MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO BALNEÁRIO EL CÓNDOR, RÍO NEGRO, ARGENTINA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Ora não apenas em um momento de urgência e de agonia; ora por uma nova vida, ora pelo despertar de teu coração e de tua consciência para um novo tempo, para uma realidade superior.

Ora por todas as nações, ora pelos continentes e pelos mares, porque chegou o momento da grande provação da Terra e a humanidade não pode estar indiferente diante do que acontece no planeta.

Ora para trazer a paz, ora para saber discernir e para que a sabedoria permeie o teu espírito, mente e coração, retirando de tua consciência as potestades do medo e da insegurança.

Encontra teu refúgio em Deus, filho, contemplando a grandeza de Seu Plano para os corações dos homens, e ora para que este Plano, que é perfeito, desça sobre a Terra e sobre a consciência humana.

Ora para que os corações conheçam o amor e que seja o próprio amor que os impulsione à unidade e à transformação. Ora para que haja paz e se dissipe a ignorância dos homens. Ora também pelos que despertarão tarde e precisarão de uma oportunidade para viver a própria redenção.

Ora para que nos corações dos homens sempre haja piedade e humildade, para que saibam perdoar e reconciliar-se com o próximo e com Deus.

Ora sem cessar e sem cansaço; ora porque esta é a ferramenta para estes tempos, que abre as portas para que desça sobre ti e sobre o mundo todas as virtudes que sustentarão a Terra.

Ora e não te canses de orar.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA SAGRADA CASA DE MARIA, MÃE PAULISTA, SÃO PAULO, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Ora, filho, ora todos os instantes de tua vida, pedindo que esteja viva em ti a presença do Espírito de Deus. Que esse Santo Espírito permeie teu ser, tua mente, tua alma e teu coração, ingresse em teus sentimentos e atue no mundo através de tuas ações.

São tempos de confusões e de conflitos, dentro e fora dos seres, e o inimigo muito invisivelmente ingressa na vida das pessoas e toma os seus corações, mesmo quando elas acreditam que estão no caminho do bem e que não fazem mais do que seguir na vida segundo dita o seu coração.

O inimigo vive nos corações de muitos homens que semeiam a discórdia por desfrutar do mal e que, ignorando a voz de suas almas e o clamor de seus anjos da guarda, adentram cada dia mais profundamente nos abismos deste mundo.

Ora pelos que se equivocam e só atraem para si mesmos a Justiça e o desespero.

Ora pelos que se arrependerão tarde de seus erros, por terem ignorado o Plano de Deus, Sua Obra e Sua Vontade, acreditando que tudo isso era plano, obra e vontade dos homens.

Ora pelos que ignoram a Lei da Hierarquia, pelos incrédulos e ímpios, que julgam humanas as ações de Deus nos homens, porque esses não poderão receber mais do que a Justiça Divina, já que não aceitaram Sua Misericórdia.

Ora pelos que sofrem por não conseguirem ser humildes e que preferem construir obras humanas a reconhecer suas faltas e deixar-se corrigir no caminho de Deus.

Roga ao Espírito Santo para que atue em teu coração e viva em ti, para que perseveres na Vontade do Pai e não julgues o cumprimento de Seu Plano com base nas ações e definições humanas.

Ora, filho, porque o mundo agoniza, as nações estremecem, os corações dos homens estão confundidos. Apenas em Deus haverá paz, apenas em Seu Espírito haverá discernimento, apenas em Seu Coração haverá verdadeiro Amor.

Teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO ÔNIBUS ÁGUIA DE LUZ, DURANTE A VIAGEM DE FLORIANÓPOLIS ATÉ PORTO ALEGRE, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Se vocês forem pacíficos em suas vidas e em tudo buscarem a harmonia e a unidade, poderão perceber a união dos tempos e o que isso causa na consciência da humanidade.

Se entrarem em oração todos os dias, buscando sentir verdadeiramente o que acontece na vida espiritual do planeta, poderão perceber que os conflitos e as guerras que hoje acontecem no mundo não são como os que aconteceram em tempos anteriores.

Assim como o bem que permeia os corações neste tempo os santifica e os plenifica de forma a levá-los à cristificação, o mal que vive hoje em alguns seres humanos é destrutivo até mesmo para as essências e os espíritos dos seres. Tudo está se intensificando, tudo está crescendo em proporções desenfre, tanto para o bem quanto para o mal, e isso o coração que ora pode sentir e viver. Digo-lhes isso, queridos, porque devem aprender a lidar com as situações que se apresentam no mundo atualmente.

O tempo real do universo está começando a se unir ao tempo da Terra, e a consciência humana também começará a sentir o seu verdadeiro potencial criador, tanto positivo quanto negativo. O pensamento e o verbo terão mais poder do que nunca; por isso, pedimos-lhes que orem, orem sem cessar para equilibrar e contrapor as orações às ideias malignas que, de planos infernais, tentam plasmar-se nas mentes dos seres humanos e manifestar-se na vida da Terra.

Vocês não devem jamais temer, porque a maior ferramenta do ser humano é o coração, e não a mente. Não haverá pensamento maligno que não seja destruído e apagado pela oração sincera e plena de um coração que responde ao Chamado de Deus. É apenas necessário que orem, orem de verdade, com amor, com consciência, preenchendo o verbo com a intenção de que a Vontade de Deus se plasme na consciência planetária.

Quando o tempo de Deus se aproxima da Terra, os seus espíritos também se aproximam e suas almas são plenificadas pelos impulsos do verdadeiro ser. Por isso, ao entrar em oração, busquem o que vocês são de verdade. Entrem em contato com a própria essência por intermédio do silêncio e da paz e recebam dali tudo de que necessitam para viver os dias atuais em união com Deus e com Seu Plano.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Orem com o coração pela paz no planeta e façam deste Centro Mariano(1) um grande espelho de luz que irradie a redenção, o amor, a fé e a paz para aqueles de seus irmãos que estão no mundo e que não conhecem o poder de Deus.

Orem pelos que estão no último momento de suas vidas e que estão deixando este mundo na ignorância, no abandono e na tristeza de suas almas, por não terem cumprido com sua missão nem sequer conhecido a existência dela.

Orem hoje pelos que estão presos às ilusões do mundo, os que têm tudo materialmente e, no entanto, estão vazios de Deus.

Orem para que a humanidade compreenda que o maior tesouro é o que se encontra quando os seres dão tudo de si por amor ao próximo e por amor aos Reinos da Natureza, porque, vazios de si mesmos, serão preenchidos pelo Espírito de Deus.

Orem pelos pobres e famintos, para que compreendam a pobre­za como uma oportunidade de encontrar a simplicidade. Mas orem também pelos desequilíbrios do mundo, porque os ricos e fartos em tudo devem aprender que tudo lhes foi dado por Deus para que compartilhassem com o próximo.

Orem para que os jovens do mundo despertem à vida superior, para que encontrem o caminho da união com o Espírito de Deus e que, assim, revertam o futuro do planeta e possam ser construtores da Nova Terra redimida.  

Orem pelos Reinos da Natureza, para que os espíritos de cada espécie, que já estão cansados de sustentar o mundo, possam cumprir com sua missão até o final e, assim, também coloquem na experiência do planeta o aprendizado de perpétua doação.

Orem, mas também sirvam. Doem seu verbo, mas também suas mãos e o suor de seus rostos.

Peçam pelos Reinos, mas também cuidem dos que vocês têm ao lado e dos que chegam a suas vidas pedindo auxílio.

Sejam simples e alegres em tudo. Sejam conscientes neste mundo, que está cego. Irradiem luz para os olhos dos homens com seus exemplos. E, em vez de seguir as correntes de ilusão do planeta, sejam como uma barca que vai contra essa corrente, levando as almas ao novo, à redenção, atraindo, com suas redes ao mar, os seres que querem sair da vida retrógrada.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Queridos companheiros em Cristo,

Quero trazer-lhes, a cada dia, mais do que palavras, porque tenho a possibilidade de levá-los a viver o que verdadeiramente são, não apenas como indivíduos, mas também como humanidade.

Por isso insisto, repetidas vezes, que em cada momento de suas vidas ofereçam tudo o que fazem pela consciência humana, sobretudo por todos aqueles que não conhecem a Deus e que, independentemente da classe social e da situação física, vivem na ignorância e na plena ilusão.

Meus amados, quando estive neste mundo como José de Nazaré, em tudo o que Eu fazia em Meu trabalho, no descanso ou nas liturgias diárias, a oração era sempre o que movia Meu Casto Coração e, assim orando, oferecia tudo pelos demais irmãos do mundo.

Eu trabalhava pelos que não o faziam; repousava pelos que não podiam repousar; era verdadeiro e simples pelos que não podiam sê-lo. E assim era com tudo. Então, fui descobrindo como amar as imperfeições dos homens. Dessa forma, enquanto trabalhava por alguém que não o fazia, comecei a compreender porque aqueles que não trabalhavam estavam nessa situação e, em Minhas intenções, oferecia sempre a Deus as dificuldades de Meus irmãos.

Vendo a pureza de Seu servo, que não orava para si, mas para que o reinado de Deus se expandisse pelo mundo, o Senhor começou a mostrar, aos olhos do Meu Coração, diferentes situações do planeta em lugares que, em vida, Eu não havia conhecido, mas sabia da realidade de tudo o que via.

Deus Me deu a Graça de servir mais profundamente e de ter a certeza de que, a cada instante de Minha vida, Ele poderia interceder por alguma alma. Dessa forma, fui aprendendo a arte de interceder perante Deus pelas almas e pelos seres da natureza, que nunca eram esquecidos por Meu Coração Castíssimo.

Hoje lhes digo que o segredo para ser um intercessor diante de Deus é jamais perder a pureza de intenção e não crer que se é coisa alguma, mas apenas um servo de Deus. Onde houver orgulho por alguma obra ofertada a Deus, essa obra já não alcançará o Céu.

Muitos creem que intercedem pelas almas quando, na verdade, estão perdendo um precioso tempo de orar com o coração para alimentar o próprio orgulho e a vaidade.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando os céus se abrem para a humanidade a cada novo dia, uma esperança se acende no interior das criaturas.

Sempre que vocês oram com o coração e ativam o potencial de amor que se esconde em seu interior – em meio a todo o sofrimento que a maior parte da humanidade causa ao Coração de Deus – o Senhor recebe uma alegria, um doce alívio para a Sua eterna dor, porque a própria humanidade começa a equilibrar o peso gerado pelo caos do mundo.

Se soubessem quão importante é para a manifestação dos Planos de Deus que vocês orassem todos os meses na Maratona da Divina Misericórdia, contariam os dias e os segundos de cada dia para chegar até este sagrado momento.

A Maratona da Divina Misericórdia é o verdadeiro ato de redenção e de conversão para todos os que oram de coração. Quando vocês clamam por Misericórdia, estão despertando suas células e átomos à vivência do amor; estão ensinando à própria consciência que o mais importante neste momento é transcender os próprios limites, por amor àqueles de seus irmãos que sofrem e que não têm a possibilidade de clamar a Deus, a não ser no silêncio de seu dolorido coração.

Quando orarem e cantarem, lembrem-se de elevar o verbo com devoção por aqueles que têm a fé sufocada pelo terror do mundo. Cantem em unidade uns com os outros e todos com Deus e com Cristo, porque, ao fazerem isso, vocês criam uma fortaleza inquebrantável nas próprias consciências e depositam esse código na consciência humana. É dessa forma que aqueles de seus irmãos que hoje estão muito distantes e não conhecem nada mais do que a solidão e o desespero poderão vislumbrar – ainda que seja no espírito – a esperança de um dia viverem a fraternidade, a unidade e o amor.

Façam de suas vidas verdadeiras Maratonas da Divina Misericórdia, nas quais cada oração pronunciada abre um manancial infinito de Misericórdia para a salvação das almas. Vivam todos os dias essa manifestação da unidade e da fraternidade que floresce nos corações ao se unirem por um único propósi­to: aliviar o planeta e trazer um pouco de paz para o mundo.

Assim como vocês se sentem nas Maratonas da Divina Misericórdia, assim quisera Eu vê-los todos os dias. Dessa forma, compreenderiam e viveriam amplamente o Plano Sagrado de Deus.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando uma alma ora de coração, cria as condições para a aproximação do espírito. Quando ele está desperto, permite que leis superiores permeiem a matéria e conduzam os acontecimentos da vida de acordo com os princípios divinos e universais que respondem à Vontade de Deus.

É apenas quando um ser se abre à vida espiritual e desperta a fé no que não pode ver com seus olhos físicos que tudo aquilo que é uma realidade no cosmos pode fazer-se sentir em seu coração.

É quando a alma desperta que a personalidade sente a imperiosa necessidade de descobrir o que está além da vida material. A alma é que faz com que a mente e as emoções não estejam conformes com a vida de superfície e, assim, dispõe os corpos tridimensionais a uma busca superior.

Enquanto vocês aprendem e crescem em espírito, a alma luta constantemente com os aspectos humanos que ainda estão muito arraigados nas tendências da vida material planetária. É por este motivo que, ao mesmo tempo em que aspiram a se lançarem no abismo da Vontade Divina e se entregarem ao mistério que é viver sob essa Vontade, outra parte do ser duvida da existência desse abismo, dessa possibilidade de viver a Vontade de Deus e, segundo as próprias resistências, vocês podem duvidar até mesmo da Existência Divina.

É quando o espírito se aproxima da matéria que a alma se fortalece e suas convicções passam a ser a verdade que rege a vida. As dúvidas e os questionamentos não deixarão de existir, porque, enquanto vocês estiverem no mundo, sempre haverá um aspecto para purificar; aspecto que não quer se sacrificar e que prefere manter-se na vida comum de gratificações e prazeres mundanos. Mas será como um adulto que vive como uma criança a reclamar, às vezes mais, às vezes menos, demandando atenção para se fazer a sua vontade.

Por que lhes digo isso?

Porque necessitam deixar de dar tanta atenção à criança dentro de vocês, que não quer crescer; devem passar a agir com a consciência do espírito, com o adulto espiritual que compreende a realidade planetária e que está disposto a viver segundo os desígnios superiores, não importando as circunstâncias.

Páginas

Quem somos?

Associação Maria
Fundada em dezembro de 2012, a pedido da Virgem Maria, a Associação Maria, Mãe da Divina Concepção é uma associação religiosa, sem vínculos com nenhuma religião instituída, de caráter filosófico-espiritual, ecumênico, humanitário, beneficente, cultural, que ampara todas as atividades indicadas através da Instrução transmitida por Cristo Jesus, pela Virgem Maria e por São José. Ler mais

Contato

Mensageiros Divinos