Mistérios

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, PAYSANDÚ, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Filho Meu, 

Quanto mais buscares a Deus, mais entrarás no Conhecimento de Deus e mais amarás Aquele que está em tudo e abarca toda a vida.

Deixa que teu coração adentre no Conhecimento de Deus quando oras; quando lês as palavras que Ele te envia através de Seus Mensageiros; quando adentras no mistério dos Livros Sagrados e deixas que a inspiração de Deus na palavra e na vida dos profetas te inspire; quando entras em verdadeira comunhão com a Natureza, com os Reinos, com a vida.

Não lamentes por não amar a Deus como querias ou como sentirias correto amá-Lo.

Não lamentes por não ter as circunstâncias que crês necessárias para buscar a Deus, porque a busca de Deus está em teu coração, e teu coração está contigo onde quer que estejas.

Por mais que estejas em uma situação de caos, Deus segue estando dentro de ti. 

Por mais que estejas em um deserto interior, Deus segue estando dentro de ti.

Por mais que estejas submerso nas distrações e nos afazeres do comum viver humano, Deus segue estando dentro de ti. 

E hoje te digo que é com muito pouco que Deus se faz sentir em teu coração. Não precisas ser conhecedor de grandes ciências e filosofias transcendentais, porque a Verdade de Deus se revela em ti no que tu verdadeiramente és.

O que existe são caminhos que te ajudam a chegar; são mãos que se estendem através das palavras sagradas que Deus entrega ao mundo por meio das ciências espirituais, de Seus Mensageiros, de Seus profetas.

Busca a Deus e aceita a Mão que se estende ao teu coração através de Suas Palavras.

Busca a Deus em uma oração sincera e deixa que Ele te revele a imensidão de Sua Presença, de Sua Existência; que também te mostre a pequenez de tua vida, de teus problemas, de teus lamentos.

Eleva tua consciência em oração, para que Deus te revele a Sua simplicidade.

Rende tua mente ao Seu Divino Coração e deixa que Sua grandeza dissolva tuas mesquinharias.

Já é tempo, filho Meu, de elevar-te verdadeiramente, elevar-te ao Coração de Deus.

MENSAGEM SEMANAL DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Quando Deus anuncia Seus Desígnios e revela a Sua Vontade, pede a Ele a graça de saberes responder ao Seu Chamado.

Filho, coloca-te sempre diante dos Planos de Deus com humildade. Quem és tu para analisar a Vontade Divina e avaliar se essa Vontade corresponde ou não à tua vida?

Estes são tempos de definições, e tu já o sabes. Por isso, coloca tua cabeça no chão, assim como a ânsia de tudo saber, tudo compreender e tudo controlar, e abre-te ao mistério destes tempos, que te lança no desconhecido, não apenas exteriormente, mas internamente também.

Não te aferres ao que já sabes de ti. Não fiques apenas consolidando o que és e a memória de tudo o que já fizeste pelo Plano de Deus e pelo planeta. Hoje tudo deve ser novo e amanhã tudo deve se renovar.

Ingressa com teu coração no ritmo dos novos ciclos e deixa que Teu Pai e Criador faça emergir de ti aquele potencial que hoje te é oculto. Lança-te ao novo, lança-te ao serviço, lança-te à superação e não temas o cansaço, não temas a fadiga, não temas o resultado da Obra que o Pai realiza em ti, porque apenas Ele, que te criou, sabe a verdadeira razão de tua existência e pode te conduzir a ela.

Pergunta ao Pai por que e para que Ele te criou e deixa que Sua resposta ecoe dentro de teu coração. Não temas saber a Sua Vontade e caminhar para ela. Não temas desfazer-te de teus planos e abraçar algo superior.

Lembra, filho, que – depois de manifestar a Sua Grandeza e o ápice de Sua Graça – o Filho do Homem viveu a rejeição e a incompreensão humana; padeceu todas as resistências da condição retrógrada da humanidade e lhes revelou a chave para a transcendência de todas as coisas: o Perdão, o Amor e a Misericórdia. E, para chegar ali, cruzou a porta da humilhação, da superação e da fé em Deus e não em si mesmo. Rendeu Sua vontade ao Pai e, mesmo sabendo Ele que Seu Coração era partícipe de todos os Poderes e Dons de Deus, escolheu a Vontade de Seu Pai e permaneceu no nada.

MENSAGEM SEMANAL DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA SAGRADA CASA DE MARIA, MÃE PAULISTA, SÃO PAULO, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Busca a Verdade e ela te será revelada.

Busca no profundo de teu interior, como no firmamento da Terra - que oculta a profundidade do Cosmos - a resposta para tuas inquietudes mais internas, a calma para tuas angústias e o sentido para tua vida.

Busca a Verdade e ela te será revelada, porque este é o tempo do desvendar dos mistérios. A Lei dita que nada mais esteja oculto, nem aos olhos, nem ao coração do homem. E, pouco a pouco, essa revelação se manifestará na superfície da Terra.

Desde os povos do princípio da história da humanidade até os dias de hoje, muitos mistérios nasceram e floresceram. São chamados “mistérios” porque a consciência humana os ignora. Mas já não será mistério aquilo que é parte viva da história de cada ser.

Os mistérios da vida humana são aqueles fatos que guardam em si o verdadeiro potencial da humanidade e também a realidade de que sua existência não começou com a Terra, mas no profundo do Pensamento Divino, antes de que tudo fosse criado.

Aquilo que consideram “mistério” deve ser desvendado, porque este é o ciclo da Verdade, e a Verdade primeira é que cada ser conheça a si mesmo, compreenda sua história, suas raízes, seus erros e dificuldades e também reconheça as suas virtudes e os Dons que recebeu de Deus ao longo de sua evolução.

Para saber a Verdade, deves então buscá-la, chamar na porta do mistério interior e, humildemente, deixar que ele se revele.

Pede a Deus a Graça para estar em paz diante de tuas misérias mais profundas, cujas raízes transcendem a vida na Terra. E também a Graça da humildade, para reconhecer que este projeto humano é único e que tu és parte de um Tesouro Divino prestes a se manifestar.

O ouro de teu espírito pode se tornar um precioso presente celestial que, iluminado pela Luz de Deus, faz brilhar a esperança nos abismos. Mas podes também deixar que este ouro se transforme em pó, deixar que a ignorância e a indiferença façam de ti um eterno e permanente mistério para ti mesmo. E, ainda que tudo seja revelado, teus olhos nada verão.

MENSAGEM SEMANAL DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Filho, 

Para ter parte nos mistérios de Cristo, haverás também de descobrir os mistérios de Sua Cruz. 

O Senhor sela o compromisso com Seus companheiros oferecendo-lhes de beber do mesmo Cálice do Seu Sangue derramado: Cálice da Vontade celestial que transcende a carne, a condição e toda a vida humana. 

Para ter parte na Glória de Cristo, haverás de ter parte em Sua Cruz, aceitando de Deus as renúncias e os sacrifícios que Ele te convida a viver neste tempo, não para fazer-te sofrer, mas para fazer-te descobrir a Graça que se esconde na renúncia feita com amor e no sacrifício vivido com paz e em reparação dos pecados do mundo.

Cristo veio a este mundo como parte viva da Consciência divina, e sendo Ele o próprio Deus, experimentou e viveu profundamente a condição humana. Foi tentado por todo o mal que circundava a Terra; foi provado no medo que habitava os Seus ossos de homem, em Sua íntima fragilidade humana. Padeceu o que o ser humano mais teme - o sofrimento - e converteu o maior pesar de Suas criaturas em um ato de Amor que transformou a história deste universo, como de toda a sua criação. 

Depois de ter vivido tudo isso, deixou aberto para o mundo o caminho do calvário espiritual, da entrega absoluta, do Amor superior. E tendo Ele vivido tudo o que criatura alguma poderia suportar, agora apenas te chama a cumprir com tua parte. 

Tua cruz não pesa tanto como a Cruz de Deus; teu calvário não é tão longo como aquele pelo qual passaram os Pés do Senhor; não tens coroa de espinhos cravados em teu rosto; não te insultam e humilham os homens, teus irmãos; tens o Pai que te estende as Mãos; tens o Filho que vem ao teu encontro e tens o Espírito Santo de Deus esperando na porta de tua casa interior para fazer-te renascer como consciência, como coração.

Ele quer te dar um coração novo, digno de ser habitado por Aquele que te criou, e tudo o que tens que fazer é seguir a Lei primeira, mandamento sobre os mandamentos, na qual se reúnem todos os desígnios do Pai: amar o próximo como a ti mesmo e a Deus acima de todas as coisas. 

No caminho para o Amor se encontra o teu calvário. Não tens mais obstáculos do que os que tu mesmo colocas em teu caminho. 

MENSAGEM SEMANAL DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA CIDADE DE MENDOZA, ARGENTINA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Chegará o dia em que os mistérios da Terra se revelarão, e não será primeiro aos ávidos buscadores dessa Verdade. Será aos simples, aos humildes e aos que nada buscavam para si que se abrirão as portas do Infinito, do macrocosmos universal e do microcosmos do próprio interior.

Aquilo que hoje está oculto até para as mais avançadas das ciências e tecnologias se revelará como uma compreensão, uma experiência e uma sabedoria que não se explica e não se mede com as matemáticas da Terra.

Os simples compreenderão em silêncio e com esse mesmo silêncio o transmitirão, porque serão os únicos a estarem impassíveis quando a Verdade emergir na superfície do planeta. Apenas eles poderão se aproximar da Vida Superior visível aos olhos humanos, porque a conhecem e não a temem.

Venho para formar corações simples, que derrubarão os muros de sua arrogância com muito esforço e despertarão a humildade, por reconhecerem que a arrogância humana destruiu a Terra e não faz triunfar o Plano de Deus; por reconhecerem que é sendo nada que se tornam aptos a receber tudo e estar no Todo, que é Deus.

No princípio do projeto humano o Criador já conhecia a imprevisibilidade e as dificuldades de Seus filhos que encarnariam na humanidade. Por esse motivo, ao longo de toda a existência humana, Deus enviou para o interior da Terra, a espaços sagrados, invisíveis aos olhos humanos, consciências bem-aventuradas, que não são anjos, mas seres em evolução que, vindos da Eternidade, permaneceram na Terra, invisíveis, servindo a humanidade com o simples fato de, nas profundidades do planeta, viverem princípios evolutivos que despertam o Amor na consciência planetária e, em decorrência, nos corações humanos que se abrem para senti-lo.

Apesar de estarem na Terra desde o princípio, poucos puderam vê-los e quase nenhum compreendeu verdadeiramente o sentido de sua missão no planeta, como levam adiante a sua vida e até quando permanecerão na Terra.

Esses espaços são sagrados, porque foram pensados e criados por Deus e Seus Arcanjos, e ali se vive conforme dita o Seu Pensamento. Eles permanecem em silêncio e servem quase sempre em anonimato, porque a sua base é a Humildade que provém do Coração de Deus.

MENSAGEM DIARIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESUS

Filho, lança-te no impossível, se assim te pede o Senhor. Vence qualquer temor natural ou sobrenatural e responde à Vontade Divina, mesmo sem compreendê-la.

O que parecerá mais impossível para um homem do que aceitar que a sua virgem esposa gesta, em si, o Filho de Deus, trazido e fecundado pelo Espírito Santo? E, no entanto, filho, diante deste e de tantos outros mistérios de Minha Vida, jamais neguei a Vontade do Senhor.

Foi por essa obediência irrestrita que o Criador concedeu, ao Seu simples servo, a Graça de compartilhar de Seu Poder e de Sua Glória, mesmo que Eu estivesse, em vida, em um corpo, mente, alma e coração humanos.

O Senhor sempre Me pediu coisas impossíveis, e o mais impossível de tudo foi que, um dia, Me pediu para ser tão semelhante a Ele quanto o era o Seu Filho, na humanidade daquele pequeno Menino, que por anos carreguei em Meus Braços.

Era tão imensa a grandeza daquele Menino – e infinitas a Sua Santidade e Majestade, mesmo estando em um corpo tão pequeno –, que me assemelhar a tamanho amor manifestado Me parecia impossível. Mas não Me neguei a este pedido divino e apenas Me abri a amar ao Meu Filho e a Deus como uma única coisa. Deixei-me permear pela Presença Divina em Minha vida e abri cada célula de Meu Corpo para que vivesse, em si, o despertar para este amor e esta semelhança com Deus.

Aos poucos, fui descobrindo que ser semelhante ao Pai, como o era o Meu Filho, era amar o Pai como o Meu Filho O amava e amar tudo como o Pai amava. A essência do amor era o começo, o meio e o fim de todas as coisas, de todos os caminhos.

E foi observando o pequeno Jesus que descobri que a evolução é eterna e que a união com Deus deve ser permanente, constante. Foi assim que, mesmo depois da morte, segui contemplando os passos e o triunfo de Meu Filho amado e cada vez mais Me aprofundava na vivência do amor e da semelhança com Deus.

Digo-te isso porque o Criador pede coisas impossíveis a todos os Seus filhos. Inclusive, da mesma forma como Me pediu, Ele também te pedirá que ames como ama o Seu Filho Primogênito e que sejas semelhante a Ele como o é o Seu Filho amado.

Saiba, filho, que a essência de tudo se encontra em perder o medo de lançar-se ao amor.

Ainda que te atormentem a dúvida, o temor, o orgulho e a falta de paz, jamais deixes de cumprir com a Vontade do Pai. Quando responderes ao Seu Chamado, verás manifestar-se, em tua vida, os Seus Prodígios.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NA CASA DE COSTURA OFICINA SÃO JOSÉ, COMUNIDADE-LUZ FIGUEIRA, BRASIL, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS

O serviço dignifica a alma e traz ao mundo o espírito da caridade, tão escasso entre todos. Quando um coração descobre o amor ao serviço, ele se plenifica e encontra um caminho seguro para a própria consagração.

O segundo passo, depois do serviço abnegado, sob o espírito da caridade, é o sacrifício consciente em nome dos padecimentos de Cristo. Por mais simples que lhes pareça o que vocês realizam, sempre quando oferecem suas ações em reparação do Coração de Cristo, suas ofertas são aceitas e o Sagrado Coração é aliviado.

Consagrei esta casa ao Meu Casto Coração, para que aqui vocês vivam a simplicidade, a caridade e o amor entre todos. Quero fazer de cada coração servidor uma fonte de paz para este planeta.

Muitos pensam que é necessário realizar grandes obras e ir muito longe para que o serviço seja válido e verdadeiro, mas Eu lhes digo que foi dentro de uma simples carpintaria que prestei o maior serviço de Meu pequeno Espírito e ali encontrei a santidade e a porta para a Divindade, que alcancei ao lado de Meu Filho.

A santidade na vida de cada ser não depende das circunstâncias externas que vocês vivem, pois depende apenas de cada coração, da disposição de cada um em tornar sagrada a própria existência.

Se, nesse serviço que prestam, oferecerem a Deus os seus atos, descobrirão muitos mistérios, que lhes serão revelados como compreensões, às vezes inexplicáveis, que provêm do coração e apenas para ele serão claras.

Comprometo-me, como Pai de todos os servidores, a estar presente entre vocês sempre que invocarem Minha presença pela oração, pela caridade e pelos atos de compaixão e fraternidade.

Comprometo-me a interceder pelas almas e pelos Reinos da Natureza neste oratório de caridade.

Apenas lhes pedirei que se lembrem de Mim e que façam deste espaço um lugar de alegria, de caridade e de unidade entre os homens e Deus.

Quisera que na entrada estivesse a imagem de Meu Casto Coração, consagrando e abençoando este lugar, que irradiará a inspiração ao serviço para as almas que devem se aproximar nestes tempos.

Eu os abençoo e os guardo.

Seu Pai e Amigo,

São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​

Sei que as Aparições dos Mensageiros Divinos são um mistério para muitos, mistério este que causa, em uns, o crescimento da fé e, em outros, o tormento da dúvida. Este mundo, filhos, está cheio de mistérios. A própria consciência humana, em si, é um grande mistério tanto para o Cosmos quanto para vocês mesmos.

Neste planeta, vocês devem aprender a viver pela fé: fé no invisível, no intangível, no Divino, no pleno. É apenas com a Graça da fé que o coração pode estar diante das diferentes situações da vida com a clareza e a compreensão necessárias.

Digo-lhes isso porque vocês estão como grupo e como humanidade diante de dois desafios, que são as duas missões que estão vivendo. Ambas as situações, que devem ser desvendadas, têm raízes muito profundas e desconhecidas para todos. E, para que não estejam diante delas de uma forma superficial, vocês devem abrir seus corações para a vivência da fé, pois é assim, confiando no invisível e seguindo seus corações em coisas talvez inexplicáveis ou não tão óbvias para suas mentes, que vocês poderão estar plenos diante desses dois desafios.

As duas situações que hoje vocês enfrentam, tanto no Oriente Médio quanto no Chaco, na Argentina, necessitaram chegar ao extremo para que a humanidade colocasse os seus olhos sobre elas e, ainda assim, padecem muito com a indiferença de vocês, porque o coração humano ainda não se abriu para vencer as próprias comodidades e ir ao encontro das necessidades do próximo.

Os seus irmãos da consciência indígena tentaram levar certa parte do planeta, sobretudo as Américas, a uma vida evolutiva, diferente daquela realizada pelo restante da humanidade. Eles encontraram o sagrado graças à reverência, porque era justamente a falta de contato com as criações e invenções materiais da mente humana o que lhes permitia encontrar um caminho evolutivo diferente, baseado no amor e na simplicidade.

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​

Como Sagrada Família, Nós viemos animar a humanidade a responder ao Chamado de Deus e cumprir Sua Santa Vontade.

Como Sagrada Família, Nós convidamos o mundo a aprender com a pureza das crianças e deixar que elas lhes ensinem como encontrar a Deus.

Como Sagrada Família, Nós os incentivamos para que abram os seus corações para a vivência de mistérios que transcendem absolutamente a compreensão humana e transformam completamente tudo o que lhes é conhecido sobre a vida na Terra e, inclusive, sobre si mesmos, abrindo os seus olhos para o que vocês são em verdade.

Como Sagrada Família, Nós os animamos para que ofertem suas almas como instrumentos de Deus, para que vençam o medo de perder as coisas do mundo e, inclusive, a si mesmos, porque tudo o que vocês guardam como tesouros – sejam modos de vida, coisas materiais ou relações afetivas de qualquer tipo –, como também o que conhecem da própria vida, tudo passará com um sopro da Justiça Divina, enquanto a vivência da Verdade fortalece o poder e a atuação da Misericórdia.

Como Sagrada Família, Nós os chamamos para que vivam o verdadeiro amor que transcende posses, que não busca retornos, que apenas doa e nada recebe, a não ser de Deus, que – a cada vez que vocês se abrem para doar algo – lhes infunde uma maior vontade de entregar tudo.

Como Sagrada Família, Nós os colocamos diante da Graça do retorno de Cristo, dádiva incompreensível para suas mentes e apenas aceitável para os corações que já descobriram, em si, a fé.

Como Sagrada Família, Nós os convidamos para que descubram a possibilidade da vivência da paz em tempos de caos e para que mantenham a confiança em Deus mesmo diante do maior sofrimento, quando o Senhor nos pede inclusive nossas próprias vidas por amor ao Seu Plano, como o foi na Paixão de Cristo.

Recebam em suas orações os códigos da Sagrada Família e não os deixem guardados sob sete chaves no próprio interior; permitam que eles tomem vida, que se expandam e se multipliquem naqueles que se aproximam de vocês, assim como o foi com a Sagrada Família de Nazaré.

Deixo-lhes Minha Paz e a confiança absoluta na presença de Cristo no interior dos homens, porque o Senhor renasceu.

São José Castíssimo, na presença sagrada de Maria Santíssima

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​

Sê simples de coração, para que descubras na simplicidade a grandeza de todas as coisas.

Sê simples de coração, para que os mistérios celestiais não te sejam inacessíveis, pois na tua simplicidade a sabedoria divina estará ao teu alcance.

Sê simples de coração, para aprenderes a ser humilde. Por meio da simplicidade, aceita as graças e adversidades como um Dom único de Deus, encaminhado à tua vida para ajudar-te e para moldar tua consciência segundo a Vontade Superior.

Sê simples de coração, para que tua mente também conheça a simplicidade e possa fluir nos raios da Vontade de Deus e viver segundo as leis universais indicam.

Sê simples de coração, para que a transição se passe em teu interior não como um castigo, mas sim como uma grande oportunidade de que finalmente sejas o que Deus espera para a humanidade.

Sê simples de coração, para que a vida seja uma dádiva para ti e a morte seja o começo de uma dádiva ainda maior. Assim, não existirá o medo dentro da tua consciência.

Sê simples de coração, para que o conforto e o sofrimento sejam, para ti, veículos da providência de Deus, para que cumpras com tua parte em Seu Plano.

Sê simples de coração, para que a oração seja serviço, para que o serviço seja oração e para que o serviço e a oração sejam vida, assim como a vida, em todos os seus instantes e circunstâncias, seja serviço e oração.

Sê simples de coração, para encontrares no rebuscado a simplicidade e, na simplicidade, todas as riquezas e os rebuscamentos que tua mente busca por sua natureza.

Sê simples de coração, para que Deus disponha de ti como necessite e que, assim, conte contigo como um servidor completo, do qual poderá dispor a qualquer hora, em qualquer lugar e para qualquer missão. Tornar-te-ás, assim, um instrumento de Deus.

Sê simples de coração, porque na simplicidade encontrarás a resposta para todas as tuas questões. Descobrirás, assim, que dentro de ti habita Aquele que é em todas as coisas e verás que em ti está tudo de uma forma tão simples como o são estas palavras.

Busca em ti o que procuras ao longe.

Busca nestas palavras a sabedoria, pois aqui depositei Minha Divina Simplicidade.

Felizes e bem-aventurados os simples de coração, porque eles herdarão a sabedoria de Deus para o surgimento da Nova Raça.

Seu Amado Companheiro simples e humilde, São José Castíssimo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Se observas o universo, verás uma infinidade de estrelas, sentirás a grandeza de Deus e de Sua Criação; aspirarás a mergulhar neste Tudo, que se expressa frente aos teus olhos. Contempla o céu estrelado e reconhece a presença de Deus em uma dimensão que, ao mesmo tempo em que parece tão distante, permeia tudo o que foi criado.

Se não podes encontrar a vida do espírito no invisível do próprio mundo interior, contempla então o céu estrelado e sentirás a presença dos que são Bem-Aventurados nesse céu e que te observam e aguardam o teu despertar.

Se tua alma não consegue aspirar a nada superior à vida material, volta então teus olhos físicos para cima, contempla o azul do céu em um dia de sol e sente que por detrás desse azul está Deus, aguardando ser a tua aspiração mais pura e verdadeira.

Busca na beleza que há, sobre o teu ser, a grandeza de Deus e encontrarás a verdade do espírito em teu interior.

Se te parece muito distante alcançar uma descoberta espiritual apenas pelo coração, então, descobre no lado oculto dos Reinos da Natureza as mesmas verdades que buscas do silêncio de teu mundo interior.

Toda a Criação está permeada pelos mesmos princípios divinos. Alguns descobrirão a magnitude do Espírito de Deus no silêncio do coração, outros O encontrarão contemplando o céu azul, outros O buscarão na expressão dos Reinos da Natureza, outros no exemplo puro de um irmão que é verdadeiro em seu caminhar. O Criador está em tudo e aquele que O busca, com suas possibilidades, de uma forma cristalina, O encontrará.

Os mistérios apenas são mistérios para aqueles que não querem desvendá-los, porque o mesmo princípio que cria e recria a vida no universo é o que anima os seres do mundo. Deus está em todas as coisas. Busquem-no, unam-se a Ele. Tornem sagrada a vida, por meio dessa busca permanente do Criador de tudo.

Esta é Minha mensagem para hoje. A busca de Deus dignifica o coração humano e dá um sentido para a sua existência, que é o retorno à Origem.

Seu amado Pai e Guia, São José

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Na essência dos seres humanos encontram-se todos os potenciais a serem desenvolvidos no despertar do amor e da fraternidade. A essência é o tabernáculo de um dos mais grandiosos mistérios da Criação Universal, porque ali está o que Deus criou de mais perfeito, para que fosse desenvolvido e manifestado em prol da evolução de todas as criaturas, mais além deste mundo.

Esse tesouro que habita dentro de cada um de vocês é silencioso e humilde e jamais se mostrará, se não saírem em busca dele.

Tudo do que necessitam para expressar com perfeição o que verdadeiramente vocês são se encontra dentro de cada um. O que acontece é que vocês estão sempre muito ocupados em demonstrar para o mundo algo que não são e todo o seu empenho colocam em não sair nem um pouco desse lugar, para não perder as aparências que já alcançaram, o respeito que conseguiram e o exemplo que se tornaram em suas vidas.

Cada vez que tentam parecer algo para encantar os demais, mais se afastam do que são em essência, porque quanto mais conquistam boas aparências, tanto mais se desinteressam de buscar o que devem ser e que se encontra no oposto do que o ser humano aprendeu a manifestar.

Não temam não ser reconhecidos, porque quanto menos reconhecimento e mais anonimato, mais liberdade terão para afastar-se do velho homem e mergulhar no próprio mundo interior, em busca das verdades essenciais da existência da humanidade.

Os seres humanos estão enredados em suas próprias armadilhas e viajam léguas de distância, buscando uma verdade que se encontra no próprio interior, apenas pelo medo de se encontrarem sozinhos consigo mesmos.

Queridos companheiros, Deus Me permitiu trazer ao mundo grandes verdades com simples palavras e levá-los à humildade sem ferir os seus corações. Necessitam apenas penetrar fundo no amor que deposito em cada frase e deixar-se permear na descoberta destes mistérios do mundo interior que lhes estou revelando.

Com amor e paciência, tomem cada impulso e tentem viver cada dia algo diferente, ainda que nunca cheguem a perceber os resultados da própria transformação.

Eu os amo e deixo-lhes Minha bênção, Minha paz e Minha serenidade, para que avancem na descoberta da própria verdade interior.

São José, Pai e Instrutor de todas as almas que caminham para o Coração de Cristo

MENSAGEM DIÁRIA DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Existem mistérios que apenas são revelados para a alma simples, aquela que, em sua simplicidade, deixa de aspirar às coisas do mundo e passa a colocar o foco de sua evolução em viver o que é real e que desconhece completamente.

Saibam que mesmo aquela alma que está aparentemente trilhando um caminho espiritual, quando tem alguma meta ou aspiração material para si, jamais compreenderá os caminhos de Deus e não será capaz de ingressar verdadeiramente em Seu Coração.

A alma que se coloca no caminho correto é aquela que não aspira absolutamente a nenhum mérito neste mundo. Tudo o que constrói em sua vida material, inclusive a própria transformação, é com a intenção única de obedecer ao que Deus lhe pede, sabendo que algo Ele fará com tudo isso. A sua aspiração verdadeira está em dissolver-se em Deus, encontrá-Lo e não ser nada dentro de Sua Grandeza.

Essa era a essência da Sagrada Família, que foi o exemplo para toda a humanidade.

Na vida material, tudo ofereçam com empenho, esforço e perfeição, para que aquilo que Deus pede se concretize, não para que sejam vocês os concretizadores da Obra de Deus, apenas para obedecer-lhe, não importando a finalidade que Ele dará a tudo o que vivem.

Se fazem suas as Metas de Deus, correm o risco de colocar a própria vontade dentro dos desígnios celestiais; tentarão descobrir qual é a Meta de Deus e, ao pensar sabê-la, quando essa não se concretiza, sentirão que fracassaram.

Meus queridos companheiros, compreendem então a essência de ser um operário do Senhor? O operário de Deus não sabe como será o final desta obra, não sabe o que está construindo, apenas coloca, a cada dia, o tijolo onde lhe é pedido. E o faz com muita liberdade e com muito amor, porque essa obra não é sua, é de Deus.

A verdadeira meta do operário não está em concretizar a obra, mas em obedecer, a cada dia, ao Grande Construtor Celestial.

Coloquem então as suas aspirações no lugar correto e abandonem as próprias metas, ainda que lhes pareçam espirituais. A cada dia, deixem-se construir por Deus e não queiram saber em que resultará a Sua Obra. Apenas amem ser servos do Criador, confiem em Sua Perfeição e, com simplicidade, encontrarão a união absoluta com Ele.

Dessa forma, não importará se viverem um fracasso aos olhos humanos, porque em seu interior saberão que apenas Deus, que é perfeito, conhece o resultado de Suas Obras.

Páginas

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos