Domingo, 13 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, NA CIDADE DE CAMPINAS, SÃO PAULO, BRASIL, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Ajoelhe-se todos os dias diante do Altar de Deus e clame por Piedade e por Misericórdia. Peça ao Senhor que desperte a humanidade do sonho em que vive e disponha-se a seguir os Seus Desígnios Celestiais, não importando quais sejam.

Filho Meu, filha Minha, escutem a Voz de Deus, que fala diretamente ao seu coração, convidando sua alma a dar um novo passo e consagrar-se a uma vida superior. Peço-lhes que sejam dignos de viver o Projeto do Criador e, por meio de sua transformação, permitam que outras almas encontrem um caminho para a redenção.

Filho, se você escuta a voz de Sua Mãe Celestial, é porque chegou a hora de render-se diante de Deus. Já não espere que o sofrimento da vida traga um aprendizado insuperável para o seu espírito, para que assim sua alma perceba que andava por caminhos que não levavam a Deus.

Veja, o mundo à sua volta agoniza e seus irmãos padecem, dia a dia, a submissão à escuridão. Muitos estão na amargura das guerras, com o medo da morte e com a impossibilidade de sequer ter uma vida digna segundo as leis do mundo. E a vocês, filho Meu, filha Minha, Eu chamei para estarem ao Meu lado, e não foi por acaso.

Minha voz se pronuncia diante de seus olhos e fala diretamente ao seu coração, porque vocês fizeram um compromisso com Deus, pela humanidade e pelos Reinos da Natureza, pela evolução deste mundo e de muitos outros.

Saiba, Meu amado filho, que o tempo de aprender por meio do amor já chegou para você, porque o tempo do verdadeiro sofrimento para a humanidade ainda está se aproximando e recentemente inicia seu ciclo. Você ainda tem tempo de aprender a amar e a perdoar, de ser um servidor ou um servo de Deus. Mas seja valente e não demore em responder, porque o tempo do relógio já não se conta da mesma forma; os ponteiros se aceleram e um minuto já não tem mais sessenta segundos.

Sou sua Mãe, a Rainha Universal, portadora de uma Paz que transcende quaisquer dor e sofrimento e que pode perseverar nos corações dos que Me acompanham, independentemente dos acontecimentos do mundo.

Por isso, filho, sinta em Minha voz a urgência dos tempos e em Minha calma a última possibilidade de despertar a humanidade.

Sua Mãe Celestial já derramou Suas lágrimas diante de Deus e ofereceu a si mesma pela sua salvação e pela salvação de seus irmãos; mas o Senhor é Justo e espera que da humanidade parta a iniciativa de transformar a vida no planeta.

Os seres humanos devem tornar-se dignos filhos de Deus, e isso, amados Meus, sua Mãe Celeste não pode fazer por vocês.

Quisera, filho, que Meu amor por si só tocasse o seu coração e o retirasse da ignorância da vida material, para levá-lo ao sagrado e à consciência de que são tempos de emergência.

Quisera fazê-lo compreender, com Minha santa Paz, que isto que lhe entrego, como bênçãos e graças, deve ser vertido, por meio de suas orações, sobre as almas perdidas no mundo.

Quisera, filho, que os acontecimentos que fazem que seus irmãos agonizem fossem suficientes para fazê-lo sair de si mesmo e servir aqueles que você tem ao lado, fazê-lo perdoar o que ainda não perdoou no próximo e em você mesmo e reconciliar-se com Deus.

Escutem, amado Meu, amada Minha, porque hoje lhes falo diretamente: despertem e unam-se ao Meu exército de paz, porque Sua Mãe Divina já não sabe como advertir o mundo e clama aos corações dos homens que aceitem viver a redenção.

Hoje lhes deixo Minha Paz e lhes agradeço por virem ao Meu encontro, ainda que saibam que muitos dos que convoquei não estão aqui.

Difundam Minha mensagem de paz, anunciem Minha presença. Não deixem que seus irmãos se percam, se Eu estou aqui para levá-los a Deus.

Eu os amo e os abençoo.

Sua Mãe Maria, Rosa da Paz