Mensagens Anteriores

set

30

Quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

No princípio da Criação, Deus manifestou os universos no cosmos infinito, que era a representação viva de Sua Divina Consciência.

Dentro do cosmos, Deus reproduziu em tudo os mesmos princípios de criação e, de diferentes formas, representava Sua Consciência Divina em tudo o que criava. Criou os universos com os princípios de Sua Perfeição. Criou as galáxias, os plane­tas, os seres conscientes, que eram o resultado vivo da expressão das essências provenientes de Seu Coração.

E no vasto cosmos, criado por Deus em sete dimensões que coabitam e em harmonia se auxiliam mutuamente para alcan­çar um mesmo propósito evolutivo – voltar a ser uno com Deus – o Criador concebeu os seres humanos.

Separou espíritos antigos das demais criaturas, colocando-os em corpos materiais, aos quais confiou o maior processo de transformação e de redenção de Sua Criação.

Em um tempo paralelo, diferente do tempo e do espaço do restante da Criação, Deus colocou o que de mais precioso haveria se alcançasse o resultado desejado e se o potencial de Seu Projeto se desenvolvesse naquelas consciências.­

Nesse mundo, o Criador reuniu espíritos provenientes de todo o cosmos; consciências com diferentes tipos de apren­dizados e com registros ocultos, tanto positivos quanto nega­tivos. De todas elas retirou sua memória cósmica para que não soubessem quem eram e, assim, pudessem unir seus conhecimentos e equilibrar umas às outras, para alcançar o propósito esperado.

O Senhor enviou ao mundo, além de todos os espíritos que mais precisavam de redenção, Consciências Divinas, unindo assim dois opostos e representando neste pequeno planeta a grande dualidade que existe neste universo. Entregou dessa forma ao mundo duas possibilidades: viver um grande mal ou viver um bem.

Nessa arriscada experiência divina, o Criador confiou à essên­cia daquelas criaturas um princípio divino, a unidade, que, ativado na essência do amor, permitiria às consciências vencer a dualidade do universo e encontrar uma forma de elevar toda a Sua Criação universal a um novo nível de aprendizado, um aprendizado que se baseia na unidade com Deus por meio do amor.

Quando lhes pedimos oração, é para vencer as forças que den­tro e fora dos seres causam o mal; forças que só são vencidas com um grande bem, que é o amor.

Quando lhes pedimos que se esqueçam de si, que sirvam ao próximo e que reconheçam a realidade planetária, é para que, descobrindo tal pequenez em suas consciências tridimensio­nais, consigam perceber que tudo o que vocês vivem é uma ilusão e, saindo do que pensam ser, descubram o que verda­deiramente são.

Quando falo de uma Nova Humanidade, falo de espíritos antigos do universo que, redimidos pela descoberta do amor e da vivência da unidade, começam a viver segundo os princípios deixados pelo Filho de Deus, que foi para todos o exemplo e o caminho correto a seguir. A Nova Humanidade é essa con­versão dos espíritos do universo.

A Nova Humanidade é o símbolo do potencial do Amor de Deus em Suas criaturas; é a demonstração, para tudo o que foi criado, de como é possível vencer um grande mal e dar um salto, saindo da completa ignorância para a união consciente com o Criador.

Hoje lhes digo coisas que a mente talvez não compreenda, mas o coração saberá que são verdades que em algum momento a humanidade deverá reconhecer.

Já está finalizando o tempo de experiência da humanidade, e agora vocês devem começar a recordar os princípios da vida superior e, com tudo o que já viveram neste mundo, começar a descobrir quem são e o que devem curar neste tempo.

Cristo já deixou dentro de cada um a possibilidade de viver o amor e a unidade com o próximo. Agora, vocês apenas necessitam despertar e ver que suas prioridades já não devem ser as coisas que os mantêm bem e seguros neste mundo, mas que de-vem preparar o que acontecerá além desta Terra com o que aprenderam aqui.

Peço-lhes que Me escutem com paz e apenas coloquem no coração o que lhes disse, porque, da compreensão correta das instruções dos Mensageiros Divinos, dependerão os passos que vocês darão no futuro.

Eu os amo e os abençoo.

São José Castíssimo

set

29

Terça-feira, 29 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Para que vocês sejam aqueles que abrem as portas do mundo para a existência de uma nova humanidade, por meio da difusão dos Princípios Divinos, expressados nas Palavras dos Mensageiros de Deus, vocês devem ser, primeiro, difusores da transformação, por meio da conversão dos velhos costumes humanos em princípios celestiais e universais.

Como fazê-lo?

Sendo aquilo que aspiram a encontrar no próximo, porque a aspiração verdadeira da manifestação de uma nova humanidade já existe no coração de todos os que estão despertos neste tempo, despertos para cumprir a Vontade de Deus.

É dessa forma que vocês podem buscar no seu interior aquelas aspirações mais puras sobre como deveria ser o mundo e como deveriam ser os seres e transformar essa aspiração em vida, por meio da própria vivência de tudo isso.

Não se apeguem ao que foram ou ao que são. Deixem-se desconhecer e, por mais que às vezes sintam que não são vocês que atuam, pensam e sentem, que o que são não é algo verdadeiro, não importa. Parecerá difícil a princípio. Vocês encontrarão muitos personagens e perderão outros, mas, na busca permanente da transformação, a alma se encarregará de conduzi-los ao que vocês são em verdade e que, às vezes, está tão distante daquilo que a mente pode imaginar.

Meu Coração vem até aqui para ajudá-los, para guiá-los neste caminho, que é longo, porém simples e poderá ser mais ou menos longo, a depender da coragem e da determinação de cada um.

Quero que saibam que tudo o que fizerem, não importa o que seja, deve ser feito em prol da humanidade. Nem mesmo as transformações pessoais devem ser buscadas apenas para si mesmos, porque vocês correrão o risco de pensar que se perdem de si, mas estarão se perdendo de Deus, na ilusão de que estão atentos ao próprio processo evolutivo.

Saibam, companheiros, que a essência da humanidade está em poder ser fraterna e simples em tudo e, assim, encontrar o verdadeiro amor. Por isso, nunca caminhem para si mesmos, nunca tenham projetos próprios, nunca tenham uma aspiração pessoal que não seja a de não aspirar a nada, para que se faça como Deus aspirou para as Suas criaturas.

Eu os amo e os abençoo na missão que o Senhor lhes encomendou.

Confiem no Poder de Deus em suas vidas, porque Ele triunfará diante de todas as impossibilidades dos seres humanos, sempre e quando vocês se permitirem amar e se transformar por Ele.

Paz e compaixão para todos os que aspiram a chegar à meta.

São José Castíssimo

set

28

Segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Alivie o coração humano, libertando o seu coração de toda a angústia que o separa de Deus.

Alivie o coração humano, que é o Coração de Deus, perdoan­do e curando as feridas que a ilusão do mundo causou em seu peito.

Alivie o coração humano e, assim, toda a Criação, cumprindo os princípios de Deus para você.

Cure os males do corpo com o bálsamo do espírito; viva no espírito da paz.

Queridos companheiros, não temam a liberdade do espírito, esta que encontram quando já não carregam o próprio peso nem as cargas humanas que os impedem de caminhar.

Venho ao mundo como portador da liberdade celestial. Venho trazer-lhes a chave de uma nova porta para que a cruzem e saiam da velha existência, do velho homem.

Simples seria, para todos os seres humanos, encontrar Deus e mergulhar na profundidade de Seu Sacratíssimo Coração, se vencessem as barreiras do orgulho e do temor de perderem a si mesmos.

Estou aqui para fazê-los compreender uma realidade supe­rior para que ingressem, em consciência, em uma vida maior, verdadeira.

Peço-lhes que curem os rancores humanos como forma de aprender como é fácil deixar emergir o amor no próprio coração; que compreendam que esse potencial de amor sempre estará latente no coração de todos os seres. E, agora, esse amor deve ser vertido não apenas sobre indivíduos, mas também sobre toda a Criação.

Para aprender a amar o Todo, devem aprender a amar tudo e, para isso, precisam deixar de lado o medo que os impede de descobrir a grandeza do verdadeiro amor que habita em todos vocês.

Quando se dispuserem a aprender e a se transformarem, Meu Casto Coração os conduzirá, mostrará os caminhos e lhes indi­cará os passos a seguir.

Depois que derem certos passos, compreenderão a verdadeira essência do Meu ensinamento e poderão vislumbrar para onde Eu os estou conduzindo neste tempo.

Eu os acompanharei hoje e sempre.

José Castíssimo, servo de Deus

 

set

27

Domingo, 27 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Se lhes peço uma campanha para semear o amor na huma­nidade, não se preocupem com a árvore que crescerá ou com os frutos que poderá dar ou não.

Meus amados,

Não pensem no resultado de suas ações, porque devem apren­der a semear assim como semeia Deus no vasto universo de Sua Criação. O Senhor envia impulsos por meio dos diferen­tes Mensageiros e Instrumentos Divinos que os levam a tudo o que foi criado. Ele apenas doa de Si para o crescimento de Suas criaturas.

Vocês devem agir como Deus, sem nunca perder a esperança de que o amor cresça e dê frutos na consciência humana, mas sem buscar resultados segundo o que compreendem do que deveria acontecer como resposta a suas ações.

Em lugar de pedir perdão, vocês vão doar perdão e o doarão a toda a humanidade; doarão atos de perdão e de amor.

Mesmo sentindo que não obterão nenhum resultado, apenas compreendam que se forem verdadeiros e simples, e não bus­carem nada para si, a semente ficará na consciência humana.

Muitas vezes vocês temem agir porque querem agir por si mesmos. Vocês não podem pedir perdão a alguém buscando um milagre ou uma grande ação para publicar na internet. Lembrem-se de que devem ser puros de coração e de que a única razão da existência desta campanha é semear o amor na humanidade e, assim, dissipar o ódio do coração humano.

Devem ter esse propósito claro. E nunca se esqueçam das crianças do Oriente Médio, que aguardam suas ações e orações, que geram méritos para a salvação dessas pequenas almas.

Por isso, vão sem temor; perdoem, reconciliem-se com o pró­ximo, sirvam e amem, pela salvação de seus irmãos no mundo inteiro.

Eu os amo e os conduzo à essência de um serviço verdadeiro.

São José Castíssimo, servidor de todas as almas

 

set

26

Sábado, 26 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Queridos companheiros,

É muito importante para a manifestação da Missão na Turquia e na Hungria, e para que tal missão tenha a correta repercussão na consciência planetária, que todos vocês, servos de Deus, deem sua adesão à Campanha de Meu Casto Coração. Não se esqueçam de que esta é uma obra que está sendo guiada para que um Plano Maior se cumpra e, para isso, necessitamos da ação verdadeira de todos.

Nos últimos dias, a consciência planetária recebeu um grande impulso graças à resposta de todos ao Chamado de Deus, mas esse impulso precisa seguir crescendo e se apro­fundando dentro de cada um de vocês, manifestando assim a transformação de suas vidas e, em consequência, de toda a humanidade.

Devem confiar em que cada um de seus atos é valioso diante do universo e que, com um de seus passos em direção à luz, podemos mudar o destino da humanidade.

A Vitória de Deus em um grupo de consciências ditará o rumo da evolução de toda a Criação Divina. É por isso que, entre tantos mundos e tão vasto universo manifestado, a Consciência de Deus está tão próxima de suas vidas com todos os Seus Aspectos.

O Criador espera enviar crescentes impulsos à consciência planetária e entregar tudo o que de mais precioso existe no cosmos, como forma de levá-los a expressar o seu potencial como Criação Divina.

Nestes tempos definitivos, o Criador entregará tudo à huma­nidade, para que vocês também entreguem tudo a Deus e seja conforme Ele pensou para cada um.

Meus amados, falo todos os dias aos que, despertos no coração e no espírito, seguirão os Meus passos e, na simplicidade de Minhas instruções, encontrarão a grandeza e a perfeição de Deus.

Para saber e compreender o que lhes digo, é necessário experi­mentar por si mesmos. Por isso que lhes peço essa Campanha, que é tão simples, porém tão grandiosa aos olhos de Deus. Se vocês a seguirem verdadeiramente e oferecerem a Deus suas ações, elas terão repercussões planetárias incalculáveis.

Eu os amo e os guio a uma transformação maior.

São José Castíssimo

 

set

25

Sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Quando um grupo de almas oferece sua vida para equilibrar o sofrimento de uma parte da humanidade, o Coração de Deus volta a se acender e a fé do universo recebe um impulso de luz.

Meus queridos companheiros, para esta próxima Missão à Turquia e à Hungria, peço-lhes que não se movam com base nas emoções, mas que se disponham a ir apenas aqueles que verdadeiramente aspiram a que o princípio do Amor se manifeste no mundo, mais além de suas próprias vidas.

Todos aqueles que acompanharem tal missão com o coração formarão parte desta obra, que tem como função renovar o espírito de Amor e de Fraternidade na consciência humana e não permitir que o ódio e a dor sejam males que se apoderem de todos os corações do mundo.

Aqueles que seguirem em missão, assim como os que os acompanharão com o coração, não podem fixar seus olhos nas injustiças, no sofrimento e no rancor dos seres. Devem apenas ser portadores de um amor que se extingue no mundo e que a Divindade depositou em seus corações.

Para irem nessa missão, Meu Casto Coração os conduzirá em uma purificação profunda da própria incapacidade de perdoar e de amar e fará isso com todos aqueles que queiram ser missionários não só fisicamente, como também no espírito.

Eu os conduzirei para que transformem aspectos profundos da sua consciência, enraizados na competição e na ânsia pelo poder, para que possam ir purificados de todo o mal que gera guerras e conflitos no mundo.

Mais do que qualquer treinamento, vocês devem orar muito, para que Eu os auxilie e os coloque no ponto ao qual necessitam chegar para que sejam verdadeiros instrumentos de Deus para toda a humanidade e não somente para o Oriente Médio.

Saibam que estamos convidando todos os grupos de oração para que deem um novo passo e vivam a transformação necessária para entregar a vida por amor a Deus e ao Seu Plano.

Nossa proteção e amparo sempre estarão com aqueles que respondem aos Desígnios de Deus. Vocês não precisam temer coisa alguma, apenas amar com a essência do coração.

Eu os guio e os fortaleço,

São José Castíssimo, Pai de todos os missionários

set

24

Quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Quando uma consciência desperta verdadeiramente para a vida superior e para a necessidade de manifestar essa vida no planeta, toda a humanidade recebe uma oportunidade de viver um aprendizado com base em um profundo amor.

Quando a essência da compaixão toca o profundo dos seres, ela os conduz a despertar o amor que Deus espera de Suas criaturas. Por isso, Eu os chamo a encontrar no próximo e nos mais necessitados, tanto material como espiritualmente, as chaves para que vivam esse despertar.

Todas as palavras que entrego ao mundo têm a finalidade de levar a humanidade a desmistificar a vida sobre a Terra e a poder sair dos enredos da superficialidade para reconhecer o que verdadeiramente importa neste tempo.

Sei que tão antigos são os atavismos terrestres que muito lhes custa sair deles; sei que vivem lapsos de despertar e éons de adormecimento, mas, agora, os próprios acontecimentos do mundo, as palavras dos Mensageiros Divinos e as experiências que seus irmãos estão vivendo de brusco despertar em todo o mundo devem ser suficientes para que possam colocar-se a servir de verdade em prol dos Planos de Deus.

Quando lhes falo dos Planos de Deus, muitos se perguntam de que se trata. A essência dos Planos do Criador é muito simples e está ao alcance dos que são capazes de vencer as aparências pessoais e ingressar no próprio interior para descobrir o que verdadeiramente são.

Meus amados, urge o tempo de que os que se comprometeram com Deus no princípio assumam seus postos no Exército Celestial; mas não apenas os que já nos escutam têm essa missão. Vocês foram chamados para ser motores que impulsionam o despertar da humanidade; vocês foram chamados para viver uma etapa um pouco mais difícil, de abrir caminhos e derrubar estruturas internas e externas da consciência humana, para que, quando vocês alcançarem a meta, outros possam servir-se de seus exemplos para dar os próprios passos com mais coragem e rapidez.

Existem muitas almas que estão no mundo, aguardando encontrar nos seres humanos um exemplo concreto para seguir. Mas, ainda que tenham um propósito superior e uma aspiração verdadeira, falta-lhes um exemplo material de como atuar, para que possam sair das teorias e passar para uma experiência real da vida superior, espiritual e divina.

Aqueles que hoje escutam Nossa Voz são chamados a renunciar à própria existência e a todos os planos materiais, para assumir um Plano Superior, em nome de todos aqueles que seguirão os seus passos.

Lembrem-se de que a consciência humana é única e muitos dependem de sua valentia e persistência para encontrar a Deus.

Eu os amo e os abençoo.

São José Castíssimo

set

23

Quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Para que não se estabeleça o ódio nas almas, é necessário que se viva o amor.

Hoje Meu Casto Coração lhes mostra a dor que sente pelo que está sendo semeado no interior de todas as crianças que, sem compreender, padecem o terror das guerras no mundo.

Apenas a vivência de um amor profundo e verdadeiro é capaz de equilibrar essas ações da humanidade. Por isso, hoje lhes peço que, como um ato de paz pela humanidade e sobretudo pelas crianças do mundo, dissolvam o ódio de seus corações e amem aqueles que sabem que guardam algum tipo de rancor em seus corações.

Façam isso como um serviço, indo a um lugar que necessite de muito amor ou mesmo dentro de suas famílias; vençam o orgulho e o temor e realizem um ato de amor como seus cora­ções indicarem.

Peço-lhes que sejam verdadeiros e que não se movam com base nas emoções, mas, sim, com base no sentir profundo do coração.

Por mais que sintam que o que vivem não está ligado ao que acontece em outras regiões do mundo, vocês verão que, ao realizar um ato verdadeiro de amor, apagarão de uma parte da consciência humana o ódio que existe e também este que está sendo semeado pelas atuais guerras do mundo.

Convido-os a uma campanha que se chamará Semeando o Amor na Humanidade. As experiências que se viverem duran­te a campanha poderão ser registradas como cada um sentir e serão reunidas e levadas às crianças que emigram de seus países no Oriente Médio e que hoje necessitam ver que uma parte da humanidade está fazendo algo para equilibrar a dor de seus corações.

Será um ato simples, mas levará o princípio de uma cura para muitos corações.

Difundam este chamado como uma grande rede de amor e de serviço para apagar o ódio dos seres humanos.

Eu os amo e os acompanharei nesta missão.

São José Castíssimo

Irmã Lucía de Jesús: Estávamos orando o Devocionário de São José com alguns irmãos do monastério, aguardando Sua mensagem diária. Ao terminarmos, São José aproximou-Se e pediu que orássemos com Ele o rosário pelas crianças do Oriente Médio.

Quando começamos, vi que Ele estava chorando. Foi a pri­meira vez que O vi chorar, em todo este tempo de aparições.

São José me mostrava alguns lugares do Oriente Médio em que eram decapitadas muitas crianças; um lugar com muitos corpos pequenos depositados em um grande buraco na terra. Vi outra cena em que duas crianças eram decapitadas diante de seus pais e, em seguida, os seus pais eram mortos. Vi outra cena em que se matavam os pais de uma criança diante dela, e ela permanecia viva, com muito ódio no coração.  

Depois de mostrar tudo isso, São José pediu que realizássemos uma campanha para dissolver o ódio do coração humano. Trata-se de ofertar um ato verdadeiro de amor em alguma situação de nossas vidas, seja em nossas famílias ou em outros lugares onde possamos realizar um serviço.

Exemplificava São José que se temos algum irmão ou paren­te que sente rancor ou ódio por nós, vamos lhe pedir perdão, levamos um presente, algum ato de amor, por mais simples que seja, mesmo que pareça uma loucura.

Se sabemos que existe alguém na rua que tem muito ódio por algo que viveu, tentamos fazer um ato de amor que o ajude a curar esse rancor.

Se conhecermos algum presídio, orfanato, alguma casa de idosos, favela, um vizinho, um amigo, qualquer lugar onde exista o ódio, podemos levar ali o nosso amor, sempre como uma oferta em reparação do que hoje acontece com as crianças do Oriente Médio.

E todas as nossas experiências deverão ser registradas por meio de vídeos, fotos ou relatos.

Por exemplo, podemos fazer um vídeo relatando a experiência com um familiar: “Eu tinha um irmão com o qual não fala­va há dez anos; fui lhe pedir perdão e me reconciliei com ele, para dissolver o ódio do coração humano, como uma oferta às crianças do Oriente Médio”.

Ele pediu que todos os monges da Ordem Graça Misericórdia e membros da Associação Maria realizassem algum serviço com os missionários na Casa de São José, em Carmo da Cachoeira, serviço que também ficaria registrado e faria parte dessa campanha pelo Oriente Médio.

São José pediu que as crianças da Comunidade-Luz Nova Terra e também das demais comunidades fizessem um vídeo direcionado às crianças do Oriente Médio. Esse vídeo, assim como todos os relatos das experiências de serviço, serão compi­lados em um documentário que será levado pelos missionários de Maria, em missão para a Turquia e para a Hungria, ao encontro dos refugiados da guerra.

São José pediu que esta campanha fosse difundida nas redes sociais e páginas web, para que chegue a todos os que quise­rem se unir a este propósito, independentemente da cultu­ra, religião, crença ou raça. E à medida que os vídeos das experiências ficarem prontos, serão publicados e enviados a todos, para incentivar mais pessoas a aderir à proposta que São José chamou de Semeando o Amor na Humanidade.

set

22

Terça-feira, 22 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Queridos companheiros de Meu Casto Coração,

Hoje lhes peço que não julguem as atitudes dos seres humanos do mundo, mas transformem dentro de vocês as raízes de todas as más ações da humanidade.

Quando vocês julgam algo, por mais que seja uma atrocidade, suas consciências apenas sentem que estão separadas desse mal; sentem que não lhes pertence e, assim, perdem a oportu­nidade de mudar a consciência humana por meio da própria transformação.  

Inumeráveis vezes lhes dissemos que o coração humano é úni­co, e o que hoje acontece no mundo é fruto de uma construção maléfica planetária, que contou com a colaboração não somen­te do Oriente Médio, mas de todos os seres humanos que, em suas pequenas ou grandes más ações, colaboraram para que o coração humano se afastasse de Deus.

Meu Casto Coração agora vem para ajudá-los a curar a huma­nidade, e essa cura começa em cada um.

Muito simples e cômodo é apontar o erro das nações e julgar os que guerreiam e os que não aceitam os emigrantes, sem perce­ber que tampouco vocês aceitam um irmão que se aproxima de suas vidas em uma condição interna, física e espiritual diferente das suas e que os fará mudar completamente para conseguir acolhê-lo com amor.

Devem buscar dentro de vocês o que os separa dos que são dife­rentes; devem procurar curar o medo de se transformarem para acolher, ainda que seja internamente, aqueles que não entram nos padrões que suas mentes aceitam, porque, da mesma for­ma como está acontecendo com os emigrantes, muitas almas passaram pela vida de vocês e não encontraram em seus cora­ções o amor de que necessitavam para que fossem acolhidas e transformadas pela Presença de Deus.

Compreendam que, se aprenderem a amar verdadeiramente, depositarão na consciência humana um código de amor que poderá mudar muitos acontecimentos no mundo.

Não julguem mais; não se separem dos erros humanos como se eles pertencessem aos outros. Reconheçam em si o que deve ser transformado e permitam que a compaixão lhes dê a sabedoria de que necessitam para não julgar, mas, sim, para converter o julgamento em transformação e amor.

Eu os amo e os conduzo, como seu pai e instrutor.

José Castíssimo

 

set

21

Segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​​

Quando o coração humano emite para o Criador um impulso verdadeiro de amor, todo o universo respira um alento de esperança pelo mundo e a criação de Deus é impulsionada a seguir assistindo a humanidade, a seguir na confiança da manifestação de uma raça de Cristos.

O potencial de amor de seus corações é sumamente desconhecido por todos, e mesmo um pequeno impulso dele transcende as leis e a justiça e faz descer novamente para o planeta o manancial da Divina Misericórdia.

Enquanto sua Mãe Maria tenta despertá-los para uma realidade planetária e universal, por Sua condição de Governanta dos Espelhos de todo o Cosmos, Meu Casto Coração tenta chegar ao profundo do seu universo interior, fazendo-os descobrir o que são em verdade, desmascarando os falsos aspectos que encobrem a alma e mostrando-lhes o potencial do espírito.

Todas as palavras de Deus, por meio de Seus Mensageiros, têm uma função única: despertar a essência do Amor Crístico no coração humano, que é o receptáculo universal desse Amor.

Vocês necessitam, neste tempo, estar diante de determinadas situações que se repetiram tanto no universo quanto na Terra, para que possam atuar com a potência do amor e, assim, reverter e redimir as ações de um passado distante da criação de Deus que foi distorcida.

Nada está separado na divina rede da Criação Universal. Todos os aprendizados serão para o bem de todas as criaturas, segundo o grau que lhes corresponde.

Diante da atual situação planetária, aferrem-se ao amor e não ao temor; aferrem-se ao perdão e não ao rancor; aferrem-se à compaixão e não à rejeição; aferrem-se ao Plano de Deus.

Nunca se esqueçam de que a humanidade como um todo deverá alcançar a redenção. Ajudem-se uns aos outros.

Que a Paz e a Bênção de Deus estejam em suas vidas.

Seu Pai e Companheiro,

São José Castíssimo

set

20

Domingo, 20 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​
 

Se vocês contemplassem com o coração as necessidades do mundo de uma forma natural, as necessidades pessoais se dis­solveriam. O que acontece é que as consciências não estão ver­ dadeiramente tocadas pelo que ocorre no planeta e ainda não se abriram para compreender o que está acontecendo.

Enquanto as almas se submergem nos abismos planetários, muitos ainda estão preocupados em tentar oferecer pequenos sacrifícios a Deus e em se transformarem, com muito esforço, quase nada a cada dia.

A impossibilidade de transformação é ditada pela consciência que, ao estar imersa em si mesma, não consegue sair das pró­prias dificuldades, e o que de pior acontece no mundo para essa consciência é aquilo que ela não consegue transformar.

Companheiros, em tempos de Apocalipse, suas proporções devem mudar na consciência: em vez de estarem tão preocupa­dos com o que acontece consigo mesmos, coloquem a atenção no planeta e toda a sua vigilância e oração para equilibrar o caos planetário.

Asseguro-lhes que, se descobrirem o amor ao Plano de Deus e, dentro desse amor, a perseverança absoluta na concretização desse Plano em todas as almas, em pouco tempo vocês não serão mais os mesmos e se dissolverão em um propósito maior.

O Senhor necessita, nestes tempos, de consciências capazes de abandonar a si mesmas para serem apenas instrumentos da manifestação de Seu Plano, e isso se dá quando o ser doa tudo de si, inclusive a si mesmo, para que o Propósito de Deus se cumpra em todas as almas.

Vocês devem preocupar-se menos com o cumprimento do propósito de Deus em si mesmos e mais em toda a humani­dade. Se tudo fizerem para que o outro alcance a salvação, o despertar e a santidade, asseguro-lhes que chegarão à meta de uma forma que nunca chegariam se estivessem tão preocupados consigo mesmos.

São tempos de crise planetária, de Apocalipse, de Armagedom. Que cada um retire a atenção de si e observe o que tem ao redor. É hora de desenvolver o amor ao próximo, o amor ao planeta, aos Reinos da Natureza, ao Plano de Deus.

Ofereçam suas vidas a um propósito maior e direcionem todos os seus esforços para a salvação de outros. Com esmero, deem o melhor de si para que outro alcance a santidade.

Orem, não por si mesmos, mas pelas almas verdadeiramente necessitadas, pois, se vocês estão lendo estas palavras é porque já têm tudo, até muito mais do que merecem.

Com amor os guio e em Minha divina paternidade os faço crescer.

São José Castíssimo

set

19

Sábado, 19 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA EXTRAORDINÁRIA DE SÃO JOSÉ CASTÍSSIMO, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Queridos companheiros de Meu Casto Coração,

Não caberá repetir mais que são tempos de emergência no mundo.

Nossas palavras necessitam chegar a todo o planeta. Não poderá haver uma só alma que não conheça a presença dos Mensageiros de Deus neste lugar. Por isso, hoje lhes peço que difundam Nosso chamado sem medo, sem terem vergonha de proclamar a própria fé, sem temor de não serem aceitos ou reconhecidos por aqueles a quem respeitam e amam.

Apenas coloquem em suas consciências que todos necessitam despertar, que não haverá mais tempo para as ilusões da vida, porque a oração será a única saída para a situação planetária.

Não pensem no que sentirão os seres, não se preocupem com o que manifestarão as mentes das pessoas no mundo; apenas vislumbrem a necessidade das almas de se reconciliarem com Deus, de orarem e de se unirem ao Plano do Criador.

Não importa a resposta imediata das consciências ao entra­rem em contato com Nossas palavras. O que verdadeiramente importa é que a semente de luz estará plantada dentro dos seres e, quando para eles chegar o momento da real necessida­de, terão a que recorrer: lembrarão daqueles vales no Brasil e também daquele refúgio de paz entre os laranjais; lembra­rão das montanhas que guardam o Espírito Santo de Deus e também daquelas que amparam o futuro da humanidade com os códigos do Menino Jesus, para que sejam depositados nos pequenos deste mundo.

Anunciem a suas famílias que suas vidas não são mais as mes­mas; anunciem aos seus conhecidos, anunciem aos desconhe­cidos que necessitam de paz. Anunciem aos ricos, anunciem aos pobres. Anunciem aos sãos e aos enfermos, aos jovens e aos anciões.

Que o futuro do planeta encontre a essência da paz nos cora­ções dos mais jovens e que aqueles que partirem deste mundo, os mais idosos, possam levar a descoberta do amor onde forem depois desta vida.

Faço-lhes este pedido porque as almas não podem perder a oportunidade de vivenciar o amor, já que para isso vieram ao mundo.

Que se fechem as portas dos infernos diante da resposta orante de todos os corações que despertam a tempo.

Que a Perfeição de Deus, existente no interior de todas as criaturas, não seja trocada pelas inumeráveis misérias capi­tais que o inimigo semeou na consciência humana.

Eu os chamo hoje a serem verdadeiros apóstolos de Cristo, sem temor nem vergonha. Ainda que pareçam loucos, que seja a loucura santa expressa em seus corações.

Que suas ações de amor e fraternidade sejam o testemunho de Nossa Presença no mundo. Que sua capacidade de perdoar e de se reconciliar com o próximo seja a prova para os olhos humanos de que Deus está entre os homens, por meio de Seus Mensageiros.

Por isso, hoje e todos os dias de suas vidas, vão, sirvam, recon­ciliem-se com o próximo, peçam perdão, sirvam aos que os odeiam, amem os que os perseguem, orem como a prioridade de suas vidas, como se a oração fosse a água sem a qual não podem viver.

Difundam, anunciem ao mundo a Mensagem de Deus, de paz e transformação, o chamado ao despertar e à redenção, por meio de Seus Mensageiros. Algo haverá de repercutir na consciência humana, sempre e quando forem verdadeiros em tudo o que fizerem.

Antes de proclamar com suas bocas, vivam com os sentidos, com as intenções e com o coração tudo a que aspiram que os seres conheçam. Sejam portadores da paz e da esperança para este mundo que se perde na ilusão.

Não deixemos que se apague uma parte do Coração de Deus.

Eu os amo e os abençoo sempre, para que esta bênção se torne vida em todos os espaços da consciência humana.

São José Castíssimo

set

18

Sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Aprendam a sentir no próprio coração as dores do mundo e fazer como próprio o padecer do Sacratíssimo Coração de Deus.

Contemplem em seus corações a Criação e tudo o que ela manifesta, como ela se expressa no universo. Contemplem a perfeição e a harmonia da natureza, do sol, dos ciclos da Terra. Sintam em seus corações o potencial da Perfeição Divina que está latente no seu interior. Perguntem-se todos os dias qual é o caminho para manifestar esse potencial.

Quisera que no coração dos seres humanos o amor à Criação Divina fosse maior que o amor à criação humana, mas vocês estão muito mais aferrados ao que provém de suas próprias ideias do que ao que provém do Pensamento Divino.

Os seres humanos aprenderam a amar e admirar o que foi criado por sua mente limitada e o orgulho adquirido foi tão grande, que ficaram encerrados na própria pequenez e em mesquinharias e não puderam amar algo superior ou sequer crer em sua existência.

Com pesar em Meu Coração, lhes digo que muitos não se transformam porque não acreditam verdadeiramente na existência de Deus, de Seu Plano e de Seus Mensageiros.

As consciências observam o caos e o mal avançando no mundo e preferem pensar que sempre foi assim ou se isolam nos pequenos problemas e nas preocupações de suas vidas, como forma de não perceberem que a verdadeira barca que está afundando não é apenas no Oriente Médio, mas no mundo inteiro.

É a consciência humana, Meus queridos, que está submergindo cada vez mais profundamente na escuridão. E, quando os tempos necessitam vê-los mais despertos e preparados, entregues e confiantes no invisível, vocês estão se escondendo da verdade e mergulhando mais e mais na ilusão, para não perceber que os tempos finais já chegaram.

O Céu sempre agradecerá suas orações e, com o pouco esforço de todos os seres, tentará retirar o peso da balança da Justiça, que pende para o desaparecimento da humanidade.

Vocês, companheiros, são células vivas do Coração de Deus; por isso, é tão grande o Seu pesar por este mundo.

O projeto do Criador é perfeito e tudo já lhes foi entregue para que possam vivê-lo, mas vocês necessitam se decidir a se levantar da cama na qual dormem em ilusão todos os dias, para atuar em prol da humanidade.

Eu os amo; por isso, lhes previno.

Já são tempos de emergência, já é tempo de despertar.

Se caminham ao Meu lado e escutam Minhas palavras, assim como todas as palavras dos Mensageiros Divinos, vocês perceberão que já têm todas as chaves para abrir a porta para uma nova humanidade.

Que estejam em paz, mas sempre atentos e vigilantes, despertos e prontos para a transformação.

Eu os amo e os abençoo.

São José Castíssimo, pelo despertar de toda a humanidade

set

17

Quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Queridos companheiros e servos de Cristo,

Quero hoje lhes falar da essência do perdão e da importân­cia de aprenderem a perdoar nestes tempos e nos tempos que chegarão.

O perdão é a porta para a redenção das almas. Uma consciência que é perdoada verdadeiramente liberta-se das correntes que a impedem de seguir sua trajetória evolutiva.

Quando vocês não são capazes de perdoar algo em si ou em outros, estão trancando não só a própria evolução, como tam­bém a evolução de toda a humanidade.

Neste atual ciclo planetário, as almas tomarão iniciativas impul­sionadas pelas forças descontroladas que emergirão de seu inte­rior e, muitas vezes, não compreenderão a razão das próprias ações. Sobretudo os seres que não conhecem a si mesmos, e que ignoram tudo o que geraram nesta e em outras vidas, sofrerão com o próprio descontrole mental, emocional e físico durante a etapa de purificação mais aguda do planeta.

Muitos dos que acompanham Nossos passos poderão sofrer as consequências dessas ações descontroladas e, para impul­sionar o desenvolvimento do amor no próprio interior, devem aprender a perdoar.

O perdão de que lhes falo não é um perdão mental que a boca proclama, mas o coração não admite. Falo-lhes do verdadeiro perdão; o perdão que, quando toca os seres, os transforma e os faz perceber a ilusão na qual a consciência estava imersa ao errar. Falo-lhes do perdão que eleva os seres e os impulsiona à descoberta do verdadeiro amor.

Vocês devem aprender a perdoar de verdade, exercitando desde já o perdão, a cada instante de suas vidas. Perdoem aquilo que nunca foram capazes de perdoar, sobretudo de si mesmos, reco­nhecendo a ignorância e abrindo-se para descobrir a verdade desta Criação Divina, que é a consciência humana.

Todos os seres humanos que assumem um caminho de trans­formação a cada dia deixam de ser o que foram no dia anterior. Ao compreender um erro ou um equívoco, devem perdoar-se; mas perdoar-se sem negligenciar o aprendizado e, sim, com­preendendo a razão do erro e consolidando na consciência o aprendizado necessário.

Aqueles que aprenderem a perdoar, Meus queridos, estarão mais próximos da libertação de si mesmos e dos atavismos desta vida material.

Ingressem na essência do perdão com o reconhecimento de um propósito superior.

Eu os guio e os conduzo à redenção de todas as almas.

São José Castíssimo, na essência do Perdão de Deus

 

set

16

Quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA SAGRADA CASA DE MARIA, MÃE PAULISTA, SÃO PAULO, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Irmã Lucía de Jesús: A pedido de São José, quando lermos esta mensagem, não pensemos que ela está direcionada aos outros, porque Ele está falando com todos e com cada um dos que O escutam.

Contemplem em seus corações o Plano de Deus e observem a grandeza do Pensamento Divino para a humanidade.

Queridos companheiros,

Com isso lhes pergunto onde estão suas mais profundas aspi­rações. Pensam ao men

Já lhes disse uma vez que um obreiro de Deus é aquele que tudo faz pela manifestação de Seu Plano. Porém, observando o interior das almas e as profundas intenções de todos os seres, vejo que quase não existem, no mundo inteiro, aqueles que tra­balham simplesmente pela manifestação dos Planos de Deus.

Estejam atentos, porque a humanidade está se submergindo em uma ilusão profunda e nada pode deter o avanço da escu­ridão. Se vocês se deixarem levar pelas tendências humanas e passarem todos os seus dias entretidos apenas com as tarefas materiais, por mais que essas tarefas sejam para o cumprimento de uma Obra Divina, Eu lhes digo, Meus queridos, que, se no profundo de suas intenções não estiver o Plano de Deus, vocês submergirão com a comum humanidade e não o perceberão.

Quanto maior for o compromisso com Deus, mais atentos e esforçados vocês devem ser, porque mais sutilmente serão enga­nados por si mesmos e pelo adversário do Criador.

O planeta não está mais suportando a pressão do caos, e os Reinos da Natureza não podem sustentar sozinhos todo o combate contra a escuridão no mundo.

O potencial dos seres humanos continua latente, porque pouco lhes interessa conhecer-se a si mesmos e descobrir o que verda­deiramente são, porque, para isso, deverão deixar de ser tudo aquilo que tanto é apreciado por vocês e pelo mundo inteiro.

Devo ser claro e direto porque os amo e, na presença de Maria Santíssima, Eu os aconselho, para que Seu Amor Universal os ampare e os impulsione.

Nossa Senhora necessita de motivos para interceder pelo mun­do, assim como Cristo, e as orações de vocês de uma hora por dia não são suficientes. É preciso entregar a vida e todo o tempo em que estiverem neste mundo e também além dele: entregar a eternidade ao Criador.

Se oram pelo mundo durante uma hora e em todas as outras não são capazes de sair de si mesmos e das próprias aspirações para cumprir um propósito maior, percebem que o Plano de Deus não se manifestará?

Estarão dispostos a deixar de ser o que são? A abandonar as tarefas e as posições tão apreciadas pelo mundo para servir humildemente a Deus?

Vocês devem refletir sobre o que não podem renunciar e se per­guntar o porquê disso. Pois lhes digo que muitos irmãos seus estão renunciando à própria vida para manter sua fé em Cristo e perseveram, acreditando em Sua Misericórdia, por mais que sofram constantemente as injustiças dos homens.

Reflitam de coração e transformem suas vidas.

Eu lhes disse que viria ao mundo todos os dias para conduzi-los a uma Nova Humanidade. E quem buscou Minhas palavras? Quem se sacrifica diariamente para vivê-las, ainda que seja na intenção?

Com amor Eu os instruo; à transformação Eu os conduzo; e ao desaparecimento do que vocês são hoje Eu os levarei, porque vocês devem descobrir onde está o núcleo profundo de seus seres, que se assemelha a Deus.

Sob a bênção do Espírito Santo, Eu os protejo e lhes dou Minha paz, para que se transformem sempre em paz.  

São José, seu pai e guia para estes tempos

set

15

Terça-feira, 15 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA DURANTE A VIAGEM ENTRE AS CIDADES DE MONTEVIDÉU, URUGUAI E SÃO PAULO, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Queridos companheiros,

Venho ensinar-lhes sobre a essência da compaixão para que, por meio do amor compassivo de seus corações, vocês possam transitar pelos tempos que virão.

A compaixão, que provém do Coração de Deus, é o atributo espiritual que compreende o estado evolutivo de todos os seres; compreende a situação em que se encontram as consciências e, dessa forma, pode ajudar o próximo, elevando-o, no espírito do amor, até onde ele deve chegar como consciência.

A compaixão, como essência divina, é o que lhes permitirá colaborar com o resgate das almas nos tempos em que chega­rão, aos Centros Marianos, almas de diferentes proveniências em busca de auxílio e de paz. A compaixão lhes trará sabedoria para conduzir essas almas e auxiliá-las naquilo de que verda­deiramente necessitam.

Sem olhos compassivos, vocês poderão cair no erro de deixar que as aparências prevaleçam diante do espírito e não poderão reconhecer um filho de Deus em vestes não redimidas.

Hoje lhes digo que muitos dos que se comprometeram com Deus no princípio se perderam nas ilusões da vida material e hoje estão muito distantes do Propósito Divino. Mas um compromisso com Deus não se desfaz apenas pelas distrações da alma e, em algum momento, esses companheiros de Cristo recordarão o seu compromisso e, assim como estão, baterão às suas portas. Se não despertarem a compaixão em seus corações, vocês não poderão reconhecê-los nem recebê-los tal qual o filho pródigo que regressa à casa.

Da mesma forma, sem a sabedoria do olhar compassivo, vocês poderão encaminhar as almas para lugares que não lhes cor­respondem e colocar sobre alguém uma responsabilidade que ele não poderá suportar nem sustentar por si só.

Por isso lhes digo que, em suas orações, clamem ao Santo Espírito de Deus para que os ajude a despertar o dom da compaixão.

Para esse fim, Eu os encaminharei, sempre que seguirem Meus passos de pai e instrutor.

Eu os amo e os abençoo, sob a proteção do Espírito de Deus.

São José, servo compassivo de Deus

set

14

Segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Queridos companheiros e servos de Cristo,

Hoje quero ensinar-lhes algo que aprendi com Meu Filho Jesus, quando Ele era ainda criança.

Jesus foi descobrindo a essência do Plano de Deus para a humanidade aos cinco anos e era capaz de ver nos corações dos homens o Pensamento Perfeito de Deus para cada um deles. Era assim que o pequeno Jesus buscava ver em cada ser apenas a perfeição e, ainda que esse ser em nada se asseme­lhasse ao Pensamento de Deus para ele, Jesus apenas via o Pensamento Divino. E era tanto o amor que em Jesus nascia ao ver a Perfeição de Deus em cada criatura que esse amor, por si só, começava a expulsar dos corações dos homens aquilo que os separava do Criador.

A esse mistério quero convidá-los hoje, porque, ao longo dos séculos, a humanidade apenas respondeu aos estímulos capitais e muito pouco aos divinos, e foi assim que apenas cresceu no coração humano o costume de buscar no próximo sempre o pior, como forma de sentir-se melhor que os demais.

Por essa razão, os seres desconhecem o Amor de Deus por Suas criaturas, porque a consciência que apenas vislumbra as misé­rias de cada ser não pode compreender como Deus ama seres tão miseráveis e se pergunta de onde surgirá uma humanidade redimida, se todos ao redor estão perdidos em defeitos.

Hoje lhes digo que dentro de cada alma estão latentes a Perfeição de Deus e a possibilidade de viver e manifestar essa perfeição. Vocês devem aprender a buscar o que de mais mara­vilhoso expressa uma consciência, porque ali estão os Olhos de Deus.

Por essa possibilidade de unir-se aos Princípios do Criador é que Ele aspira, incessantemente, a que desta humanidade nas­ça o homem novo, capaz de transformar toda a Sua Criação.

Aprendam a desterrar do próprio interior a necessidade de observar e buscar os defeitos alheios, mas, ao contrário, alegrem- -se na manifestação de uma virtude no próximo e imitem-no nisso que ele expressa com perfeição.

Encontrem no atributo que cada ser manifesta a possibilidade do surgimento de uma Nova Raça e aspirem, de todo coração, a que cada um possa crescer em virtude. Ajudem-se uns aos outros para que amadureçam sob o espírito da fraternidade e do amor, e apaguem da própria consciência e da consciência humana o mal da competição permanente.

Se seguirem esses exemplos tão simples, pouco a pouco apren­derão tudo o que Cristo ensinou à Sagrada Família e poderão atrair o Espírito Crístico ao planeta.

Eu os amo e os abençoo sob Minha divina humildade, para que sejam preenchidos por esse bálsamo celestial e possam compreender e viver o que lhes digo.

Seu pai e companheiro,

São José, humilde e casto operário de Deus

set

13

Domingo, 13 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Para compreender a realidade planetária, é necessário que a alma, o espírito e os corpos materiais se disponham à transformação, porque a não compreensão verdadeira da realidade do mundo no qual vivem é um artifício da men­te e, às vezes, da alma, que não quer abandonar as coisas supérfluas e superficiais.

Queridos companheiros e servos de Cristo,

A impossibilidade que muitos sentem de responder à urgência dos tempos com uma consciência real da situação da huma­nidade é causada pela não adesão de certos aspectos do ser ao Propósito Divino.

Devem meditar de coração no que lhes digo e buscar aqueles espaços da consciência que ainda aspiram a viver a própria von­tade e insistem em responder aos estímulos da vida material, pelo prazer e pela comodidade que isso traz aos corpos.

Busquem um caminho de santidade verdadeira; sigam os exem­plos já deixados para o mundo por aqueles que hoje os guiam nos planos internos do planeta.

Peço-lhes que reflitam um pouco mais profundamente sobre si mesmos e que se encaminhem para uma definição em todos os aspectos da consciência.

Encontrem aqueles espaços obscuros do próprio ser que ainda necessitam se iluminar pelo espírito e, sem medo, angústias ou preocupações com o que encontrarão, apenas se encaminhem com maturidade à transformação.

Já sabem o que devem deixar de fazer. Se vocês estão em dúvida quanto aos passos que devem começar a dar, então não deem aqueles que sabem que os levarão por caminhos que não são os de Deus.

Saibam, queridos, que o Criador conta com muito poucos. Com maturidade, assumam a responsabilidade de fazer parte desses poucos que têm a possibilidade de responder a Deus e entreguem-se, sem demora, à Sua Divina Vontade, que é per­feita para cada um de vocês.

Com poucas palavras, digo-lhes o que necessitam escutar.

Que Minhas instruções se tornem vivas por meio de seus cora­ções, de suas almas e de seus espíritos.

Deixo-lhes minha bênção paternal. São José Castíssimo  

 

set

12

Sábado, 12 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

​São José hoje demorou a aparecer e, quando os portais começaram a se abrir no Céu, vi que Ele vinha de alguma parte do planeta. Vi um lugar destruído, um cenário de cor cinza, e São José apareceu com um jovem negro nos braços, desfalecido. Senti muita tristeza em Sua face. Durante um tempo, São José me mostrava que estava retirando muitas almas daquele lugar, que eu não sabia onde era. Até que começou a entregar-nos Sua mensagem diária:


Filhos de Deus e companheiros de Meu Casto Coração, hoje lhes digo que Meu Espírito de Amor recebeu do Pai a possibilidade de interceder por uma parte da humanidade.

Frente aos Altares Celestiais, depositei aos pés do Criador Meu Coração, como forma de oferecer-Lhe o que de mais puro existe em Minha Consciência, para assim equilibrar as impurezas da humanidade.

Como parte espiritual do coração humano, abro as portas do Reino de Deus para todos aqueles que seguirão Meus passos, na esperança de encontrar Cristo e fundir-se com Ele, em Seu Espírito Resplandecente.

Digo-lhes que, por suas orações, Minha oferta foi aceita pelo Altíssimo e estarei, nos próximos dias, ingressando em Espírito de Divindade aos continentes africano e asiático, para permanecer, no mundo interno do planeta, em vigília e oração pela Paz no mundo.

Peço-lhes que, com seus corações, Me acompanhem e jamais esqueçam que as dores e os sofrimentos que a humanidade causa a Deus são responsabilidade de todos os seres do mundo.

Ao orarem juntos com Maria Santíssima, ofereçam também a intercessão de Meu Casto Coração e, como humanidade, elevem um pedido de Misericórdia todos os dias. Todas as ofertas, por menores que sejam, serão aceitas, porque a urgência é infinita e a necessidade do planeta transcende a sua compreensão.

Apenas lhes peço que orem Comigo e permitam que Minha presença os faça compreender que já são tempos agudos da purificação do planeta.

Tomem consciência da vida superior, das necessidades espirituais, mais além das físicas. Saibam que tudo o que acontece no plano físico tem uma contraparte espiritual, ainda pior de ser curada.

Com a consciência no Plano de Resgate de Cristo, orem de coração, unam-se a Mim e ajudem-me a interceder pelo mundo.

Paz para todos os corações que sofrem. Perdão e redenção para os que se perderam de Deus.

São José Castíssimo

set

11

Sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Hoje lhes pedirei apenas que tentem, todos os dias, viver o Propósito Divino; que tentem ser mansos de coração, puros de intenção e verdadeiros em seu caminho.

Tentem, todos os dias, viver a fraternidade e o amor; reco­nhecer no próximo a presença de Deus e, assim, ser humildes diante de todos.

Peço-lhes que tentem pensar um pouco menos em si mesmos e a cada dia deixem de fazer algo que seja uma prioridade pes­soal, para servir ao próximo.

Tentem amar mais os Reinos da Natureza, observá-los, ainda que seja por um breve instante, todos os dias, deixando que a alma se inspire neles.

Peço-lhes que tentem orar de coração, conversar com Deus e, diante do Seu Altar Celestial, oferecer-Lhe o melhor que há no próprio interior, para equilibrar as faltas da humanidade.

Tentem encontrar nos mais perdidos um coração necessitado de paz.

Tentem dissolver o ódio de seus corações, assim como a ira e o rancor. Compreendam que todos erram por ignorância, e que o amor, o perdão e a reconciliação são capazes de curar coisas que vocês desconhecem completamente.

Tentem, todos os dias, esquecer o passado, não para que sejam indiferentes a tudo o que viveram nem para esquecer aqueles que os acompanharam em outros tempos. Esqueçam o passado para libertar o espírito, a fim de que vivam algo novo. Esquecer o passado é libertar a mente, as emoções e o coração de tudo o que passou. As aprendizagens e memórias permanecem na consciência, mas o espírito se liberta na certeza de que o real ainda aguarda o seu despertar.

Queridos companheiros, hoje lhes peço que tentem ser mais simples de coração. Tentem aceitar as correções da vida e imediatamente endireitar os seus caminhos, sem temor, sem rancor, mas com muita paz e gratidão por darem passos em suas vidas.

Peço-lhes que tentem amar mais a Criação de Deus, Seu Plano e a grandeza de Seu Propósito para este planeta. Tentem deixar-se permear pela Misericórdia e pelo Amor dos Mensageiros Divinos.

Se tentarem todos os dias viver um princípio superior, o Céu escutará os seus corações e, no primeiro passo que derem na direção correta, Deus Se encarregará de fazê-los chegar à Sua Divina Meta. O segredo está em nunca deixar de tentar e per­severar todos os dias, ainda que vocês caiam e se levantem inu­meráveis vezes.

Tentem, hoje, sentir Meu Casto Coração e fazer da bênção que lhes entrego todos os dias o impulso perfeito para sua elevação e transformação permanente.

Eu os amo e os abençoo sempre.

São José Castíssimo, na eterna tentativa de levar a humanidade ao Coração de Deus.

 

set

10

Quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Para que um coração aprenda a ser um instrumento da Humildade de Deus, o Senhor lhe permite viver a experiência de que necessita, ainda que ponha em risco um Projeto Seu.

Quando Pedro negou a Jesus por três vezes, o Senhor permi­tiu que ele cometesse esse erro e não o advertiu no momento em que o cometeria, porque Pedro necessitava aprender a ser humilde.

Sobre Pedro o Senhor aspirava construir uma grande fortale­za. Das palavras provenientes de sua boca surgiriam o dom do Espírito de Deus, a conversão e o despertar de muitas almas. Pedro deveria proclamar o Reino de Deus não apenas com palavras, mas com a própria existência, com o exemplo de sua vida, de sua conversão e transformação.

Se Pedro não houvesse negado a Jesus, jamais atrairia para si o dom da humildade e jamais descobriria a essência do Perdão de Cristo.

Cada aprendizado que Deus lhes envia tem uma finalidade espiritual superior.

Saibam que Deus aspira a fazer de muitos de vocês os “Pedros” deste tempo, construindo Sua Fortaleza naqueles que deverão levar adiante uma transformação verdadeira e uma união perfeita com o espírito crístico.

Aceitem com humildade as aprendizagens da vida e, ao per­ceberem um erro, observem o que Deus lhes ensina por meio dele e aprendam e cresçam de coração.

Eu os amo e os guio para que se manifeste a fortaleza interior de todos os seres.

São José Castíssimo, servo humilde de Deus

set

09

Quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​
 

Quando uma alma ora de coração, cria as condições para a aproximação do espírito. Quando ele está desperto, per­mite que leis superiores permeiem a matéria e conduzam os acontecimentos da vida de acordo com os princípios divinos e universais que respondem à Vontade de Deus.

É apenas quando um ser se abre à vida espiritual e desperta a fé no que não pode ver com seus olhos físicos que tudo aquilo que é uma realidade no cosmos pode fazer-se sentir em seu coração.

É quando a alma desperta que a personalidade sente a imperio­sa necessidade de descobrir o que está além da vida material. A alma é que faz com que a mente e as emoções não estejam conformes com a vida de superfície e, assim, dispõe os corpos tridimensionais a uma busca superior.

Enquanto vocês aprendem e crescem em espírito, a alma luta constantemente com os aspectos humanos que ainda estão muito arraigados nas tendências da vida material planetária. É por este motivo que, ao mesmo tempo em que aspiram a se lançarem no abismo da Vontade Divina e se entregarem ao mis­tério que é viver sob essa Vontade, outra parte do ser duvida da existência desse abismo, dessa possibilidade de viver a Vontade de Deus e, segundo as próprias resistências, vocês podem duvi­dar até mesmo da Existência Divina.

É quando o espírito se aproxima da matéria que a alma se for­talece e suas convicções passam a ser a verdade que rege a vida. As dúvidas e os questionamentos não deixarão de existir, por­que, enquanto vocês estiverem no mundo, sempre haverá um aspecto para purificar; aspecto que não quer se sacrificar e que prefere manter-se na vida comum de gratificações e prazeres mundanos. Mas será como um adulto que vive como uma criança a reclamar, às vezes mais, às vezes menos, demandando atenção para se fazer a sua vontade.

Por que lhes digo isso?

Porque necessitam deixar de dar tanta atenção à criança dentro de vocês, que não quer crescer; devem passar a agir com a consciência do espírito, com o adulto espiritual que compreende a realidade planetária e que está disposto a viver segundo os desígnios superiores, não importando as circunstâncias.

Muitas crianças internas estão disfarçadas de grandes heróis, porque estão totalmente dispostas a mudar o mundo, sem­pre quando protagonizarem grandes papéis no final dos tem­pos. No entanto, quando se fala em se transformar através das pequenas coisas da vida, elas já não dão tanta importância e pensam, por exemplo: “Para que aceitar humilhações, viver em obediência, silêncio e sacrifício, quando posso realizar um grande serviço na África?”

Saibam, Meus queridos, que falo aos seus corações. Mas hoje falo, sobretudo às suas consciências, porque já chegou o tempo de compreender que a única saída para que a humanidade não seja um projeto morto na memória da Criação é que cada um assuma a própria transformação e viva em si os Princípios de Deus, depositando na consciência humana os códigos de uma raça redimida.

Se não redescobrirem a vida do espírito e não se deixarem transformar pelo poder da oração, jamais descobrirão que a salvação e a redenção das almas do mundo inteiro dependem de cada um.

Novamente lhes digo que permitam que a prioridade de suas vidas seja a oração pelo planeta, o serviço e o amor que a tudo transforma.

Eu os amo e os guio nos pequenos detalhes, para que suas cons­ciências despertem à vida superior.

Orem e transformem-se. Imitem Cristo todos os dias; sigam Seus Passos. O mundo necessita que seja assim.

Seu amado pai e companheiro,

São José

set

08

Terça-feira, 8 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Filhos do Deus Altíssimo,

A agonia do mundo não terminou, e o Coração de Cristo segue sendo flagelado todos os dias pelas ações injustas da humanidade.

Abram os olhos e vejam ao seu redor que o Apocalipse se pre­cipita no mundo. Transformem suas vidas, vivam do bálsamo da oração e deem de beber desta água de vida, que é a união com Deus, às almas sedentas e desamparadas.

Que a humanidade escute o chamado definitivo dos Mensageiros de Deus! Que todos aqueles que se consideram despertos e conscientes caminhem a passos largos em sua transformação.

Não percam mais tempo com as mesquinharias da vida! Reconciliem-se com aqueles que não lhes permitem viver no espírito da paz. Amem os seus inimigos e que estes não existam mais entre irmãos de uma mesma raça, unidos por um único Propósito Divino.

Percebam que vocês já estão transitando pelos últimos tempos do planeta e que não é mais hora de pensar em si mesmos, de concretizar planos nem aspirações pessoais.

De que lhes valerá construir um projeto de uma vida material se aqueles que não se sustentarem na fortaleza do espírito desa­parecerão em meio à tormenta do caos e do mal?

Queridos companheiros, falo-lhes com palavras claras, porque nações inteiras estão se perdendo pelo avanço da escuridão. Onde estão os soldados de Deus? O que estão fazendo os que se comprometeram com Cristo?

Não é mais hora de emoções nem de meia-entrega. Orem com o coração, com o espírito e vivam como verdadeiros discípulos de Cristo. Demonstrem ao mundo que há uma única saída para esta tribulação em que vive o planeta, e essa saída é o Coração Infinito de Deus.

Vocês foram trazidos até aqui, até este mundo, para viverem o amor e o perdão; então, vivam-no.

Meu coração de pai os adverte, porque, no Céu, o Criador aguarda a resposta dos seres humanos para dar novas indicações do desenvolvimento de Seus Planos.

Não permitam que o tesouro mais precioso do universo se perca. Vocês ainda estão em tempo de corrigir os erros de suas vidas, mas sejam rápidos e prontos em responder ao chamado dos Mensageiros de Deus.

Oração, conversão e fé é tudo de que o mundo necessita.

São José Castíssimo, na condução das almas para os tempos de definição e entrega.  

set

07

Segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Glória eterna ao Deus das Alturas e paz aos corações que perseveram na busca do Misericordioso Coração de Cristo.

Queridos companheiros,

Agradeço-lhes em nome de Deus, Supremo Pai de toda a Criação, por estarem respondendo ao pedido de oração de Sua santa Serva, a Virgem Maria. Suas preces estão sendo escutadas no Reino dos Céus, e muitas almas estão sendo retiradas dos abismos e infernos deste mundo.

Peço-lhes, com Meu Casto Coração de Amor, que sigam oran­do pelo mundo e não detenham o poder de salvação que está sendo gerado a partir de seus corações.

Peço-lhes que deem prioridade a esta urgente necessidade planetária e lembrem-se, em todos os instantes de suas vidas, das almas que estão morrendo esquecidas pelo mundo, como algo normal. Meu Casto Coração hoje vem para lhes dizer que não permitam que as atrocidades mundiais se tornem comuns ao coração humano.

Não associem o Oriente Médio às guerras nem aos conflitos permanentes ou à morte, ao suicídio nem aos massacres, porque aquela terra deve ser reconhecida como o solo sagrado no qual viveu a Família de Cristo e onde o Seu Misericordioso Coração de Amor aprendeu a servir a Deus e ao próximo.

O adversário do Projeto de Deus está tentando apagar da memória da humanidade e, sobretudo do Oriente Médio, os códigos deixados por Cristo, por Sua Família e por Seus após­tolos e discípulos. Mas o inimigo desconhece, Meus queridos, que esses códigos de amor são inextinguíveis e que sempre se acenderão ante um coração puro que os invoque pela redenção do mundo.

O Sangue de Cristo não se derramou sobre aquele solo por acaso, e todo o sangue que hoje se derrama ali deve ser conver­tido pelas orações de todos os pacificadores do mundo inteiro.

Jamais esqueçam as almas que se perdem dia a dia no mundo inteiro e, sobretudo, na África e no Oriente Médio. Orem sem cessar e ofereçam as suas dificuldades por aqueles que não têm uma oportunidade de trilhar um caminho espiritual.

Vivam, todos os dias, no espírito da gratidão por tudo o que o Deus Criador lhes entrega, para que possam cumprir o Seu Plano e ser uma ponte de salvação para os corações perdidos.

Despertem e caminhem depressa para a união com Cristo. A salvação deste mundo começa com as pequenas transforma­ções de suas vidas.

Saibam que suas almas e seus espíritos são sagrados diante dos Olhos de Deus, porque guardam em si um potencial único para imitar o Seu Filho.

Eu os amo e os aguardo em oração e em vigília, em transfor­mação, esforço e sacrifício, todos os dias.

São José, vigia e guardião do santo Plano de Deus  

 

set

06

Domingo, 6 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS​

Caminha com pés descalços, simbolizando o despojamento de resultados e a entrega de todas as metas em teus caminhos.

Une-te ao Propósito de Deus e a Seu Plano de Resgate e deixa que de tudo o mais o Criador Se encarregue.

Sê tu proclamador da Misericórdia de Cristo em todos os teus atos, pensamentos e palavras, sentimentos e aspirações. Jamais percas de vista o Manancial da Misericórdia e sê misericordioso, como bom e verdadeiro discípulo de teu Senhor.

Não deixes que as demandas do dia a dia te impeçam de servir aos demais. Não deixes que tua pressa feche os teus olhos aos que tens ao lado e não te permitas ignorar os Reinos da Natureza pedindo o teu auxílio.

Vive com atenção e vigia teus passos, buscando, em cada segundo, onde te espera o Senhor e qual é a necessidade d’Ele que suprirás.

Permite-te ser servo do Deus que habita em todos os seres e em todos os Reinos da Natureza e não proclames Sua Presença apenas com palavras, mas, sobretudo, com o exemplo puro de tuas ações.

Busca compreender o próximo e vive sob a Lei do Amor ou, pelo menos, tenta vivê-la todos os dias.

O mundo está colapsando com uma humanidade que não sabe amar, apesar de ter uma oportunidade única, em todo o uni­verso, de aprender sobre o amor. Sê tu aquele que impulsiona o passo desta raça. Não esperes a transformação alheia, mas apenas lembra-te, todos os dias, de que a transformação dos que tens ao teu redor provém de ti.

Sê aquilo que buscas nos demais e, antes de cobrar algo do próximo, cobra primeiro de ti e entrega ao outro um amoroso e silencioso exemplo de vida.

Une-te todos os dias aos que são verdadeiros de coração. Ora por este mundo e transforma-te também por ele, porque o Projeto de Deus necessita cumprir-se em ti e em todo o planeta.

Hoje peço que te unas a todos os cristãos que, sinceros de cora­ção, aspiram a encontrar a paz. Ore e jejue como puderes no dia de amanhã, respondendo ao Chamado de Deus na voz do Papa Francisco.

Sê verdadeiro em tuas orações e busca orar, não com emoção, mas, sim, com espírito e coração. Sente, no profundo do ser, a dor de Deus por tudo o que acontece no mundo e deixa-te impulsionar a uma transformação verdadeira.

A paz se expande no planeta por meio dos corações pacíficos que a podem vivenciar.

Que todos os corações do mundo se unam para proclamar a paz.

São José, pacificador e humilde servo do Deus Altíssimo  

 

set

05

Sábado, 5 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Queridos companheiros,

Hoje lhes quero dizer que, à medida que as consciências se dispõem a viver graus mais amplos de maturidade espiritual, Deus lhes dá a conhecer verdades mundiais que transcendem as barbaridades físicas que vivem os homens no mundo.

O grande pesar de Deus é o sofrimento das almas que morrem dia a dia submersas na incompreensão e, assim, não conseguem sair dos estados de consciência que são os infernos criados pelo caos e pelo mal.

Vocês estão sendo chamados, neste momento, a ser verdadeiros companheiros de Deus e de Seu Filho e, dessa forma, comparti­lhar com Ele Suas dores e a não permanecer nas mesquinharias do dia a dia de suas vidas.

Deus os chama à maturidade e, quando Seu Filho os leva a conhecer a Sua constante agonia, causada pelo mundo, é para que caminhem rápido ao esquecimento de si e reconheçam que existe um Plano Superior, cuja manifestação depende do despertar e do amadurecimento dos que se comprometeram com o Criador no princípio.

Este momento que vocês vivem está assinalando a hora de saí­rem de si e assumirem a tarefa planetária que lhes corresponde como grupo.

O Senhor está dando a conhecer realidades que muitos não estão preparados para enfrentar, porque o mal se precipi­ta no mundo e avança cada vez mais, fazendo com que as almas percam a fé e a esperança e que as essências se apaguem completamente.

Uma essência que se apaga e se desintegra, Meus amados, é como uma parte de Deus que deixa de existir. Lembrem que cada essência por Ele criada é uma parte viva de Sua Divina Consciência, enviada à Criação manifestada para cumprir uma missão.

Peço-lhes agora que aceitem esta oferta que lhes foi entre­gue como uma graça de servir a Deus conscientemente e que não se percam mais nos problemas corriqueiros de suas vidas, mas, sim, que se deixem transformar e se moldar pelo raio da divina humildade e se unam em oração ao Pai pela salvação do planeta.

Cada passo que vocês dão em direção à Luz é um passo de toda a humanidade rumo a um novo tempo.

Amadureçam de coração e em consciência, pois não há mais tempo a perder consigo mesmos.

Eu os amo e os conduzo a um novo ciclo planetário.

São José, eterno servo de Deus

set

04

Sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Santifiquem suas vidas, adorando ao Deus Vivo que habita em tudo o que foi criado.

Na essência do ato de adorar, puramente interior, encontrarão o verdadeiro sentido do serviço e da caridade, que é a busca da unidade com o Deus existente em todas as coisas.

Em um passado longínquo, os seres humanos reconheciam o sagrado como algo mais natural e podiam senti-lo como parte de suas vidas. Hoje em dia, ensiná-los a reverenciar e a adorar a Deus, internamente, é como oferecer-lhes um grande desafio.

Em Jerusalém, assim como em todo o Oriente, muitos passa­ram a vida inteira buscando o Salvador e esperando o Messias, acreditando que viviam e respiravam apenas para encontrá-Lo.

Quando, porém, estiveram diante d’Ele, não O aceitaram e negaram a Humildade de Deus, que era o símbolo puríssimo de Sua manifestação entre os homens.

Não corram o risco de viver o mesmo que a humanidade de tempos atrás viveu. Ela acreditava que buscava Deus e que vivia para Ele e, no entanto, nunca acreditou na veracidade de sua busca e menos ainda de sua meta. Recebia o ensinamento como algo sagrado, mas apenas para manter-se na teoria e organizar a vida social e eticamente, de forma que pudesse viver com um pouco mais de paz em tempos de tantas guerras, conflitos e busca incessante de poder.

Que as palavras dos Mensageiros Divinos, hoje sagradas para muitos, não sejam apenas belas teorias, mas que os tornem mais pacíficos diante da comum sociedade em que vivem.

Desterrem do seu interior a dúvida oculta sobre a veracidade do ensinamento e não permitam que o inconsciente da huma­nidade os faça acreditar que Cristo nunca retornará, porque, se refletirem e buscarem no profundo da inconsciência, encontra­rão em vocês muitos aspectos que negam a existência de Deus e de Seu Plano, assim como o retorno de Seu Filho. Esses são resquícios de uma humanidade degenerada que, há mais de 2.000 anos, não acreditou na encarnação do Messias.

Abram os olhos e purifiquem-se. Caminhem verdadeiramente à transformação, para que assim não sejam surpreendidos por si mesmos em um futuro próximo.

Eu os amo e os conduzo à transparência interior, para que conheçam a si mesmos e desterrem o velho ser.

São José Castíssimo, fiel guardião do retorno de Cristo

 

set

03

Quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Se observares o universo, verás uma infinidade de estrelas, sentirás a grandeza de Deus e de Sua Criação, aspirarás a mergulhar no Todo, que se expressa diante de teus olhos. Contempla o céu estrelado e reconhece a Presença de Deus em uma dimensão que, ao mesmo tempo em que parece tão distante, permeia tudo o que foi criado.

Se não podes encontrar a vida do espírito no invisível do pró­prio mundo interior, contempla então o céu estrelado e sentirás a presença dos que são Bem-Aventurados, que te observam e aguardam o teu despertar.

Se tua alma não consegue aspirar a nada superior à vida mate­rial, volta então teus olhos físicos para cima, contempla o azul do céu em um dia de sol e sente que por detrás desse azul está Deus, aguardando ser a tua aspiração mais pura e verdadeira.

Busca, na beleza que há sobre o teu ser, a grandeza de Deus e encontrarás a verdade do espírito em teu interior.

Se te parece muito distante alcançar uma descoberta espiri­tual apenas com o coração, então descobre no lado oculto dos Reinos da Natureza as mesmas verdades que buscas no silêncio de teu mundo interior.

Toda a Criação está permeada pelos mesmos princípios divinos. Alguns descobrirão a magnitude do Espírito de Deus no silêncio do coração; outros O encontrarão contemplan­do o céu azul; outros O buscarão na expressão dos Reinos da Natureza; outros, no exemplo puro de um irmão que é verda­deiro em seu caminhar. O Criador está em tudo, e aquele que O busca, segundo suas possibilidades e de uma forma cristalina, O encontrará.

Os mistérios apenas são mistérios para aqueles que não querem desvendá-los, porque o mesmo princípio que cria e recria a vida no universo é o que anima os seres do mundo. Deus está em todas as coisas. Busca e une-te a Ele. Torna sagrada a vida, por meio da busca permanente do Criador de tudo.

Esta é Minha mensagem para hoje. A busca de Deus dignifica o coração humano e dá um sentido para a sua existência, que é o retorno à Origem.

Seu amado pai e guia,

São José

 

set

02

Quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Ingresse na plenitude de Deus existente em seu coração e jamais perca a esperança de alcançar o Seu propósito.

Quando estive sobre a Terra como José de Nazaré, o caos de Minha época e a ignorância dos que Me rodeavam Me leva­vam a buscar ainda mais assiduamente o Espírito Divino. Compreendi, em Minha busca, que Eu deveria ser o motor para a elevação e a transformação de todos os que conviviam Comigo.

Era a própria fé que habitava em Meu interior que, por si só, tocava os corações dos homens e os fazia perguntar interna­mente qual era o mistério que se vivia naquela Família e se não era Deus mesmo que estava em pessoa entre Eles.

Saibam que Deus mesmo está entre vocês, e que devem anun­ciar essa graça no silêncio da transformação e na vivência dos atributos sagrados que o Senhor infundiu em suas consciências.

Que todas as almas que se aproximarem de seus seres sejam impulsionadas a buscar o Divino e, ainda que não saibam bem o foco dessa busca, sintam que ela as conduz ao Alto, ao Universo, ao Infindável.

Vocês vivem hoje, como grupo, uma das maiores graças já entre­gues à humanidade.

O espírito do Amor deve fazer-se carne em cada um dos que acompanham os Mensageiros Divinos e, dessa forma, esse Amor irá se expandir por toda a humanidade.

Cada passo que derem ao longo dos dias vocês devem ofertar a Deus, conscientes de que muitas essências dependem deste despertar e deste caminho evolutivo que estão trilhando.

Bebam da Fonte das Palavras Divinas de Cristo e preencham seus seres da certeza de que Ele é quem as pronuncia. Deixem-se moldar e amadurecer pelos impulsos espirituais de Maria e consagrem, pouco a pouco, toda a consciência ao Divino. Mergulhem na simplicidade de Minhas palavras e façam delas um manual para a vida sobre a Terra.

Sejam simples de coração e nunca se cansem de buscar o espí­rito da simplicidade. É apenas dessa forma que cruzarão os Portais Celestiais com a humildade de uma criança.

Não percam a fé e confiem na imprevisibilidade do coração humano. Busquem o potencial que desconhecem de si mesmos e, em oração e reflexão, desvendem os mistérios do próprio mundo interior.

Deixo-lhes Minha paz.

São José, seu pai e guardião para estes tempos 

set

01

Terça-feira, 1 de setembro de 2015

Mensagens diárias
MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Fui criado em espírito de humildade no Reino dos Céus, tendo esse atributo como primordial para a história que escreveria no mundo. Assim como trago esse atributo divino, cada alma e cada essência traz em seu interior um atributo para manifestar.

Minha criação não foi diferente da de vocês; apenas tive a missão de ser um exemplo para a humanidade e, ao longo de Minha existência no mundo, fui ajudado nisso.

Desde criança, sabia que algo dentro de Mim não podia viver a mesma vida que vislumbravam Meus irmãos. Essa busca pelo propósito que o Criador tinha para Mim, muitas vezes Me fez afastar do mundo e mesmo dos que Eu amava.

Vivi muitos momentos de solidão, tentando encontrar o senti­do da vida e, quando o encontrei na união com Deus, descobri que em Minha solidão se encontravam todos aqueles que Eu amava.

Apesar de não ter sido compreendido por muitos, sustentei-Me na fé e na confiança de que aquela vida era vivida pelo bem e pela evolução de todos os que estavam ao Meu redor e que, sem saber exatamente como, o que Eu vivia os estava ajudando.

Eu tinha doze anos quando fui buscar no silêncio o que Deus tinha para Mim e que não encontrava na vida cotidiana que levava junto a Meus irmãos. Em silêncio e oração, comecei a crescer em espírito e a descobrir que a maturidade não estava na idade que Eu tinha e que, apesar de ser tão pequeno, encon­trava no espírito todas as compreensões de que necessitava para crescer.

Foi assim que consagrei a existência a Deus. Ele Me escutou e aceitou Minha oferta, mostrando-Me o plano que tinha para Mim nesta e em outras vidas. Naquele momento, Eu ain­da não sabia da magnitude da missão que Me esperava e foi apenas diante de Jesus Menino que pude compreender e supe­rar provas maiores.

Conto-lhes tudo isso porque Deus também veio ao encontro de vocês, colocou-os diante de todos os absurdos deste mundo e os impulsionou a buscar um sentido verdadeiro para a vida. Levou-os ao caminho da consagração da alma; alguns, do espí­rito, e outros, de todos os aspectos do ser.

Por meio de Seu Espírito Trino, revelou-lhes uma missão: pre­parar o retorno de Cristo e tornarem-se um exemplo para as almas que não terão um rumo nestes tempos de tanta confusão.

Se mergulharem no próprio mundo interior, encontrarão toda a maturidade do espírito e crescerão rapidamente, muito além dos corpos materiais. Compreenderão o que é incompreensível para a mente humana que não está unida ao espírito e, ainda que não saibam realizar grandes teses e científicas explicações sobre o que vivem, saberão de Deus e O viverão. Manifestarão o Seu Propósito e passarão por muitas provas, até cumprirem a missão primordial encomendada por Ele.

Mas, diante do Cristo Vivo, todos os pesares se tornarão peque­nos e passageiros. Não haverá sofrimento ou tribulação que não seja recompensado diante da grandeza de Seu Amor e da Glória de Seu Espírito Resplandecente.

É por isso que venho ao mundo: para ensiná-los a repetir o que vivi como José de Nazaré; para que compreendam que a essência da trajetória humana é a mesma e que, com a mesma naturalidade com que os erros se repetem tantas vezes, a gló­ria também se repete, a santidade se repete, o nascimento e o retorno de Cristo vão se repetir. Assim como ressuscitou em Espírito e abriu os Céus à Sua Ascensão, Ele retornará e abrirá os Céus para pousar Seus Pés no solo deste mundo.

Eu os abençoo e os guio no cumprimento da missão espiritual do coração humano.

São José, servo confiante e fiel de Deus  

 

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos