Quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

Mensagem especial
MENSAGEM EXTRAORDINÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS, PARA A 89ª MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Se tu desatares os nós que tens na Terra, no Céu os nós também serão desatados.

Assim, cumpre-se uma Lei, a Lei da Impermanência, daquilo que não é fixo nem estático.

Desatar os nós da consciência significa uma liberação neste tempo, uma oportunidade que tu estás dando ao universo para que ele possa regenerar-se e recriar-se.

Quando tu desatas os nós na Terra, o universo se encarrega de desatar os nós no Céu, e tudo alcança uma liberação que é desconhecida, que não se pode medir com o pensamento nem com o intelecto.

É uma liberação que surge do coração que confia no universo e nas possibilidades que lhe oferecem as Leis universais e os Raios materiais.

Quando se desatam os nós no Céu, abrem-se as portas para outras perspectivas, abrem-se as portas para outras aprendizagens e escolas que tu antes nunca havias alcançado poder viver por diferentes razões e motivos.

Neste tempo, é muito necessário desatar os nós da consciência, não só os que estão na Terra, mas também os que estão no Céu, porque tu permitirás que a consciência angélica possa intervir e interceder por ti. Não existe uma forma de gerar esse movimento, tampouco existe uma atitude ou um pensamento.

Desatar os nós na Terra e no Céu é uma possibilidade que tu ofereces à tua alma e, em consequência, ao teu espírito e ao que está além dele. Assim, uma história interminável começa a se encerrar.

As portas do passado, dos erros, fecham-se, e a consciência que desata os nós aqui, na Terra, recebe uma Graça, recebe uma oportunidade que não pode ser medida pelo movimento nem pelo pensamento; só pode ser sentida com o coração, com a oportunidade de amar e de reconhecer a Misericórdia Divina.

Se cada ser humano deste planeta aprendesse a desatar os nós que possui aqui, na Terra, imaginai, por um momento, quantas coisas aconteceriam, quantas oportunidades seriam oferecidas, que benefício receberia a consciência do planeta que vive em um constante sofrimento!

À medida que o fim dos tempos se aproxima, maiores serão os acontecimentos no ser humano. Não só poderá reconhecer as moradas que Deus lhe deu, para que algum dia as converta em templos sagrados de elevação e de entrega, mas também esse mesmo ser humano reconhecerá e saberá tudo o que fez em outros tempos.

Acaso não tem sentido saber a Verdade? 

Isso não significa retroceder nem ficar no passado. Significa corrigir, conscientemente, o que nunca foi corrigido, o que nunca foi perdoado nem reconciliado no interior, nem com a existência, nem com o universo.

Há muitas consciências que necessitam desatar esses nós nestes tempos para poder dar seus passos, os passos seguros ao Meu Coração e à Minha Consciência, os passos que Eu espero que vós deis, dia a dia, com determinação, livres da mediocridade, da negligência, do que é pouco, do que é pobre, porque Deus, desde suas origens, tem dado-vos tudo, e ainda não o sabeis.

Necessitais corrigir o que aconteceu para que alcanceis a realidade e aprendais, como vossos irmãos, a sair da ilusão do mundo, aprendais a mergulhar em Nossa Vida Superior.

Se não estivésseis aqui, ao Meu lado, não poderíeis viver o que hoje viveis ou o que hoje aprendeis. As escolas que Eu ofereço são únicas, são irrepetíveis, são intransferíveis, porque sei o que cada alma e cada espírito necessitam para poder evoluir.

Tudo o que Eu vos dou e tudo o que Meu Pai vos deu através dos tempos e, sobretudo, desde as vossas origens, desde a Fonte, não pode ser oferecido com pouco. Vossa doação deve ser ampla, infinita e incomensurável, assim como Eu o fiz por vós até o último minuto, no último segundo de Minha expiração.

E mesmo nesse momento não Me detive, demonstrei-vos por meio da Ressurreição como alcançar o ressurgimento do espírito, desde as cinzas do passado, para ser impulsionado pelo fogo da Fonte Divina e assim poder curar tudo, assim poder redimir tudo, assim poder ingressar no Reino de Minha Paz.

Vossas estruturas devem ser removidas do lugar. Meus tesouros não podem ser depositados em universos internos que são vazios e pobres.

A verdadeira pobreza de espírito é alcançada com a doação do coração, a doação da vida, a abnegação. Isso é o que Eu necessito de vós, é o que necessito de cada coração humano.

Cada um sabe o que Me deve dar, o que Me deve apresentar, o que Me deve oferecer. Não são tempos de medir o que se deve dar ou até onde se pode chegar. Se vós dizeis viver em Meu Coração, acaso não poderíeis fazer tudo?

A aliança Comigo não deve ser construída sob princípios tíbios. A aliança Comigo deve estar fortalecida na cristificação e no agradecimento permanente pela oportunidade que se apresenta em vossas vidas, dia a dia, a oportunidade que vos entrega o universo em cada novo passo.

Porque cada um deve ser uma peça importante deste grande quebra-cabeça do Plano. As peças podem ser substituídas, as peças podem mudar de lugar segundo a necessidade e a Vontade do Meu Pai, mas Minhas peças preciosas não se podem perder como se nada tivesse ocorrido.

Vós tendes exemplos muito próximos de peças que perdi, porque estão nas mãos do Meu inimigo. Acaso alguma vez sentistes o que isso significa para Mim? E com que Olhos devo olhar para o Pai para que interceda por eles?

Ninguém tem a capacidade de compreender o que significa sua estadia neste planeta, nesta escola que Eu instituí por meio da Cruz para que vivais a redenção.

O próprio Deus encarnou entre vós e entregou-vos Sua Palavra, deu-vos Seu Testemunho e Sua Boa-Nova, ofereceu-vos os milagres, as conversões e as liberações das almas. Fez-se Corpo através do pão e deu Seu Sangue através do vinho.

Ele se renova de forma constante no ofício sacerdotal, na oportunidade que têm Meus apóstolos de reviver Minha Paixão e de amá-la, de cada dia amá-la mais, com profundidade e sem superficialidade.

Deveis sentir a Paixão do seu Mestre e Senhor, oferecida em cada nova Eucaristia, em cada nova Comunhão, porque, se o mundo não se aferra a isso, como sobreviverá? Como permanecerá na Paz do Senhor diante de tantos conflitos e enfermidades?

Agora, vós não só deveis servir-vos do Meu Corpo e do Meu Sangue, vós deveis ser parte do Meu Corpo Místico. O que esperais?

Assim, entre poucos companheiros no mundo, Eu fortalecerei Meu Corpo Místico, que será alimentado por Meu Corpo Eucarístico, por Meu Corpo de Luz, para que o mundo inteiro não deixe de ver a Luz, apesar das trevas.

É nos mundos internos onde se realiza o Plano, onde se levam adiante as grandes operações de Seu Mestre e Senhor com cada uma das almas da superfície da Terra.

Sempre querem atacar e destruir o sacerdócio, porque o poder do sacerdócio que Eu vos ofereço é inquebrantável, e as portas do inferno temem isso.

Por isso, até a última gota de Meu Ser foi derramada na Cruz e, mais ainda, a Água e o Sangue do Meu Lado deram vida, cura e renovação para todos.

Ainda que Minhas Chagas tenham cicatrizado na Ressurreição, Eu necessito que os sinais de Minha Paixão estejam vivos nos sacerdotes e nos crentes, nos que professam a fé, apesar dos tempos difíceis.

Nos sinais das Minhas Chagas se encontra vossa liberação; no poder do Meu Sangue se encontra vossa redenção e a justificação diante do Pai de todos os vossos erros e pecados cometidos desde Adão e Eva.

Agora, vós deveis ser este mistério que se revela, transforma-se e se redime; deveis ser a expressão desse amor, deveis querer alcançar as esferas superiores que Eu vos ofereço neste momento planetário, porque ainda há muito por fazer.

Vosso descanso estará no serviço sacerdotal, na vida que cada um possa dar aos Meus Sacramentos. Porque agora que as almas não podem recebê-los presencialmente, Meus sacerdotes devem ser esse sinal sacramental que seja gravado nos mundos internos, para que as almas que sofrem e padecem se fortaleçam.

Aspirai a alcançar a perfeição no serviço sacerdotal, porque o mundo o necessita, a humanidade o necessita, e assim se  preparará o Meu Retorno.

Que as almas descubram suas verdadeiras virtudes, que vejam com olhos de amor o que Deus lhes entregou e que não mergulhem somente em suas impurezas e imperfeições, porque é aí que Meu inimigo vos quer. Se dizei ser inteligentes, porque estais aí?

Que a força do vosso amor não esteja na mente, mas no coração, no sentimento profundo de amar como Eu vos amo, de servir como Eu vos sirvo, de unir como Eu vos uno com a Fonte de Meu Pai Eterno.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.