maio

31

Terça-feira, 31 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO ÔNIBUS ÁGUIA DE LUZ, DURANTE A VIAGEM ENTRE A CIDADE DE DURAZNO, E O CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Filhos,

Com o Propósito de Deus em seus corações e com a experiên­cia de tê-lo sentido e de terem sido participantes ativos de Seu Plano de redenção e de resgate, tentem todos os dias não regre­dir e não voltar ao comum modo do viver humano.

Que cada dia os conduza a um novo degrau, sempre para o Alto, sempre para uma união mais profunda e verdadeira com Deus.

Que o compromisso dos servidores se amplie e que sejam verdadeiros servidores do Plano, em função de uma missão planetária e não apenas de uma consagração pessoal.

Filhos, esta Obra para a qual foram chamados se diferencia de todas as outras já levadas adiante pelos Mensageiros Divinos, porque estamos tentando despertar uma missão planetária que abarque não apenas uns poucos, mas que se expanda por todos que se comprometeram com o nascimento da Nova Raça nestes tempos.

Por intermédio desta Obra, estamos despertando aqueles, entre os 144 mil, que criarão as bases de um novo mundo e que não hesitarão em se unir à vida universal e à realidade cósmica, que a maioria dos seres humanos busca ignorar.

Estamos tentando trazer para a consciência humana a vivên­cia superior que a aproxima da parte da Criação de Deus que vive e se manifesta apenas para cumprir com Sua Vontade. Por isso, filhos amados, os Mensageiros Divinos estão intensifican­do a participação de todos em missões de oração e de serviço em todo o planeta, para que não somente as sintam em seus corações, mas que todo o seu ser participe da renovação e da redenção deste planeta. Que inclusive as suas células despertem para a plenitude de cumprir com a Vontade do Criador e que, dessa forma, apaguem dos registros hereditários huma­nos a constante tendência de se separar da vida divina para viver sob a guia da vontade própria.

Hoje lhes pedirei que estejam atentos à Nossa guiança e com alegria respondam ao Chamado Maior. Aos poucos compreen­derão que um Plano universal e divino está sendo desenhado por meio de suas ações mais simples, porém sinceras e plenas da aspiração de atrair o Reino dos Céus para este mundo.

A cada dia renovem a consagração de suas vidas ao Plano de Deus. Quanto mais verdadeiros forem nessa intenção, maior será a Graça que virá em seu auxílio.

Eu lhes agradeço e os abençoo para que sigam dando passos fecundos neste momento de deixar no solo da Terra as sementes germinadas do novo tempo, da Nova Raça.

Seu pai e companheiro,

São José Castíssimo

maio

30

Segunda-feira, 30 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE DURAZNO, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

A grandeza de viver segundo as Leis e o Propósito do Criador é que, em meio à ignorância da maioria dos seres humanos, vocês podem descobrir a verdade sobre si mesmos.

Filhos,

É quando o coração se dispõe a servir e a obedecer os desígnios superiores, ainda que não os compreenda e não os conheça total­mente, que Leis maiores permeiam suas vidas e os conduzem ao despertar do potencial que guardam como criaturas de Deus.

Ao aceitar seguir esses desígnios, devem mergulhar com todo o ser nesta verdadeira aventura que é, para a humanidade, o descobrimento de si mesma, de sua origem e dos mistérios do planeta em que vocês vivem.

Quando são capazes de amar os Planos do Criador mais do que os próprios planos e mais do que a si mesmos, verão que outras possibilidades de compreensão lhes serão entregues.

Poderão despertar o poder da intuição e o sentir profundo de seus corações e já não necessitarão de tantas explicações para a mente, porque o coração é que será o verdadeiro conhecedor de todas as coisas.

Se mergulharem no infinito da Consciência Divina, não duvi­darão da amplitude de Seu Plano e, quanto mais ele lhes for revelado, mais o buscarão e mais abertos estarão para conhe­cê-lo, porque vocês são parte dessa Criação infinita. Assim como o Criador se expressa de tantas formas no cosmos, Ele também criou nos seres humanos um potencial infinito ainda desconhecido por todos.

Filhos, tudo começa por dizer sim a Deus e deixar que Suas Leis invadam as suas vidas e os transformem, colocando-os no ponto correto do despertar e do amadurecimento do espírito.

Hoje, mais uma vez, agradeço-lhes porque, ao responderem ao chamado de oração pelo Uruguai e ao colocarem todo o coração na resposta sincera que emitiram ao universo, vocês abriram novas possibilidades ao despertar e à evolução humana.

Percebam que é na simplicidade e na sinceridade de seus cora­ções que se guardam as chaves para o desvendar do potencial do verdadeiro amor.

Guardem em seu interior essa experiência e deixem que seu caminho evolutivo parta agora desse patamar para novos degraus. Sigam subindo na eterna ascensão.

Aquele que acompanha os seus passos,

São José Castíssimo

maio

29

Domingo, 29 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Grande é o mistério da Criação. Grandiosa é a Graça que se esconde, que se oculta no profundo do coração humano.

Hoje os anjos e os santos rendem glória ao Criador, porque a humanidade experimentou o poder da unidade, e o Seu Plano começa a cumprir-se nas consciências dos que disseram sim.

Magnífico é o mistério do Senhor, e dádiva única é poder revelá­-lo na simplicidade do mundo interior.

Filhos, sintam hoje o poder da unidade entre as criaturas de Deus. Sintam quão grandioso mistério lhes é revelado quando, com simplicidade, alegria e amor, vocês respondem ao chama­do celestial.

Chegou a hora dos apóstolos retomarem os seus postos e, novamente, de dois em dois, saírem a sustentar o mundo e, de forma silenciosa, unirem-se à Hierarquia Divina para cumprir os Planos do Pai.

Filhos, hoje uma Graça Maior desceu ao mundo, porque, por um instante, vocês foram capazes de transcender o amor pró­prio e, assim, amar o Plano e a Vontade de Deus para cada nação e cada consciência.

Hoje lhes agradeço por terem se permitido experimentar a verdade de seus corações. Agora, com essa experiência em seu interior, não se detenham e sigam adiante, semeando os prin­cípios de uma nova vida neste planeta em redenção.

Quando abrem o coração, os Céus vêm em seu auxílio, e o poder da Misericórdia é maior do que o raio da Justiça.

Hoje, um novo aprendizado de amor lhes foi concedido; guar­dem-no e multipliquem-no nos dias que virão.

Seu pai e companheiro, Este que lhes agradece por intercede­rem pelas nações,

São José Castíssimo

maio

27

Sexta-feira, 27 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

O silêncio e a mansidão são as maiores ferramentas do guerreiro neste tempo de batalhas. Não um silêncio que os leva a observar os erros dos demais e a julgá-los, mas sim um silêncio que une, um silêncio que vigia, um silêncio que observa a si mesmo, seus pensamentos e sentimentos e, assim, guarda o princípio da unidade, não permitindo que o inimigo ingresse em nenhum nível da consciência. Por isso, silenciem, obser­vem-se e guardem as próprias energias para edificar a fortaleza interior e a de todo o grupo.

O caos é distração, barulho, desavenças e vaidades e o tempo todo tem as portas abertas para ingressar na consciência huma­na, pois facilmente ela se adere a esses estados.

A unidade, que provém do amor, da compaixão, da compreen­são e da misericórdia, deve ser cultivada como uma flor delicada e cheia de recomendações. É um atributo raro, apesar de ser primordial para a evolução humana; por isso, necessita de maior atenção e cuidado.

Então, em silêncio, cultivem a unidade; fortaleçam o amor e os atos de misericórdia.

Vigiem sempre e encontrarão a intuição e o sentir superior, para que, antes que o inimigo ataque, percebam a sua presença e não permitam o seu ingresso.

Têm a Minha bênção.

Aquele que ora e vigia pela humanidade,

São José Castíssimo

maio

26

Quinta-feira, 26 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO ÔNIBUS ÁGUIA DE LUZ, DURANTE A VIAGEM ENTRE A CIDADE DE PORTO ALEGRE, RS, BRASIL E O CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Quando orares, vai além de tuas necessidades, vai além da paz que alcançares em teu coração.

Quando encontrares um estado de paz, deixa que ele se expan­da e permite que o Criador Se expresse por intermédio de teu coração e revele à tua alma os mistérios que te farão crescer.

Deixa que o estado orante ative o espelho de teu coração e te una aos Espelhos do Cosmos, dando-te a conhecer a sabedo­ria que neles se guarda, a história da Criação Divina que neles se escreve. Compreende, assim, a existência de cada Reino, o sentido da vida manifestada e para onde te conduz essa vida.

Deixa que essa compreensão interior eleve o teu ser e leve con­tigo parte da consciência humana, pois, quando estás unido ao Pai, nada do que fazes gera méritos apenas para ti. Quando os Espelhos do Cosmos se voltam para a Terra para refletir a sua luz nos espelhos dos corações daqueles que buscam a sabe­doria e o conhecimento divino, todo aquele que está unido ao Criador e ao Seu caminho de evolução recebe em si a irradiação desses Espelhos.

Se elevas a tua consciência a um estado interior que te permite transcender a mente humana e ingressar no conhecimento divino, toda a humanidade, de uma forma muito misteriosa, recebe a oportunidade de desvendar ditos mistérios. Por isso, enquanto orares, não limites esse ato às sensações e experiências dos sentidos. Não busques apenas desfrutar de um estado de quietude, quando em verdade poderias adentrar nas dimensões divinas e reencontrar a vida que um dia tiveste que esquecer.

Além de clamar pelo mundo e sentir a dor de teus irmãos, descobre a face da oração que é também um serviço e que te conduz à união com Deus e com Seu Plano.

As criaturas desta Terra têm uma capacidade única de se unir ao Criador e, em dita união, compreender os mistérios de Seu Plano de uma forma que nem mesmo os anjos poderiam alcançar.

Percebes, então, filho, a grandeza que se esconde no simples ato de orar e quanto ainda tens para aprofundar e descobrir desse mistério orante?

Não há uma receita ou uma sequência de ações que alguém possa ensinar-te para desvendar esses mistérios. Essa união com Deus depende apenas de ti, como de cada ser humano; depende do amor sem fronteiras que possas sentir dentro de ti, quando perdes o medo de perder-te para encontrar-te, como nada, em Deus.

É uma questão de deixar-te vencer pelo amor que habita em teu interior e de não colocar limites para a sua expansão. Essa é uma experiência tua com Deus e não há ninguém, nem mesmo Eu, que te possa levar a isso. Eu, filho, como teu pai e amigo, apenas te inspiro a seguir esse caminho e te assinalo a direção para que te ponhas a caminhar sozinho nesse deserto, que a princípio parecerá muito solitário e, depois, o descobrirás pleno de tudo, porque ali se encontra o Todo, encontra-se o Criador de todas as coisas, Aquele que contém em si toda a Vida.

Vai e caminha, segue por onde te indica o coração.

Deixo-te Minha bênção.

São José Castíssimo

maio

25

Quarta-feira, 25 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO ÔNIBUS ÁGUIA DE LUZ, DURANTE A VIAGEM ENTRE AS CIDADES DE SÃO PAULO, E PORTO ALEGRE, RIO GRANDE DO SUL, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Muitos creem que é suficiente a própria entrega e se per­guntam o que mais deveriam fazer para que os Mensageiros Divinos um dia lhes digam: “Filhos, vocês já estão cum­prindo com a sua missão!”

Filhos,

Vocês já estão começando a cumprir sua missão e agora que já aderiram a ela e que aspiram, cada dia, a servir melhor e em maior plenitude, podem começar a compreender com mais profundidade do que se trata.

Vocês já sabem exatamente o que fazer. Já conhecem os concei­tos dos passos a seguir e a ideia do que devem ser, mas experi­mentam apenas em lapsos o verdadeiro estado de consciência de um ser desperto.

O que lhes pedimos não é muito, não é impossível e não preci­sam ser conhecedores de leis universais para vivê-lo, pois Aquele que É a Lei mesma já se manifestou na Terra e demonstrou a todos como se cumpre o Plano de Deus. O que acontece é que poucos acreditam que provieram da mesma fonte da qual nas­ceu a Essência de Cristo; poucos acreditam verdadeiramente na possibilidade de se tornarem um Cristo Vivo e, por isso, não se esforçam por conseguir.

O que esperamos de cada um de vocês é que sejam misericor­diosos, que sejam capazes de perdoar, de se reconciliarem com o próximo e com Deus.

O que esperamos é que vejam o próximo com olhos de com­paixão, transcendendo as capas da matéria e sendo capazes de ver a Essência Divina em cada ser.

O que esperamos de vocês é que orem de coração e que se apro­fundem neste caminho, buscando sempre uma oração que os eleve a dimensões de maior união com Deus, e não que a ora­ção se torne algo comum e, em vez de progredir, que a tornem mecânica e sem vida.

O que esperamos de vocês é que sirvam e que cada vez mais se aprofundem no serviço, até tornarem a própria vida um ato permanente de serviço: servindo a Deus no próximo, nos Reinos da Natureza, na vida planetária.

O que esperamos de todos é uma disposição permanente a dizer sim, a se esforçarem por viver o que lhes dizemos e reali­zar o que lhes pedimos, sabendo que a necessidade do planeta é maior do que a necessidade pessoal.

O que esperamos de todos é um coração pacífico, um espírito humilde e sempre disposto a viver a unidade com toda a vida universal; um coração disponível para desvendar mistérios, romper barreiras e limites e encontrar Cristo tanto na cruz como no cosmos, tanto no próximo como em si mesmo.

O que esperamos de todos é um dia não esperar nada, porque tudo já estará cumprido.

Seu pai e companheiro,

São José Castíssimo

maio

24

Terça-feira, 24 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO ÔNIBUS ÁGUIA DE LUZ, DURANTE A VIAGEM ENTRE O CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, E A CIDADE DE SÃO PAULO, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Contempla o mundo e a imensa decadência da humanidade sem que sejas absorvido por ela. Sê o princípio de uma nova vida, conscientemente, e antes de deixar-te levar pelas correntes do mundo, sê tu um farol para os que caminham na escuridão.

Não vejas essa decadência com críticas nem julgamentos, por­que também tu és parte dela; porém, filho, sê consciente de que a transformação da vida na Terra deve partir também daqueles que se dizem despertos.

Quando estiveres diante das ilusões de teus irmãos, não julgues, mas sim emana a compaixão que te foi entregue por Deus, quando Ele abriu os teus olhos. Deixa que de teu coração surja o mesmo amor que o Criador fez emergir ao chamar-te ao Seu lado.

Não necessitas dizer uma só palavra para transformar um cora­ção; um simples olhar e a emanação da misericórdia de teu coração serão suficientes. Apenas sê verdadeiro em tua inten­ção de ser um princípio do novo neste mundo que, dia a dia, está decaindo.

Para que isso que te digo seja uma realidade em tua vida, filho, apenas é necessário que não te deixes levar pelas influências do mundo e que não queiras adaptar-te à vida mundana quando estiveres diante de alguém que vive essa vida, apenas para não parecer diferente.

Sê o que és. Vive segundo te indica o coração. Não temas expressar a transformação que está acontecendo dentro de ti e não te preocupes se para os demais estiveres diferente, pois é justamente a diferença que existe em ti, o que fará que as almas despertem. É o exemplo de tua transformação que impulsio­nará aqueles que estão ao teu redor a buscar uma nova vida e abandonar o velho homem.

Por isso, enquanto estiveres no mundo, não pertenças a ele. Sê pertencente a um Reino Divino e atrai com tua determinação essa realidade superior para a Terra.

Teu pai e amigo,

São José Castíssimo

maio

23

Segunda-feira, 23 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

No caminho da transformação e da entrega, trata de ser verda­deiro. Todas as ações, os pensamentos e sentimentos dos que aspiram a estar em Deus devem estar preenchidos pela Verdade.

É a sincera aspiração de alcançar a divina união e o esforço verdadeiro para fazer sempre o melhor que os conduzirá ao desenvolvimento de seu potencial como criaturas provenientes da Essência Divina.

Filhos, a humanidade cultivou sempre a mediocridade e não a perfeição. Cultivou sempre a mentira e a manipulação, e não a verdade. Aqueles que se esmeram por viver com aten­ção cada detalhe do que fazem, observando sempre o melhor, são exceções. E tão desequilibrado está este mundo que, muitas vezes, os que tentam encontrar a perfeição entram no espírito decadente da matéria e adoecem, confundidos com perfeccionismos.

Quando lhes peço que façam o melhor, não lhes digo que sejam perfeccionistas, pois o perfeccionismo existe quando a busca do ser está voltada para a matéria e para o orgulho de fazer tudo sempre melhor que os demais.

Eu lhes falo de algo espiritual e não material. Falo de uma busca da perfeição como forma de manifestar a harmonia e o equi­líbrio e, assim, criar as condições para que vibrações e leis superiores possam adentrar, inclusive na vida material deste mundo.

Quando lhes peço que sejam verdadeiros e não mentirosos ou manipuladores, também estou tratando de algo espiritual. Muitos creem que não pensar no que dizem e no que fazem é ser espontâneo e verdadeiro, mas ser verdadeiro, no sentido que Eu lhes trago, é manifestar a Verdade do Criador depois de tê-la buscado.

Ser verdadeiro com o outro é atuar de essência para essência; é encontrar o ser interior e, a partir dali, agir e viver.

Ser verdadeiro é viver segundo a verdade interior: falar, agir, pensar e sentir com o coração, com a essência, com a verdade, com Isso que habita no núcleo de cada ser, Isso que é seme­lhante ao Criador.

Em suas essências se encontra a verdade da qual lhes falo, mas para conhecê-la é necessário buscá-la com amor e com sinceri­dade e pedir a Graça de viver com base nessa essência interna.

Peçam ao Criador a Graça de viver neste mundo e expressar­-se nele a partir da essência e do coração, a partir da verdade e não da personalidade. Peçam-Lhe a Graça de ser verdadeiros e de expressar a semelhança com Ele. Se suas intenções forem sinceras, Ele lhes concederá essa Graça.

Seu pai e intercessor, Aquele que roga a Deus para que todos descubram a verdade do coração humano.

São José Castíssimo

maio

22

Domingo, 22 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Contempla a infinita Misericórdia de Deus e dá a conhecer ao mundo esse manancial divino que resgata as almas e as conduz ao caminho da redenção.

Anuncia a Divina Misericórdia não só com palavras e orações; sê um anunciador dessa Misericórdia com tuas ações, com teus gestos, com teus sentimentos, com teus pensamentos.

Sê misericordioso. Doa-te a todos os necessitados, inclusive àqueles que não merecem, sobretudo a estes últimos, doa o melhor.

Deus é pura e infinita Misericórdia. Este mundo é o fruto vivo da Misericórdia Divina, e todas as almas que nele habitam são filhas da Divina Misericórdia.

Tu, filho, desde o espírito até a matéria, és o resultado da infi­nita Misericórdia do Criador, e hoje Ele te chama a não apenas receber Misericórdia, mas também a doá-la.

Doa Misericórdia e descobre, assim, a essência do Amor de um Deus que espera estar unido às Suas criaturas.

Sê misericordioso buscando a necessidade do próximo, per­doando e tendo piedade de todas as almas e de todos os Reinos da Natureza.

Sê compassivo e, mais do que isso, sê misericordioso. Dá o melhor aos que não o merecem. Em troca de um castigo justo, dá o teu amor.

Quando as criaturas são misericordiosas, elas enviam um sinal vivo ao Universo para que o Criador abra as portas do manan­cial de Sua Divina Misericórdia. Mas se a humanidade não busca, não clama nem vive a Misericórdia uns com os outros, como poderá essa Fonte Divina derramar o seu bálsamo sobre a Terra?

Se a humanidade apenas segue cometendo os mesmos erros, sem arrependimento verdadeiro; se não conhece e não busca o Criador, nem nos Céus nem no próximo; se apenas julga os seus irmãos e não perdoa os seus erros, como poderá descer outra Lei senão a Justiça Divina?  

Sê semelhante ao Pai não só em essência, mas também em ações e, assim, Ele enviará ao mundo, através da porta de teu coração, aquilo de que o mundo necessita.

A Misericórdia é uma Lei que nunca deixa de existir, mas, para que ela se expresse e atue, deves clamar por ela, buscá-la e vivê-la.

Teu pai misericordioso, servo do Deus de Misericórdia,

São José Castíssimo

maio

21

Sábado, 21 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Para compreender as palavras da Divindade, é necessário vivê-las.

Para aprofundar no caminho espiritual e descobrir novos hori­zontes, é preciso caminhar nas sendas primeiras que lhes são apresentadas.

Se querem saber como realizar uma entrega maior, orem.

Se querem saber como e onde consagrar a vida, sirvam.

Se querem alcançar uma união verdadeira com Deus, doem de si e O encontrarão onde menos esperavam: ali, onde a pró­pria vontade não existe; ali, onde não há manipulação nem há mentira; ali, onde apenas há sinceridade e disposição de estar vazio de si. Ali estará Deus.

Se querem saber como encontrar a simplicidade, leiam e vivam as Minhas palavras. Em poucas linhas lhes entrego a Sabedoria Universal.

Felizes dos simples de coração, que saberão Me escutar e Me seguir.

Seu pai e amigo,

São José Castíssimo

maio

20

Sexta-feira, 20 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO MONASTÉRIO DA SAGRADA CARIDADE DE SÃO JOSÉ, CASA LUZ DA COLINA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Fortaleza erguida com segurança é aquela que está sobre as bases da unidade com o próximo.

Alegria que se irradia ao mundo e cura os corações desespe­rançados é aquela que nasce quando compartilham a alegria do outro e a multiplicam, sentindo em si uma alegria que não partiu do próprio coração.

O Plano de Deus se cumpre onde há fraternidade, onde se superam as provas com coragem e se compartilha a alegria de tê-las superado.

Filhos, hoje venho ensiná-los a viver na Comunidade Espiritual, que inclui em si toda a vida sobre a Terra, que está onde se vive em irmandade e harmonia.

As Comunidades-Luz existem para expressar um arquétipo que deve expandir-se no mundo inteiro, fazendo nascer assim a Comunidade Espiritual no planeta.

Por isso, cultivem entre vocês o espírito de unidade e de amor e o multipliquem. Façam de todos os lugares aonde vão uma expan­são das Comunidades-Luz. Busquem a necessidade do próximo onde quer que estejam; compartilhem a alegria do próximo onde quer que estejam; esforcem-se para vencer os julgamentos e as críticas, para compreender as limitações do outro onde quer que estejam.

Construam o novo mundo todos os dias. Encontrem, no invi­sível do planeta, a Comunidade Espiritual, que se manifesta nos níveis do espírito como o pensamento perfeito de Deus e que agora deve plasmar-se na vida planetária.

Com isso coloco-os diante de um desafio ainda maior do que o que vivem: amar não só aqueles que estão ao seu lado, mas também os que lhes parecem desconhecidos.

Vivam na Comunidade Espiritual, vivam no planeta, desco­brindo o sagrado que nele se esconde. Encontrem o sagrado que há em cada essência.

Seu pai e instrutor, Este que os leva a descobrir a Comunidade Espiritual,

São José Castíssimo

maio

18

Quarta-feira, 18 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​

Filhos,

O caminho da cristificação é o caminho que todos aqueles que aspiram ao estabelecimento do Reino de Deus devem viver.

A Nova Raça – a Nova Humanidade – é a manifestação viva da Vontade do Criador para este projeto da Terra. Para abrir

o caminho para que essa raça possa surgir, vocês devem come­çar a viver em si os princípios da fraternidade, da caridade, da humildade e do amor.

Não lhes digo que esses atributos devem estar manifestados perfeitamente em todos os seres humanos para que a Nova Raça possa surgir, mas, sim, que todos que permaneçam na Terra tenham a firme determinação de vivê-los até o fim de suas vidas e de suas experiências neste mundo.

Quando esses atributos começarem a despontar no horizonte das almas e as consciências já puderem expressar, ainda que seja um pouco dessa verdade, o novo mundo emergirá.

O Arquétipo Sagrado de Deus, que hoje apenas se expressa nos níveis sublimes de consciência e no interior da Terra, não pode se manifestar se os corações dos seres ainda viverem a ânsia de poder, a mentira e a manipulação.

É por este motivo que os chamamos a semear o bem, a viver o bem, a viver em si os princípios de uma nova vida, porque a purificação da Terra já está em curso e logo chegará a hora da definição do destino do planeta.

Onde houver corações sinceros aspirando a encontrar a Verdade, aí a Verdade se manifestará. Mas se os corações se deixa­rem vencer pelos estímulos deste mundo e não se esforçarem para ser dignos de receber o Reino de Deus na Terra, então outro será o destino do planeta e o Projeto do Criador tomará novos rumos.

Muitos não compreendem ou não querem compreender o que lhes digo para não sair da comodidade de ser como são e para que não precisem esforçar-se para se transformarem. Por isso, filhos, peço a vocês, que Me escutam e que sinceramente aspi­ram a seguir Minhas palavras, que se esforcem todos os dias para ser fraternos, caritativos, humildes, para que despertem em seus corações o amor crístico e a unidade com Deus.

Quando buscam transformar-se conscientemente e se esfor­çam todos os dias, a Graça de Deus desce sobre vocês.

Pelo estabelecimento do Reino de Deus na Terra e pelo surgimento da Nova Humanidade, como oportunidade da manifestação do projeto divino, sigam adiante.

Têm a Minha bênção.

Seu pai e amigo,

São José Castíssimo

maio

17

Terça-feira, 17 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Filhos,

Quisera que, por um breve momento, seus olhos pudessem ver a realidade planetária; que, por um breve momento, seus cora­ções pudessem sentir o que é o sofrimento verdadeiro: aquele que padece o Criador pela negação de Suas criaturas para com os Seus Planos.

Por um instante, reflitam e meditem no que lhes faz negar a Perfeição de Deus, a vivência do Seu Amor, da Fraternidade e da Unidade que Ele espera poder imprimir em seus corações. Por que preferem seguir vivendo na ignorância, na desarmonia, nos conflitos, na competição?

Filhos, o que nutre o coração humano de tal forma no caminho da escuridão que não elegem caminhar para a Luz? Muitos não sabem responder-Me porque sinceramente aspiram a seguir um caminho luminoso, mas se deixam vencer pelas críticas, pelo egoísmo, pelo orgulho, pela competição e por todas as outras forças que os atam às ilusões deste mundo.

Onde está a valentia que têm para competir, para conseguir o que querem, para estabelecer a própria vontade? Essa valentia deve ser convertida e utilizada para manter os seus espíritos no caminho correto.

Quanto mais se aproximam os tempos definitivos da Terra, maior é a densidade do planeta e mais difícil lhes resultará seguir a Deus se não houver dentro de vocês a firme determi­nação de vencer inclusive a si mesmos e as inclinações pessoais às forças do caos.

Filhos, já lhes entreguei todas as chaves. Aqueles que lerem as Minhas Palavras reconhecerão, em seu interior, que já tracei o caminho para uma Nova Raça e para a transformação absoluta de seus seres e, em decorrência de sua transformação, a trans­formação de todos os que estão ao seu redor, aguardando um exemplo para despertar.

A maioria dos seres humanos prefere render-se às forças capi­tais a esforçar-se para vencê-las dentro e fora de si. Apenas um exemplo de determinação poderá animá-los a seguir adiante. Por isso chamo vocês, que têm tudo e que receberam do Céu todas as Graças de Deus, para que sejam pioneiros neste cami­nho e deem os seus passos.

Aquele que os ama e por isso os impulsiona a seguir,

São José Castíssimo

maio

16

Segunda-feira, 16 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Vivam em Minha caridade, dispondo os seus corações para servir ao próximo.

Vivam em Minha caridade, que os faz doar tudo de si e não apenas um pouco; que dá até mesmo quando não tem e per­mite, assim, que Deus faça descer a Lei da Manifestação a favor do equilíbrio humano.

Vivam em Minha caridade e estarão protegidos, pois aquele que está sempre disposto a servir sem horário, sem dia, sem impor condições, sempre será amparado pelo Criador.

Vivam em Minha caridade nas pequenas e nas grandes obras. Ajudem o próximo que está ao seu lado, mas também saiam da comodidade para servir aos que estão distantes.

Recebam com amor os que vêm ao seu encontro e abram as portas dos seus corações, assim como Deus lhes abre as Portas do Céu.

Sejam instrumentos da redenção planetária, por meio da união com Minha divina caridade.

Seu pai e companheiro, no serviço e na oração,

São José Castíssimo

maio

15

Domingo, 15 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Tens a Minha bênção para servires, para doares de ti sempre o melhor, em prol da necessidade planetária.

Tens a Minha bênção para orares com o coração, para aprenderes com esse ato misterioso de amor e de unidade com Deus, em prol da evolução do planeta.

Tens a Minha bênção para estares entre os Reinos da Natureza, para acolheres em teu coração uma vida, um representante desses Reinos, para trabalhares, assim, em prol do equilíbrio do universo.

Tens a Minha bênção para desenvolveres o amor e proclamares a paz.

Tens a Minha bênção para semeares a alegria e o bem nas almas e nos Reinos.

Tens a Minha bênção para seres verdadeiro, para dizeres a verdade, para perderes o medo de pedir perdão e para viveres a reconciliação com Deus e com o próximo.

Quando obras para o Plano de Deus, Eu estou contigo.

Quando buscas esquecer-te de ti mesmo, Eu lembro de ti e cuido do teu coração.

Quando buscas seguir o exemplo de Meu Filho Jesus, Eu vou detrás de ti, soprando-te ao ouvido por onde deves ir, para não te perderes e não te equivocares.

Filho, quando estás no caminho certo, Eu estou contigo.

Quanto estás equivocado, Eu oro por ti, mas não posso trabalhar ao teu lado.

Quando Me pedires ajuda, Eu virei.

Quando te dispuseres à transformação, Eu aqui estarei.

Enquanto quiseres escutar as Minhas palavras e seguir o que te digo, Eu te falarei.

A presença ou a ausência de Deus em tua vida depende apenas de ti. O Criador está ávido por preencher os corações de Suas criaturas e fazê-las retornar. Tu, filho, só precisas dizer “sim” e caminhar.

O que te falo não é um poema, é uma lei. Vive conforme os princípios de Deus e Ele, com todo o Seu Reino, estará contigo.

Aquele que te ensina a trilhar as sendas do espírito,

São José Castíssimo

maio

14

Sábado, 14 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Filhos,

Os Reinos da Natureza estão perecendo a cada dia, e isso faz com que o espírito da Terra perca sua força, sua vida e sua capacidade de sustentar a evolução daqueles que vivem sobre ela.

A maioria dos seres humanos está adormecida para a verdadei­ra missão dos Reinos da Natureza e apenas pode compreender, quando muito, o seu papel material na sustentação da vida.

Todos compreendem que sem as árvores não poderiam respi­rar, que sem as águas não poderiam viver, que sem os animais não haveria equilíbrio no planeta, mas poucos compreendem que aqueles que não aprendem com o espírito das árvores não alcançam a elevação; aqueles que não vivem em si a pureza das águas jamais encontram a sua origem, jamais retornam ao Criador; e os que não aprendem com o amor e com a doação dos animais jamais desenvolverão em si o amor crístico e não poderão ser parte da concretização dos planos de Deus para esta raça.

 Isso que lhes digo é apenas um exemplo do que os Reinos repre­sentam para a vida humana e planetária. Sem os Reinos não haveria equilíbrio, não haveria evolução.

Os Reinos da Natureza oferecem ao homem todos os atributos necessários para cumprir sua missão: unir-se a Deus.

Os Reinos sempre levam à unidade com o Criador. Contemplem uma floresta, um rio, uma montanha, um cão, um cavalo e compreenderão o que lhes digo.

Com a ajuda dos Reinos, o homem alcançaria a unidade com o Pai e, vendo diante de si esse exemplo de união perfeita com Deus, os Reinos da Natureza seguiriam o mesmo caminho de Unidade e Amor. Seria uma entrega mútua para evoluirem.

Neste planeta, filhos, tudo foi criado para que vivessem o amor crístico. A vida existe em função da doação de todos e assim foi organizada para que a inclinação ao amor fosse natural em todo ser vivente. Mas o coração humano negou essa perfei­ção e esse amor, e não só escravizou e martirizou os Reinos da Natureza como também os seus semelhantes e, em decorrência desse desequilíbrio sem fim, até mesmo o Coração do Pai é ultrajado pelas ações de Suas criaturas.

Agora, filhos, é hora de equilibrar, é hora de aprender e viver todos aqueles princípios para os quais estiveram cegos por tanto tempo. Porque, apesar de que a transição do planeta e o des­censo da Justiça já não podem ser evitados, o estabelecimento da Nova Raça acontecerá por meio da expressão desses prin­cípios divinos e originais nos corações daqueles que disseram sim ao Plano Maior.

Por isso, hoje e todos os dias os impulsionarei ao amor pelos Reinos da Natureza, ao aprendizado com a essência de cada Reino e à doação por parte de todos, para colaborar com a evolução de seus irmãos menores.

Seu pai e instrutor,

São José Castíssimo

maio

13

Sexta-feira, 13 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Busca a paz dentro de ti e trata de estar em um estado orante permanentemente. Encontra em teu coração a harmonia e a neutralidade que te permitam estabelecer um contato com Deus, independente do que aconteça ao teu redor.

Filho, os momentos em que podes estar em harmonia, em silêncio, sem julgamentos nem críticas, apenas como observador de ti mesmo, são de grande valor nestes tempos, porque prepa­ram o teu mundo interior e o fortalecem para tempos de muito desequilíbrio dentro e fora dos seres.

Hoje que tens a graça da presença do Reino de Fátima em tua vida, deixa que a pureza e a paz desse Reino despertem em ti a sublime neutralidade, a harmonia e a confiança em Deus, pro­venientes da certeza interior do cumprimento de Seus Planos.

Deixa que o Reino de Fátima te fale ao coração e te revele o que de mais puro tens dentro de ti, para que sirva de contribui­ção para a transformação da Terra.

Deixa que o Reino de Lys, que é simplicidade e alegria, te inunde e traga à tua pequena vida a fortaleza de que necessitas para prosseguir sempre.

Filho, na simplicidade de Minhas palavras, apenas te digo que, mais do que recordar a passagem de Maria em Fátima, abre-te para descobrir o que Fátima expressa hoje, para descobrir a grandeza do que se tornou esse Reino de paz e humildade. Não apenas nutre o teu coração com as recordações do passado, mas encontra vivo, diante de ti, o Reino de Fátima, a sagrada casa de Tua Mãe Celestial neste mundo em redenção.

Abre-te para esse mistério, e não só entrarás em Fátima, mas Lys-Fátima entrará dentro de ti e despertará em teu interior a pureza original.

Teu pai e amigo,

São José Castíssimo

maio

12

Quinta-feira, 12 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Filhos,

Cada um de vocês viverá nestes tempos o aprendizado que os levará a viver o amor, a renúncia e a entrega absoluta ao Criador, a resignação à Sua santa Vontade.

Quando suas almas escolheram responder ao chamado de Deus, elas sabiam que o caminho seria árduo, longo e, às vezes, infindavelmente repleto de provas e desafios.

Nesse momento, filhos, serão provados no deserto interior e fortalecerão dentro de vocês a capacidade de dar ao próximo o que pensavam que não tinham. Será quando maior solidão e desassossego sentirem que o Senhor os colocará à frente da necessidade do outro, que nem sempre será maior que a sua. Inclusive, muitas vezes, terão de deixar de lado uma desolação que os consome para ajudar seus irmãos a saírem de situações que parecem tão pequenas e simples.

 Filhos, é neste momento, nas provas mais simples, que con­firmarão dentro de vocês o Caminho Crístico. Quando mais parecerem necessitar de ajuda, mais o Senhor cobrará de vocês a doação permanente, porque assim o fez com o Seu Filho.

Depois de fazê-Lo provar da solidão do Getsêmani, levou-O ao Calvário onde, além de superar a própria solidão, teve de perdoar o abandono e a traição dos Seus companheiros, aque­les que diziam que O seguiriam até o fim. Teve de perdoar aqueles que, aos poucos e cheios de ódio, O matavam. Além de perdoá-los, teve de amá-los e entregar-lhes até a última gota de Seu Sangue, sem pensar em Si ou em Suas dificuldades, apenas sustentando-Se no Propósito de Seu Pai.

Quando estiverem sem forças internas e externas para prosse­guir e, ainda assim o Criador os chamar a caminhar, lembrem­-se de que assim Ele trata aqueles nos quais tem posto a Sua Confiança; assim Ele trata os que mais ama e que sabe que responderão ao Seu Chamado, em nome de todos os que estão cegos, surdos e fechados de coração e em espírito.

Lembrem-se, filhos, de que as provas de hoje os fortalecem para as provas de amanhã. Vocês devem ser fortes para superar o que vivem – e não somente lhes falo dos fatos físicos, pois falo do que se passa em seus mundos interiores – porque se hoje vivem grandes provas, amanhã deverão entregar a vida por amor aos que os odeiam.

Mas lhes digo que a grandeza do Plano do Criador e a grande recompensa de segui-Lo é que, apesar de tudo, não se arrepen­derão de ter dito sim e, mesmo que pareçam estar desfalecidos no corpo, na mente e nas emoções, estarão plenos em espírito, plenos da Verdade de Deus e da certeza de que não há outro caminho a seguir senão este que os leva ao Pai.  

Seu pai e amigo, Este que os ensina a reconhecer com alegria e em paz as provas de hoje, para que se fortaleçam para as provas de amanhã.

São José Castíssimo

maio

11

Quarta-feira, 11 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Doa um pouco de ti ao Plano de Deus.

Doa um pouco do verbo que te foi dado para orar por aqueles que o têm sufocado no coração e não podem proclamar sua fé, pelo temor que sentem.

Doa por um tempo os teus braços e serve em nome daqueles que não têm como trabalhar ou que trabalham forçadamente para construir um reino de escuridão que tem como base o sofrimento dos inocentes.

Doa o teu sorriso por aqueles que já não sabem sorrir e anun­cia ao mundo que, apesar de ser tanta a escuridão que hoje permeia a Terra, aqueles que estão em Deus nunca per­dem a alegria, porque o motivo de seu regozijo não provém deste mundo.

Doa um ato de fraternidade todos os dias. Dá ao próximo aquilo que quiseras ter. Deixa para o outro algo que é muito querido para ti e renuncia, filho, às posses deste mundo em nome de todos aqueles que destroem vidas e nações inteiras por uma riqueza que perecerá junto a suas almas, por estarem tão envolvidos pela ilusão.

Doa um pouco de ti todos os dias, para que o Criador, a cada dia, tenha um motivo para derramar Sua Misericórdia sobre o mundo.

Doa de ti e verás como é simples equilibrar os acontecimentos, que são fruto do desequilíbrio humano, quando és sincero de coração. Verás como é simples irradiar ao próximo um exemplo real de uma vida preenchida por Deus, em uma Terra na qual Ele está tão esquecido.

Filho, doa um pouco de ti para compreender o próximo. Deixa de lado tua forma de pensar para entrar no pensamento de teus irmãos e compreendê-los. Deixa de lado tua forma de sentir para que sintas como os teus irmãos e, assim, os compreendas verdadeiramente.

Deixa-te um pouco de lado todos os dias para que sejas um instrumento de Deus, ainda que por um instante.

Vê diante de ti a Mão do Criador e pergunta-Lhe todos os dias o que Ele quer de ti. Doa ao Pai o que Ele te pedir. Ainda que um dia Ele possa pedir tua vida inteira, quando chegar esse momento, os pouquinhos que doaste de ti já terão feito de tua alma uma alma servidora e nada te custará entregar a vida ao Senhor. Tu o farás antes mesmo de que Ele te peça.

Aquele que te ensina a viver a doação a Deus,

São José Castíssimo

maio

10

Terça-feira, 10 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Cura teu espírito na união com Deus e descobre, finalmen­te, o sentido de tua vida nessa divina união.

Filho,

Só há plenitude na união com o Criador. Não há sentido ver­dadeiro para a existência humana se os corações dos homens não se tornam uma ponte entre a vida material e a vida divina, cruzando assim todas as dimensões da existência e abrindo um caminho para que todas as criaturas vivam essa união.

Hoje, filho, vês que muitos de teus irmãos perdem a esperança na vida sobre a Terra; outros caminham como se estivessem perdidos e cegos, sem saber para onde ir ou o que buscar; e outros, por não encontrarem algo que os motive a viver, buscam nas distrações, nos prazeres, nas drogas e nas ilusões um sentido para a vida. Mas estas últimas almas são muito infelizes e logo sentirão o vazio que essa vida lhes traz.

Se a alma não encontra Deus, ela não sabe para que está neste mundo, porque não há outra razão para a existência humana senão a união com Deus, por meio do esquecimento de si e do amor absoluto.

Digo-te isso, filho, porque nos dias atuais, assim como nos dias que virão, tu poderás ser um farol que brilha na escuridão do mundo, indicando o caminho para os que estão perdidos.

Por meio da tua união com Deus e com o Seu Plano de Amor, jamais perderás a alegria e o estímulo espiritual para seguir vivendo, ultrapassando obstáculos dentro e fora de ti e desco­brindo um poder que não provém de teu coração, para que te mantenhas de pé nos tempos de maior caos planetário. Esse exemplo fará com que teus irmãos busquem a fonte que te nutre e encontrem, na última hora, o caminho verdadeiro.

Compreende, então, filho Meu, a importância de te unires verdadeiramente a Deus, ao próximo, aos Reinos da Natureza; a importância de viveres estas palavras e te tornares um livro vivo das instruções que trazemos ao mundo.

Porque chegará a hora em que já não terão como estudar, pes­quisar nem buscar o caminho assim como fazem hoje. Será vendo o exemplo vivo do próximo e imitando-o que as almas chegarão aonde devem chegar: na paz, na redenção e na uni­dade com Deus.

Deixo-te, filho, Minhas últimas instruções destes tempos e não te direi outra coisa senão como vivê-las, porque isso é o mais importante agora.

Teu pai e instrutor,

São José Castíssimo

maio

09

Segunda-feira, 9 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Reverencia os Reinos da Natureza e encontra neles a sabe­doria e o conhecimento de toda a história da Criação. Os Reinos da Natureza guardam em si os princípios mais puros do Criador, aquela ideia perfeita que foi a base para toda a vida manifestada.

Filhos,

Assim como a Terra na qual habitam é viva e espiritualmente também segue a sua evolução, da mesma forma, os Reinos da Natureza também evoluem, também guardam em si um espí­rito em evolução. Cada espécie tem uma consciência única que deveria interagir com a vida humana em colaboração mútua.

Se vocês apenas observassem o desenvolvimento de uma árvo­re, por exemplo, e deixassem que esse crescimento se refletisse em seu interior, muito poderiam aprender e compreender sobre si mesmos e os mistérios celestiais.

Os Reinos da Natureza guardam em si o arquétipo evolutivo de toda a vida manifestada e refletem esse arquétipo em sua vida, em sua forma de crescer, de buscar a luz, de doar flores, frutos, novas sementes, na capacidade de se renovar e seguir doando-se.

Se observarem os Reinos da Natureza, filhos, perceberão que o princípio da unidade é vivo entre eles, pois um reino depen­de da existência do outro, e eles são conscientes disso. Vocês perceberão que o princípio da doação de si é vivo neles, pois os Reinos doam a sua existência, permanentemente, em um ato de constante serviço.

A humanidade escureceu em si o arquétipo espiritual deixado por Deus e, assim, nasceram os constantes desequilíbrios que vocês hoje vivem. Agora é momento de reencontrar no próprio interior esse arquétipo.

Não lhes digo que, com isso, vocês mudarão imediatamente o destino físico da Terra, mas, sim, poderão trazer o equilíbrio espiritual de que ela necessita para começar a plasmar na maté­ria os princípios divinos.

Se vocês, aos poucos, se reintegrarem à unidade com os Reinos da Natureza e desenvolverem o princípio da doação de si, da colaboração mútua, da harmonia entre toda a vida manifesta­da, ao menos espiritualmente, o equilíbrio poderá voltar para a consciência planetária e, de maneira gradual, esse equilíbrio poderá se manifestar na matéria.

Por isso, filhos, hoje lhes pedirei que observem um pouco mais os Reinos da Natureza e deixem que eles lhes mostrem como retomar em si a vivência do equilíbrio e do arquétipo divino, como reencontrar o pensamento perfeito de Deus, esse que ficou perdido no interior de vocês, esperando uma oportuni­dade de se manifestar.

Sintam a paz irradiada pelos Reinos e vivam em harmonia. A vivência do que lhes digo e seus exemplos serão grandes fer­ramentas de transformação do atual caos no qual se encontra a Terra.

Esta, filhos, não é apenas uma instrução, é um apelo daquele que sabe da necessidade de comungarem com os Reinos da Natureza para reencontrar Deus e cumprir Seu Plano.

Seu pai e companheiro,

São José Castíssimo

maio

08

Domingo, 8 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Queridos companheiros, filhos e amigos em Cristo,

Quisera fazê-los compreender que, quando abrem verdadeiramente as portas dos seus corações, essas portas se expandem ao Reino Celestial e não somente os seus corações se abrem nessa hora, como também todas as portas do Céu, para que a Luz de Deus desça até os que mais necessitam dela.

Quando orarem e sentirem que seus corações se expandem, então, filhos, nessa hora, não pensem em si mesmos: pensem no planeta e aprofundem sua união com Deus. Não limitem suas orações às suas necessidades próprias e tampouco permitam que essa oração os dê a conhecer apenas o recinto dos seus próprios corações. Porque já chegou o tempo de que suas almas conheçam os mundos sublimes e de que seus corações se unam ao Coração Sacratíssimo do Pai, para criar uma ponte de salvação para a humanidade.

Durante as orações, já não pensem em si mesmos, na própria cura ou na própria redenção, porque – quando pedem a Deus pela cura do planeta e pela redenção do próximo – vocês já estarão vivendo em si a cura e já estarão no caminho da redenção.

Quando orarem sozinhos e em primeira pessoa, orem como se toda a humanidade se encerrasse dentro de seus corações orantes. E quando disserem: “eu”, que nesse “eu” viva o princípio da unidade. Que o “eu” seja também “tu”; que o “eu” seja preenchido por Aquele Que É.

Chegou a hora de que todas as suas orações sejam em prol do planeta. Chegou a hora de concretizar a oração planetária e fazer dela a sua obra permanente.

Filhos, vocês foram chamados para ser instrumentos de Deus e, agora, o Criador vem lhes conceder a Graça da unidade com Ele, para que se tornem dignos e aptos a cumprir essa missão.

As portas do Reino de Deus se abrirão diante de seus olhos e de seus corações, mas antes de entrarem, mantenham-nas abertas, indicando o caminho para aqueles que nunca souberam como chegar.

Quando já todos tenham entrado e chegar a sua hora de entrar e fechar as portas, verão que, atrás de vocês, esperando a sua entrada, estava o Filho do Homem, o Rei Universal, Aquele que lhes ensina que, para serem os primeiros, haverão de ser os últimos.

Seu Pai e Amigo, Aquele que os ama e os ensina a ser verdadeiros instrumentos de Deus,

São José Castíssimo

maio

07

Sábado, 7 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Filhos,

Guardem no coração os momentos mais simples de suas vidas. Guardem no coração cada instante em que Deus Se faz pre­sente e os inunda. Essas recordações serão bálsamos para suas consciências e, nos momentos de maior deserto interior, encon­trarão nelas a ponte para voltar a encontrar Deus.

É por esse motivo que os animo sempre a cultivar a alegria e a simplicidade como forma de encontrar um refúgio para a alma nestes tempos.

Não tenham medo de abrir o coração para que sejam como crianças, porque, nestes tempos, a tensão dos dias e a situação planetária pedirão de vocês, cada vez mais, uma maturidade e uma seriedade que, muitas vezes, podem enrijecer o coração.

Muitos dos Meus filhos no mundo não encontram mais um motivo para sorrir, e até mesmo as crianças estão perdendo a alegria. Por isso lhes digo que deem o testemunho de uma vida pacífica e simples, de uma vida de união com Deus.

Estes momentos de simplicidade e alegria libertarão os seus corações do peso que são levados a carregar pela atual situação do planeta e, se os vivem com pureza de intenção, eles poderão ajudá-los a servir melhor e a estar ainda mais inteiros, dispostos ao serviço com alegria.

Hoje, Minhas palavras serão simples e poucas, para que o espí­rito da simplicidade os permeie e nunca se esqueçam de que, apesar de toda a tensão do mundo e da missão que devem cum­prir como humanidade, nunca devem perder a simplicidade.

Deixo-lhes Minha paz e Minha paternidade.

Seu pai e amigo,

São José Castíssimo

maio

06

Sexta-feira, 6 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Filho,

Entra em contato com o mais íntimo e verdadeiro de teu ser, com tua essência divina, esse núcleo de luz que habita o teu interior.

A essência é o que primeiro surge na criação dos homens. Nela está o princípio da renovação permanente. Se as almas mantêm o vínculo com o Criador, a essência nunca perece e não se apaga.

A essência representa a filiação com Deus. Nela se guarda o que o Pai pensou para ti. Por isso, filho, não te contentes com a vida neste mundo e com o que ela oferece. Não encerres a tua existência na experiência que vives sobre a Terra. Se buscares tua essência, encontrarás ali tudo de que necessitas para descobrir a vida superior e para saber o que o Criador de todas as coisas espera de ti, o que deverás tu aportar ao Plano divino.

A essência é a porta para o Cosmos, é onde a realidade individual de cada ser se une à realidade do Infinito e, a partir dessa união, tu descobres que a unidade sempre existiu e é um princípio inalterável do Criador. A diversidade é apenas o veículo para a manifestação da Grandeza de Deus, em Suas tantas Faces. Da mesma forma que um Único Deus se expressa em Três, a Sua Criação é infinita e única ao mesmo tempo. Este mistério, como tantos outros, tu desvendarás conhecendo tua própria essência.

Filho, digo-te isso porque a essência é a porta para as Leis superiores, é a possibilidade que tens de receber, do Alto, as fontes de energia que provêm do Pai Criador e que te colocam em uma vivência que transcende as leis comuns deste mundo.

Em um tempo de provas totalmente desconhecidas para a humanidade, assim como para todo o Universo, teu ser deverá também reconhecer e aceder a formas até então desconhecidas de manter o próprio equilíbrio e, assim, o equilíbrio interior de muitos.

O primeiro passo para experimentar outras leis é conhecendo a própria essência e reconhecendo que tu és muito mais do que esse corpo tridimensional com emanações mentais e sentimentais.

As provas desconhecidas que virão buscarão, de todos, ferramentas que até hoje também desconhecem, para que possam lidar com elas. Busca um aprofundamento do que te digo, ingressando em tua essência.

Aquele simples ato de orar que te ensinamos a fazer no princípio de tudo, quando aprofundado e aperfeiçoado, é o que te levará a descobrir esses mistérios.

Compreende agora, aos poucos, filho, como se constrói o Plano divino, como e para que se formam as almas.

Teu Pai, Instrutor e Guia,

São José Castíssimo

maio

05

Quinta-feira, 5 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Clama por misericórdia para este mundo, porque se teus pequenos olhos pudessem ver a realidade das almas e dos Reinos da Natureza, teu clamor seria como o ar, sem o qual não podes estar vivo.

Filho,

Clama pela consciência do planeta e sente em teu coração que este mundo no qual vives não é apenas uma esfera de terra e de água que paira no universo. Este planeta possui um espírito, uma consciência que o sustenta e que renunciou estar em outras evoluções no Cosmos infinito para sustentar a Terra na qual colocas os pés.

O planeta vive e sente em si mesmo, em seu espírito, o que acontece em todos os níveis da vida sobre a Terra. O espírito do planeta sofre com as almas e com os Reinos da Natureza; sofre pela ignorância e pela maldade; sofre pela indiferença dos corações para com a sua missão de fazer evoluir a vida que nele habita.

O que te digo, filho, não é uma fantasia; revelo-te um mistério que a humanidade jamais quis aceitar ou compreender, porque se ela soubesse que o planeta tem uma vida espiritual própria e que padece por tudo o que se vive na superfície, a vida humana deveria ser outra.

Esse amado espírito do planeta, filho, é silencioso e falará ao mundo através dos movimentos da Natureza, movimentos que demonstrarão ao homem que as ações humanas têm con­sequências não só físicas, como também, e sobretudo, espiri­tuais. E é por meio desses movimentos – que serão intensos e dolorosos para muitos – que alguns despertarão e questionarão o sentido da própria vida.

Tu, que lês esta mensagem e que és consciente do que te digo, ora pela consciência do planeta; une-te a esse mistério da vida superior e descobre, em teu coração, que uma parte de ti vive dentro desse espírito que sustenta a Terra e, assim como ele sente e vive as consequências de todas as ações, de todos os sen­timentos e pensamentos humanos, também tu podes senti-lo e, com esse ato espiritual de unidade com a Criação, dar um sinal de esperança para o Pai, que te criou para que vivas a unidade perfeita com tudo o que é Vida, em todas as dimensões.

Deixo-te este impulso para que, por ti mesmo, mergulhes neste mistério e o desvendes. Se ao menos tentares fazê-lo de cora­ção, compreenderás muitas coisas e, por teu ato de amor e de unidade com a consciência do planeta, muitos desequilíbrios serão evitados. Porque, apesar de tudo, filho, ainda é possível viver um aprendizado com base no amor e no despertar da consciência à vida superior; basta abrir o coração.

Teu pai e companheiro, Este que te ensina a viver a unidade com a consciência viva deste amado planeta,

São José Castíssimo

maio

04

Quarta-feira, 4 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Filho,

Encontra em tudo a Presença de Deus. Sente em toda a Criação o Seu Espírito Santo.

Respira a Presença Divina em cada instante de tua vida e per­mite, assim, que o Criador te inunde e tome para Ele aqueles espaços de tua consciência que ainda te pertencem.

Sê grato e busca a simplicidade do coração. Sê grato por todas as situações. Sê grato pelo aprendizado que podes viver com tudo o que o Criador te envia como prova.

Se em tudo vês a Presença de Deus e compreendes que Ele está em todas as coisas, darás permissão para que as Leis divinas se façam presentes neste mundo e conduzam os acontecimentos segundo a Vontade do Criador. E, dessa forma, filho, muito crescerás em espírito, porque já não te preocuparás com que as coisas aconteçam segundo a tua vontade, mas sim te abrirás para viver segundo o Criador dispuser de teu destino.

Aqueles que são gratos de coração pelo que vivem alcançarão mais rapidamente a união com Deus e logo serão dignos de representá-Lo neste mundo, porque compreenderão como Ele e saberão agir como Ele. Saberão que nem sempre o Senhor envia Graças e júbilos para fazer que uma alma cresça, mas que jamais a desamparará e sempre a acompanhará em suas provas.

Deixa, filho, que o Senhor teu Deus te fale por meio das situa­ções da vida; que te ensine a amar as imperfeições que existem em ti e em teus irmãos; ensine-te a alegrar-te com as conquistas do próximo; ensine-te a crescer com aqueles que tens ao lado. Deixa que o Criador te abra o coração às coisas que a humani­dade nunca soube amar.

Para isso te digo: percebe o Criador em todas as coisas, em todos os que estão ao teu redor, em todos os acontecimentos. Compreende os fatos da tua vida como a Vontade de Deus para o teu crescimento e sê grato, sê grato de coração, sempre.

Teu pai e amigo, Aquele que vive na plenitude da eterna gratidão,

São José Castíssimo

maio

03

Terça-feira, 3 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

Ora pela paz no planeta e contempla, nesta etapa, as necessi­dades do mundo.

