MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE BUENOS AIRES, ARGENTINA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

No princípio, Deus pensou e sentiu em Seu Misericordioso Coração que deveriam existir criaturas tão semelhantes a Ele que, por amor à vida, pudessem povoar todos os espaços do Universo para poder experimentar a felicidade de estar dentro de Seu Reino.

Ali foi quando nasceu o Projeto Divino, porque Seus Filhos, seres da Terra e de todo o Universo, eram o mesmo Projeto, que surgiu e foi criado por intermédio dos Arcanjos nas Fontes de Luz.

Dessas Fontes de Luz, todos os Seus Filhos guardam, dentro de si, uma chispa divina, a chamada Essência.

Mas foi quando se manifestou a primeira desobediência por parte de um dos Anjos de Deus que surgiram o mal e a escuridão, estados opostos à luz e à iluminação da consciência. 

Nesse momento, o Projeto Divino foi interferido, e para que o Projeto não se deteriorasse, o Pai Celestial decidiu Ele mesmo manifestar-Se e encarnar em diferentes momentos do planeta.

Foi assim para demonstrar que Ele amava e ama profundamente Suas Criaturas e que os amará eternamente, porque ninguém além do Pai Eterno conhece e sabe quem são Seus Filhos em essência e porque hoje estão aqui, sobre a superfície da Terra.

Dessa primeira desobediência surgiram os primeiros erros universais. Uma ação contrária e oposta à Vontade Divina foi criada no Universo Mental e por último se plasmou no Universo Material.

Através de acontecimentos e de fatos que levaram os Filhos de Deus a sair da Lei uma inumerável quantidade de vezes, surgiu o que conhecemos como a dualidade, que é o sentimento espiritual, mental e material de encontrar-se dividido ou contrariado diante dos passos espirituais ou internos que deve dar uma consciência a serviço de Deus.

Então, Deus voltou a encarnar há pouco mais de dois mil anos; desta vez, o Pai Eterno decidiu que a Sua Segunda e Divina Pessoa, o Filho, chegasse à Terra através de uma preparação espiritual e cósmica que fosse capaz de reverter o desvio que naquele tempo estava vivendo a humanidade inteira.

MENSAGEM PARA A APARIÇÃO EXTRAORDINÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE FÁTIMA, PORTUGAL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS, POR MOTIVO DO ANIVERSÁRIO DA MADRE MARÍA SHIMANI DE MONTSERRAT

O Projeto Divino da Redenção

Dentro deste Universo material, e na existência infinita de muitas formas de vida, o Criador pensou amorosamente em levar adiante um Projeto Divino de Redenção que, por meio da entrega de Seu Amado Filho, pudesse recuperar nas almas a união com o Alto e, especialmente, a comunhão espiritual com o Pai Celestial.

Esse Projeto não poderia ter falhas. Por isso, o Pai Eterno o encomendou e o entregou aos cuidados dos Arcanjos Miguel e Gabriel. E outra parte do Projeto Divino da Redenção esteve aos cuidados do Arcanjo Rafael.

Foi assim que a experiência e o testemunho de amor que Cristo deixou plasmados na consciência do planeta, através de Sua Paixão, Morte e Ressurreição, aproximaram a humanidade inteira da grande oportunidade de voltar a viver o caminho da redenção, em diferentes épocas e etapas.

Essa é a razão pela qual o Projeto Divino da Redenção se renova de tempo em tempo, por meio dos passos das almas na Escola dos graus de amor e de perdão.

Cada vez que alguma consciência dá um passo no Projeto Divino da Redenção, esse acontecimento passa a fazer parte do Legado Crístico de Amor que a nova humanidade receberá para poder começar a viver, verdadeiramente, o Plano de Deus.

Esse Projeto Divino da Redenção também enfoca a história de vida terrena e espiritual, álmica e cósmica que cada consciência traz como bagagem interior.

É assim que, quando as almas se definem a seguir o caminho de Cristo e da vida fraterna, toda a história da consciência começa a ficar em evidência ou é revelada através dos impulsos de seu trabalho espiritual de serviço.

Quando a consciência enfrenta sua verdadeira história, e o desconhecido lhe revela a realidade de seu espírito e de sua alma,  na maioria dos casos as consciências negam a origem ou o sentimento desses conhecimentos ou dessas histórias, que através dos tempos marcaram uma ferida espiritual inapagável, que trouxe consequências e traumas espirituais, internos e até físicos.

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE FLORIANÓPOLIS, SANTA CATARINA, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

A paz é a chave mais importante para a elevação da consciência humana nestes tempos.

Se a paz está unida à oração e ao canto, constrói-se uma potentíssima ponte de união entre o Universo Material e o Universo Espiritual.

Essa ponte de união, elevada e erguida através da oração e do canto que promovem a paz, chega às almas que perderam a esperança e o ânimo de seguir vivendo e toca tudo que necessita de cura interior e espiritual.

A paz no mundo só pode estabelecer-se através da oração e do canto oferecidos a Deus para que Ele, como Pai Misericordioso e Compassivo, mude o destino de toda a raça humana.

Cada vez que oferecem uma nova oração ou um novo cântico, vocês criam a condição espiritual para que  poderosos caudais de graça e de misericórdia desçam sobre o mundo e sobre a humanidade.

Especialmente o canto abre os Céus, porque a voz é um dos maiores instrumentos que o Pai criou para os Seus filhos louvarem-no e, com simplicidade, unirem-se a Ele.

Animo-os, neste tempo, a seguir aprofundando este exercício para que mais graça e mais misericórdia cheguem à humanidade.

Agradeço-lhes por oferecerem as suas vozes a Deus.

Abençoa-os,

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE FÁTIMA, PORTUGAL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Além dos Universos - Parte I

Através dos Nomes de Deus as criaturas deste Universo Material encontram a possibilidade de se coligarem e de acessar estados de consciência superiores e desconhecidos. 

O desconhecido para as almas da Terra poderia parecer um mistério, mas, por trás desse mistério superior e cósmico, encontra-se uma revelação.

Através dos Nomes de Deus acessamos a revelação de um conhecimento, ou seja, de um aspecto ou forma que foi projetada para contribuir como ideia com toda a Criação.

Os diferentes Nomes do Pai Eterno permitem que as criaturas que Ele criou contatem Fontes sublimes e positivas de informação, que ajudam no despertar das virtudes da alma e no cumprimento da missão dos diferentes espíritos da Terra.

No caso deste Universo local, as diferentes chaves que proporcionam os Nomes de Deus constroem, nos Universos Material, Mental e Espiritual, essa inter-relação entre os planos de consciência e as criaturas.

Nos Nomes de Deus encontramos aspectos divinos da Criação e nos unimos a eles para atrair à vida terrestre o princípio de tudo o que Deus pensou, ou seja, aquilo que conhecemos como o Propósito.

Em cada Nome de Deus guarda-se não apenas um código, mas também uma chave de acesso aos Princípios da Criação que ainda esperam para se mostrarem e se revelarem à humanidade atual.

Quando nos unimos a um dos Nomes de Deus, estamos comunicando-nos espiritualmente com uma Virtude de Deus representada em um aspecto criador.

Um aspecto criador é um dos muitos Princípios da Fonte que se revela em altas voltagens de energia, de vibração e de espaços. É como se ingressássemos no epicentro fundamental da Energia Criadora, que se retroalimenta através dos impulsos cósmicos que a Fonte Primordial emana constantemente do Universo Espiritual.

Nesse sentido, ao contatar apenas um dos diversos Nomes de Deus, as criaturas conseguem, por seus próprios meios, unir-se essencialmente a uma rede suprema de energia espiritual que é emanada da Fonte da Criação, que gera o tempo todo a evolução e a recriação da vida por intermédio de experiências, de escolas e de aprendizagens.

MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

No princípio de tudo, o Criador aspirava a que todos os Seus filhos conhecessem a verdade e compreendessem a essência do Seu Amor, razão pela qual Ele se havia multiplicado.

O único motivo da existência de todas as coisas é o Amor de Deus, que em um momento foi tão grande que não coube n'Ele mesmo o que o fez multiplicar-se em Três, sem deixar de ser Único. E, ainda sem deixar de ser Único, multiplicou-se em muitos mais.

O mistério do Amor é que ele se multiplica e se doa, sem deixar de pertencer à mesma Fonte. Aquele que ama participa da multiplicação de Deus e da essência da Criação; aquele que ama verdadeiramente, ama com o Amor do Pai e o doa a todos, tornando infinita, e ao mesmo tempo única, essa presença Divina.

Chegará o tempo em que as palavras darão lugar à sabedoria do coração, porque o Verbo Divino é vibração e não conjuntos de letras, que formam ideias, conceitos e tentam encerrar em si algo que é inexplicável e compreensível ao mesmo tempo.

No princípio da escola humana, os seres da Terra atraíam, de experiências anteriores, o raio da ciência de Deus, porque, naquele momento, necessitavam do conhecimento Divino para evoluir como raça e como consciência. Porém, a humanidade limitou a ciência divina com os muros concretos de sua mente e muito do que o que Criador tentou revelar-lhes ficou preso na impossibilidade humana de receber os impulsos de Deus.

Foi assim que o conhecimento estancou-se na limitação da mente humana e aquilo que era infinito e sublime limitou-se tanto quanto o homem, que estava preso em sua matéria e distante de seu espírito.

Dessa forma, filhos, a verdade nunca lhes foi revelada, porque, apesar de acreditarem que tinham sabedoria, sempre tentaram colocar na compreensão humana um conhecimento e uma verdade que transcendem infinitamente essa compreensão.

Aqueles que puderam contemplar ou vislumbrar um pouco dessa verdade mantiveram-se em silêncio, porque sabiam que ela não cabia nos conceitos humanos; como lhes disse, o Verbo Divino é vibração e não palavras.

É por essa razão que a história do Universo, do Cosmos, da Criação, escreve-se nos Espelhos e não em folhas de papel.

Para compreender a verdade que lhes trago, devem ingressar no universo interior e ler no espelho do coração o que Eu lhes transmito.

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

A Rede de Comunicação dos Espelhos Celestes (continuação)

Abra seu coração e esvazie sua mente para compreender e viver os mistérios da Criação.

Nessa abertura, você poderá penetrar a essência do conhecimento, e tudo o que é sagrado no Universo não lhe chegará somente como informação, mas também como códigos de Luz que despertam em seu ser para transfigurá-lo.

Este é o poder dos espelhos, usinas celestiais de harmonia universal que concentram dentro de si todos os atributos da Criação. Dizemos e entendemos por atributos todos os raios e correntes celestiais que os Pais Criadores utilizaram para a manifestação dos planos e da vida.

São esses atributos que permitem, de tempos em tempos, renovar a vida universal e todos os ciclos, trazendo impulsos positivos que compenetram toda a Criação. É assim que os Espelhos Celestes guardam em si a lembrança de nossa origem espiritual, mental e material.

No princípio, na origem, o que compreenderíamos como a essência do Pensamento de Deus, a Fonte criou os Arcanjos, para que eles criassem os exércitos de luz no Universo Mental; e foi assim que, no princípio de tudo, o Universo Mental foi gestado pela existência dos primeiros exércitos dos Elohim.

Essas consciências resplandecentes foram impulsionadas a colaborar na criação do Universo Material, porque, no Pensamento e no Coração do Pai Eterno existia a Vontade de que houvesse grandes experiências de Amor que superassem todas as anteriores.

Os Pais Criadores desde o princípio criaram, a pedido de Deus, os Espelhos Celestes, porque dentro do Universo Material e Mental eles ajudariam na evolução espiritual de toda a vida universal.

Os Espelhos Celestes foram formados também por doze atributos, doze raios ou doze correntes de energia espiritual e divina que permitiriam manter a história da origem da Criação bem guardada e disponível, como uma informação luminosa para todas as consciências que seriam criadas à imagem e semelhança de Deus.

Os doze atributos que se expressaram durante a gestação do Universo Mental e Material emanaram diretamente do que conhecemos como Fonte da Criação, que é a essência pura e imaculada do Pai Eterno.

Desde então, durante doze ciclos ou doze tempos, o Universo Mental e Material que estava em formação recebeu esses impulsos espirituais para que se terminasse de constituir a vida evolutiva nos diferentes planos.

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

A Rede de Comunicação dos Espelhos Celestes

No vasto universo, onde a vida infinita se expressa, existem áreas específicas dentro do universo material como o de vocês, em que redes de espelhos atuam como retransmissores de correntes de energia divina, assim como de impulsos que são gerados através dos sete primeiros raios.

Nessa grande rede de comunicação, a vida evolutiva consegue comunicar-se entre si e, ao mesmo tempo, toda a vida universal capta espiritual e interiormente os impulsos que gera a mesma rede.

Entendemos por rede um amplo agrupamento de instrumentos espirituais da Hierarquia Celeste, que se utiliza para manter interligada toda a vida evolutiva com os princípios de Deus, o que, nesta humanidade, se conhece como Vontade Divina.

É essa Divina Vontade, proveniente da Fonte de Abba, que se retransmite universalmente através da rede de comunicação dos Espelhos Celestes.

Assim como no universo material existem espelhos de luz que cumprem funções específicas, a rede de todos os espelhos se inter-relaciona entre si, já que cada um desses instrumentos contribui para a vida universal com a possibilidade de ampliar o conhecimento, bem como de trabalhar no serviço ao Criador.

Os espelhos são formados por sutis emanações de amor dos Pais Criadores, dos Elohim. No princípio, quando os universos foram criados, a primeira forma de manter toda a vida universal comunicada era através do que denominamos Espelhos Celestes.

Foi assim que os Pais Criadores pediram aos Seus exércitos angélicos que, com seu poder mental superior, criassem, no Universo Material, grandes estanques de luz, que, mais tarde e através dos tempos, se converteram nos chamados Espelhos Celestes.

Os Espelhos Celestes foram criados a partir da fusão que tiveram com os códigos divinos do Amor e da Unidade. Foi a base essencial que permitiria que todo ser que vivesse no Amor do Pai pudesse entrar em contato com os tesouros espirituais guardados na rede de comunicação dos espelhos.

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos