Quarta-feira, 8 de maio de 2019

Aparição Extraordinária
APARIÇÃO EXTRAORDINÁRIA DA VIRGEN MARIA, NA CIDADE DE FÁTIMA, PORTUGAL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS

Venho do Céu com a esperança de que os Meus filhos tenham compreendido tudo o que Eu lhes disse, sabendo que falta tempo para poder fazer tantas mudanças, e que essas mudanças que chegarão às suas vidas os colocarão diante de novos acontecimentos, como a todos os seus irmãos e a todas as nações do mundo, que deverão testemunhar a sua transformação interior.

Este é o tempo da sua grande mudança para que o novo possa chegar e renová-los.

Hoje venho cheia de Graça por estar novamente neste bendito lugar, que continua reafirmando e vivendo a devoção ao Meu Coração Imaculado, que é o que Me permite, no mundo inteiro, interceder e salvar as almas perdidas.

Hoje ingressaram espiritualmente no Reino de Fátima, pelo seu canto e pela sua oração. Tão simples assim, filhos Meus, isso lhes possibilitou tomar contato interior com os verdadeiros Tesouros de Deus, que estão neste planeta e também no Universo.

Hoje, não apenas lhes falo da Minha dor de Mãe, mas também da Minha alegria, porque as almas dão pequenos passos no caminho da transformação e da entrega, passos que as levarão a viver o tempo preparatório do retorno de Cristo, como também o resto da humanidade deve viver, porque este tempo, filhos Meus, já está muito próximo, ele está por acontecer. Ele está por mostrar-se e revelar-se ao mundo.

Por isso, dia e noite, convido-os ao caminho da conversão, não só através de uma vida de oração que possa iluminar as suas células e átomos e toda a sua consciência, mas também através de um caminho de serviço que a Europa deve viver e praticar neste tempo definitivo, para poder compensar os erros cometidos no passado e que ninguém ainda pagou.

Mas, por meio da Minha Graça e do Meu Amor, da Luz que brota do Meu Coração Imaculado, proveniente do Altíssimo, o Todo-Poderoso, Eu lhes concedo, filhos Meus, um tempo de reparação para que suas vidas possam iluminar-se e transformar-se, ser o exemplo que Cristo necessita na Terra, para que Ele possa voltar logo e estar entre os Seus, levando novamente a Sua Palavra de alento e de esperança para converter todas as vidas e todos os corações.

Peço-lhes tudo isso, filhos Meus, porque o tempo de sofrimento não terminou. As almas agonizam por si mesmas e pelas consequências dos seus semelhantes. Mas Eu os convido, nesta hora, a um momento de reparação, não apenas na vivência verdadeira dos Sacramentos, mas no tempo da adoração, no tempo do serviço e da paz, no tempo do bem que possam gerar e entregar aos seus irmãos nestes tempos tão difíceis.

Eu os convido, filhos Meus, e lhes recordo o mesmo que disse aqui e em outros lugares do mundo, a viver em Cristo de forma simples, a ser parte de Cristo, da Sua Consciência e do Seu Coração, porque Ele ainda necessita de muito mais mãos para poder obrar e ajudar o mundo, em lugares recônditos e desconhecidos aonde a luz e o amor ainda não chegaram.

Esta é também uma tarefa para todos os irmãos da Europa, para todos os seguidores de Cristo que aqui se encontram. Ele espera ver isto realizar-se e estar vivo em vocês, que não seja um compromisso tíbio nem frio, mas que através da entrega e do serviço pelos demais, não somente pela Europa, mas também pela África, aprendam, finalmente, a sair de si para que o amor do Meu Filho possa obrar em vocês e no mundo.

Mas isso sucederá, filhos Meus, quando derem o primeiro passo e a primeira entrega. Meu Filho preparou-os amorosamente, nestes últimos dias, para dar os próximos sete passos. Isso não será um mistério, tampouco uma teoria; será algo vivo em vocês, algo que deverão praticar e exercitar conscientemente.

Por isso, Meu amor maternal, o amor do Meu Filho e o amor de São José preencherão sua Nação e as nações da Europa, estando um tempo aqui, compartilhando com Meus queridos filhos os impulsos do conhecimento e da instrução, não só para fazer os seus espíritos crescerem no amor e na verdade, mas para que a entrega, tão esperada pelo Pai Eterno, seja verdadeira. Porque o Seu desejo ardente, o Seu mais íntimo pensamento é que todos possam se salvar e fazer parte da nova humanidade, que primeiro deverá nascer dentro de vocês para, depois, ser uma realidade em todo o planeta.

Eu lhes ofereço, como meio, Meu imaculado e materno Coração. Minha Voz não cansará de pronunciar-se neste mundo e de falar em diversas línguas, para que todos os povos, todas as raças e culturas preparem o advento de Cristo na humanidade, no momento culminante do planeta e de toda a raça, quando as portas da luz se abrirão neste planeta para a chegada do Rei Universal. Momento no qual Ele expulsará e exorcizará todo o mal presente na Terra e nos homens, e o triunfo e a vitória do Seu Coração não serão mais uma promessa, senão uma realidade que vocês viverão, conscientemente, pelos mil anos de paz.

Como Mãe do Consolo e Mãe da Graça, Eu os preparo, filhos Meus, para esses acontecimentos. Não é mais tempo de dizer somente palavras bonitas, é tempo de dizer a verdade, como Meu Filho lhes ensinou há tanto tempo.

É tempo de exercitar o bem, é tempo de proclamar a paz, é tempo de unir as nações em uma só voz e em uma só oração. É tempo de receber Cristo em seu interior e de comungar com o Seu Divino Espírito. Assim, estarão a salvo e alcançarão a redenção.

Para que a Minha Graça continue derramando-se não apenas em Portugal, mas também na Europa e na África, necessito da resposta dos Meus filhos, da adesão dos soldados de Cristo para que o projeto de redenção se cumpra na Terra, superando limites, obstáculos, transcendendo desafios, superando barreiras, abrindo as portas do coração para acolher o semelhante, o imigrante, o refugiado, o estrangeiro.

Isso é o que a Europa deve fazer neste tempo, porque o planeta e os continentes são um presente de Deus para todos os seres.

A Criação é da humanidade e dos que deverão consagrar-se como dignos filhos de Deus.

Neste oito de maio um ciclo se cumpre e outro começa, até oito de agosto, quando tudo ficará mais definido e claro.

Por isso, filhos Meus, ainda têm tempo para concentrar-se e unir-se ao propósito de Deus sem distrair-se, quando toda a sua atenção e fervor deverão estar nas palavras das Nossas Mensagens para que o mundo reconsidere, para que as almas despertem e saibam que um novo tempo está chegando, no qual o sofrimento não existirá e a dor não prevalecerá, senão a alegria de servir a Deus.

Filhos Meus, necessito somente que alcancem a verdade para que sejam livres de si mesmos e possam obrar em paz.

Fátima será sempre o seu lugar e o seu refúgio. O que Eu deixei aqui nunca se perderá, apesar do que suceda na superfície. Porque Fátima, como consciência espiritual, e não mundana, pode habitar dentro de vocês. Vocês podem ser a luz que leve as almas à paz, assim como Eu levei à paz, por intermédio de Fátima, milhões de almas no mundo.

Porque a luz que leva à paz é o amor do coração verdadeiro, o amor que vivifica e sente Cristo, e que sempre O tem presente em seu interior. Isso os faz ser Fátima em qualquer lugar para poder levar a paz ao mundo e o fim do cativeiro espiritual.

Sejam instrumentos do Pai Altíssimo, esforcem-se e transformem as suas vidas completamente, porque, nas quedas ou nas tentações, Eu estarei aí para reforçá-los e fortalecê-los na fé e no amor, e no propósito e na convicção de viver em Cristo.

Como uma Mãe, que não se cansa e não descansa, venho dar, novamente, o testemunho do Meu Amor por meio da consagração de novos Filhos de Maria.

Escutando, neste momento, o hino da sua consagração, chamo os Meus filhos que, hoje, em nome da humanidade e do planeta, darão um novo passo para que tudo seja transformado e convertido conforme a Vontade de Deus, para que as almas alcancem a vida eterna e a alegria de estar fazendo e cumprindo o bem, onde estiverem.

Por isso os chamo, filhos Meus, para dar-lhes a Minha bênção nesta nova tarefa e neste novo compromisso que hoje assumem ante a sua Mãe Celeste, sabendo que a consagração que hoje vivem no Santuário de Fátima abre as portas para que possam percorrer o caminho da sua pureza original, inocência que o mundo inteiro deverá recuperar, urgentemente, por ter-se afastado de Deus e, principalmente, da Verdade Suprema.

Por isso, este passo que hoje dão, filhos Meus, não é apenas por vocês, mas também pelo mundo.

Minha intenção maternal é que sempre orem juntos, todas as vezes que puderem, pelas almas que devem regressar aos braços de Deus e recuperar a sua pureza essencial, contaminada pela adversidade e pela ilusão mundial.

Suas orações sempre chegarão ao Meu Coração maternal porque sempre recordarei e nunca esquecerei o que lhes pedi.

A sua consagração é um passo por muitos mais, pelos que deverão dá-lo algum dia e que por temor, fracasso ou erro não conseguem fazê-lo. Assim como Eu os acolho, abraço-os e os recebo em Meu Coração Imaculado, recebam em seus corações os seus semelhantes.

Sejam o testemunho do Amor de Cristo para toda a Europa. Compartilhem esse amor que hoje recebem do Meu Coração Imaculado e façam Jesus feliz para que Ele sempre retorne em Divindade e em Espírito para derramar Sua Misericórdia na Terra e fechar os abismos da ilusão e do mal, para que as almas recuperem a esperança de estar aqui e despertem para a sua missão neste tempo.

Oremos juntos ao Pai Celestial porque é Ele que concede este tempo de Graça extraordinária ao mundo, e atrai a Si todos os Seus filhos para preenchê-los com o Seu Amor, para impulsioná-los com a Sua Misericórdia, para redimi-los e curá-los pelo impulso da Sua Divina Luz.

Em nome do Amor de Deus, rezemos: Pai Nosso (em português).

Que Meu Coração e Minha Vida sempre sejam o portal que, através de Fátima, leve-os à paz. Amém.

Eu os consagro e os vivifico no Amor de Cristo, nosso Senhor e Redentor. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

A pedido de Jesus Cristo, agradeço-lhes por haver cumprido a primeira etapa desta peregrinação, e esperamos ardentemente, sob a Chama do Amor de Deus, que as graças e as misericórdias do Pai Eterno se derramem sobre todas as nações.

Agradeço-lhes.

Podem cantar ao Meu Coração.

Canção: Hino dos Filhos de Maria.