MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE TUSAYAN, GRAND CANYON DO COLORADO, ARIZONA, ESTADOS UNIDOS, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Desde o princípio da manifestação da vida, filhos Meus, no Pensamento mais puro e profundo de Deus, quando Ele gestava o Projeto desta humanidade, ali estava contemplada a existência dos povos originários; povos assim chamados não apenas porque deram origem às civilizações deste mundo, mas porque, desde a origem da vida, foram pensados por Deus para manter a união entre o Céu e a Terra, a união entre todos os Reinos da Natureza, a união entre a superfície do planeta e os mundos sutis.

Os povos originários são aqueles, filhos amados, pensados por Deus para ser os Porteiros dos mundos sublimes, das realidades superiores, onde o sagrado habita, onde os seres são convidados a retornar à sua Origem nas Fontes Celestiais.

É desta forma que, desde o início da humanidade e até os dias atuais, a Hierarquia Divina impulsiona os povos originários para que reencontrem sua pureza e retornem ao Propósito que Deus manifestou para as suas vidas no princípio.

Ao criar este planeta e cada ser desta Terra, portador de uma partícula da essência divina, seu Pai Celestial criou não apenas os Reinos, os elementos e o homem, fruto do barro consagrado por Seu Divino Sopro. Deus também criou realidades sutis, invisíveis aos olhos humanos que não buscam com sinceridade o sagrado em suas vidas.

Esses mundos sutis mantêm dentro do planeta o Propósito Divino. Neles se vive em comunhão com todos os tipos de vida; neles as dimensões se unem, e não há perigo, porque os que ali ingressam vivem puros de coração e de espírito, e apenas aspiram a cumprir a Vontade e o Propósito Divino.

Os que ingressam nesses mundos sutis, filhos Meus, já foram despojados de suas vontades pessoais e de sua condição humana de impurezas e de degeneração. Dessa forma, seus corações encontram o caminho para expressar a pureza e a unidade com o Divino.

Esses mundos sutis são resguardados pela natureza, por sua fortaleza, beleza e harmonia. E, no invisível de lagos, mares, desertos e montanhas, ocultam-se não apenas para sustentar o planeta, mas para que, através da grandeza da expressão da natureza, os que ali chegarem possam sentir que algo mais ali habita; que um sagrado mistério ali se oculta, e é como se o Céu ali estivesse mais próximo dos homens, e Deus pudesse expressar-Se.

MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando o Criador pensou o projeto humano, contemplou desde o princípio a possibilidade de fazer-se, Ele mesmo, criatura entre as Suas criaturas.

Os seres humanos foram criados entre tantos seres e civilizações do Universo para expressar algo que nenhum deles havia expressado.

Foram criados para unir as dimensões, para expressar o amor que supera os limites de toda a existência e que permite que os seres se unam a Deus. Foram criados para expressar a semelhança essencial com o Pai de toda a vida.

O propósito humano é grandioso, e por isso, filhos Meus, não se alcança simplesmente, apesar de que tudo possa se dar com o despertar da consciência e a firme decisão de amar sem condições e entregar tudo por este propósito de adentrar os mistérios divinos no próprio coração, como no Cosmos infinito.

Viver o potencial humano parece algo impossível, porque a maioria dos seres não se abriu para experimentar verdadeiramente o Amor de Deus, que são capazes de encontrar e sentir dentro de si mesmos.

Eu os ensinei a orar para que, dessa forma, cruzassem as portas do próprio coração e, pouco a pouco, descobrissem a possibilidade de unir-se a Deus, senti-Lo e vivê-Lo.

Quando um ser vive verdadeiramente o Amor de Deus, filhos Meus, ainda que seja por um instante, isso é suficiente para levá-lo a compreender que todo sacrifício, esforço ou renúncia das coisas do mundo e das ilusões humanas é pouco para alcançar a Eternidade dentro desse Amor Divino.

Sabendo Deus que os Seus filhos estavam perdidos em sua evolução e cada vez mais se distanciavam do seu propósito e da sua verdade, e para não permitir que a humanidade novamente se perdesse, como tantas outras vezes aconteceu, seu Pai Criador decidiu Ele mesmo vir ao mundo e mostrar-lhes o caminho.

Tão imenso e misericordioso foi o impulso de Deus para a humanidade – impulso nunca antes dado a nenhuma criatura, nem no Céu nem na Terra – que toda a existência colocou seus olhos, seu coração e sua esperança neste mundo.

MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA EM POTRERILLOS, LUJÁN DE CUYO, MENDOZA, ARGENTINA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Era uma vez, no tempo eterno, um Propósito infinito e amoroso do Único, no qual Ele queria refletir Sua experiência através de uma Criação formada e constituída por muitos tipos de vida.

Assim, foram criados primeiro os universos, suas galáxias, sóis e estrelas; depois foram criadas as nebulosas, e dentro delas já habitavam as dimensões e os planos de consciência.

Mais tarde, quando essa primeira Criação havia amadurecido, vibratória e espiritualmente, o Pai, com todo Seu Amor, fixou Seu olhar em um ponto do Universo, onde um planeta, o que mais havia brilhado, gerou uma condição espiritual maior que era capaz de abrigar e de receber um Projeto.

Para isso o Pai pediu que esse tesouro do Universo, que se estava expressando espontaneamente, recebesse um dos elementos e fluidos mais especiais da Criação: o elemento água, para que o que aconteceria depois tivesse o apoio necessário para poder desenvolver-se e evoluir.

Esse elemento traria para a consciência humana, que foi o último projeto realizado, a capacidade interior e também material de recordar sua origem não só desde o ventre materno, mas também sua origem superior.

O elemento água é a base fundamental para o equilíbrio emocional e sentimental do ser humano. Por isso, na criação do planeta Terra, o Pai quis conceder a Seus filhos a maior quantidade de oceanos e de mares, para que não sentissem a desconexão espiritual do ventre materno.

Foi assim que o Projeto humano foi acompanhado desde o princípio e tem sido o Projeto genético mais privilegiado, porque o próprio Projeto, para poder ser corrigido e redimido, recebeu a encarnação do Filho de Deus, para que a raça humana encontrasse um caminho direto por onde pudesse retornar à sua verdadeira essência.

Foi assim que outros seres humanos se ofereceram para que o Projeto pudesse perdurar e alcançar o maior grau de perfeição, o que foi possível por tudo o que ensinou Cristo, que foi o caminho do Amor e do Perdão.

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos