Domingo, 13 de março de 2016

Mensagens diárias
MENSAGEM PARA A APARIÇÃO DE MARIA, ROSA DA PAZ, TRANSMITIDA NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, À VIDENTE IRMàLUCÍA DE JESÚS​​​​​

Filhos,

Contemplem hoje a Graça inestimável de estar diante de Minha presença e em profunda união com o Meu Imaculado Coração. Clamem a Deus por uma oportunidade para este mundo.

Quando, no dia de ontem, vocês reconsagraram as suas almas ao Meu Plano de amor, retirei de suas vidas as raízes de todo sofrimento, de toda angústia, de tudo aquilo que os impedia de encontrar a Deus, apesar de sua fé e devoção.

Hoje, Meus amados, lhes pedirei uma intercessão espiritual em nome de todos aqueles que não Me conhecem, que Me negam e que não aceitam o Meu Amor materno, por medo, por insegurança, por ignorância ou porque estão cegos e fechados os seus corações.

Pedirei a todos os Meus filhos uma maior profundidade na própria entrega, uma maior abertura para a vivência do amor e do perdão e também para a comunhão com os Reinos da Natureza. Porque vocês, filhos, são poucos, entre a maioria dos seres humanos, que estão vivendo um maior despertar para o amor e o conhecimento superior.

Existem outros filhos Meus no mundo que Me seguem e que respondem ao Meu Chamado, mas que também estão condicionados por suas vidas e por suas culturas. Por isso, não lhes posso pedir o impossível para a mente humana, como Me arrisco a pedir a vocês.

Seus corações, queridos, se abriram para manifestar o impossível, para responder aos desígnios superiores, ainda que muitas vezes isso implique que vocês pareçam ser loucos aos olhos do mundo.

Meu Coração pode contar com aquele espaço de suas consciências que, apesar de compreender, respeitar e valorizar a vida na Terra, sabe que, em verdade, este é apenas um caminho, uma via para algo superior.

Digo-lhes isso, filhos Meus, porque estou preparando os seus corações para uma entrega mais profunda e total para a vivência de uma loucura ainda mais santa – santificada pelo cumprimento de Meus Planos.

Como a consciência humana está tão distanciada dos Planos de Deus e tão aferrada às coisas materiais, muito lhes custará compreender os desígnios espirituais do Criador, e é por este motivo que vocês parecerão estar loucos aos olhos do mundo. Mas aqueles que Me respondem, ainda que sem compreender, verão nascer os frutos e as manifestações esperadas por Deus e só então, filhos, é que poderão confirmar a veracidade do que lhes disse por tantos anos.

Quando o caos permear o mundo inteiro, mas não os corações de Meus filhos, é que a humanidade compreenderá o que Eu lhes queria dizer, quando lhes prometi o estabelecimento de Minha Paz em suas vidas.

Quando as nações que visitei manifestarem, nos tempos de tribulação, a resposta da atuação da Graça entregue por Mim, mediante o despertar dos espíritos, é que todos poderão ver que as Minhas peregrinações não eram simbólicas e não era tão invisível o que Eu estava tentando lhes mostrar.

Filhos, quando as conversões daqueles que tomam contato com Minhas palavras se multiplicarem e se irradiarem aos outros, por meio de seus exemplos, é que compreenderão o poder de Meu Verbo maternal e que há algo mais do que frases simples e cheias de amor no que lhes digo.

Talvez vocês não compreendam muito o que lhes peço hoje, talvez a dinâmica da transformação do Plano e a sua constante adaptação, segundo a resposta de todos, lhes causem muitas dúvidas e confusões. Mas neste tempo, Meus amados, apenas fixem os seus olhos no que Eu construí dentro de seus corações e meçam a veracidade de Minha presença pelo amor que depositei em seus seres e não pelo que suas mentes podem compreender. Porque a lógica dos Planos de Deus e as Leis nas quais eles se baseiam não são as mesmas compreensíveis para a mente humana.

Aqueles que quiserem compreender os Planos do Altíssimo, antes de amá-los e segui-los, se confundirão. Por isso, confiem na Lei do Amor e lembrem-se de que a vitória de Meu Filho pareceu um fracasso para muitos. Assim, vocês verão como os Planos de Deus são incompreensíveis para a mente humana que não sabe amar.

Concentrem-se hoje no que lhes direi e abram os seus próprios corações não para a razão, mas para o amor absoluto. Assim, poderei lhes ensinar qual é a verdadeira tônica destes tempos e vocês saberão pensar e sentir da mesma forma que o Meu Imaculado Coração, para que, no final de tudo, vocês saibam guiar os seus irmãos como Eu os guiei.

Eu os amo e os abençoo sempre.

Sua Mãe Maria, Rosa da Paz