Adoração e quando, passavam pela porta, Ele tocava com Sua Mão a cabeça de cada um, fazendo um tipo de cura e, com isso, ia curando todos internamente. Em outra imagem, vi o grupo durante a adoração e vi o Cristo na mesma pessoa que vi durante a procissão, sentado no fundo da sala.

Em seguida, Ele mostrou uma imagem: era um campo onde havia um grupo de ovelhas que caminhava a um determinado lugar. Ele não estava presente na imagem, mas nos fazia compreender que Ele guiava esse rebanho. Em certo momento, o rebanho se deparava com um grande e escuro abismo, em cujo fundo se via uma névoa.

Quando o Mestre apareceu, Ele estava com uma grande estrela dourada de seis pontas no peito e no centro estava Seu Coração. Ele mostrou que estava cercado por muitas ovelhas, com uma ovelha menor bebê, que estava em Seus Braços e Ele a acariciava.

Com base nessa imagem, Cristo nos transmitiu Sua mensagem:


A mais espiritualmente enferma de minhas ovelhas, Eu a tenho em Meus Braços para que nunca perca a confiança de que, apesar do tempo e do momento de sua purificação, não a abandonarei. Ainda que, pelos seus erros, tenha se afastado de Mim, Eu a faço regressar aos Meus rebanhos, porque – acima de toda justa ou injusta causa – seu Pastor sabe qual é o Propósito Divino desse ser.

Vocês, como ovelhas, estão diante do grande abismo dos tempos e, seguros em Meu Coração, deverão aprender a andar entre as trevas.

Primeiro digo-lhes que não temam, porque o Senhor, seu Deus, lhes mostrará, a cada um de vocês, o mais triste e injusto que guardam. Assim, vocês serão conscientemente convidados a viver a Lei da purificação, que está totalmente amparada pelo amor misericordioso de Meu Coração. Deus não os abandonará porque tenham falhado ou se equivocado. Mas o seu Pai, que está nos Céus, exercerá a Justiça Divina para que logo vocês estejam livres de toda a adversidade.

Em segundo lugar, vocês verão, nesse grande abismo em que se encontra o mundo, a oportunidade de que conscientemente vocês se purifiquem de todas as manchas e que, assim como Eu ensino aos Meus discípulos, amem-se como irmãos e unam-se uns aos outros. Nesta hora, em que centenas de almas se perdem nas trevas, vocês deverão estar muito unidos, porque será essa união interna que fará brotar do nada a fonte do amor, e será esse amor extraordinário que curará coisas impossíveis na consciência.

Em terceiro lugar, vocês verão, nesse abismo do mundo, que as almas e os corações enfrentarão a sua verdade, algo que nunca pensaram nem viram. As vendas serão removidas de seus olhos e ali tudo tremerá, mas novamente lhes digo que não temam. O Filho de Deus os socorrerá, assim como o lenhador socorre em um grande incêndio. Minha Água de Vida dissolverá, em seu perfeito complemento de amor, todas as desgraças.

Em quarto lugar, vocês verão, neste abismo, a revelação da humanidade e do momento pelo qual todos vocês estão passando. Assim como foi escrito, nada ficará oculto. O que está dentro da alma e do corpo será visível, assim como as artimanhas dos falsos, que antes eram invisíveis para muitos e ficarão tão visível quanto o amanhecer.  

Não haverá governante, nação nem humanidade que não fique exposta tal qual é ante o Universo de Deus. Toda mentira, engano ou poder humano serão revelados e todos o saberão. Será o momento em que dentro de vocês florescerão as sementes que Eu lhes deixei, principalmente a semente da compaixão e do amor. Em verdade lhes digo que, se vocês não exercitarem desde agora estes dois atributos, a transição da Terra será difícil e dura para muitos.

Já não haverá resistência que possa permanecer; todas desaparecerão. Mas se, frente a tudo o que se revelar, vocês buscarem a essência da transformação e da honestidade, coisas inimagináveis e inesperadas acontecerão, algo que irá além do que vocês chamam de milagres.

Nesta hora tão decisiva, Eu estarei contando nos dedos todos os atos de piedade e de misericórdia que acontecerão e que, animados por Mim, vocês deverão realizar, superando a vergonha, a evidência diante dos outros ou mesmo a tristeza. Felizes serão aqueles que conscientemente colocarem aos Meus Pés suas aberrações espirituais, porque lhes prometo ajudar a sair desse abismo. Finalmente, Meu Coração Glorioso vai querer ver nesses dias os que dizem ser Meus apóstolos preparando-se, sob o poder luminoso da oração, para atravessar os tempos com coragem e sem medo.

Que esta Maratona de Onipresença, que assim hoje chamo, porque estarei em vários lugares ao mesmo tempo, represente para Meus seguidores a oportunidade única de superar a si mesmos, para que todas as crueldades humanas que hoje acontecem neste planeta, em todos os Reinos da Natureza e na própria humanidade, recebam a Graça e a anistia da Divina Misericórdia. Como suas vozes, estarei ao lado de vocês implorando ao Pai Celestial para que logo Eu possa voltar a guiá-los rumo à nova humanidade.

Agradeço a união de todos neste momento. O Senhor lhes derrama Sua Piedade e Sua Paz.

Não percam suas forças internas. Vivam pela fé. Se vocês estão neste tempo de Armagedom e de provas é por que estão preparados para vivê-lo, pelo menos por Meu glorioso retorno. Transformem-se em paz. Assim, todo o Universo espera. 

Sob o Amor Infinito de Adonai, sejam bem-aventurados e mansos.

Unido a todos os orantes da Misericórdia,

Cristo Jesus Glorificado

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos