MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA EM POTRERILLOS, LUJÁN DE CUYO, MENDOZA, ARGENTINA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Era uma vez, no tempo eterno, um Propósito infinito e amoroso do Único, no qual Ele queria refletir Sua experiência através de uma Criação formada e constituída por muitos tipos de vida.

Assim, foram criados primeiro os universos, suas galáxias, sóis e estrelas; depois foram criadas as nebulosas, e dentro delas já habitavam as dimensões e os planos de consciência.

Mais tarde, quando essa primeira Criação havia amadurecido, vibratória e espiritualmente, o Pai, com todo Seu Amor, fixou Seu olhar em um ponto do Universo, onde um planeta, o que mais havia brilhado, gerou uma condição espiritual maior que era capaz de abrigar e de receber um Projeto.

Para isso o Pai pediu que esse tesouro do Universo, que se estava expressando espontaneamente, recebesse um dos elementos e fluidos mais especiais da Criação: o elemento água, para que o que aconteceria depois tivesse o apoio necessário para poder desenvolver-se e evoluir.

Esse elemento traria para a consciência humana, que foi o último projeto realizado, a capacidade interior e também material de recordar sua origem não só desde o ventre materno, mas também sua origem superior.

O elemento água é a base fundamental para o equilíbrio emocional e sentimental do ser humano. Por isso, na criação do planeta Terra, o Pai quis conceder a Seus filhos a maior quantidade de oceanos e de mares, para que não sentissem a desconexão espiritual do ventre materno.

Foi assim que o Projeto humano foi acompanhado desde o princípio e tem sido o Projeto genético mais privilegiado, porque o próprio Projeto, para poder ser corrigido e redimido, recebeu a encarnação do Filho de Deus, para que a raça humana encontrasse um caminho direto por onde pudesse retornar à sua verdadeira essência.

Foi assim que outros seres humanos se ofereceram para que o Projeto pudesse perdurar e alcançar o maior grau de perfeição, o que foi possível por tudo o que ensinou Cristo, que foi o caminho do Amor e do Perdão.

Por isso todos os seres humanos, sob qualquer condição, têm a possibilidade, dentro de todo o Universo, de viver e de experimentar o Amor de uma forma direta e sem grandes esforços; um Amor que provém do espírito, um Amor que transcende os erros e que pacifica, que amplia a consciência e abre os sentidos internos para poder viver conscientemente o Plano e a Vontade de Deus.

Este pequeno planeta azul, dentro da Criação, é a escola predileta onde outras consciências universais podem aprender sobre como o Amor verdadeiro pelo Criador, pelo Pai Supremo, pode mover os acontecimentos e pode conceder milagres de vida e de redenção.

A chave está em vivê-lo e em confiar no poder do Amor Maior.

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado!

Abençoa-os,

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM ESPECIAL PARA A 76ª MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA, RECEBIDA EM GUATAVITA, COLÔMBIA, TRANSMITIDA POR CRISTO JESUS GLORIFICADO AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Hoje volto aqui, à Colômbia, como o Filho Solar, e a Meus Pés Eu lhes mostro, nos planos internos, a cidade sagrada de Guatavita, aquela cidade legendária que uma vez se expressou na superfície e trouxe para os Andes um sagrado conhecimento que ainda não foi revelado ao homem de hoje.

Mas muitos de vocês participaram disso.

Por isso estou regressando à Colômbia, para reuni-los em Meu Nome e para que definam seus caminhos por uma única Hierarquia, por uma única Lei, por um único grupo.

Este grupo de almas congregado por Meu Amor, assim como muitos grupos de almas que Eu tenho no mundo e que neste tempo chegam a Mim para servir-Me e expressar Minha Obra redentora, diante desta cidade sagrada, que brilha como o ouro e como o cobre, faço-o reverenciar internamente este legado, ao qual pertenceu em outros tempos, em outras experiências, e que agora os véus de sua consciência caem para que possa ver a verdade e a razão primordial de estar aqui, neste lugar, presentes neste país e unidos como irmãos.

Isso é o mais importante que necessito neste tempo para que a Colômbia, finalmente, possa expressar sua tarefa. Ainda há muito por fazer e ainda há muito por realizar. Vocês são o preâmbulo de algo muito importante, mas recordem a unidade e a Lei da Hierarquia. Se isso não se cumpre entre vocês, nada se manifestará.

Sei que não é fácil para muitas consciências obedecer ao que Eu lhes peço e cumprir estritamente o que diz a Hierarquia. Porém, companheiros, irmãos e irmãs Minhas, não há mais tempo, não resta  mais tempo. E essa é a realidade.

Os impulsos da Hierarquia interior chegam para converter os corações, para despertá-los, para purificá-los e transformá-los. Por isso hoje trago Minha Consciência Solar e, como um Ser Espelho, refrato sobre a sagrada cidade de Guatavita todos os princípios e atributos de Deus, que essa sagrada cidade, indígena e interna, alcançou também em outros tempos. 

Os valores da cultura da Colômbia são muito importantes para Deus, assim como os valores da cultura asteca e da cultura maia.

Esses valores são os que a humanidade de hoje necessitará para poder viver a transição dos tempos e o Armagedom; para não esquecer os princípios, os atributos e os mandamentos do Pai, que são Leis básicas para sua evolução e seu despertar, para que possam aprofundar-se nos graus de amor e nos graus de solidariedade.

Isso construirá entre vocês, e em muitos mais que chegarão, a verdadeira irmandade de superfície, essa sagrada Terceira Ordem que deve expressar-se na América do Sul para poder sustentar e conter o fim dos tempos, o tempo da purificação, o tempo da tribulação.

Entre vocês não podem existir mentiras, enganos nem aparências. É algo que Eu ensinei a Meus apóstolos no passado e é algo que venho ensinando há muitos anos para todos vocês. 

Não venho ver suas imperfeições, tampouco as misérias, porque Minha Misericórdia lhes concede a transformação e a liberação de suas vidas.

Eu só lhes peço, companheiros, a lealdade, a transparência e a unidade cristalinas. Isso permitirá que Minha Obra possa expandir-se na Colômbia, e muitas emergências mais possam ser atendidas pela Hierarquia.

Porém, enquanto isso e apesar de tudo o que recebem, de todos os impulsos que foram entregues desde que a Hierarquia interna se expressou neste lugar de Guatavita, ainda há muito por purificar.

Mas Eu, como um Espelho Solar, estendo-lhes Minha Mão para que a tomem forte, para que confiem, para que se arrependam e se reconciliem.

Isso permitirá dissolver na Colômbia muitas correntes de caos e de adversidade que ainda circulam por este país e por este ferido povo, a quem hoje venho entregar Minha Misericórdia e Meu perdão para que possa renascer e ressurgir pelo impulso que traz o Espírito Santo como Essência Solar.

Regressem a suas origens, retomem as raízes de sua cultura e preservem de vocês mesmos tudo o que é sagrado, bendito e sublime; tudo o que provém da Hierarquia, seja Seu conhecimento, seja Sua palavra, seja Seu amor ou Sua presença.

Se vocês, companheiros Meus, hoje estão congregados aqui por Minha presença, e não outras pessoas, é por alguma razão espiritual que ainda desconhecem.

Nunca rompam as regras, porque o Pai e sobretudo Seu Filho veem tudo.

Elevem seus corações no espírito de arrependimento, e receberão algum dia a chama sagrada da redenção, que são os Códigos Crísticos, os méritos alcançados por seu Mestre e Senhor quando esteve na Terra.

E assim serão Meus memoráveis apóstolos, os apóstolos do fim dos tempos, que protegerão o legado da Hierarquia, não só na superfície mas também nos mundos internos, e que poderão espelhar e representar a Irmandade, onde seja e quando for.

Para isso, Eu os necessito firmes, disponíveis e abertos à mudança, não só da consciência mas também do coração, da personalidade e do ego.

Isso permitirá que o legado que se guarda na sagrada cidade de Guatavita esteja sempre protegido e irradie seus princípios para a humanidade que tanto o necessita neste tempo. Porque não só vocês receberão a transformação e a renovação, mas também outros povos, em outras partes do mundo, que continuam perdendo os valores e os princípios de sua cultura, do que receberam e viveram ao longo dos tempos, e que Meu adversário se encarregou de dissolver, de dividir e de apagar da memória dos homens e mulheres da Terra.

Por isso, a América do Sul está em jogo, não somente de uma forma política, social e econômica; a América do Sul está em jogo de uma forma espiritual, e é nesse nível em que as verdadeiras e graves situações se apresentam e em que a Hierarquia as deve enfrentar e atender neste tempo.

Vocês não devem apenas ser sóis na superfície da Terra, assim como foi a sagrada cidade de Guatavita, mas também devem ser espelhos do amor, da solidariedade, da irmandade, do bem, da transparência. Já é hora de que não viva em vocês nenhum resquício do mal, nenhum resquício de adversidade nem de contrariedade.

Já são depositários do Amor Crístico de Meu Coração e o devem proteger e amparar, para que ele possa crescer e expandir-se no mundo, porque muitas, muitas almas estão perdendo a oportunidade não só de evoluir mas também de despertar, de realizar sua verdadeira tarefa e missão neste tempo.

Este povo da Colômbia tem tido a graça de ser abençoado pela Hierarquia, e é nos pequenos grupos de almas que se realiza o Plano, para depois dar oportunidade e graças a todas as demais almas do mundo.

Para que possam fazer tudo o que lhes peço, companheiros, devem confiar em Minha Presença, em Minha Palavra, em Meu sustento e especialmente em Meu Amor, que é incomensurável e incondicional para as almas.

Deixem que tudo o que não lhes pertence mais seja retirado. Esvaziem-se, esvaziem-se neste momento e ofereçam suas vidas, suas almas e seus corações a Deus, através da Presença Solar do Filho de Deus. E elevem suas aspirações ao Alto, as aspirações da redenção, da reconciliação, da unidade e da paz, para que esses atributos desçam sobre vocês e seus irmãos e se construa essa irmandade sólida, firme e cristalina, que vive pelo Plano de Deus e seu cumprimento neste ciclo.

Trago-lhes esta cidade dourada de Guatavita, a sagrada cidade de Guatavita, para que possam renascer e voltar a redescobrir, dentro de vocês, suas origens, o motivo principal que os trouxe até aqui, que não é pessoal, tampouco individual; que é grupal, que é entre almas para servir a Deus e cumprir Suas aspirações não só para a Colômbia, mas também para o resto da América do Sul.

Recordem que contam com o apoio e o sustento dos Recintos sagrados, onde poderão depositar suas consciências, almas e seres, para que sejam trabalhados e curados e ainda continuem vivendo o processo da redenção.

Sejam essas chispas da redenção de Meu Coração, porque o mundo o necessita para que algum dia se dê conta de que está equivocado e de que se desviou completamente da Verdade.

A Colômbia ainda deve despertar, deve despertar mais profundamente do que despertou. Mas para que isso seja possível, primeiro a transformação e a mudança devem começar em vocês, companheiros Meus, que Me representam diante de Deus nesta tarefa espiritual pela Colômbia e por todas as almas que aqui se encontram.

É nesse sentido que a escravidão espiritual e material terminará neste país, e as almas poderão tomar consciência da importância de voltarem-se para Deus, para poder voltar a escutá-Lo e senti-Lo profundamente.

Ofereçam essa próxima Maratona da Divina Misericórdia como uma oportunidade de voltar a suas origens, a seus princípios e a sua cultura original; e que possam servir-se da companhia de todos os seres internos que colaboram, em irmandade e amor, com a Hierarquia neste momento.

Que a Colômbia possa renascer nos princípios de sua cultura, de sua solidariedade e de seu amor para com o Pai Celestial.

Por essa razão, companheiros, a todos vocês e a todos os seus irmãos que escutam, Eu lhes dou a bênção para que esta tarefa, através do Encontro de Oração de Misericórdia, seja abençoada e preenchida pelos dons do Espírito Santo. E lhes peço que confiem na vinda desses dons, que não somente transformarão e impulsionarão seus espíritos e consciências, mas também sua vida material, que dia a dia deverá ser um espelho da Irmandade na superfície.

Como o Sol do Universo, do centro desta Galáxia, que brilha sobre esta cidade sagrada de Guatavita, que hoje refrata seus princípios e suas origens às almas que pertenceram a ela, assim como a todas as almas que pertenceram aos povos originários dos Andes, dou-lhes a Paz e a bênção, desejando uma belíssima e gloriosa tarefa para este tempo crucial, em que as almas deverão renascer no amor e no perdão.

Com os raios do Sol Central, que provêm da emanação do Coração de Deus, e em união com a Grande Confraternidade Universal, que a Colômbia se eleve, que os corações estejam firmes para viver sua redenção em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE ZAGREB, CROÁCIA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Assim como o homem foi criado de um Princípio Essencial de Deus, também os planetas o foram. Com missões diferentes para expressar e com níveis diferentes de vida e de participação na transformação e na evolução da Criação Divina, os planetas também são partes da Consciência de Deus, frutos de Seu Sopro e de Seu Verbo, portadores de Sua presença espiritual.

A Criação, filhos, compreendida de um ponto de vista evolutivo, é formada por diferentes partes da Consciência Divina que, multiplicada, recria e renova a Si mesma, através dos aprendizados e experiências vividas pelos seres.

O sentimento de individualidade e de independência que alguns seres sentem é fruto da inconsciência de sua verdadeira essência. O Criador concedeu às Suas criaturas a possibilidade de aprender através do livre-arbítrio e, ao longo de sua evolução, apenas as observa e acompanha, segundo as suas escolhas, segundo a permissão que oferecem a Deus para que Ele atue em suas vidas e as guie. Apesar de estar presente na essência vital de Seus filhos, o Criador permanece silencioso em seu interior.

Pensar na ciência da Criação é como pensar na composição humana: tudo o que são, do espírito às suas células, são partes vivas de um único ser; mas se a consciência não entra em diálogo com os seus diferentes núcleos, cada um deles atua de forma independente, e, às vezes, até mesmo as suas células criam dentro do corpo uma vida própria, manifestando doenças muitas vezes incuráveis. Essas células não deixam de ser parte do corpo por serem cancerígenas, por estarem enfermas, mas atuam como se não fossem, como se pudessem viver em desarmonia com o todo, que é a consciência do ser.

Da mesma forma, filhos, acontece em maiores proporções com a Criação Divina. Vocês não deixam de ser parte de Deus por acreditarem ter vida própria e por não serem conscientes do Corpo Místico do qual fazem parte.

Da mesma forma, os planetas são como os órgãos de Deus, as galáxias e universos são os Seus sistemas e vocês são estas partículas, quase invisíveis no todo, que poderiam se chamar átomos e que, apesar de tão pequenos, guardam em si mistérios infinitos.

Um átomo de seus corpos pode mudar as suas vidas completamente. Da mesma forma, vocês podem transformar a Criação.

Serem conscientes da unidade é aproximarem-se de Deus e colaborarem para que Seu Corpo Celestial esteja em harmonia. Semear a paz em uma nação é semear a cura de um sistema de vida que depende de cada ser para evoluir e retornar à unidade com o Pai Celestial.

Digo-lhes todas essas coisas, dessa forma, para que compreendam o desenho da Criação; compreendam a si mesmos dentro Dela, e Ela dentro de cada um de vocês.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA COMUNA DE CASTEL VOLTURNO, CAMPANIA, ITÁLIA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Para que o Reino de Deus chegue à Terra, primeiro haverá de viver no interior dos seres. Abram caminho para esse Reino através de suas orações, momentos nos quais a pureza de seus corações emerge e lhes dá a conhecer os verdadeiros sentimentos e pensamentos que um ser humano veio expressar no mundo.

Orem, filhos, atraindo a paz para o seu interior e para a sua consciência e em seguida deixem que essa paz se expanda para este mundo.

Como criaturas semelhantes a Deus, os seres humanos guardam em si o potencial de irradiar para toda a vida o que há em seu interior. O universo de seus corpos, o microcosmos que se guarda na composição de seus seres, desde a consciência até o menor dos átomos, é um espelho do Cosmos infinito.

Vocês, filhos, são espelhos do Coração de Deus. O que habita em vocês se irradia ao mundo, ainda que não sejam conscientes disso.

Para ter um mundo de paz, vocês devem deixar que a paz se instale em suas consciências e se assente em todas as suas células. Pacifiquem-se conscientemente e, assim, estarão trazendo a paz para a vida.

Tudo pelo que clamam vocês podem atrair ao mundo através da transformação da sua própria consciência. Em oração, vocês podem encontrar em vocês a porta para o Reino de Deus e, quando forem capazes de deixar que Ele Se expresse em seu interior, aí então, filhos, esse Reino começará a se expandir pelo mundo.

Compreendem a ciência da existência humana?

O Criador manifestou os seres humanos para transformar toda a Sua Criação através deles. O amor que pode nascer em vocês, quando abarca a sua genética e se expressa em todos os seus átomos, pode transformar galáxias e universos. Da mesma forma, quando vocês não vivem a paz, a obscuridade que habita nos seres também ressoa em toda a vida.

Reconheçam, então, o potencial de seus corações, de seus corpos, de suas vidas e tornem-se instrumentos de paz e de Misericórdia para este mundo.

Têm a Minha bênção para isso.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Sente, todo o tempo, como Deus contempla Sua Criação e, entre toda a infinidade de galáxias, universos e estrelas, como Ele ama especialmente a Terra.

Sente o valor desconhecido que tem o planeta Terra e recorda a experiência da qual ele foi participante durante a Vida de Jesus.

Recorda como o mesmo Deus se fez pequeno, sendo tão grande e poderoso, para poder encarnar entre os homens e ensinar-lhes sobre os graus de amor e de perdão.

Tem consciência de tudo isso, uma vez mais, e afirma que, acima de toda prova ou dificuldade, sempre prevalece essa verdade do amor, que é eterna e que se transmite de geração a geração.

Traz para tua consciência o significado de tudo o que o Pai fez por Seus filhos e como Seu Amor, que é invencível, continua obrando e atuando através dos tempos.

Aferra-te a essa divina Verdade; vive por meio dela para que todos os dias sejas um servidor tão semelhante quanto foi Cristo, Nosso Senhor.

Agradeço-vos por responderdes ao Meu chamado!

Abençoa-vos,

Vossa Mãe, Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Antes da existência deste Sistema Solar e do conjunto conhecido como as Nove Galáxias, que conformam o agrupamento de um universo de vidas, Deus, como Criador e grande expressão do Amor-Sabedoria, desejou profundamente que alguns de Seus Filhos, os Criadores do Universo Material, também chamados de Arcanjos, os grandes Co-Criadores deste sistema de vida, oferecessem a cada uma das Nove Galáxias a oportunidade de experimentar a evolução através do "conhecimento de si" e dos chamados "graus de amor."

Foi assim que esses grandes seres Co-Criadores levaram adiante todos os projetos universais recebidos por eles como sutis impulsos espirituais de luz, para depois oferecer aos sistemas criados, como o conhecido como "Via Láctea", a oportunidade de se aprofundar no "conhecimento espiritual" e nos "graus de amor".

Tudo isso ocorreu antes da queda do adversário.

Naquele tempo, em todos os Universos foram vividos os primeiros mil anos de paz, período no qual o desenvolvimento da vida, as escolas internas de aprendizagens e, sobretudo, o despertar dos diferentes "graus de amor" concederam a este Universo Local, onde se encontra este Sistema Solar e especialmente a Terra, a oportunidade de que, em um planeta de altíssimas características espirituais como é a Terra, pudesse ser levado adiante um dos doze mais importantes Projetos de Amor de Deus.

Por essa razão, o planeta Terra atravessou diferentes ciclos. Os mares, que antes eram ácidos, passaram a ser alcalinos, para que depois se tornassem receptáculos de componentes minerais e cristalinos, vivendo assim um alto grau de oxigenação.

Os continentes, que antes eram desérticos e frios, viveram uma readaptação biológica, para depois se converterem em sementeiras de novas espécies.

Dessa forma, o planeta Terra e toda a sua atmosfera se converteram em um grande ventre de luz, para gestar, finalmente, a consciência do homem, que mais tarde foi conhecida como Adão e Eva.

Nesta primeira experiência de amor, o Pai Celestial aspirava interiormente a que este Projeto, tão ansiado por Seu Coração, permitisse corrigir e recriar a Criação, para que nela se vivessem graus de amor cada vez mais altos.

Já que um tempo mais tarde, o Universo começaria a viver as primeiras falhas na evolução, devido à fortíssima queda do anjo desobediente.

A partir dali, todo o Universo, lugar onde se vivia a paz, o bem e a harmonia, foi cenário repentino dos primeiros passos da dualidade, uma corrente contrária ao princípio da Vontade Máxima; uma dualidade que começaria a pôr em jogo a liberdade que foi concedida a todas as criaturas, para que aprendessem a amar, assim como o Pai Celestial as ama.

O planeta Terra foi um dos últimos lugares onde essa corrente espiritual de dualidade desceu para colocar em prova, através de Adão e Eva, o Projeto de uma humanidade unida essencialmente ao Reino de Deus.

Foi através de diversas e inexplicáveis tentações que o Projeto foi sendo alterado e modificado, já que correntes espirituais contrárias foram rompendo o cenário do chamado "Éden".

Por que o Pai Celestial o permitiu?

Em um sentido misterioso, Adão tivera a oportunidade de poder dar seu primeiro passo na evolução dos graus de amor e do despertar da consciência, se tivesse sido incondicionalmente obediente a Deus.

De sua parte, Eva tivera a possibilidade de ser a promissora consciência que experimentaria o Aspecto Feminino de Deus por meio do espírito da Maternidade, um estado que concederia o nascimento puro das seguintes criaturas que viriam depois dela.

Naquele momento, a Terra, como primeira experiência humana, sofreu sua primeira e grande prova, que, se tivesse sido atravessada vitoriosamente por Adão e Eva como representantes da humanidade daquele tempo, teria permitido que esta raça alcançasse um grau de amor semelhante ao de Jesus.

Esse é o motivo pelo qual o mesmo Deus, presente na Segunda Pessoa da Santíssima Trindade, isto é, no Filho, decidiu encarnar na Terra depois de muito tempo para doar-se a Seus Filhos em Amor e em Sabedoria e para ensinar a todos sobre a Verdade.

Foi no tempo preparatório da encarnação de Jesus que o Pai retirou, de uma das Suas Fontes mais puras do Universo Espiritual, um dos Seus Aspectos mais elevados e puros, que foi a base espiritual para a Concepção Divina de quem depois, na Terra, seria conhecida como Maria, a Mãe de Jesus.

Dessa forma, os Arcanjos, a pedido de Deus, foram os que prepararam esse cenário para a vinda do Messias, Aquele que, tendo dado testemunho de amor e de vida, demonstraria, em Sua máxima humildade, como se pode vencer a dualidade, para que todo ser vivente da Terra pudesse aprender  finalmente a cumprir a Vontade que o trouxe ao mundo e para transitar pela escola do perdão e da redenção, caminhos internos que levarão a recolocar a consciência humana no lugar que tinha antes de cometer os erros. 

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado!

Abençoa-os,

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz 

MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Filhos Meus, 

Contemplem hoje sob o Meu Manto a Criação Divina, porque, como Mãe da Vida, venho revelar-lhes os mistérios das Fontes que habitam no Cosmos, como prolongamentos da Consciência Divina; Fontes nas quais tudo o que é vida manifestada foi gerado.

Contemplem sob o Meu Manto a Consciência Infinita de Deus, que se expressa nas dimensões divinas como uma imensa Luz que guarda em si todas as cores e todos os sons. 

Essa Luz que incandesce os olhos e os corações, mas os plenifica com Sua magnitude, é a Consciência Divina. Como um lago infinito e eterno, cujo silêncio vibra de uma forma inexplicável para as mentes humanas e é apenas palpável para o coração: este é Deus.

Contemplem esta Fonte de Luz. Sintam as vibrações que dela emanam, como ondas invisíveis que não se vêem, mas se fazem sentir, porque contêm em si princípios criadores, partículas de vida.

Dessa Fonte Infinita, que é a Consciência Divina, emanaram outras Fontes menores no Cosmos; são chamadas menores devido à sua hierarquia celestial, mas são tão plenas e perfeitas como o próprio Deus, porque Ele encontra nessas Fontes a Sua Morada.

As Fontes de Vida, que são a própria Consciência Divina manifestada, comunicam-se através de uma rede de Espelhos Sublimes, que levam o amor, a graça e o poder criador além das dimensões, recriando e renovando a Criação.

Esses Espelhos Sublimes recebem do Pai Eterno os Seus princípios de manifestação e de vida, e assim criam e alimentam novas Fontes, com os princípios celestiais que provêm do Coração de Deus.

Os Espelhos Sublimes são os braços que obram e o Verbo Divino que se manifesta no vasto Cosmos e além dele, em toda vida. Os Espelhos Sublimes são em si a Ciência da Criação, pois guardam em seu interior o mistério da perfeição da vida.

A perfeição que provém de Deus é vertida nos Espelhos Sublimes e, através deles, chega a tudo o que existe. Desde uma pequena flor até uma galáxia, a perfeição da manifestação é conduzida pelos Espelhos Sublimes e, através deles, permeia a vida e permite que haja beleza, que haja a mesma perfeição de Deus na expressão da vida, na natureza como no Universo.

Os Espelhos Sublimes, filhos Meus, têm a sua morada na Terra dentro dos oceanos, porque a pureza das águas e dos seres marinhos permite que a perfeição chegue na matéria e ali se renove, para irradiar toda vida no planeta. Os oceanos são assim o elo entre a Criação que se manifesta no planeta e a perfeição da Consciência Divina. Através deles, pode existir a beleza, a graça e a vida.

Se os oceanos morrem, a vida também deixa de se expressar como uma semelhança da Consciência Divina, porque os Espelhos Sublimes, que trazem as vibrações, o Amor e a perfeição de Deus, já não encontram a sua morada. 

Se os oceanos adoecem, também os Reinos da Natureza, a consciência do planeta e os seres humanos adoecem, porque a perfeição de Deus já não consegue expressar-se com plenitude na vida sobre a Terra. Isso faz com que a doença, o caos e o mal permeiem o planeta, dentro e fora dos seres.

Hoje venho para conscientizá-los sobre uma vida superior, para que ampliem seu conhecimento e, sobretudo, para que expandam seus corações e compreendam que, para que haja harmonia e para que a humanidade siga evoluindo e expressando-se como Projeto de Deus, todos os Reinos devem ser respeitados, amados e cuidados pelos homens.

Compreendam os oceanos como uma Morada Divina, como a ponte para Deus dentro da Terra. E, assim, amem, respeitem e reverenciem esses grandes Espelhos de Luz que lhes concedem a vida.

Hoje lhes trago e lhes revelo os Espelhos Sublimes da Criação e, assim como os manifesto em Meu Coração, também lhes revelo essa presença nos oceanos.

Saibam amar a vida, filhos Meus. Saibam reverenciar a presença divina que se expressa na Terra e sejam parte deste Todo, vivendo em harmonia com todos os Reinos da Natureza.

Orem pelos oceanos e comunguem com eles da perfeição de Deus.

Eu os abençoo e lhes agradeço por despertarem para o conhecimento divino, por se abrirem à ciência universal e por amarem os oceanos, como amam a Deus.

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Ser nada é descobrir a verdade sobre si mesmo. Perder a própria identidade ou individualidade é chegar à Origem de tudo, onde não existe outra coisa senão a unidade com o Todo.

Chegar a ser nada é um grande desafio, porque a identidade individual de cada consciência foi construída além deste mundo e desta vida, em outras experiências da alma e do espírito que transcendem o que vocês conhecem hoje sobre si mesmos.

Grande, filhos, é o mistério da Vontade Divina, pois o Criador, que era Único, se dividiu em Três e, assim, em muitas outras partículas de vida, cuja verdadeira missão é descobrir-se novamente em unidade com Ele.

O Criador se multiplicou nos universos, nas galáxias, nas constelações, nas estrelas, nos planetas, nos seres, nos reinos da Natureza; criou a escala evolutiva, que nada mais é do que o caminho de retorno à Origem. O Criador abriu as dimensões, desde a matéria até os suprauniversos, e fechou – de cima para baixo – as portas que levavam a Ele. E a única chave que abre essas portas é o amor.

Ser nada, filhos, é descobrir a verdade sobre si mesmos. Ser nada como indivíduos, como personalidades, como partículas separadas de Deus, é saber que o Criador é quem vive dentro de cada ser; Ele é quem anima a vida. Aquele que se descobre em Deus e Deus nele vive a plenitude.

Percam o medo de se perder, pois perdidos de si mesmos é que irão se encontrar. Ser nada é descobrir a verdade sobre si mesmos.

Ilusão das ilusões é crer-se alguma coisa, festejar méritos e chorar derrotas. Deus é quem vive em cada criatura; dEle é a vitória de Suas vidas, a Ele pertence a sua evolução, para Ele é o caminho de retorno; nEle se encerram todas as ciências, todos os raios, todos os mundos, toda a vida.

O Criador emana a vida, que para Ele deve retornar: é o eterno ciclo de se construir e crer-se algo para, então, se desconstruir, saber-se nada e, no nada, descobrir o Todo, Deus, Único e Imutável em Sua Infinitude, estático em Seu movimento permanente.

A busca do nada não é triste. Perder-se não é morrer, é se encontrar. Morrer não é terminar, é começar de novo.

Saber não é ser. Por isso lhes digo essas coisas.

Filhos, mais do que saberem a ciência do nada, vocês devem vivê-la. Por isso digo-lhes coisas que, muitas vezes, já sabem, porque ontem foi a era do saber e hoje é hora de ser.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​

Queridos companheiros em Cristo,

Quisera falar-lhes sobre a grandeza da Criação e os Mistérios Celestiais; quisera revelar-lhes o Amor que preenche as estrelas e anima os universos, para que assim vocês se vissem fortale­cidos e resguardados por um Propósito Maior, para cumprir a própria missão neste final de ciclo na Terra.

Com Minhas palavras, a cada dia espero que suas consciências alcancem um nível de compreensão que transcenda os limites da mente humana. Tento fazê-los compreender a magnitude do Plano de Deus e como esse Plano não pode começar e terminar na existência deste mundo.

Sei que muitos necessitam de palavras simples para compreen­der a tarefa de resgate dos Mensageiros Divinos e aderir a ela. Muitos preferem desacreditar de Nossas Palavras e de Nossas Presenças, quando lhes revelamos algo que não compreendem e que não se ajusta ao que já conhecem. Porém, peço-lhes que não tentem reduzir a Grandeza de Deus à compreensão da mente humana; não tentem comparar o Amor do Único com a capacidade de amar de vocês. E não esperem que a Criação de Deus se restrinja à existência deste pequeno planeta, quando tão vasto é o universo.

Para que existiriam tantas estrelas e galáxias se não para que nelas habitassem as diferentes expressões do Amor de Deus em Suas criaturas? Ou acaso vocês pensam que as estrelas no céu existem para que os homens possam contemplá-las da Terra?

Enquanto uma grande mudança se precipita no mundo, os Mensageiros Divinos tentarão elevar a compreensão e o conhe­cimento da humanidade; tentarão abrir os olhos do coração humano a verdades que não se veem com os olhos materiais.

Isso será assim porque apenas a certeza de um Propósito supe­rior e de uma vida superior que os ampara lhes dará forças para viver os tempos que chegarão. Sem uma compreensão maior dos Planos de Deus, suas vidas perderão o sentido, assim como já perderam para muitos jovens e adultos que não encontram motivo para estar neste mundo.

Se estiverem fortalecidos na esperança de uma meta espiritual e divina, poderão perseverar e se manterem firmes para trans­por os obstáculos com amor, perdão e valentia; e quando for o tempo, reconstruir o mundo com a devida coragem e com os princípios do espírito.

Saberão que nunca estarão sós e poderão contar com o auxílio de Irmãos seus que observam o mundo e aguardam, com santa esperança, que a Terra viva o seu aprendizado.

Em Amor e Paz, preparando os seus corações,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Quando o Sol despontar no horizonte deste mundo anuncian­do um novo dia, em uma Nova Raça, ele iluminará os abismos e elevará ao Alto as almas que estiverem com as mãos alçadas.

Esse Sol iluminará os olhos dos que estiveram cegos de alma e de espírito. Acenderá os corações que estavam frios e a ponto de se desvanecerem.

Esse Sol trará alento aos que perseveraram à sua espera em dias de muita escuridão e jamais perderam a esperança de voltar a encontrar a Luz.

Esse Sol não virá só, mas trará consigo galáxias inteiras, estrelas que, de muitas proveniências, iluminarão o mundo. Por isso, esse não será um dia como todos os outros.

O Sol virá quando esse dia for desejado por todas as criaturas da Terra; quando todos clamarem por um pouco de luz em suas vidas. Nesse dia, a Terra se tornará um clamor vivo, e nenhuma criatura duvidará de que o Sol que chega é a resposta de Deus ao seu clamor.

Os que mantiveram sua fé se exaltarão, os incrédulos se arre­penderão e os que escolheram seguir os caminhos da escuridão desejarão não existir, porque não haverá caminho escuro no retorno do Sol, no retorno da Luz.

Guardem Minhas palavras, que são simples e, pronunciadas em poucas linhas, serão o prenúncio dos dias de paz e as bases para que vocês mantenham a fé, quando a noite lhes parecer muito escura e sem fim.

Pela Luz que virá ao mundo,

São José Castíssimo, anunciando o retorno do Sol.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Para estes tempos de transição entre o velho e o novo homem, o homem original, vocês deverão ser conhecedores de um atributo universal divino: o Raio da Onipresença.

O Raio da Onipresença é aquele que permite que a Consciência de Deus esteja viva e presente em todas as coisas. O Raio da Onipresença é o veículo do próprio Deus em Sua Criação.

E por que o devem conhecer?

Porque quando a humanidade estiver muito afastada de Deus e quando os Mensageiros Divinos não estiverem mais entre os homens, como agora, vocês necessitarão saber que o Criador está em tudo, e não apenas saber, mas deverão também experimentar e viver isso. Dessa forma, jamais se sentirão sozinhos ou desamparados, porque o Raio da Onipresença lhes será visível e palpável ao coração.

Para conhecer a Onipresença de Deus, deverão desde já buscá­-la, e Eu lhes direi como.

Na concentração da mente, do coração, da alma e do espírito, silenciem e estejam apenas no presente, sem pensar no passado ou no futuro. Sintam o momento presente, sintam os elementos da natureza, como o ar, por exemplo, porque, independentemente de onde estiverem, o ar estará presente. Sintam o ar como portador do Raio da Onipresença e percebam que um mesmo Deus lhes promove a vida por meio do ar e anima os universos, no centro de toda a Criação.

Descubram a Presença de Deus na vida que os sustenta, dentro do próprio corpo, dando movimento aos elementos que compõem o ser. O mesmo Deus que habita a perfeição da matéria e conduz o funcionamento de um organismo é aquele que habita o cosmos, conduzindo o Plano para as diferentes galáxias.

A Onipresença de Deus se descobre ao se perceber o mesmo Deus nas pequenas e nas grandes proporções da vida.

O Criador está vivo em tudo o que foi por Ele criado. Encontrem-No dentro de cada um de vocês, como no centro da Criação. Encontrem-No dentro do próximo, como em todas as coisas. Assim, vocês poderão se sentir guiados, mesmo estando sozinhos e, se em um momento de necessidade O escutam, o Deus que está em tudo poderá conduzi-los ao cumprimento de Sua Vontade.

Os Mensageiros Divinos lhes falam diretamente e com palavras tão humanas para que vocês aprendam, algum dia, a falar com a linguagem do coração e a escutar a voz que se pronuncia no silêncio do próprio interior.

Eu os amo e os conduzo aos tempos de transição.

São José Castíssimo

 

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, MÃE DA DIVINA CONCEPÇÃO DA TRINDADE, TRANSMITIDA AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

Contemple a divina beleza na Criação

Queridos filhos, que de vocês brote a essência do amor e da verdade para que seus corações estejam abertos à essência da doação. Filhos Meus, nunca deixem de contemplar o Amor de Deus em seus corações. Abracem a essência do perdão no seu interior para que, assim, seja semeado em vocês o novo Espírito de Amor.

Queridos filhos, nunca abaixem os braços; elevem a aspiração ao Infinito; tenham aspiração a viver no Reino de Deus e tenham aspiração a viver a Reconciliação e a Misericórdia de Meu Filho.

Pequenos filhos, nunca percam a alegria de estar em Mim e de vislumbrar em vocês o poder do Meu Amor Imaculado. Aceitem estar no Meu caminho. Suas almas reconhecem de onde provém Meu Coração Maternal; elas reconhecem Minha presença antes mesmo de suas consciências.

Eu sou a Senhora dos Céus, sou a Rosa Mística, sou a Mãe que socorre os peregrinos e sou o Coração Imaculado que se doa a vocês para amá-los e perdoá-los.

Queridos filhos, Minha voz anuncia-se ao mundo uma vez mais para que Meus filhos não percam o caminho que leva à salvação, ao resgate do coração.

Estou com vocês neste caminho de peregrinação rumo à eternidade. Que em suas vidas não pese a dor, a amargura nem a desolação; que seus corações, permeados pelo Espírito Santo, recebam a Paz, Paz que vem do Universo, Paz que os sóis e as estrelas emanam, Paz que todas as galáxias irradiam, a Paz que vem do Infinito e que vocês desconhecem.

De lá lhes chega Meu Coração Maternal para mostrar-lhes o caminho que conduz a uma vida humilde e pacífica, um caminho rumo ao Universo, a tudo o que o Pai, Adonai, criou por amor a vocês e para Sua Glória.

Queridos filhos, glorifiquem a Deus! Amem a Deus! Busquem a Deus em suas vidas, porque, dessa maneira, suas pequenas essências e todas as essências estarão no Reino Celestial do Universo!

Muito além de suas vidas terrenas existe a eternidade, o eterno presente, a Onipresença de Deus em todos os universos.

Por isso, Filhos Meus, orem, orem e orem! Que seus lábios não se cansem de orar para que a Misericórdia de Cristo auxilie a humanidade.

Agradeço a todos os Meus filhos pelo amoroso acolhimento nesta Nação Paraguaia.

Amor e paz a todos,

Maria, Mãe da Divina Concepção da Trindade

Quem somos?

Associação Maria
Fundada em dezembro de 2012, a pedido da Virgem Maria, a Associação Maria, Mãe da Divina Concepção é uma associação religiosa, sem vínculos com nenhuma religião instituída, de caráter filosófico-espiritual, ecumênico, humanitário, beneficente, cultural, que ampara todas as atividades indicadas através da Instrução transmitida por Cristo Jesus, pela Virgem Maria e por São José. Ler mais

Contato