MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Todos desconhecem a existência da história da sua origem, mas a maioria que vive o caminho espiritual sente em seu interior a razão de ter vindo à Terra.

Em verdade, a Terra foi escolhida para ser testemunha de inumeráveis e complexos processos de redenção.

O Filho do Pai veio à Terra para sinalizar e indicar o caminho de regresso à essência original. 

Por essa razão, até os dias de hoje e até que o Mestre retorne, existirá esse véu na consciência, que guarda por trás de si a verdade e a razão de ter vindo ao mundo para cursar a Escola do amor, do perdão e da redenção.

Enquanto isso, só alguns escolhidos, por permissão do Pai Eterno, têm a graça de saber e de conhecer sobre a existência e a história da vinda das almas à Terra, através da revelação da verdade sobre cada espírito encarnado neste planeta.

O véu nas consciências também as impede de cometer os mesmos erros de outros tempos e voltar a adquirir igual quantidade de dívidas.

Todos que ainda não receberam a revelação sobre a sua existência e sobre a sua história, seja qual for, é porque ainda não chegou a hora de conhecer essa verdade, até que vivam o processo do perdão e da redenção absolutos.

Alguns Centros Sagrados, como Aurora, têm a missão de deixar em ampla evidência, no fim dos tempos, a existência dos que são tocados por sua chama azul.

Agradeço-lhes por guardarem as Minhas Palavras no coração!

Abençoa-os,

Seu Mestre, Cristo Jesus

MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS, TRANSMITIDA AO VIDENTE FREI ELÍAS

Pela Graça Suprema que vocês recebem diretamente de Meu Coração, rezem por aquelas almas que, mesmo estando com vida, estão presas nos cárceres do inimigo e não conseguem ver o esplendor de Minha Divina Misericórdia.

Eu lhes asseguro que nos próximos tempos se quebrarão as cadeias que oprimem e levam ao passado milhões de corações do mundo, porque o Sumo Sacerdote do Amor será visto por muitos. Ele virá entre as nuvens anunciando a redenção do mal na Terra e o estabelecimento da Eterna Paz em quem a perdeu por diferentes razões.

Para esse grande momento, Meus discípulos deverão estar atentos e preparados para não trocar, na última hora, Minha Presença Gloriosa pelas modernidades astutas que o inimigo conseguiu semear na consciência da humanidade.

Quando o Filho de Deus chegar, as malignidades que submetem as almas de Meu Pai serão expulsas, e essas almas serão reabilitadas no cenáculo do amor e do perdão. Não ficará pedra sobre pedra, como uma vez Eu o anunciei. Tudo o que parecer estar distante dos olhos dos simples se revelará, e nunca mais uma mentira impedirá o despertar amoroso de um cálido coração.

Aqueles que, com inteligência e devoção, se unirem ao Terço à Minha Divina Misericórdia saberão que passos dar para não perder o sentido do caminho espiritual. E ao final, a Religião de Meu Pai será uma só: a Religião do amor, da humildade e do perdão.

Ninguém ficará sem saber que Eu retornarei logo, em breve. Aqueles que Me negaram serão transmutados pelo Fogo Poderoso de Meu Amor.

Agora, antes que a barca da humanidade naufrague, sustentem com sua fé as tochas que iluminam o mar escuro deste mundo. Logo surgirá no firmamento universal o Sol eterno que iluminará a vida dos que sempre tiveram fé no Regresso do Filho de Deus.

Sob o Bem e a Paz de Deus, sejam bem-aventurados.

Grato por meditarem sobre Minhas Profecias com atenção.

Cristo Jesus

MENSAGEM DIÁRIA DE CRISTO JESUS, TRANSMITIDA AO VIDENTE FREI ELÍAS

Como foi em Betânia e em Betsaida, hoje ingresso em suas casas para cear em espírito com suas almas e seus corações.

Que neste sábado de insondável misericórdia seus pés caminhem decididos em direção à Minha Grande Barca espiritual, para que juntos naveguemos em espírito por outros lagos, lugares que uma vez vocês conheceram e que só por meio de Meu Coração voltarão a percorrer.

Hoje lhes falo do caminho ao Infinito, aquele espaço criado por Deus neste Sagrado Cosmos onde o Universo reúne Supremas Consciências que servem eternamente ao Alto. Por isso hoje não durmam, despertem ao princípio redentor que com amor e verdade Eu lhes revelo.

Agradeço a todos os que, por diversas razões e provas, confiam em Meu Sagrado Propósito de amor e perdão. Porque, apesar de seus caminhos estarem confusos ou pouco claros, Minha Luz Salvadora retorna para reunir os últimos discípulos, aqueles que em fé e perseverança caminharão por muitos rumos para o Infinito Universo. Lá, naquele espaço sagrado de onde Eu provenho para anunciar à humanidade Meu Retorno, está presente o Eterno Coração Amoroso e Poderoso do seu Pai.

Por amor e misericórdia, Ele envia ao mundo Aquele que foi cravado na Santa Cruz, porém agora o Filho do Homem não volta para carregar outra vez o mal do mundo. O Filho de Deus vem em Glória para desterrar os Infernos e fechar as portas a todo sofrimento.

Minha Sagrada Liberação virá reviver os que estão mortos em vida e os que perderam a união espiritual Comigo.

Cristo Poderoso, Misericordioso e Piedoso retorna para conviver, agora e sempre, com todos os Seus. Assim, sob a Glória do Plano de Deus, os mil anos de paz farão ressurgir a original Terra Prometida.

Só falta um pouco mais. Quem Me seguirá? Sob o Amor do Pai, sejam misericordiosos.

Grato por seguirem Meus Passos na Cruz com tanto amor.

Cristo Jesus

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Desde o nascimento de seu Senhor até Sua ascensão aos Céus, como era o momento de manifestar Sua Obra Redentora e despertar as almas para o amor e a verdade, o Criador enviou ao mundo todas aquelas consciências que precisavam aprender com Seu Filho.

Foi assim que, ano após ano, as almas compartilharam com Cristo Sua vida na Terra.

Algumas experiências foram mais rápidas, outras mais longas; alguns O encontraram apenas uma vez, outros muitas vezes, porque o próprio Deus, profundo conhecedor das almas que Ele criou, era Quem sabia da verdadeira necessidade de cada ser.

Foi assim que, desde a infância de Cristo, houve almas que compartilharam de Sua fragilidade, do despertar e da manifestação de Sua pureza infantil, do crescimento de Sua humanidade e da expansão de Sua Divindade dentro daquele corpo frágil.

Cada ser aprendeu algo com Deus através de Seu Filho; algo que o Criador, com Suas próprias Mãos, construiu nas almas por meio de Cristo.

Houve aquelas almas que precisavam viver a glória de Cristo, a revelação do Reino de Deus em Seus milagres, em Suas Palavras, em Sua Presença. Outras precisavam despertar um amor profundo, fecundo e eterno, através da Sua Paixão, para levar ao mundo o legado do Seu Amor, não apenas naquele tempo, mas pelos séculos que viriam. Outras almas, apesar de não terem olhado nos Olhos de Cristo, viveram Sua Presença espiritual e, no silêncio, puderam encontrá-Lo no próprio interior.

Digo-lhes isso porque este é o momento de voltar-se para dentro e recordar.

Recordar a Criança plena de Deus que despertou a pureza em seus corações.

Recordar o Jovem silencioso e humilde que aprendia com Seu pai em uma carpintaria enquanto lhe ensinava sobre a transformação das almas.

Recordar o Profeta de Nazaré, o chamado Nazareno, que caminhava sobre os montes e, com a mesma simplicidade, o fazia sobre as águas, revelando os mistérios de Deus guardados em Seu Coração, assim como no coração de cada ser.

É chegado o momento de recordar o Olhar que os redimiu, as Mãos que se estenderam diante de vocês para conduzi-los a uma vida nova, a um novo homem, com um simples dizer: segue-Me.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

A quaresma é um momento, filhos, para voltar a conhecer a Cristo, para reconhecê-Lo com um novo olhar, um olhar sem véus e sem temores, para que saibam quem Ele é e quem são vocês diante d'Ele, o que são chamados a viver ao estar diante do Filho de Deus.

Muitos são os que caminham ao lado de Cristo, comem de Seu Corpo, bebem de Seu Sangue, participam de Seus prodígios e escutam as Suas Palavras; mas poucos são os que olham para o Senhor sem véus diante de seus olhos, sem muros diante de seus corações, e sabem quem Ele é, e descobrem também a si mesmos, diante d'Ele. 

Mas a quaresma é esse momento, porque nela o Senhor lhes diz: “Eu Sou o que Sou, Eu Sou Aquele que É; Um com Deus, o próprio Deus feito Homem e Espírito”.

E, ao escutarem essa revelação do Filho de Deus, seus olhos abrem-se para que possam não apenas reconhecê-Lo, mas também reconhecer a si mesmos.

A quaresma é um momento de definir-se a buscar a Cristo e viver a revelação de Sua Presença; deixar-se inundar por Seus mistérios e transformar-se por Seu Amor. Ou então, filhos, vê-Lo passar e fazer prodígios, ver como se transformam os corações ao escutá-Lo e, ainda assim, permanecerem cegos e surdos diante d'Ele.

Escolham a vida, a vida em Cristo, a vida na Verdade, a vida na liberdade de si mesmos. Escolham o desvanecimento do pó. 

Não se aferrem a si mesmos, às suas virtudes e destrezas, às suas convicções e conhecimentos, às suas mentes e crenças. Aferrem-se a Cristo, à Sua Verdade Celestial, à Sua Presença, à Sua Vida. 

Este é o sentido da quaresma: preparar-se e definir-se em Cristo.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DA CIDADE DE TUSAYAN À PHOENIX, ARIZONA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

O início de um novo ciclo chegou para cada ser desta Terra e, sobretudo, filhos, desta Obra de Amor que o Criador está construindo com as Suas próprias Mãos, desde a origem de suas vidas. 

Este ciclo que se inicia estará permeado não apenas pelo despertar ou pela purificação, mas também pela maturidade e pelo crescimento interior de seus seres.

Chegou o momento de consolidar o vínculo de seus corações com Deus e, depois de tudo o que receberam, em nome da humanidade, dar um novo passo na entrega de suas vidas, um novo passo em direção ao próprio interior, um novo passo em direção ao Infinito que se guarda no próprio coração.

É chegado o ciclo de conhecer o Perdão de Deus, por Seu Amor e Sua infinita Graça, para que, dessa forma, sejam verdadeiras pontes entre os corações dos homens e o seu Criador.

Este é o ciclo de começar a construir o que os caracteriza como raça e como filhos de Deus, que é a união profunda com Ele, através do conhecimento não apenas de Seus mistérios, mas, sobretudo, de Seu Amor.

Para isso, devem buscá-Lo constantemente, senti-Lo e deixar que Sua Presença, ainda que silenciosa, lhes fale ao coração, e que seja com o silêncio, com Sua Graça ou com Sua Paz.

Este é o ciclo de experimentarem Deus em seu interior, e assim, filhos, finalmente poderem começar a unir as dimensões e atrair um novo tempo para este mundo.

Têm a Minha bênção para isso.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA EM WEED, SISKIYOU, CALIFÓRNIA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Dispõe teu coração para Deus a cada novo dia. Contempla em silêncio Sua Presença dentro de ti e em todas as coisas.

Busca, filho, sempre aprofundar-te em tua união com o Criador. Deixa que em teu coração se sintetizem todos os impulsos e ensinamentos que o Criador enviou para a humanidade e que, em ti, esses caminhos se tornem um só: o estreito e profundo caminho de união com Deus.

Sente o Criador no ar que respiras, na natureza ao teu redor e em tua natureza humana. Sente o Criador no Universo sobre ti, no Cosmos infinito e em teu cosmos interior. 

Permite que os tempos se unam em teu próprio coração. Ali encontrarás a revelação do novo e a recordação do eterno. Ali descobrirás a história de tua origem, o caminho para cumprir esse Infinito e retornar ao ponto de partida, que é o próprio Coração de Deus.

Quando um ser retorna ao Criador, depois de cumprir com sua missão, e leva consigo uma partícula de um amor novo e infinito, como o fez o Filho de Deus, no Coração do Pai a Criação começa a se recriar, um novo infinito se desenha, um novo caminho se inicia.

Transcende, filho, o que é superficial e meramente humano, parte da confusão e da ilusão deste mundo, e cada dia põe tua consciência no que é eterno, para que, quando o Tempo de Deus chegar à Terra, possas reconhecê-lo, porque Ele está vivo dentro de ti e tu vives dentro dele. 

A verdade começa a se revelar dentro de ti quando podes enxergar o que se oculta em teu interior. Então, ao abrir teus olhos, verás o que se ocultava em toda a vida.

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

O mistério da existência humana é maior que a renovação do Amor e que a revelação de um Amor novo para a Consciência Divina. Na essência dos homens se guarda não apenas a própria história, a história da evolução da vida e da Criação; guarda-se, filhos, a história do próprio Deus.

Sei que o que lhes digo pode parecer algo distante daquilo que experimentam como criaturas, mas o que acontece, verdadeiramente, é que os seres passam pela experiência da vida sobre a Terra e não conseguem descobrir quem são e muito menos expressar isso. Até mesmo o Filho de Deus, estando na Terra, não pôde expressar para os seres toda a verdade de Sua existência, porque nem agora nem naquele momento os seres estavam prontos para sabê-lo.

As revelações chegam neste tempo como impulsos da Verdade, mas não como a Verdade desvelada. Os seres recebem aquilo que necessitam para cruzar o umbral destes tempos e começar a adentrar no tempo e na realidade divina.

Ainda que não tenha chegado o momento de viverem a expressão verdadeira de um ser humano, devem ao menos saber que ela existe e, através da simples sintonia com a Verdade, já poderão viver as provas destes tempos de uma forma diferente.

Deixem que esse legado interior se faça sentir. Deixem que Deus se faça sentir em vocês. E tão somente saber que algo oculto está vivo no próprio coração já será suficiente para começar um novo ciclo, em um novo tempo.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA COMUNA DE CASTEL VOLTURNO, CAMPANIA, ITÁLIA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

O Mistério da Divina Misericórdia

A Misericórdia é uma Graça ainda desconhecida pelos homens. A ciência espiritual que a humanidade conhece não adentrou ainda na compreensão plena desse mistério, porque tentam inserir a Misericórdia em sua conhecida teologia e não a veem como algo que transcende tudo o que é conhecido pelo homem.

Na Cruz, o Criador transformou todas as Leis, e o Deus da Justiça abriu um novo ciclo para toda a vida, um ciclo de piedade, de perdão e de redenção, apesar da gravidade dos pecados dos homens.

Não houve maior pecado do que aquele vivido pelos que flagelaram e crucificaram o próprio Deus; mas, ainda assim, filhos, estes, quando tocados pelo Sangue misericordioso de Cristo, foram perdoados, curados e redimidos pela potência de Seu Amor.

A Misericórdia é um mistério que está unido ao mistério da criação humana. É uma Graça advinda do vínculo entre os homens e Deus, o seu Criador. Foi a partir do momento em que o Pai se plenificou em Suas criaturas, através de Seu Filho, e demonstrou aos seres a verdadeira essência do que é a humanidade, que a Misericórdia passou a fluir para o planeta e para toda a Criação.

A Misericórdia nasce no Coração de Deus como uma nova oportunidade de que os seres alcancem a Graça do Amor, mas, para chegar aos universos materiais da manifestação da vida, o veículo da Misericórdia é a prece dos homens, e a porta para a Misericórdia é o seu coração.

A essência humana está intimamente ligada à existência da Misericórdia Divina até o ponto de sua genética poder guardar, fisicamente, a potência e a presença desse Dom que provém de Deus, assim como foi  no Sangue de Cristo.

O Redentor viveu em plenitude a Divina Misericórdia para que todos os seres reconhecessem o próprio potencial e caminhassem em direção a ele.

Digo-lhes todas estas coisas para que compreendam a importância de clamar verdadeiramente pela Misericórdia neste tempo, não apenas para este mundo, mas para toda a Criação.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM DE SÃO PAULO PARA O CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Neste tempo de caos planetário, em que dentro e fora dos homens há confusão, dúvidas e temores, tu, filho, em tudo deves buscar o auxílio divino, para que, no silêncio de teu coração, o Senhor traga as respostas de que necessitas para estar em paz diante de Seu Plano.

Medita como o Filho de Deus meditava no deserto; preza pelos momentos de silêncio e de solidão, nos quais te encontras com Deus para um diálogo com o teu Senhor. Ali, o Pai poderá guiar-te e amparar-te nas decisões de tua vida, para que não caias nos mesmos abismos uma e outra vez.

Compreende a importância do deserto interior para que encontres o vazio, o nada e saibas entregar teu ser para que se torne uma morada divina.

Compreende a importância do deserto interior, para que o teu mundo interno se fortaleça.

Compreende a importância do deserto interior, porque ali começas a adentrar na sabedoria e no discernimento divino. É no deserto de teu coração que construirás aquilo de que te valerás neste final dos tempos.

Por isso, filho, ora e adentra sem medo nas profundezas silenciosas de teu coração e aguarda ali a chegada de teu Senhor e Deus. Assim poderás ser digno de participar com Ele de Seu Plano de resgate e de salvação, primeiro de tua própria alma e depois deste mundo.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Contempla o Coração de Cristo e nele o Seu Santo Cálice.

Este é o Cálice de tua redenção e da redenção do mundo. Nele se encontra o Sangue que foi vertido no Calvário como na Cruz; Sangue que representou a entrega absoluta de Deus através de Seu Filho; Sangue que se multiplica em todos os sacrários do mundo para ingressar no interior de todos os seres e transformar sua condição humana; Sangue que porta em si os códigos da Nova Vida, do Amor Crístico, Amor de Deus renovado em Seu Filho; Sangue que se derrama sobre o mundo quando as almas clamam com sinceridade; Sangue que ingressou nas entranhas da Terra para selar a aliança entre este Projeto Divino e o seu Criador, decretando assim sua perfeição e sua manifestação no fim dos ciclos.

Este é o Sangue que dá a vida, não só aos homens, mas a toda a Criação. Este é o Sangue que os diviniza, porque manifestou na carne humana a presença de Deus e tornou viva a semelhança do Criador com Suas criaturas.

Este é o Sangue que todos os dias é entregue no altar; é o Sangue que converte os elementos da Terra; Terra que por este mesmo Sangue se tornou sagrada.

Reverencia hoje o Cálice do Senhor para que sejas conhecedor de Seus mistérios. No Santo Cálice se guarda o Sangue de Cristo e de todos aqueles que um dia beberam dele e alcançaram graus de Amor Crístico em seu interior.

Este é o Cálice que os une a Deus; o mistério manifestado do Amor Divino. Se tão somente o contemplares com amor, teu espírito, alma e coração estarão comungando dele.

Se tomas do Sangue e comes do Corpo de Cristo, todo o teu ser comunga de Sua vida, da Nova Vida, do Amor e da perfeição de Deus.

Hoje e sempre, filho, reverencia a dádiva da entrega de Deus através da Eucaristia. Nela se encontra vivo o Amor que teu Criador sentiu ao manifestar-se, Ele mesmo, nesta vida, descendo à menor das dimensões para abrir o caminho para a suprema unidade com Seu Espírito.

Bebe de Seu Sangue e come de Seu Corpo, cruzando assim as dimensões que te separam de Deus e retornando ao Seu Eterno Coração.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Enquanto no mundo as nações buscam formas cegas de estabelecer o poder humano e desenham guerras e caos para submeter as almas ao sofrimento e à desesperança, tu, filho, deves colocar teu coração cada vez mais dentro do Coração de Deus.

Em oração, reconhece o Poder de Deus, que está além de qualquer poder humano.

Recorda que tua vida deve ser a ponte para uma nova vida sobre a Terra e que teu coração deve ser o princípio do novo homem nesta vida.

Que não te estimulem os vícios e as tentações deste tempo a esquecer o principal motivo de tua existência. Tudo nesta Terra passará; apenas permanecerá o aprendizado de amor que tenhas vivido em teu coração.

Teu esforço e teu empenho são o que contará no livro da Justiça Divina como mérito para equilibrar a vida na Terra, para que aqueles que não merecem recebam uma oportunidade.

Assume o lugar que te corresponde neste fim de ciclo. Deus te chama a ser precursor do novo e não a estar alimentando o velho homem, seus vícios e vaidades.

Encontra o Poder de Deus na renúncia, no silêncio e na oração. Encontra tua liberdade no que te une ao Pai, para que não importe o que aconteça neste mundo, teu espírito, alma, mente e coração sejam sempre uma fortaleza que ajude outros a não perderem a esperança e a saberem que no momento mais difícil da vida sobre a Terra é quando o Céu se abrirá e, caminhando pelas nuvens, descerá o Filho de Deus, trazendo Consigo o Seu Reino para estabelecê-lo neste mundo.

Confia que, apesar de ser tudo tão desconhecido, partes de profecias tão antigas que ainda aguardam por se cumprirem se cumprirão.

Ora e cresce no amor; assim teu coração estará pronto.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Contempla a vida ao teu redor e agradece. Agradece porque em tudo tens uma oportunidade de amar e, assim, de cumprir com o Propósito de Deus para ti.

Na Terra, filho, o Propósito dos seres humanos é único: renovar o Amor de Deus e permitir que o Criador recrie e renove Sua Criação através desse Amor. Não vieste à Terra apenas para viver as coisas do mundo; tua missão não é fazer esta ou aquela coisa, ter este ou aquele serviço, adentrar por este ou aquele caminho. Tua missão é amar, e tudo na tua vida vem para te dar esta possibilidade de viver o amor.

É o próprio amor que te mostrará o caminho de retorno ao Coração de Deus. É o próprio amor que te revelará todas as ciências e sabedorias. É o próprio amor que te conduzirá a ser um digno filho de Deus.

O amor é tua missão neste mundo, e tu em tudo podes encontrar uma possibilidade de amar. Por isso, a cada novo dia agradece a Deus por estar onde estás e por cumprir com o Seu Plano como te corresponde. E apenas ama, ama todos os desafios, ama todas as imperfeições, ama todas as dificuldades, ama o que não compreendes, porque ao ser amado isso te será revelado.

O segredo desta vida é o esforço constante por viver o amor entre os seres, com os Reinos da Natureza e, acima de tudo, com o Coração de Deus.

Por isso, vai, filho, e através da gratidão abre as portas de teu peito para que aprendas a amar cada dia mais.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

 

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando o Pai revelou, pela primeira vez, a Cruz ao Seu Filho, Cristo fechou os olhos e deixou que Seu Coração fosse além do sofrimento, do medo e da dor; elevou o olhar ao Universo, à Sua Origem, às estrelas que pairavam no Céu. Cristo mergulhou no sentido profundo da Cruz e contemplou o Coração de Deus vivendo uma revelação e uma renovação do Amor.

Cristo contemplou o Universo e viu as portas que se abririam, uma a uma, desde o Reino do Pai até os corações dos homens, criando um elo de unidade entre as dimensões.

Cristo contemplou os erros cometidos no passado durante toda a evolução das criaturas que nasceram do Coração de Deus e que, ao longo de seu desenvolvimento, desviaram-se do caminho.

Cristo contemplou como o sangue que brotaria de Suas Chagas se derramava além da terra e chegava ao profundo da condição humana, curando, inclusive, as raízes de males desconhecidos, inconscientes para os homens.

Cristo viu a Cruz que Seu Pai Lhe oferecia e encontrou Sua Mãe Divina acompanhando cada um de Seus passos na Terra, como no Infinito, renovando Suas forças humanas e internas e ajudando a se renovar no Amor e na entrega.

Cristo viu a Cruz que Seu Pai Lhe oferecia e soube que ela perduraria nos séculos, impressa na chaga espiritual que levaria, em Seu Coração, até o dia de Seu retorno ao mundo.

Cristo se reconhecia parte de Deus e, colocando Seus Olhos sobre a Essência Divina do Criador que habitava em Seu Peito, soube que era Deus mesmo quem viveria essa oferta de Amor por Suas criaturas.

Hoje, filho, Deus oferece uma cruz ao planeta, como a cada criatura. Olha a situação das nações e o caos da Terra e encontra ali essa cruz, mas vai além dela e sabe que, muito além do sofrimento, da entrega, da confusão interior, está o Amor que nascerá de teu coração se, como o Filho de Deus, traspassares essas aparências e pronunciares teu “sim” ao Coração do Pai: “sim” ao sacrifício vivido por amor, “sim” ao perdão que supera todo erro, “sim” à esperança que transcende o caos e faz das aparentes derrotas uma vitória divina.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Nestes tempos, não buscarás a resposta para os teus questionamentos nem na ciência, nem nos livros sagrados, nem nas religiões. Tudo quanto o homem manifestou até hoje, por mais que tenha sido inspirado por Deus em outros tempos, não manifestará a resposta e a compreensão para o que a humanidade viverá neste mundo e que, em consequência, será experimentado por todo o Universo.

Assim como ninguém soube explicar as ações do Filho do Homem desde a Sua predicação até a Sua Cruz, nestes tempos, filho, ninguém saberá explicar o que viverão como humanidade.

É no Coração de Deus que encontrarás a resposta e o refúgio. É no Coração de Deus que encontrarás o alento e o respiro. É no Coração de Deus que viverás em paz o que, para a maioria dos homens, será incompreensível. E transformarás em amor o que para muitos será uma “injustiça divina”.

Aqueles que jamais se dirigiram a Deus e que apenas adoraram e proclamaram as coisas do mundo chorarão tarde, reclamando do Céu uma oportunidade que sempre lhes foi entregue. Aqueles que limitaram a Sabedoria Divina à mente humana buscarão nos livros, escritos com os punhos dos homens, e não saberão explicar, compreender ou aceitar o que viverão, e gritarão: “Meu Deus! Meu Deus!”, ao verem manifestar-se aquilo que sempre negaram existir.

Os que forem humildes de coração e apenas tiverem certeza da própria ignorância não temerão cruzar os Portais que se abrirão sobre o mundo e se maravilharão com a Existência Sublime que se manifestará na Terra, sentindo em seu interior o alívio e o auxílio que tanto esperavam. Seu coração, unido ao Coração do Pai, saberá reconhecer a presença do Filho de Deus em Seu retorno ao mundo, e tudo quanto tiverem que viver e entregar para estar nesse momento lhes parecerá pouco. Sua humildade lhes concederá a graça de reconhecer a grandeza de Cristo.

Limpa e purifica agora o teu coração, filho Meu. Não te detenhas em vaidades e indiferenças, mas sabe que o maior tesouro que podes ter é o coração vazio, disposto para Deus e unido a Ele. Constrói esta unidade em teu interior.

Tens a Minha benção para isso.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Acredita no dia em que o Céu descerá à Terra e os anjos e os santos nela habitarão com a humanidade.

Acredita no dia em que o Céu descerá à Terra e teu Senhor e Rei, nas vestes de Seu Filho, voltará a proclamar a Paz, tornando pequenas todas as dificuldades, tornando os medos sem sentido, tornando as dores inexistentes, tornando simples o amor ao próximo e a Deus, acima de todas as coisas.

Acredita no dia em que o Céu descerá à Terra e a Verdade se manifestará diante dos olhos humanos, revelando os segredos de uma existência superior, revelando aqueles seres que sempre estiveram aqui para auxiliar a humanidade, mas que os homens nunca puderam vê-los.

Acredita no dia em que o Céu descerá à Terra e revelará que não apenas nas Alturas habita a vida superior. Revelará o sagrado que se guarda no profundo do planeta e que se resguarda na beleza e na fortaleza da Natureza, porque ainda não chegou o momento de ser conhecido.

Acredita no dia em que o Céu descerá à Terra e teu Senhor e Deus, depois de ter derramado Justiça, voltará a emanar Misericórdia sobre os corações, cura sobre as feridas espirituais, restauração para o espírito da Terra e Graça para estabelecer os mil anos de Paz.

Acredita que tudo passará e que o que parece o fim é o anúncio de algo novo e desconhecido para os homens. O que chamam de fim é o fim do engano, fim do tempo contado nos relógios do mundo, fim dos dias e seus ciclos, para que seja o início do Tempo Eterno, da Verdade Suprema de Deus.

Acredita que este dia chegará e mantém tua fé no desconhecido, porque todas as profecias de Teu Pai Criador virão a se cumprir, e o dia de Sua Verdade será uma realidade na vida deste mundo.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUERIA, MINaS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Restaura-te na fonte da oração que, quando ofertada sinceramente, gera méritos para a Redenção das almas.

Restaura-te na fonte da oração e renova-te na certeza de que teu esforço não é vão e de que tudo o que ofereces se converte em reparação para o Coração de Deus.

Restaura-te na fonte da oração e deixa que tua alma ofereça tudo de si a Deus e a Seu Filho que, ao longo de toda a evolução humana, oferece o Seu Coração em sacrifício e renúncia por cada ser desta Terra.

Restaura-te na fonte da oração e recorda-te das almas sem esperança nas guerras, nas favelas e nos palácios deste mundo. Deixa que tua voz, às vezes já sem força, possa chegar ao profundo desses seres como um impulso para que também eles não desistam de encontrar a Deus.

Restaura-te na fonte da oração e não te canses de pronunciar ao Pai os teus louvores. Sabe que o Coração de Deus sempre te espera e que, por menor que seja a tua oferta, quando ela é sincera, os seus méritos se multiplicam infinitamente e a Redenção que dela nasce é eterna.

Restaura-te, filho amado, na fonte da oração e, até o último de teus dias, ora para que o Pai jamais se afaste de ti.

Se não tiveres força ou voz para orar, ora em silêncio. E se teu coração está fraco para emitir amor, ora na quietude. E se tua mente não conseguir pronunciar um pensamento, ora no vazio. E se tua alma estiver no deserto e nada sentir, apenas ora esperando que Deus ali te alcance. Nunca feches a porta para o Coração do Pai.

Persiste e sê firme, ainda que seja no mais íntimo de teu ser.

Tens a Minha bênção para isso.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA SAGRADA CASA DE MARIA, MÃE PAULISTA, SÃO PAULO, BRASIL, À IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Eis que os Anjos do Senhor abrirão no Céu duas portas, pelas quais haverão de ingressar todas as almas no momento de sua definição.

Quando a Misericórdia e a Justiça já tiverem descido sobre o mundo, quando a paz tiver se consolidado no coração dos que se abriram para receber o Amor e o Reino da Mãe de Deus, quando as trevas tiverem se assentado no coração dos ímpios, que, clamando, chorarão por uma nova oportunidade, os Anjos do Senhor abrirão no Céu duas portas, para que por elas ingressem todas as almas.

A primeira será estreita, simples e luminosa; a segunda será ampla como o mar, mas seu destino não conduzirá ao Reino dos Céus nem ao reino do mundo, senão ao recomeço, ao vazio, ao nada.

Até o último instante do tempo deste mundo, o Criador tentará resgatar e despertar os Seus filhos; mas os que insistirem no engano e com a maldade do seu coração condenarem a si mesmos, desenharão o próprio destino e construirão para si o caminho para a porta ampla e incerta, vazia de luz e de Deus, pois nesse momento o Pai apenas poderá observar os Seus filhos.

Os Anjos do Senhor não sentem como os homens; em seu coração habita apenas a Lei; suas mãos assinalam o destino eleito por cada ser; seus raios apressam os passos dos seres.

Todos os que honraram e respeitaram o rei das trevas com ele retornarão para o seu abismo. Em seu reino apenas haverá gemidos e escuridão, até o fim dos Mil Anos de Paz, quando para eles também chegar o dia de sua Redenção.

As profecias deixarão de ser profecias, chamadas ameaças, para os que não conhecem a Deus. Suas promessas serão verdadeiras para todos.

Os que honraram o Rei dos reis, o Filho de Deus, a Verdade dos seres, com Ele verão o cumprimento de Suas promessas e n'Ele servirão até os últimos de seus dias, até o dia da Unidade, do retorno ao Coração do Pai.

