Sexta-feira, 12 de julho de 2019

Aparição Extraordinária
APARIÇÃO RESERVADA DA VIRGEN MARIA, ROSA DA PAZ, NO CENTRO MARIANO DE FIGUEIRA, MINAS GERAIS, BRASIL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN DE JESÚS, POR MOTIVO DO ANIVERSÁRIO DA VIDENTE IRMÃ LUCÍA DE JESÚS, NO DIA 16 DE JULHO DE 2019

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Filhos, deixem que o Espírito e o Amor de Deus os envolvam, assim como os preenche hoje este amanhecer, este dia, no qual a luz interior em cada consciência se fortalece e se vivifica sob os raios da  Graça de Deus e da presença de Seu Divino Espírito.

É em nome de Sua Graça que hoje venho ao seu encontro, que hoje venho estar com vocês, com Meus queridos filhos, e neste Centro Sagrado de Figueira, como em outros Centros, acendo a luz de Meus Espelhos para que eles recebam os impulsos de luz dos Espelhos do Cosmos e de toda a Criação, para que os Atributos da Vida continuem presentes na consciência do ser humano e do planeta, para que as esferas sublimes da Criação e de toda sua existência estejam mais próximas da humanidade e do mundo que sofre dia a dia.

É por meio da Luz dos Espelhos do Cosmos que hoje reacendo o espelho interior em cada coração humano, para que volte a recuperar sua filiação com Deus e a comunhão com o Alto, para que seja partícipe da vida universal e de tudo o que vive e vibra no Universo.

Hoje lhes trago o presente do Amor de Deus que é um presente inextinguível para suas consciências e para este tempo planetário, no qual o equilíbrio, a harmonia e a paz devem ser seu caminho diário, sua meta e seu propósito.

Hoje acendo os Espelhos do Centro Sagrado de Figueira para que as novas árvores, que já cresceram, deem seus primeiros frutos na manifestação dos Atributos de Deus e especialmente de Sua Vontade, para que estes frutos, algum dia, sejam colhidos por Meus filhos do mundo inteiro, e possam alimentar-se da espiritualidade que Deus concedeu e concebeu neste lugar, desde os primeiros anos da manifestação desta Comunidade-Luz.

Hoje, os frutos da Instrução Sagrada são compartilhados com o mundo inteiro, e o Centro de Luz de Figueira abre suas portas para que, com caridade e amor, acolha as almas sofredoras da humanidade e leve o Amor do Pai, o Amor que Ele depositou desde o princípio neste lugar, aos que mais o necessitam, para que a esperança não morra no coração humano, para que a fé não se precipite, para que a luz nunca se apague.

Eu trago para vocês a Luz de Meus Espelhos, a Luz que existiu no princípio e antes desta criação material. É esta Luz Divina, misteriosa e desconhecida, que provém da Fonte do Pai e de Seu Universo de Amor, a que uma vez tocou este solo sagrado do Centro de Luz de Figueira e trouxe para todos a Graça do despertar da consciência, do reconhecimento e da vivência da divindade interior em cada ser, da união com o Altíssimo e com Sua Vontade, para o cumprimento de Seu Plano sobre a superfície da Terra.

Eis aqui a Luz dos Centros Sagrados, dos Centros Marianos, dos Centros de Amor, que emanam seus Atributos divinos e imateriais para o equilíbrio da humanidade e do planeta, para a experiência e a escola do Amor e do Perdão, para a união infinita com Deus acima de todas as coisas.

Hoje estão diante de um dos Mistérios de Deus, que a Mãe do Mundo desvela por meio da Fonte Divina, em união aos Espelhos do Cosmos que preparam as consciências para o próximo ciclo.

A América do Sul é o berço de muitos Recintos Sagrados, onde a experiência do Amor de Deus está presente e ainda é desconhecida.

Por isso, hoje, o Centro de Luz de Figueira manifesta-se em sua superfície, para que as portas à Misericórdia Divina mantenham-se abertas e mais colunas de Luz manifestem-se sobre esta humanidade, na superfície da Terra, e por meio dos  corações que proclamam sua fé no Senhor.

Entrem então, filhos Meus, no Universo de Meus Espelhos e sintam-se no vazio interior, na entrega total, no espírito incondicional e na união perfeita com o Pai Eterno, para que suas vidas, filhos Meus, sejam instrumentos do Alto, da Vontade, do Amor Vivo que é eterno e inextinguível, que é um Amor infinito e incalculável. É o Amor que os criou, é o Amor que os fez partícipes da vida, do sentimento da verdade, do conhecimento do sagrado e da união com o Infinito.

O Centro de Luz de Figueira hoje se expressa à humanidade e ao planeta e recorda os seus discípulos que ele sempre estará aqui para recebê-los e acolhê-los, para preenchê-los com seus atributos que são parte de uma Verdade Divina, de uma Vontade Suprema, de um destino celestial.

Eu necessito, filhos Meus, que propaguem essa luz pelo mundo, essa luz que provém do Centro de Luz de Figueira, igual a outros Centros de Luz no mundo, que são parte da Vontade de Deus e que, desde antes da existência do homem na superfície, estão presentes no planeta, para trazer às almas o conhecimento de Deus e a busca incessante da verdade, de uma verdade que algum dia alcançarão, de uma verdade que os fará livres de si mesmos, das correntes do erro e da culpa.

Porque a essência dessa verdade é o Amor, o Amor que provém da Fonte, o Amor de Meu Filho, o Cristo, que os faz participar da Comunhão com Sua Luz Celestial e com Sua Vida.

Hoje a Hierarquia Celeste reacende o Centro de Luz de Figueira, para que as almas recordem os princípios que aqui foram fundados e que se viverão para a Nova Terra, para o surgimento da Nova Humanidade.

Uma vida que será baseada no Amor, na Verdade e na Unidade Divina; na possibilidade de compartilhar, de amar e de entregar o que cada um é verdadeiramente, além dos defeitos ou das imperfeições.

É essa luz interior que o Centro de Luz de Figueira hoje vem despertar em seus discípulos, em todos os que foram tocados pela instrução do Mestre interior, de seu companheiro e amigo José Trigueirinho.

Vejam como esse instrumento entregou-se a Deus para manifestar a Luz dos Centros Sagrados, Luz que auxiliaria a humanidade no fim dos tempos, e que permitiria a toda a Hierarquia Celeste o Plano de intervenção e de resgate das almas do mundo, por meio do despertar da consciência, do amor e da oração.

Hoje estão diante do passo de serem instrumentos nas Mãos de Deus, assim como o foi seu instrutor e amigo José Trigueirinho, na simplicidade da vida, na ação do amor, na sustentação das purificações e das provas, na fortaleza da fé, na ampliação da consciência, por meio da devoção e da reverência à Divina Hierarquia.

Comunguem deste momento, comunguem da Luz do Centro de Luz de Figueira e, assim, na renovação do espírito, recebam a paz, por meio de Meus Espelhos, que hoje contatam os Centros Sagrados do planeta, os que em uma só Rede de Luz e de Amor, auxiliarão as almas e fortalecerão os servidores que confiam plenamente na Hierarquia.

Deus sempre, filhos Meus, faça-os partícipes de Seus Dons, de Sua Verdade e principalmente de Sua Misericórdia.

Que o Centro de Luz de Figueira hoje brilhe em cada coração humano, além de conhecê-lo ou de desconhecê-lo, além de penetrá-lo ou de compreendê-lo.

Que a Luz do Centro de Figueira e da Hierarquia os acompanhe para que se cumpra o Plano.

Que assim seja.

Abençoo-os na Luz da espiritualidade divina e da consciência maior dos Espelhos da Graça e da Misericórdia, sob a Luz do espírito da paz e da reconciliação.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.