Sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Mensagens semanais
MENSAGEM SEMANAL DE SÃO JOSÉ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE AURORA, URUGUAI, À VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS

Deixa que tua consciência chegue ao limite de sua provação. Deixa que se abra de todo o abismo de tuas misérias internas. Deixa que teu ser ingresse em cheio na escola da humilhação e da humildade. Abre bem os olhos para ver aquilo que tens que transformar e não temas.

Não vires o rosto quando perceberes que, em verdade, tudo o que pensavas sobre ti mesmo foi criado por tua mente e pelas ilusões deste mundo. Vê, filho, com coragem e valentia, o lodo que esconde a pérola de tua essência.

Agradece a Deus por saberes que não és o que pensavas ser e pede a ele que te mostre a verdade, para que assim trilhes com determinação o caminho da transformação.

Quando a consciência chega ao seu limite e já não suporta o que vê de si mesma é que decide se transformar e consolidar, no próprio ser, virtudes espirituais verdadeiras. Por isso, não entristeças o coração diante do abismo interior que estes tempos te revelam, pois – ao seu momento – tudo será revelado.

Vale-te de cada prova para buscares o que é real, para encontrares o que te faz semelhante a Deus: é nisso em que Ele tem posta a Sua Esperança; é isso o que faz com que o Criador não desista de Seu Projeto; é isso o que faz com que tantos santos, bem-aventurados e seres de luz, que já não deveriam estar neste mundo, permaneçam impulsionando a humanidade desde Planos Internos do planeta.

Deixa que todo o teu ser se canse de si mesmo. Deixa que toda a tua consciência toque fundo naqueles espaços que nunca quis ver, porque este é o tempo de vivê-lo. Vive-o enquanto a Graça, a Misericórdia e a Piedade Divina te acompanham.

Sê firme e dá mostras ao Pai de que queres ser outro. Já não te enganes, filho, e não enganes a outros. Apenas vive a verdade que hoje emerge aos teus olhos e sabe que, além dela, além de toda a miséria e a imperfeição, além de toda a condição de erro e pecado, existe algo perfeito e cristalino e a isso deves chegar.

Eleva o teu rosto e sê valente. Ora, clama por Misericórdia e deixa-te quebrar por dentro e por fora. Deixa que a humilhação te leve à humildade, que a rendição te leve à mansidão, que tuas misérias sejam o caminho para que encontres a Divina Misericórdia.

Ainda estás a tempo de ser verdadeiro e simples. Ainda estás em tempo de deixar que Deus te vença e faça, de ti, Sua Vitória neste mundo e em todo o Universo.

Confia em que toda derrota aparente guarda, em si, uma grande vitória, porque o teu Rei venceu o mundo em uma cruz, encontrando os abismos não apenas de si mesmo, mas de toda a miséria humana. Por isso, filho, quando sofreres, agradece a Deus e pede ao Pai que te mostre a verdade, porque a verdade sempre te levará ao triunfo do Bem.

Aquele que te acompanha sempre, teu Pai e Amigo,

São José Castíssimo