MENSAGEM DIÁRIA DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO BATISTA, SANTA CATARINA, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Sagrados Oceanos - Parte II

Nas profundas águas dos oceanos, toda a vida marinha cria a condição para que no fundo do mar, através dos seres vivos, estabeleça-se um equilíbrio que é vital para o sustento do planeta e a purificação das águas.

Da mesma forma acontece no nível espiritual e imaterial, já que os Espelhos e os Recintos Intraoceânicos cumprem uma função vital para a sustentação físico-espiritual da humanidade.

Esses Recintos Intraoceânicos estão acoplados a toda a vida física presente no fundo dos oceanos, e certas espécies marinhas, como os golfinhos, as baleias, as tartarugas e outros seres do Reino Animal, no nível interno, representam os guardiões desses espaços intraoceânicos.

O mesmo acontece com os corais oceânicos e com o chamado plâncton, espécies vegetais de altíssima vibração espiritual que não apenas atuam fisicamente gerando equilíbrio, mas também atuam em nível espiritual, gerando harmonia entre os diferentes oceanos.

Nesse sentido, cada espécie, elemento ou Reino presente nas profundezas dos oceanos faz parte de um grande ecossistema de vida espiritual, cuja presença é insubstituível neste tipo de planeta com uma forma específica, como é a Terra.

Se hoje, dentro dos oceanos existem desequilíbrios entre as espécies, isso é parte de uma degeneração que os primeiros seres humanos ocasionaram nas origens da Terra; porque, dentro da escala da evolução, todos os Reinos manifestados foram corretamente desenhados para viver em harmonia, e não em conflito.

Mas, apesar dos desajustes que existem entre os Reinos da Natureza dentro dos oceanos e também pelos desequilíbrios causados pela contaminação e pela exploração dos mares, os Recintos Intraoceânicos, guiados pela Hierarquia Espiritual, favorecem o despertar essencial do equilíbrio e da harmonia, perdidos depois de muitas experiências.

Esses Recintos Intraoceânios, que não são físicos, mas espirituais, habitam em certas regiões do planeta há muito tempo, e eles, como polos da Hierarquia Espiritual e Espelhos que captam os impulsos do Universo, geram uma atmosfera de maior proteção e de resguardo de tudo o que deve evoluir dentro da consciência, assim como em toda a vida manifestada.