Domingo, 3 de julho de 2022

Mensagens especiais
MENSAGEM EXTRAORDINÁRIA DE CRISTO JESUS GLORIFICADO, TRANSMITIDA EM NAZARÉ, PORTUGAL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS, PARA A 104° MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA 

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Através dos oceanos, Minha Consciência se espelha na humanidade e pode refletir nos seres humanos o grande estado da Consciência Crística. É esse estado espiritual e interior que Eu busco implantar em toda a raça humana através dos tempos e por meio dos impulsos que Eu lhes trago para este ciclo.

Hoje Meu Coração e todo o Meu Ser já estão na África, assim como seus mundos internos e suas orações também podem estar para acompanhar-Me nesta ousada tarefa de redimir o continente africano e de gerar, em todos os povos da África, o alívio do sofrimento e a recuperação da paz.

Por essa razão, hoje estou aqui, mas em Espírito e em Onipresença também estou na África, tratando de assuntos muito importantes e espirituais que até os dias de hoje suas consciências desconhecem.

Mais uma vez, Eu os convido a amar o mistério através do Amor que lhes ofereço. Assim poderão sentir, em seu mundo interior e em sua consciência, os impulsos que Eu lhes trago para que aprendam a reconhecer Minha Vontade, a Vontade que já está escrita na Consciência do Pai Eterno e em todos os Seus Anjos e Arcanjos, essa Vontade que tenta implantar-se desde as origens do planeta, desde o começo da humanidade.

Por essa razão, Minha Consciência Divina trabalha, desde as origens da Terra, por esse Projeto Humano que foi pensado amorosamente pelo Criador.

Mas devem saber algo importante: este é o tempo de poder corrigir a humanidade, não com Justiça, mas com Misericórdia, para que ela reencontre o caminho que perdeu para sua evolução e seu despertar.

O continente africano guarda tesouros muito importantes, tesouros preciosos e desconhecidos até os tempos de hoje.

É Minha tarefa, e também Meu dever, revelar-lhes esses tesouros através da riqueza espiritual que muitos corações da África guardam, uma riqueza espiritual que não só foi explorada e retirada de forma injusta e impune, mas uma riqueza espiritual que também foi sepultada, foi silenciada e foi escravizada pelos países e pelas consciências que infelizmente regem essas nações da África.

Em Meu Retorno, Eu virei com um Grande Projeto para poder realizar e concretizar. Um desses Projetos que guardo em Meu Coração é o ressurgimento da consciência espiritual da África, o que ela representa para o Pai Eterno desde o princípio e todo o legado que ninguém conhece ainda.

Esses tesouros dos quais lhes falo não são materiais, mas profundamente espirituais e, até diria, suprafísicos.

Esses tesouros permitirão que o planeta, como alma e como consciência interna, possa regenerar-se e assim permitam que surja a Nova Humanidade, que não é a humanidade deste tempo, porque esta é uma humanidade em transição, em prova, é uma humanidade em sofrimento e em agonia.

Através da Minha Divina e Insondável Misericórdia, venho abrir as portas naqueles lugares onde estão fechadas: as portas da luz, as portas da consciência, as portas da Graça e da cura para aquelas consciências, almas e corações que verdadeiramente necessitam, como são Meus filhos prediletos da África.

Por isso, o começo desta missão em Angola, nesta etapa, será muito significativo e não será igual às experiências anteriores que fortaleceram o espírito do serviço missionário.

Agora é um tempo de fazer despontar e também de fazer concretizar, o que o Pai necessita materializar na superfície, o que vocês já conhecem como Sagrados Pontos de Luz, que não apenas beneficiarão a África, mas também o mundo inteiro. E isso demonstrará a toda a humanidade, mais uma vez, o sacrifício das consciências da África, que não perdem a fé e a esperança em Meu Coração, que só têm Meu Coração para poder sobreviver.

Por isso, Meu Coração se doa mais uma vez, assim como fez uma vez em Ruanda. Agora, venho por toda a África, por todas as nações da África, por todos os povos e por todas as culturas.

Chegou o tempo de que a humanidade reconheça os erros que cometeu com a África e possa corrigi-los e emendá-los, não somente de forma material, mas também de maneira espiritual.

Para isso, Eu estou aqui como o Advogado de Deus, como o Mediador e Intercessor entre as almas justas e as almas injustas. Eu estou aqui através da Minha Divina e Insondável Misericórdia e por meio da Luz da Minha Graça para fazer ressurgir a esperança naqueles que a perderam e que hoje não têm nada.

Por isso, os passos que se darão neste ciclo serão importantes, serão passos que determinarão os próximos tempos, determinarão os próximos ciclos e, diria, os próximos acontecimentos.

Por isso, deverão estar atentos e vigilantes. E, como Meus apóstolos, servidores e missionários chamados a viver o Plano de Deus, devem levar adiante o Propósito de seu Mestre e Senhor de semear nos corações e nas almas o Amor Crístico e, através desse Amor Crístico, insondável, infinito e inextinguível, permitir que as almas sofridas reencontrem a esperança, a fé e a alegria de viver neste mundo, e que ao mesmo tempo possam reencontrar as virtudes e os dons que hoje desconhecem.

Por isso, através da fundação da Minha Obra na América do Sul, hoje se cria uma ponte de luz, de unidade e de irmandade entre a América do Sul e a África, para que a Europa também possa unir-se a esse propósito e o continente africano não seja mais usado como descarte, como lixeira das consciências que mais sofrem, mas que toda a Europa e o hemisfério norte finalmente deem o passo para fechar a dívida espiritual que ainda têm pendente com toda a África.

Eu lhes disse, desde o ano 2017, sobre a importância de chegar à África. Aconteceram alguns movimentos, mas não foram suficientes; viveram-se algumas experiências, mas não foram suficientes. É hora de que cada consciência europeia, de que cada membro do hemisfério norte coloque seu coração e sobretudo sua vida incondicionalmente a serviço dos que mais necessitam. Isso demonstrará para o seu Mestre e Senhor que estão compreendendo Minha Mensagem e que Minha Mensagem não se perde com o tempo ou não fica apenas guardada na memória.

É hora de atuar com prontidão e determinação. Vocês, sóis na Terra, que já estão despertos, sabem o que devem fazer e onde devem estar. Não resistam. Que os europeus não resistam, que abram seus corações e possam saldar as dívidas que têm com a África.

Alguém deve dar o passo, e são vocês que devem fazê-lo por aqueles que nunca darão os passos, por aqueles que nunca olharão com misericórdia e nem sequer com compaixão para os irmãos sofridos da África.

Eu os convido a repensar suas atitudes e suas intenções. Eu os convido a se colocarem definitivamente no caminho da concretização do Plano.

Agora os tempos urgem. Por isso, devem estar atentos para não perder os impulsos, para não perder tudo o que Eu lhes trago neste tempo. A África espera, há muito tempo, este momento e não poderá esperar mais. Por essa razão, Eu estou aqui para recordar-lhes, para fazê-los saber que este é o tempo da ação.

Que esta Maratona da Divina Misericórdia prepare este momento imediato que tanto espero ver concretizado através de vocês; um momento de servir sem condições, de doar-se sem condições, de fazer algo sem condições por aqueles que sofrem, pelos irmãos da África.

Já não posso escutar e tampouco ver as crianças da África que esperam mãos e braços que os acolham, que se aproximem, que os envolvam e, sobretudo, que os amem e os sirvam. Elas esperam amor, e não apenas pão.

Por isso, é importante que mudem seus conceitos sobre o que é a vida da sobrevivência. É importante que entendam que nos corações da África existem tesouros desconhecidos e importantes.

Se esse movimento de serviço permanente ao continente africano acontece nestes tempos, pela colaboração e doação de todos, permitirá que a dívida espiritual da Europa e também de outras regiões do planeta sejam aliviadas, permitindo que a consciência africana seja reparada e reconstruída espiritualmente.

Não devem ter apenas um gesto de boa vontade; isso não é suficiente para Mim; devem ter um gesto de concretização, de prontidão, e não de resistência. Vocês têm Meus Tesouros e Minhas Graças sobre vocês, em seus corações e almas.

Por isso, digo aos Meus apóstolos: este é o tempo de atuar e de não permitir que Meu inimigo avance neste mundo e sobretudo naqueles povos e nações condicionados pelos sistemas corruptos deste mundo.

Não lhes peço que façam grandes coisas, peço-lhes que façam movimentos e ações com amor. Aí está a chave da redenção.

Depois daqui, depois desta Mensagem e através de suas orações à Divina e Insondável Misericórdia do Meu Coração, retornarei à África para continuar trabalhando, assim como venho fazendo nestes dias, preparando o continente para uma nova etapa. Mas essa nova etapa se dará e se concretizará através da colaboração e, diria, do entusiasmo daqueles que compreendem Minha Mensagem e não apenas a escutam.

Através desta Maratona da Divina e Insondável Misericórdia, posso dizer-lhes, companheiros Meus, que o mundo viverá um Juízo diante do que hoje a África vive e padece. Não esperem que os que se dizem poderosos, ou mesmo os que exploram toda a África, possam mudar; a mudança, companheiros, começa em vocês, no anônimo serviço aos demais.

Isso concederá ao mundo uma anistia espiritual desconhecida e inexplicável, e a África poderá levantar-se e reerguer-se como o povo e a cultura que ela representa para Deus.

Eu rezarei para que vocês, Meus companheiros, deem os passos, especialmente todos os membros desta Obra que pertencem à Europa. Não é suficiente que uma, duas ou três consciências façam um movimento pela África; todos são responsáveis pela dívida espiritual.

Eu os convido a assumir a cruz, assim como Eu assumi por vocês. Mas lhes asseguro que não viverão o peso nem o calvário que Eu vivi por vocês. Sempre estarei aí, ao seu lado, para sustentá-los, para impulsioná-los, para transformá-los, para convertê-los em Meus apóstolos dos últimos tempos.

Sejam valentes e não retrocedam.

Não temam a cruz, tampouco o sofrimento; temam estar distantes de Deus e absorvidos pela ilusão do mundo.

Vocês têm os tesouros do Pai; através de Nossas Palavras e de Nossas Aparições receberam esses tesouros; agora devem colocá-los a serviço dos demais, dos que mais necessitam, dos que mais os esperam há tanto tempo.

Eu estarei ali, esperando seus passos definitivos. 

Agora sim, retorno à África como Consciência Espiritual e Divina, esperando que mais consciências assumam um serviço maduro, e não passageiro. Recordem que a África tem uma grande ferida espiritual e física que ainda não foi cicatrizada. A presença dos Meus apóstolos, dos Meus servidores e missionários gerará a cura dessa situação inexplicável para todos.

Só o Amor curará a dor.

Animo-os a seguir adiante.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.