Esvaziem seus corações dos pecados do mundo e não se rendam às tentações destes tempos. Lembrem que, como esta profecia, tudo o que vivem hoje já lhes foi profetizado, e ninguém deixou de ser avisado sobre a sua definição.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUERIA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Cristo não é apenas o seu Mestre e Senhor, Rei dos Universos, parte viva de Deus manifestada entre os homens. Cristo é um estado da Consciência Divina, um princípio da renovação do Amor do Pai, que desperta quando os seres dão tudo de si por amor ao próximo, por amor ao Criador e, quando pensam que esgotaram as suas forças, dão mais um passo, e outro, e outro, até que se superam, não em suas forças; superam-se no amor.

Deus enviou ao mundo o Seu Filho para lhes mostrar um Caminho: a cristificação, a entrega, a doação, o amor a todas as criaturas, sem distinções.

Deus enviou ao mundo o Seu Filho para lhes mostrar uma Verdade: Ele, o Criador de todas as coisas, habita escondido no interior de todos os seres, e todos aqueles que decidirem sair da escuridão da ignorância para adentrar no caminho do amor, que está além de qualquer ciência, poderão não apenas O conhecer, mas, sobretudo, vivê-Lo. Deixem que o Pai se expresse dentro de suas moradas, dentro das criaturas pensadas por Ele, para renovar e superar o Seu Amor.

Deus enviou ao mundo o Seu Filho para lhes revelar a Vida. O Amor é a Vida. Onde não há Amor, não há vida. E apesar de que os seres caminhem pelo mundo e acreditem que o que experimentam é viver, não fazem mais do que passar por uma experiência permeada pela ilusão, sem jamais terem conhecido a Verdade, sem jamais terem experimentado a Vida.

O Criador os chama a adentrar neste Caminho, conhecer esta Verdade e viver esta Vida, que é o Seu Filho, que é Cristo.

Doem de si sempre um pouco mais. Não deixem para depois um auxílio que é necessário agora.

Amem, sem esperar ser amados. Sirvam, sem esperar ser servidos. E quando parecerem estar sem forças, peçam ao Senhor que os renove e que os ensine a superar-se no amor.

Digam-lhe: “Senhor, até aqui chegaram as minhas forças. Agora, eu Te entrego o meu corpo, alma e espírito, e cedo lugar para Ti, para que venhas e, estando em mim, me faças superar-me no amor.”

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Do mais profundo Amor do Coração de Deus, provêm os homens. A humanidade é a Revelação do Amor do Pai, e ao longo dos séculos Ele lhes recorda isso, através das diferentes expressões de Sua Presença.

Deus lhes recordou o Seu Amor através dos patriarcas e dos profetas, por meio do Sopro de Seu Espírito, de Seu perdão e de Sua reconciliação com a consciência humana, através de Abraão e de Moisés.

Deus lhes recordou o Seu Amor através de Buda, que compreendeu que a humanidade era a expressão do mais profundo Amor do Pai e despertou em si a compaixão, como símbolo, da forma mais elevada que podia alcançar, de imitar esse Amor naquele tempo.

Buda buscava na verdadeira expressão da consciência humana o objeto do Amor de Deus e, buscando esta Verdade, encontrou não apenas a si mesmo, mas a própria Consciência Divina. Quando conheceu a verdade sobre si, Buda encontrou, dentro de si mesmo, a Deus.

A Revelação máxima de Deus foi através de Jesus, quando o Pai não apenas amou a humanidade, mas experimentou a humanidade e viveu a condição humana. Deus manifestou-Se em plenitude, despertando assim a plenitude do homem e revelando Sua semelhança com ele. Jesus é a manifestação da semelhança entre Deus e os homens. Ele é a nova e eterna aliança, a Revelação de Deus mesmo.

A semelhança com Deus é o Amor revelado em Cristo. Cristo é a aliança feita Vida. Deus pleno, criando o Homem pleno, e tudo isso só é possível através do Amor.

A partir de então, a Revelação já foi feita; a Verdade já foi desvelada e precisa apenas ser recordada e aprofundada na consciência humana.

Deus então recordou o Seu Amor a Maomé, para que ele recordasse esse Amor aos homens que se perdiam em sua época. E assim, ao longo de toda a evolução humana, o Pai vem recordando o Seu Amor aos Seus filhos.

O que chamamos de Revelações nestes tempos é o aprofundamento da Revelação primeira de Deus em Jesus. A verdade, filho, é única, e hoje ela é novamente trazida aos homens porque chegou o momento de aprofundarem ainda mais, não apenas na compreensão sobre ela, mas na experiência e vivência dela, porque nestes tempos o Pai aspira a retirar os véus de seus olhos e de seus corações para que, conhecendo-se a si mesmos, reconheçam a Deus em seu interior.

Páginas

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos