MENSAGEM SEMANAL DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE AUGSBURGO, ALEMANHA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Queridos filhos,

Que minhas palavras fiquem em seus corações para que as sementes de luz que hoje lhes entrego possam brotar em pouco tempo e, algum dia, ser árvores frutíferas: os que, em mais doação e entrega, estarão a serviço espiritual de Deus.

Por isso, filhos Meus, para conservar e proteger as sementes que lhes entrego, somente devem manter o exercício diário da oração. Porque a oração será como uma chuva que cairá sobre essas sementes para que, em terras férteis, possam expressar-se e manifestar-se como sagrados atributos que permitirão, em união ao Pai Celestial, manter sobre a superfície da Terra os Códigos de Luz que o mundo necessita urgentemente para poder atravessar, em amor, os tempos de transição.

Cada gesto de amor para com o Pai Celestial permitirá que Seu Reino Celestial também possa estar mais presente na humanidade e, especialmente, no interior de Seus filhos.

Apesar dos tempos difíceis de provas, nunca deixem de orar de coração, para que a oração sempre os conduza a Deus.

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado!

Abençoa-os,

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Ato de Reverência e de Amor aos Reinos da Natureza

Quisera ser como um pássaro para somente louvar e cantar para Deus.

Quisera ser como a água dos oceanos para somente espelhar a Paz de Deus.

Quisera ser como uma árvore que se eleva até o alto para alcançar o Reino de Deus.

Quisera ser como uma flor que se abre a cada manhã para mostrar sua devoção a Deus.

Quisera ser como uma planta que adorna os ambientes para deixá-los plenos de harmonia e de luz.

Quisera ser como um golfinho que se supera entre as ondas para alcançar a Deus.

Quisera ser como um girassol que se abre todos os dias para receber a luz do Sol.

Quisera ser como um cristal que guarda o que tem de mais belo para expressar o seu amor pela Criação.

Quisera ser como o vento que sopra forte e constante para chegar com amor a todos os cantos da Terra.

Quisera ser como o fogo para iluminar os dias de escuridão.

Quisera ser como a terra que se doa incansavelmente para ser o ventre que gesta repetidamente a Criação.

Somente quisera que as árvores não fossem cortadas, para não deixar o planeta sem seres que se elevam em direção a Deus.

Somente quisera que as aves não fossem caçadas, para que a Terra não ficasse sem seres que louvam a Deus com plenitude.

Somente quisera que a terra não fosse mais violada com tóxicos e químicos para que a humanidade não ficasse sem alimentos vivos.

Somente quisera que os oceanos não fossem mais contaminados para que a vida marinha não morresse logo e os mares não deixassem de espelhar a paz.

Somente quisera que o ser humano tomasse consciência de que o planeta é a nossa casa e dele dependemos para poder viver.

Somente aspiro a que todos estejamos em comunhão com os Reinos para que, por um instante, possamos sentir o seu sofrimento constante e, assim,  aliviá-los sem transgredir mais a Criação.

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado!

Abençoa-os!

Sua Mãe, Maria, Rosa da Paz.

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

Eu sou a Árvore Sagrada

Eu sou a Mãe e Senhora dispensadora de todas as Graças.

Eu sou a Árvore sagrada do Universo, sou a que dá frutos dos quais nascem todas as sementes que são plantadas e germinam em todos os Seus filhos.

Sou a Árvore sagrada da Figueira, sou o tronco que suporta e transmuta Seus filhos.

Sou a copa florescida de época em época, refletindo a grande beleza de Deus.

Sou a grande raiz que sustenta toda a vida e dá a força regeneradora a todos os espíritos.

Eu sou a grande Figueira. Vocês são meus frutos prediletos, que amadureço com os raios do Coração solar de Meu Filho, para que deem novas sementes, que serão plantadas na nova humanidade.

Eu sou a Árvore sagrada da Figueira. Vocês também são parte de Minhas folhas, que expressam a vida, a cura e a renovação.

Oh, sagradas sementes de Minha amada Figueira! Que em outros campos rebrotem os novos frutos, que serão oferecidos ao Pai Celestial.

Vocês são também Meus galhos, e Eu sou a grande Árvore sagrada que os unifica e os faz participantes da união perfeita com o Criador.

Vocês são parte de toda a Minha Árvore sagrada, são o resultado do trabalho contínuo da Árvore sagrada. Sejam ramos, sejam folhas, sejam frutos e sementes de Minha amada Figueira. Expressem o amor pelo conhecimento e o pratiquem. Já chegou a hora, já chegou o tempo.

A sagrada Árvore da Figueira já semeou suas bases de instrução em todos os corações. É hora de vivenciá-la, de adorá-la e de amá-la.

Oh, sagradas sementes da redenção! Brotem naqueles campos onde há solidão nas consciências. Brotem no serviço e na caridade como todos os Reinos da Natureza. Sejam sementes portadoras de Minha Luz e de Minha Misericórdia. Sejam espelhos vivos da mensagem divina.

Eu sou a sagrada Figueira: que ninguém se esqueça disso. Eu sou a sagrada Árvore da renovação e da paz. Gostaria, queridos filhos, que vocês algum dia deixassem de ser sementes para que sejam árvores cultivadas no amor e no conhecimento sagrado.

Reverenciem todos os frutos que lhes deu Minha sagrada Figueira: ela é o berço dos novos frutos, ela é a sementeira da nova humanidade.

Oh, pequenas figueiras! Que o crescimento de vocês seja tão elevado como a oração, que seus frutos sejam tão belos como as flores de Meu imaculado jardim.

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, MÃE DA DIVINA CONCEPÇÃO DA TRINDADE, TRANSMITIDA AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

Filhos Meus,

Continuem orando pela vinda do Espírito Santo e pela Sagrada Paz porque muitos de Meus filhos já estão se aproximando de viver a conversão do coração. Essa conversão começa reconhecendo-se como filho de Deus redimido por Cristo e perdoado por Seu Misericordioso Amor diante de Deus.

Saibam hoje, queridos filhos, que os chamo à esperança e à persistência em cada um de seus corações, pois, dessa maneira, poderão estar diante do Coração do Pai em constante contemplação.

Queridos filhos, diante de qualquer situação externa ou interna de suas vidas, Eu lhes digo que confiem em Deus e que se unam ao princípio redentor de Meu Filho porque, assim, Meu Manto de Proteção os amparará sobre todas as coisas.

Hoje também lhes recordo a importância de estar em adoração ao Sacratíssimo Coração de Jesus, através da comunhão eterna com Seu Abençoado Espírito de Amor. Quem está em Jesus encontra fortaleza e ânimo para transcender os limites da própria transformação do coração.

Recolham seus corações no Coração de Meu Filho, pois neste simples exercício de adoração permitirão que a chama da compaixão e do amor fraterno se manifeste em cada um de vocês.

Abram suas consciências para que a Fonte das Graças que está auxiliando grande parte da humanidade possa aproximar-se de seus corações como um Dom de Paz e de Luz de Deus.

Saibam, filhinhos, que os acompanho. Porém, agora chegou o momento de suas vidas amadurecerem como os frutos e de seus corações crescerem como as árvores. Com o coração convertido em uma bela flor para o Criador, estarão fazendo jus ao Plano de Paz para o mundo.

Oremos por amor a todos os Meus filhos. A tarefa começa agora! Já é o tempo!

Agradeço-lhes por atenderem ao Meu chamado.

Maria, Mãe da Divina Concepção da Trindade

MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, MÃE DA DIVINA CONCEPÇÃO DA TRINDADE, TRANSMITIDA AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

Quando uma flor se abre, ela expressa o Amor da Criação; assim também, queridos filhos, seus corações devem se manifestar na beleza e na pureza, como o fazem as flores.

Queridos filhos,

Com imensa confiança, Eu os coloco a todos perto de Meu Imaculado Coração para que possam dar os passos até o Coração de Meu Filho. Saibam, filhos, que no caminho da oração suas vidas se aproximarão da consagração de suas almas diante do Reino de Deus.

Os frutos que Meu Filho lhes confiou há tanto tempo, e que se chamam talentos, devem despertar pelo imperioso exercício da oração. Porém, filhos Meus, para que esses sagrados frutos dos talentos despertem em cada um de vocês, primeiro a alma deve se despojar e morrer para si mesma para renascer sob a Graça do Espírito Santo.

Cada caminho que Meus filhos percorrem os leva por grandes e difíceis aprendizagens, que em alguns casos fortalecem o espírito e dão firmeza para continuar pela senda da consagração.

Quero dizer-lhes, queridos filhos, que este é um tempo especial de Graças, como também de conversão para cada um de Meus filhos desta humanidade.

Por isso, hoje os convido a permanecer na alegria da doação e do serviço a Deus Pai porque, assim, suas vidas serão conduzidas até aos sagrados pés de Cristo.

Seus corações são verdadeiras luzinhas que a cada momento devem reacender-se para brilhar neste mundo através da paz.

Por tudo isso, saibam que Meu Amor Misericordioso, dia a dia, quer socorrer os corações do mundo.

Seus corações, assim, deverão ser perseverantes e firmes como as árvores que se elevam a Deus.

Agradeço-lhes por responderem ao Meu chamado.

Maria, Mãe da Divina Concepção da Trindade

MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Série - Manifestação de Aurora - Parte IV

Nas terras concedidas ao Centro de Aurora na superfície, nas áreas de Redención 1 e de Redención 2, deverá ampliar-se o sistema das plantações.

Primeiro deverá gerar-se, nos espaços que serão dedicados a esse fim, um processo de preparação da terra através de um plano agroflorestal, um método de recuperação e de conscientização sobre os cuidados com o solo para que, dentro de um verdadeiro ecossistema, a água encontre um canal e um caminho para nutrir a terra.

Já é hora de os membros da Comunidade-Luz e dos Monastérios, assim como dos colaboradores, aprenderem sobre o cuidado com o solo e a preparação da terra para um futuro cultivo.

Nesse sentido, trazendo novos conhecimentos e aplicando-os para a conscientização da vida grupal, o papel da Comunidade-Luz em sua missão e propósito de autossustentabilidade se ampliará e se fortalecerá.

As plantações naturais e orgânicas dentro das Comunidades-Luz serão a base principal para a sobrevivência durante o ciclo mais agudo do planeta, já que 90% da humanidade usufrui e digere alimentos vegetais tóxicos que, nos tempos atuais, representam 80% das causas de insalubridade e de baixa qualidade de vida.

Em Aurora será necessário organizar um espaço e uma infraestrutura para contar com um banco de sementes que possa prover 95% dos alimentos vivos provenientes das hortaliças e das árvores frutíferas.

Para que essa aspiração da Hierarquia seja uma realidade, deverá ser criado entre os residentes, os consagrados e os colaboradores um grupo de sustentação e de trabalho para ir concretizando, por etapas, essa aspiração.

É importante que todos os membros da Comunidade-Luz e da vida consagrada de Aurora aprendam sobre o sistema agroflorestal e as plantações, já que no fim dos tempos será imprescindível que qualquer irmão saiba identificar as condições do solo para poder semear e mais tarde colher.

A alimentação orgânica e não transgênica é uma missão das Comunidades-Luz a fim de preservar não só a qualidade de vida, mas também o princípio natural pelo qual os alimentos foram criados.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

As árvores e a vida - Parte III

Apesar de que o potencial das árvores esteja vivo e elas expressem puramente o amor a Deus através de sua beleza, de sua harmonia e de sua elevação, a tarefa das árvores neste planeta ainda não se cumpriu.

Como todos os seres, as árvores também chegaram ao mundo para viver um aprendizado de amor, mas o que diferencia o aprendizado dos Reinos da Natureza do aprendizado dos seres humanos é que os Reinos necessitam da expressão de amor dos homens para evoluir.

As árvores cumprem com sua função de manter a união entre o Céu e a Terra e estão sempre inspirando os corações a se voltarem para Deus e para próprio interior. Mas na convivência das árvores entre si, nas florestas, nas matas, muitas vezes elas expressam características próprias da condição retrógrada deste mundo, como a competição e a luta pela vida, destruindo assim a vida de outras árvores.

Para que os Reinos expressem o amor absoluto, eles precisam receber este amor. As árvores estão constantemente tentando auxiliar os homens, para que um dia eles percebam que a evolução apenas se completa quando o auxílio é mútuo.

Eu lhes digo estas coisas, filhos, porque tudo o que Deus manifestou na vida foi para conduzi-los a graus maiores de amor. E agora que já está em sua consciência o Mandamento maior de que vocês devem amar o próximo como a si mesmos e a Deus acima de todas as coisas, hoje Eu venho completar este Mandamento, porque a consciência humana já está pronta para compreender: Amem o próximo e os Reinos da Natureza como a si mesmos e a Deus acima de todas as coisas. Assim, vocês compreenderão que o Pai está em tudo: no próximo como nos Reinos, dentro de vocês e em tudo ao seu redor.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

As árvores e a vida - Parte II

Quando o Senhor criou o planeta e o manifestou através de Seu Pensamento mais puro de Amor pela vida, colocou em cada detalhe da Criação uma ciência profundamente espiritual, em que tudo o que vive e habita na Terra colabora para a renovação do Amor e para o retorno ao Coração de Deus.

A dualidade, o caos e o mal construídos pelo homem são frutos do desvio da consciência humana do Coração de Deus. Através de suas eleições, os seres escolhem estar em Deus e descobrir, na comunhão com a Criação, o caminho de retorno para o Seu Coração ou escolhem permanecer na ilusão e nos enredos de suas limitações humanas.

O Criador permite que certas coisas existam para conduzir o homem à superação e ao vencimento de si mesmo e não para os abismos do mundo, por onde adentram as almas todos os dias.

A natureza ainda é um mistério a ser desvelado pela consciência humana, e isso não se dará através de sua limitada ciência, mas, sim, através de seu coração, que é capaz de adentrar na ciência divina e compreendê-la, através da simples presença do Espírito de Deus.

As árvores, filhos, são o elo que mantém a Terra unida ao Céu e não permite que a consciência humana se desvincule totalmente de Deus. Apesar das ações humanas, das guerras e da indiferença, as árvores silenciosamente penetram com suas raízes físicas no profundo da Terra e, com suas raízes espirituais, chegam ao centro do planeta, mantendo a união entre a vida na superfície e a essência da Terra.

Com sua copa, seu tronco, galhos, folhas e flores físicas, as árvores mantêm o caminho de elevação ao Coração de Deus. E com sua copa espiritual, chegam aos Céus e se nutrem nas Fontes Sublimes, para que, ao transformarem o ar que a vida respira na Terra, tragam também as graças e o alimento espiritual, que faz com que as consciências não percam a paz e a possibilidade de amar.

As árvores nasceram para servir e amam o seu serviço, por isso, filhos, apesar de tantas vezes ultrajadas, não deixam de crescer, de florescer e de dar os seus frutos neste mundo.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DA CIDADE DE FLORIANÓPOLIS PARA SÃO PAULO, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

As árvores e a vida - Parte I

O Reino Vegetal absorve do interior da Terra a sabedoria e a história da evolução humana, guardando este legado em seu interior, e o oferece constantemente a Deus, através de sua elevação, de seu crescimento físico e espiritual.

As grandes florestas são grandes receptáculos de sabedoria, grandes espelhos, que devolvem ao Coração de Deus tudo o que Ele envia para a Terra como raios e vibrações divinas, que auxiliam a evolução de toda a vida. Desta forma, a vida na Terra sempre se renova através da emanação das grandes árvores. O Senhor recebe as experiências humanas em suas Fontes Criadoras e as renova, enviando novos raios e impulsos para a Terra segundo aquilo que a humanidade necessita para evoluir e retornar a Deus.

Se os corações tão somente contemplassem as matas com gratidão, poderiam sentir e perceber estes e outros mistérios da ciência da vida.

As árvores são comunicadoras, espelhos de Deus, que recebem tudo o que Ele envia para a Terra e também comunicam ao Pai o desenvolvimento da vida.

Contempla os Reinos com reverência e, em silêncio, busca o mistério que neles se guarda. Assim, filho, talvez um dia te seja revelado o mistério sobre ti mesmo.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Nos Reinos da Natureza, Deus encontra a Sua morada.

Nos Reinos da Natureza, o Criador expressa Sua perfeição.

Nos Reinos da Natureza, guardam-se os mistérios do Universo e as chaves para ingressar na nova vida.

No amor aos Reinos da Natureza jaz a expressão do novo homem.

No amor aos Reinos da Natureza jaz a cura para todos os males e enfermidades físicas e espirituais, porque o segredo da vida é o auxílio mútuo entre tudo o que foi criado.

Se querem viver a cura, sirvam e curem os Reinos da Natureza. Se querem se elevar a Deus, ajudem uma árvore a viver sua elevação. Se querem aprender a viver o amor, deixem-se ser amados pelo Reino Animal e aprendam com eles a expressar, sem medo ou vergonha, o amor que há em seu interior. Se querem ser firmes e fiéis, aprendam com a doação dos minerais. Se querem ser transparentes e expressar a semelhança com Deus, contemplem, amem e reverenciem os oceanos.

O Criador lhes concedeu a graça de se renovarem todos os dias através da renovação que vivem constantemente os Reinos da Natureza.

Renovem-se no amor, contemplando os Reinos. 

Superem-se no amor, servindo aos Reinos. 

Sejam mais amor, vivendo em comunhão com os Reinos e, assim, poderão ser chamados dignos filhos de Deus.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Entra em comunhão com os Reinos da Natureza e aprende a amar a essência da Criação. Observa os Reinos e aprende como viver permanentemente sob as Leis Sublimes de Deus, em per­feita harmonia com o Criador.

Em Seu Plano Divino, o Criador concedeu a cada expressão de Sua Divina Face, os Reinos do planeta, um atributo para manifestar.

Comunga da paz, da harmonia e da beleza das águas. Comunga da cura e da libertação dos minerais.

Comunga da elevação das árvores e do constante espírito de doação do Reino Vegetal que, em sua humildade, entrega sem­pre o melhor a Deus, não importando como será tratado, cuida­do ou amado pelos demais. O Reino Vegetal sabe da Lei Divina da doação de si a Deus e ao Seu Plano Superior. Contempla esse Reino e descobre, por meio dele, o segredo do vazio de si.

Contempla o Reino Animal e aprende do amor à vida. Aprende a defender as Leis de Deus, a cuidar do próximo e a ser sempre fiel Àquele que amas plenamente. Aprende da plenitude do Reino Animal e, com a mesma naturalidade de coração, sê guardião da Vida e da Perfeição de Deus.

Contempla em teu mundo interior os anjos e os devas que, no invisível, criam e recriam a beleza deste mundo manifestado. Aprende com eles a manifestar em silêncio a beleza, a traba­lhar em segredo e a entregar o melhor, sem necessidade que ninguém saiba de sua existência. Vive o atributo sublime da humildade que os anjos e devas expressam no mundo.

Contempla os elementos e como se complementam entre si. Descobre, então, como se compartilha aquilo de que o outro necessita para se expressar. Sê como o vento, que permite a existência do fogo, e dá ao próximo todas as possibilidades de ser aquilo, perfeito, que está latente em seu interior.

E aprendendo dos Reinos da Natureza, expressa o que o ser humano tem de mais sublime: a possibilidade de aprender o mais belo de toda a existência e de vivê-lo em si, na essência do amor à Criação.

Eu os amo e os aguardo, simples de coração e mansos de espí­rito, sempre dispostos a observar a Criação e a aprender; sem­pre dispostos a amar e a doar de si o que falta ao outro para alcançar a perfeição.

Seu amado pai e instrutor,

São José, aprendiz e servo dos Reinos da Criação

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos