Segunda-feira, 12 de março de 2018

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

A Hora de confirmar o Compromisso

Queridos filhos,

Chegou a hora de confirmar ante o Pai seu compromisso incondicional com o serviço, a doação, a disponibilidade e o maior tempo de servir a Deus.

Chegou a hora, depois destes últimos dez anos de Graças e bênçãos, de que os Filhos de Maria se confirmem ante o Plano de Deus, que espera realizar-se através de suas vidas.

Filhos, chegou a hora para os velhos servidores da Obra se confirmarem ante o Plano de Deus e doarem ainda mais seu tempo como só alguns já doam integralmente, sem horas, sem sono e sem condições.

Queridos filhos, chegou a hora de confirmarem seu compromisso com as diferentes faces da Obra e, sobretudo, com as bases espirituais que se encontram expressas por meio das Comunidades-Luz e de sua vida grupal.

Filhos, chegou a hora de que confirmem e assumam seu compromisso ante o Pai dentro desta Obra que foi concebida há anos e de que já não estejam em meios caminhos, mas que decidam pelo despertar definitivo e pela evolução.

Queridos filhos, chegou a hora de viver a espiritualidade e o Propósito inteiramente, e não apenas nos fins de semana ou nas horas livres do dia.

Chegou a hora, filhos, de assumirem o que em verdade vieram assumir nesta vida, de assumirem um serviço integral e definitivo por um planeta e por uma humanidade enferma e adormecida.

Queridos filhos, chegou a hora de viverem o que dizem que devem viver, de que não estejam em meios-termos ou buscando saciar suas carências ou incompreensões em outros lugares.

Esta Obra de amor e de redenção incondicional é a que lhes oferece Meu Filho por milhões de almas mais, as que algum dia deverão despertar assim como vocês despertaram.

Filhos Meus, chegou a hora de darem o passo e não pensarem mais. O Pai espera por vocês para poder manifestar Seu Plano de Resgate e, sobretudo, espera sua integral adesão a todos os Seus pedidos dentro desta Obra de amor que vocês vivem.

Chegou a hora, filhos, de que, por vocês mesmos, percebam e se deem conta daquilo que não estão fazendo, daquilo que não estão sacrificando ou oferecendo por um objetivo maior.

Filhos Meus, chegou a hora de que coloquem seus pés em um só caminho, em uma só senda.

Digo-lhes isso, filhos, porque o tempo passa e não poderão esperar mais trinta anos para poder definir seus caminhos.

Já não podem buscar somente os benefícios pessoais dentro da Obra; já não podem apenas aspirar pelas Graças do Céu e não fazer sacrifícios nem esforços que devem ser imediatos.

Já não podem, filhos, apenas estar presentes quando tudo está por começar nos encontros de oração ou de instrução.

Onde está esse fogo que antes os incendiava de amor pelas Comunidades?

Onde está esse fogo interior que antes os levava a dar tudo por amor, a preparar cada espaço, a estar presentes com antecipação para celebrar com os irmãos?

Filhos, já não há tempo, essa é a verdade.

Já não são crianças mimadas por sua Mãe Celeste; já são servos e discípulos consagrados por Meu Filho. Que esperam para dar o passo?

Peço-lhes, filhos, que estes próximos encontros que virão os ajudem a confirmar-se e a não se refugiar em suas casas e modos de vida, já que há muito por fazer, e as nações dia a dia se desestabilizam.

Filhos, Sou sua Mãe Celestial e necessito de vocês a Meu lado de uma forma incondicional.

Entristecem-Me as conveniências pessoais ou os gostos. Eu os quero disponíveis, imediatos, vigilantes e guardiães de Minha Obra. Isso permitirá ante o Universo que Eu possa estar mais tempo entre vocês.

Meus soldados de sempre já estão cansados de lutar sozinhos e chegará um dia em que não poderão levantar-se do chão por estarem exaustos de tanto trabalhar.

Ofereçam-se ao Plano, de verdade. Não assumam tarefas leves; a Obra exige mais mãos, mas, sobretudo, mais corações incondicionais.

Agradeço-lhes por Me escutarem de coração e sem resistências!

Abençoa-os para sua breve definição,

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz