MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA EM TAHLEQUAH, OKLAHOMA, ESTADOS UNIDOS, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Bases ardentes de uma vida comunitária e grupal - Parte VI

Na vida grupal, não apenas deve governar o espírito da comunidade, que é o que a fortalece, mas também é necessário cuidar da unidade entre os membros. 

Essa unidade neutraliza as diferenças e, inclusive, os sentimentos diversos. A unidade da comunidade dever ser construída por amor a Deus, para que, nesse movimento de unidade, as consciências aprendam a reconhecer o melhor de si.

Sem a unidade de Deus presente, não é possível levar adiante a tarefa principal da comunidade e, sem unidade, não é possível atrair para os seus membros o espírito que os unifica e que os concebe como seres em igualdade e em harmonia.

Por isso, a comunidade, através da compaixão, deve conseguir transcender as diferenças ou os possíveis erros que possam surgir. Não significa serem omissos, mas serem justos, equitativos e neutros.

Essa é a grande chave para construir na comunidade o espírito da paz, assim como viveram os povos originários desde a natureza das suas origens e das suas culturas.

O projeto das comunidades deve estar preenchido de princípios que elevem todas as consciências, e que esses princípios construam o novo, tudo o que, de ciclo em ciclo, possa se renovar e ampliar.

A comunidade deve praticar a solidariedade contínua para que os seus membros nunca se esqueçam da necessidade do outro, para que a humildade prevaleça acima do poder ou do governo que creem ter.

Em síntese, a comunidade só pode existir estando todo o tempo no Coração de Deus, e, em suas mãos, constituir o princípio e meta para os quais foi criada.

O vazio espiritual de uma comunidade evitará alimentar as expectativas e solidificará o poder do serviço altruísta entre os seus membros.

Nesse exercício permanente, a comunidade estará absolvida de provas desnecessárias e poderá ter prontidão e ânimo para viver em doação pelos demais, qualquer que seja o seu serviço.

Agradeço-lhes por guardarem Minhas Palavras no coração!

Abençoa-os,

Seu Mestre e Senhor, Cristo Jesus

MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA NA CIDADE DE BUENOS AIRES, ARGENTINA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS, POR MOTIVO DO DIA DE CELEBRAÇÃO DOS SACRAMENTOS

E verão, companheiros, o Filho de Deus vir transfigurado no momento culminante da humanidade, assim como Ele vem hoje ao seu encontro em Divindade e em Espírito. Eu retornarei na hora culminante da Terra, quando virei buscá-los e reuni-los em Meu Nome, da mesma forma que Eu reuni os doze apóstolos no passado, mas desta vez será diferente porque, apesar de o mundo estar em convulsão, vocês poderão reconhecer-Me e Me receberão da mesma forma que o fazem neste momento. 

Reunirei todas as tribos do Meu Pai, não só aqui na Argentina, no alto de uma montanha, mas também aparecerei, como em Betânia, em outros lugares da América do Sul para que, nessa hora tão aguda e difícil, vocês, Meus amigos, não sintam medo algum, mas um profundo e jubiloso gozo por voltar a encontrar-Me.

Chamarei cada um pelo seu nome original e, assim, despertará em vocês a doce recordação de haver estado Comigo uma vez, compartilhando o mesmo pão e o mesmo vinho que hoje volto a entregar a todos.

Minha chegada à Argentina desta vez é diferente; já os encontro mais maduros e conscientes da importância de seguir o seu Redentor sem dúvida alguma.

Este é o tempo em que a sua preparação interior finalizará e começará o seu verdadeiro serviço pela redenção e pelo perdão de todo o gênero humano.

Chegou o tempo do Meu Retorno.

Agradeço-lhes por receberem-Me!

Abençoa-os,

Seu Mestre e Senhor, Cristo Jesus

 

Palavras de Cristo Jesus transmitidas durante a consagração dos elementos, na presença de muitos peregrinos:

Que as Minhas Palavras possam ser o sopro do Espírito em vocês, para que o verdadeiro ser se manifeste neste tempo, aquele que Me representará na Terra e que dará testemunho da Minha Presença no mundo inteiro.

Eu venho para congregá-los na Verdade, na única Verdade de Deus, que os faz participar da Sua liberdade espiritual e que lhes promete a redenção total de seus seres e de suas consciências, para que o Meu Propósito Crístico se cumpra.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Orem uns pelos outros, como oram pelo planeta ferido, como oram por suas misérias mais profundas, como clamam por suas maiores dificuldades.

Orem uns pelos outros, como oram pelas nações em conflito, como oram pelos que têm fome e frio, pelos que não têm esperança e pelos que têm medo.

Orem uns pelos outros, como oram pelos Reinos da Natureza, ultrajados e sem amor, mutilados e incompreendidos pelos homens.

Assim, filhos, com amor, piedade e misericórdia devem orar uns pelos outros, porque, quando oram pelo próximo, estão orando pelo planeta; quando oram pelo próximo, estão orando pelos Reinos da Natureza e pelas nações.

Quando um coração triunfa em Deus, toda a Criação triunfa com ele, aprende, cresce e vence com aquele que vence a si mesmo. 

Por isso, não sejam indiferentes diante do padecimento daqueles que têm ao lado, mas estejam atentos e, ao perceber uma necessidade, orem, clamem, roguem uns pelos outros, para que seu clamor seja a voz daqueles que estão sem forças para orar por si mesmos. 

Sejam vozes uns para os outros, sejam fogo uns para os outros, atraiam dos Céus Graças e Misericórdias uns para os outros, e assim alcançarão a paz.  

Têm a Minha bênção para isso. 

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Filho, 

Faz de tuas lutas internas um caminho para aprofundar tua união com Deus e teu amadurecimento como ser humano e espiritual. 

Que em tuas dificuldades mais profundas não busques preencher os teus vazios com o que é ainda mais vazio, que são as coisas do mundo. 

Busca o alívio para as dores, a cura para os teus temores, a resposta para as tuas questões internas, a plenitude para o teu vazio sempre em Deus. Busca teu Criador no silêncio, na oração, no canto, na respiração, no serviço, na própria vida. 

Encontra o Pai Celestial naquele que sofre, nos mais necessitados, naqueles que tens ao teu lado, teus irmãos de caminho, teus companheiros. 

Encontra o Pai Celestial na natureza, no ar que respiras a cada dia, no silêncio, no mistério que há em teu interior. 

Encontra o Pai Celestial na força que te vem de dentro para tomar uma decisão, para não permanecer nas infantilidades, para não cair nas mesmas tentações, para não cometer mais os mesmos erros e mudar. 

Encontra teu Pai Celestial na resposta de amor que podes sentir, mesmo que seja por um segundo, na gota de água que cai do céu no deserto de teu coração, e que pode não saciar tua sede, mas sim te dá uma esperança.

E assim, filho, faz de cada prova uma dádiva, uma oportunidade de encontrar a Deus e crescer.

Ora e serve. Descobre que servindo nas coisas mais simples também encontras plenitude, porque não se trata de empreender grandes missões, mas sim de sair de si mesmo para amar, e que o amor lave teus olhos e te faça perceber a vida de uma forma diferente. 

Ora e faz da vida uma oração. Assim encontrarás a paz. 

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

 

 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Uma alma apaixonada por Deus e disposta a entregar-se a Ele com todo o seu coração, todos os dias orava e cantava, fazendo-Lhe a oferta de sua vida, de seu amor, de cada espaço de seu ser. E um dia, entre os seus devaneios e ofertas, disse ao Senhor: – “Senhor, entrego-Te minha vida, meu coração e a eternidade, para estar sempre em Ti. Entrego-Te tudo o que sou, e passaria a eternidade aos Teus Pés, em oração, porque apenas aspiro a estar em Ti para sempre.”

E, olhando-a com amor, o Senhor respondeu-lhe: – “Alma pequena, que com sinceridade aspiras a entregar-te, entrega-te pois em cada instante de tua vida, entrega-Me teu ser não apenas em uma oração, mas também em cada ação e pensamento de teu dia. 

Entrega-te a Mim servindo ao próximo, dizendo-Me sim incansavelmente, na eterna superação de ti mesma. Entrega-te a Mim no silêncio, renunciando a dar o teu parecer para acolher a sabedoria do próximo e seus conselhos. 

Entrega-te a Mim deixando que outros cresçam e encontrem seu lugar em Meu Plano, enquanto Eu cresço dentro de ti. Entrega-te a Mim renunciando às tuas vontades e vivendo em obediência e resignação o que Eu pensei para ti. Entrega-te a Mim com um pensamento puro, não julgando, criticando ou atacando teus semelhantes com tua mente e com teu coração. 

Entrega-te a Mim no esforço para amar o próximo e dar sempre um exemplo de um coração paciente e compassivo. Entrega-te a Mim com sinceridade, com vida, com transformação, com deserto ou com alegria, com penas ou com regozijo. Entrega-te a Mim em cada instante; assim saberás que Eu vivo em ti, porque Me abriste a porta não apenas de teu coração, mas de todo o teu ser.”

Que esse diálogo com Deus lhes ensine, filhos, que a entrega ao Criador deve ser em cada instante e em todas as coisas da vida; a entrega é plena, completa e incondicional. Assim, aprenderão a estar em Deus e permitir que Ele esteja e seja em cada um de vocês.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Oração para imitar a Cristo

Senhor, 
que meus olhos contemplem o mundo com Teus Olhos;
que meu coração sinta a vida como o Teu Coração;
que minha alma viva na Terra, e além dela, como Tua Alma;
que meus dias sejam um eterno reflexo de Tua Misericórdia, 
para que eu veja o próximo como Tu me vês, 
para que assim eu compreenda o próximo como Tu me compreendes, 
para que eu seja paciente com o próximo como Tu és comigo,
para que eu fale com o próximo como Tu falas com os Teus,
para que eu atue com o próximo como Tu atuas com os Teus, 
e eu entregue a eles tudo quanto Tu desejarias entregar.

Que assim, Senhor, 
eu ame como Tu amas,
sirva como Tu serves 
e viva como Tu vives, 
eternamente.

Amém.

 

Orem como os primeiros companheiros de Cristo que, unidos em torno d’Ele - judeus, pagãos, ateus, pescadores, prostitutas, eruditos e soldados, pobres e cobradores de impostos, médicos e leprosos -, aprenderam a se amar como Ele os amava.

Através de Sua sagrada Presença, os seus olhos se tornaram misericordiosos e puderam ver além das misérias e aparências.

É assim, filhos, com esses mesmos olhos que devem se olhar hoje. É assim que devem reconhecer-se, uns aos outros, na Presença eterna de Cristo, amando, compreendendo, sendo pacientes, misericordiosos e compassivos, como é o Seu Coração.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Acalma teu coração e descansa na unidade com Deus.

Descansar, filho, no sentido de não alimentar batalhas com tua própria mente, que apenas abrem caminho para as dúvidas e as fraquezas, para os assédios e os desvios.

Descansa em Deus o teu coração, sabendo que neste tempo de caos, mais do que nunca, cada instante de tua vida é guiado e acompanhado pelo Criador.

Confia no Seu Amor insondável e misericordioso.

Confia no Seu Perdão e na Sua Cura.

Cada dia em que a humanidade, como raça, ingressa em dimensões e realidades de maior caos, teu coração deve estar mais em Deus, tua confiança, tua fé, tua vida em Suas Mãos, tua alma a Seu serviço, e assim não te perderás do caminho, ainda que na confusão do mundo.

És chamado a deixar-te guiar, humildemente.

És chamado a obedecer por amor.

És chamado a servir com todas as tuas forças e com todo o teu coração.

És chamado a curar-te de corpo, alma e espírito.

És chamado a soltar o velho homem e adentrar na vida eterna.

És chamado a descansar em Cristo e já não tentar controlar a vida e os acontecimentos, porque tua única certeza neste tempo deve ser o Amor de Deus por ti.

Tens a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM PHOENIX, ARIZONA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Enquanto percorrem os lugares sagrados, tenham em seus corações toda a humanidade, toda a vida.

Sintam que tudo o que recebem, como impulso interior, chega a cada ser da Terra e além dela.

Sintam a unidade espiritual que se estabelece nos corações dos que sabem que tudo o que recebem não é para si, mas para que o Plano de Deus se cumpra em todos os Seus filhos e neste mundo.

Além de unir as dimensões e chegar ao Coração do Pai Celestial, os seres humanos, filhos, têm a possibilidade de compartilhar interiormente todos os aprendizados evolutivos que vivem, assim como todos os códigos de luz que recebem para dar seus passos em direção ao Amor de Deus.

Foi dessa forma que o Amor alcançado por seu Senhor na Cruz transbordou de Seu Coração, e tudo o que Ele alcançou chegou a cada ser deste planeta e muito além dele. 

Este é um dos dons que Ele lhes ensinou com Sua entrega: o dom de doar não apenas a si mesmo, mas todas as Graças recebidas e alcançadas; o dom de sentir-se unido a todas as criaturas e saber que tudo o que vivem é por todo e cada ser deste planeta.

Olhem para o próximo, mesmo que seja um desconhecido, e saibam que também ele é parte de Deus e está aqui para aportar algo, aprender algo, redimir algo e alcançar o mesmo amor que, por Graça e Misericórdia, vocês recebem todos os dias.

Quanto mais deixarem influir as dádivas recebidas e, conscientemente, viverem as Graças como um serviço pela humanidade, mais, filhos, essas dádivas fluirão ao mundo. 

Lembrem-se que os seres humanos são um grande mistério. Mistério que se desvela experimentando e vivendo, arriscando-se a amar e a servir cada vez mais profundamente.

Têm a minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM EXTRAORDINÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Relato da mensagem:

Durante a cerimônia de consagração dos Missionários no Centro Mariano de Figueira, havia uma estátua de São José no altar e, em um determinado momento, ela começou a brilhar muito intensamente. Observamos esse movimento para compreender o que estava acontecendo, e quando os sacerdotes estavam se aproximando do altar para consagrar a Eucaristia, sobre eles começaram a se abrir muitos portais, de uma forma rápida e intensa. Nesse momento, luminoso como um sol, apareceu São José.

Atrás d'Ele, havia um caminho para a África, e Ele estava rodeado de crianças e também trazia uma criança africana em Seus braços. Ele disse que veio para que compreendamos a importância das missões humanitárias para a Hierarquia.

Trouxe consigo uma Graça para cada missionário que se consagrou, algo espiritual e interno, e transmitiu uma mensagem extraordinária. Foi a primeira vez que São José apareceu, desde o fim dos ciclos de Suas Aparições, no último dia 18 de agosto.

Ele nos disse:

 

Venho no silêncio, pela Vontade de Deus e por Seu Divino Amor. Venho porque, para Mim, tão importante quanto acolher e servir às almas da África é acolher os que se consagram ao Plano de Deus e à missão primeira de resgatar o amor nos corações de todos os seres, na consciência de todos os Reinos da Natureza.

Venho para abençoá-los, não porque todas as bênçãos que já receberam não foram suficientes, mas porque devem compreender quão importante é para Deus a missão que levam adiante e que seguirão levando pelos quatro cantos do mundo.

O Criador acompanha os seus passos, assim como Eu também os acompanho; seja inspirando os seus espíritos, seja observando os seus caminhos, Eu sempre os acompanharei.

Hoje se abrem os Céus como se abrem os seus corações, porque a cada oferta que a humanidade realiza, novos méritos são gerados para a salvação e redenção da humanidade.

Hoje venho não apenas com uma bênção; venho abrindo o caminho de seus espíritos para que cheguem à Minha amada África. Eu ali estou. Em onipresença e amor, indico-lhes a direção na qual há a maior necessidade. Venham comigo ao encontro da transformação de suas vidas.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE DÜSSELDORF, ALEMANHA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Seja cada instante de tua vida uma missão ofertada ao Criador. Encontra em cada acontecimento uma oportunidade de servir, renunciar, amar, compreender, para que os princípios crísticos inundem os teus atos e se instalem em tua consciência, e, assim, filho, ingressem no profundo da consciência humana, ali onde são gerados os pensamentos, sentimentos e as ações.

Compreende cada momento como o momento correto de te ofereceres como instrumento para o Pai e, mesmo que for para aqueles que estiverem ao teu lado todos os dias, sê uma fonte de paz, de graça, de cura, através da qual possam fluir os Raios que provêm de Deus em auxílio da humanidade e de toda a vida sobre a Terra.

Recorda à tua consciência o seu propósito neste mundo. Já sabes que vieste ao mundo para viver uma Lei Maior, que restaura a vida e a evolução de todas as criaturas de Deus.

Em tuas menores ações, imprime este propósito de paz. Assim, filho, estarás em Deus e Ele em ti.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Depois de abrir as portas de teu coração para viver o dom da gratidão, deixa, filho, que teu ser receba as bênçãos que provêm de Deus. Com as bênçãos do Altíssimo, deverás fortalecer teu mundo interior, tua missão no serviço a este planeta, sobretudo através da oração.

Cada dia que passa, as nações clamam espiritualmente por auxílio, e o próprio coração da Terra se faz ouvir pelos que são sensíveis ao amor e à verdadeira necessidade deste mundo.

Por isso, ora e ora com fervor, oferecendo as tantas Graças e bênçãos que recebeste do Céu, em nome de todos aqueles que nada têm.

Ora pelo coração da África, de forma especial, para que, apesar de todo sofrimento, não perca a sua pureza e inocência.

A África deve ser o símbolo do renascimento deste mundo. Do seu seio provém a vida, e depois de tudo o que aprenderam, também de suas entranhas, o amor deve se renovar e superar.

Ora para que as nações transcendam as purificações deste tempo, e que no topo do calvário deste mundo estejam os seres capazes de perdoar e amar acima de todas as coisas.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Onde houver um coração que ora, aí estará Deus, escutando suas preces e com elas equilibrando o mal que circunda o mundo.

Onde houver um coração que serve, aí estará Deus, trabalhando através de suas mãos e construindo fortalezas no interior dos que perderam a esperança.

Onde houver um coração que ama, aí estará Deus, amando dentro de Seus filhos e renovando o amor, para que ele se expanda e faça renascer todas as coisas.

Onde houver um coração que persiste no Propósito Divino, apesar das adversidades e das dificuldades para manifestá-lo, aí estará Deus, construindo lentamente o Seu Plano, preparando silenciosamente uma nova vida, uma nova humanidade.

Onde houver um coração que ama e serve aos Reinos da Natureza, aí estará Deus, fazendo com que as Suas criaturas aprendam umas com as outras e, assim, vivam em comunhão.

Onde houver um coração que acredite no novo tempo, aí estará Deus, preparando o retorno de Seu Filho, para que Ele venha transformar e curar todas as coisas, instituindo uma nova vida sobre a Terra.

Sejam esses corações que oram, que servem, que amam, que persistem, que acreditam, que têm fé. Assim, filhos, aí estará Deus, a seu lado e dentro de seus corações, fazendo de suas vidas instrumentos triunfadores de Seu Coração.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

A vida deve ser permeada pela transparência, transparência ao servir, entregando o melhor ao próximo e, ao mesmo tempo, reconhecendo as próprias limitações, para não oferecer nem mais nem menos do que aquilo que se pode entregar.

Transparência ao orar, estando diante de Deus com a sinceridade de seus corações, não porque Deus não os veja tal qual são, mas porque este é um momento para que vocês mesmos reconheçam as próprias debilidades e sejam impulsionados à transformação, pela Graça Divina.

Transparência no ser, para que, no seu dia a dia, deixem transparecer ao próximo o que verdadeiramente são, e que suas relações com seus irmãos no mundo sejam permeadas pelo espírito da verdade e da sinceridade, esta que deve estar plena do Amor de Deus.

Transparência no verbo, para que sua boca pronuncie apenas a verdade e não queira aumentar nem diminuir os fatos, mas que apenas deixe transparecer o que é real, para que, através do verbo que cria, a verdade se plasme na vida dos homens.

Sejam transparentes no amor, abrindo-se para acolher a si mesmos e ao próximo como são, não querendo transformar a própria essência em algo que pertence a outros nem querendo que o próximo seja como lhes convém.

Sejam transparentes, sobretudo diante de Deus, porque é no diálogo sincero com o Pai que aprenderão a amar a verdade.

Têm a Minha benção para isso.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Que a Graça de Deus desça sobre todas as famílias do mundo. Que os corações aprendam a amar-se, respeitar-se e servir-se mutuamente, com o propósito de atrair para a Terra a nova vida.

Que a Graça de Deus dissipe, dos corações dos mais jovens, o desrespeito e o desamor para com seus pais.

Que a Graça de Deus dissipe, do interior dos pais, o sentimento de posse e incompreensão em relação a seus filhos.

Que cada ser tenha o caminho aberto para cumprir com sua missão espiritual, e que as dívidas espirituais e internas não sejam motivo de separações humanas, de incompreensões ou de incapacidade de perdoar.

Que os membros de uma mesma família levantem-se, uns aos outros, para que, neste tempo, estejam prontos para o que virá.

Orem, filhos, orem todos pela paz.

As famílias de hoje são a base para a nova vida de amanhã e, se querem ver surgir no horizonte do mundo o novo tempo e a nova humanidade, deverão orar para que se mantenham como princípios sagrados para a vida, como as bases para a Nova Terra.

Orem, filhos, de coração, para que um novo padrão de vida se institua na Terra, e que o amor triunfe nos corações dos homens.

Orem e não se esqueçam de orar.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

Quem somos?

Associação Maria
Fundada em dezembro de 2012, a pedido da Virgem Maria, a Associação Maria, Mãe da Divina Concepção é uma associação religiosa, sem vínculos com nenhuma religião instituída, de caráter filosófico-espiritual, ecumênico, humanitário, beneficente, cultural, que ampara todas as atividades indicadas através da Instrução transmitida por Cristo Jesus, pela Virgem Maria e por São José. Ler mais

Contato

Mensageiros Divinos