Os momentos em que te reúnes para orar com teus irmãos deveriam ser sempre oportunidades de cada um sentir no cora­ção a dor de Deus e de aliviar essa dor por meio de cada conta e de cada canto.

A dor de Deus é fruto do sofrimento das almas e, quando oras de coração, a oração, que é um instrumento divino, pode levar a Graça do perdão e da misericórdia aos que sofrem injustamente ou pela atuação da Justiça. Por isso, entra no Coração do Pai enquanto oras e leva contigo todos os teus irmãos, porque as portas se abrem a todos os que oram com sinceridade.

Sente, então, em teu peito a dor de Deus; contempla e vê com os olhos do espírito, por que padece tanto Aquele que te criou. E ora, filho, ora sentindo que o Pai, que é pura Misericórdia,

Não há nada que te faça crescer tanto como conhecer a verdade sobre este mundo e sentir, ainda que seja um pouco, o pesar do Criador.

Aquele que ora contigo e te acompanha sempre,

São José Castíssimo

maio

02

Segunda-feira, 2 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

É tempo de viver uma maior neutralidade a fim de transpor os obstáculos, para crescer e superar as provas que virão.

Sem neutralidade em um tempo como este – no qual o plano mental necessita apenas de um estímulo mínimo para se deses­tabilizar, e as emoções são como uma fogueira com combustível esperando um pequeno fósforo para incendiar-se – o inimigo não precisará fazer grandes coisas para retirar a muitos do ver­dadeiro caminho que os leva à Luz.

Filhos, como crescer, amadurecer e dar passos sem que se desestabilize o próprio mundo interior? Apesar de que isso dependerá muito do que cada ser traga consigo como carga para purificar; dependerá mais ainda da vontade e da determi­nação de todos.

Por mais que uma consciência tenha muitas dívidas com Deus e carregue em seu caminho uma mochila repleta de erros para equilibrar e purificar, se ela for determinada, paciente, e tentar viver em humildade, alcançará do Pai a Graça do Perdão.

Ao mesmo tempo, podem existir aqueles que não têm muitas dívidas com Deus e que vieram prontos para dar um grande salto; porém, por estarem tão livres de cargas para purificar, acomodaram-se no estado em que se encontravam e jamais se tornaram o que Deus esperava deles.

Percebem, filhos, que a principal condição para alcançar a meta é o esforço e a dedicação consciente de cada um?

Para dar um salto à maturidade espiritual, devem começar a experimentar essa maturidade desde já, e isso significa reco­nhecer, por si sós, os próprios erros e as dificuldades e, com neutralidade, paciência e determinação, trabalhar sobre eles, sempre substituindo um erro pelo aperfeiçoamento de uma virtude.

Vocês não devem trabalhar os erros pensando neles, mas, sim, empenhando-se em uma virtude que os equilibre. Por exem­plo: se forem preguiçosos, deverão empenhar-se em trabalhar a caridade e o esquecimento de si e todos os dias tentarão deixar a preguiça de lado para ajudar o próximo. Se não conseguem viver a humildade e estão todo o tempo pensando em vocês mesmos, busquem orar mais internamente e estar em um esta­do orante que os torne mais observadores. Trabalharão, assim, o silêncio e estarão mais atentos à necessidade do planeta, e não tanto em se destacar dentre os demais.

E assim, filhos, usem a criatividade espiritual para se transfor­marem sob o espírito da paz, da neutralidade e, até lhes digo, da alegria; porém, uma alegria interior, que se expresse do coração para o espírito, e não do coração para fora.  

Estejam atentos a isso, porque para muitos a própria carga bastará para desestabilizá-los. O correto equilíbrio não vem da sua força, mas, sim, do Poder de Deus e, para se unirem ao Pai, não usarão a tensão nem a rigidez, mas o amor, a unidade e a paz.

Sejam mais estratégicos no caminho da luz e verão quantas possibilidades encontrarão para alcançar, em paz, as metas do Criador para suas vidas.

Aquele que os ensina a chegar a Deus,

São José Castíssimo

maio

01

Domingo, 1 de maio de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

1o Encontro da Rede Missionária Planetária, Centro Mariano de Figueira, Minas Gerais, Brasil

Do dia 28 de abril ao dia 1ode maio, aconteceu no Centro Mariano de Figueira o primeiro encontro da Rede Missionária Planetária. Hoje, no último dia, São José pediu que nos reuníssemos com todos os presentes na comunidade para Ele transmitir Sua mensagem diária.

Filhos,

Hoje os reúno aqui para que compreendam, com este sinal, que um missionário, antes de servir, deve beber da fonte da cura espiritual, deve buscar nos mundos sublimes o alento que levará aos mais necessitados.

Um missionário que representa no mundo os Mensageiros Divinos, e que por intermédio de seu serviço dá testemunho da Presença de Deus na Terra, deve encontrar, antes de tudo, a união com o Único.

Quando lhes pedimos que, antes de servir e de fazer parte des­ta Rede Missionária Planetária, venham até os pontos de luz que Meu Casto Coração instituiu nestes tempos, é para que nutram os seus espíritos com o verdadeiro bálsamo que levarão para as almas, desde aquelas que vocês servem de forma mais simples no dia a dia até as que verdadeiramente carecem do Amor de Deus.

Venho pedir-lhes, filhos, que não façam da Rede Missionária um motivo de separação das diferentes vertentes de cura e de caridade que esta Obra manifesta no planeta.

A Rede Missionária Planetária deve ser o braço ativo de todas as expressões de serviço que já temos como Obra Divina ins­tituída na Terra.

A Rede Missionária Planetária beberá da fonte da instrução e a praticará; beberá da fonte da oração e dará sentido ao seu serviço; aprenderá da caridade e da misericórdia que a Casa Luz da Colina oferece às almas como experiência de cura e de serviço; aprenderá do amor aos Reinos que o Parque Francisco de Assis ensina. E assim descobrirão que um serviço que não inclui os Reinos da Natureza está incompleto e que uma alma que não aprende do amor incondicional dos Reinos está incom­pleta. Vocês aprenderão do amor fraterno e compassivo do Núcleo de Serviço Crer-Sendo e, assim, filhos, descobrirão que a essência divina está no interior das criaturas, independente­mente de sua aparência, e que, quando a uma alma é dado o que ela necessita para crescer – ainda que seja uma correção reali­zada com amor –, ela desenvolve o seu potencial e recebe uma possibilidade de curar o passado. E com os missionários matri­zes, na Casa de São José e na Casa do Imaculado Coração de Maria, aprenderão a servir onde for necessário, aprenderão a não ter expectativas, aprenderão a ser verdadeiros missionários, porque ali Eu os colocarei diante de todas as provas de que necessitam para que quebrem as suas resistências e aprendam a ser nada, para então serem instrumentos de Deus.

Com todas essas experiências, aprenderão que o Criador não vê as obras, mas, sim, o amor com que vocês as manifestam. Depois disso, poderão servir inclusive dentro de suas casas e ser curadores de suas próprias famílias, por meio do amor e do cuidado, e permitirão que muitas famílias do mundo recebam uma oportunidade.

Filhos, quero que compreendam que a Rede Missionária Planetária não vem para separar o que estava unido; vem para aperfeiçoar e treinar o espírito daqueles que, em nome de todos, se dedicarão de uma forma mais específica ao resgate interno e externo deste mundo.

A Rede Missionária Planetária vem para colocar na consciência de todos a necessidade de uma preparação mais intensa para estes tempos e para retirar muitos do adormecimento em que se encontram, esperando para o século que vem uma transição que, no entanto, já está em curso no planeta.

A Rede Missionária Planetária está sendo instituída para dizer­-lhes que, definitivamente, é hora de despertar e agir, de estar preparado para o que for, em todos os níveis, porque não é ape­nas de resgate físico que necessitará este mundo. Vocês devem estar preparados não só para auxiliar as almas fisicamente, mas para fazê-lo com tal amor que as desperte à redenção, ainda que seja na última hora.

Seu pai e amigo, servo de Deus,

São José Castíssimo

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos