fev

05

Quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

Maratona da Divina Misericórdia
Aparição reservada de Cristo Jesus Glorificado em Redwood, Califórnia, Estados Unidos, ao vidente Frei Elías del Sagrado Corazón de Jesús, para o segundo dia da 79.ª Maratona da Divina Misericórdia

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém. 

É no silêncio de Deus que se guardam os maiores e preciosos tesouros da Criação. Testemunhas de todos esses tesouros são as árvores, em sua diversidade e manifestação, em sua expressão e beleza.

As árvores são os templos que trazem à Terra os Princípios de Deus. Elas captam do Universo as maiores energias que a humanidade necessita para elevar sua consciência e curar-se.

Hoje vocês estão em um lugar que Eu tanto esperei chegar há muitos anos, um dos lugares do mundo mais importantes para Deus.

Aqui, não só estão as testemunhas da Criação do Pai, há milhões de anos, mas ainda estão presentes os guardiões do Legado original da humanidade, os que, através da Sagrada Montanha Branca, zelam e protegem esse sagrado conhecimento que vem da Irmandade.

O norte da Califórnia é o receptáculo interior do Legado original da humanidade, algo que as mentes hoje não sabem e escutam pela primeira vez.

As grandes vigilantes do Reino Vegetal estão aqui presentes, cumprindo uma tarefa há milhões de anos,  antes que existisse o homem na superfície como consciência e como ser. 

Eu os trouxe todos aqui, nos planos internos, para que possam recordar e participar da Origem de suas origens como humanidade de superfície, como consciências que devem evoluir e alcançar os graus de Amor através de Mim, assim como através dos Reinos da Natureza.

Estas grandes árvores são testemunhas dos erros das diferentes civilizações da humanidade, dos acontecimentos que se sucederam e marcaram também a Criação, não só dentro deste planeta mas também fora dele, no Universo, na Existência.

Elas sentem tudo o que foi feito pelo homem da superfície, tudo o que a humanidade tem gerado do primeiro momento em que existiu na superfície da Terra até os dias de hoje.

Esse sofrimento, transmutam-no as grandes árvores do norte da Califórnia, assim como também outra parte dos reinos, e a humanidade ainda não tem consciência de que isso acontece. 

As árvores do norte da Califórnia são um grande mistério para o homem da superfície. É hora de a humanidade descobrir o valor que elas têm e a espiritualidade que elas portam como alma-grupo do Reino Vegetal. 

Elas também são as grandes guardiãs e vigilantes dos Retiros interiores do planeta. Elas estão presentes ao longo dos Andes, cada espécie e cada árvore  cumprindo uma função principal e primordial para Deus.

Elas são os templos que guardam os mil portais, os que a humanidade necessita acessar através do verdadeiro e único tempo que os rodeia no Universo e no Sistema Solar.

Através das grandes árvores, encontrarão o acesso à realidade superior e poderão vivenciar tudo o que guarda essa realidade superior e que vem ao encontro dos que buscam a Paz e o Amor do Universo.

As árvores experimentaram o sofrimento que o planeta viveu e tudo o que a humanidade  lhe gerou; mesmo assim, elas estão aqui presentes, sustentando o que a humanidade de hoje não pode sustentar, doando o que a humanidade de hoje não consegue doar e entregar ao Pai Eterno.

Seu silêncio e imobilidade as fazem grandes e fortes para sustentar também o eixo da Terra e o coração deste planeta.

Mas agora é o momento de que tudo isso venha à luz, de que mais ninguém seja ignorante, de que mais nada seja imperceptível nem oculto.

Elas necessitam do amor dos homens da Terra para poder seguir cumprindo sua tarefa espiritual e interna.

Elas também foram testemunhas do que aconteceu a seu Mestre e Senhor, antes que seu Mestre e Senhor existisse nesta humanidade, através da encarnação no humilde presépio de Belém.

Os grandes Arcanjos de Deus foram os que ajudaram e contribuíram com Seus conhecimentos para a criação e manifestação, por meio dos devas e dos anjos menores, desta expressão e beleza de Deus. Porque as árvores palpitam e vibram em uma importantíssima melodia que o homem de hoje desconhece.

É só aproximar-se delas para reconhecê-las e senti-las, e saber que as grandes árvores que são mantidas no norte da Califórnia são os antigos ancestrais que não quiseram sair do planeta para ajudá-lo em seu processo de evolução e de cura. 

Os grandes ancestrais dos povos indígenas da América do Norte estão aqui. Sua sabedoria, sua humildade e seu amor os têm feito expressar essa grandiosa manifestação da Criação do Reino Vegetal, que supera os limites da consciência humana, não apenas mental, mas também visual. 

As grandes árvores têm muito para dar aos homens da Terra. Elas necessitam somente serem reconhecidas, para que suas essências possam abrir-se e mostrar-se, assim como hoje se mostram a vocês em uma profunda e incondicional simplicidade.

Foi tão grandiosa sua oferta e entrega que se doaram, por meio da madeira da Cruz, para poder ajudar a humanidade, através da entrega do Filho de Deus. Por isso são as grandes testemunhas de ontem e são as que trazem para a humanidade o sagrado conhecimento da Criação.

As árvores são uma vida ainda não compreendida, e elas têm, em sua constituição, o que o ser humano necessita para poder evoluir e despertar cada dia mais.

Nestes sagrados espaços do universo vegetal, recolhe-se também a sagrada Hierarquia para poder pensar e meditar sobre os próximos passos desta humanidade e deste planeta, assim como de todo o Universo.

Nos lugares mais simples é onde se encontra Deus, e é onde Ele se mostra em Suas diferentes manifestações.

Quero que saibam que as grandes árvores do planeta continuarão sendo as testemunhas, mas neste ciclo serão as testemunhas do tempo final.

Os homens as têm danificado, ultrajado e ferido, e o sangue de sua seiva tem um preço para todo o gênero humano. A falta de conexão com o Alto e com o Universo é a razão de tantos desequilíbrios psicológicos e psiquiátricos. 

Elas também viveram sua paixão, tão semelhante à de seu Mestre e Senhor. Por isso a reconciliação, o perdão dos homens é imprescindível para estes tempos, para que se corte essa cadeia de danos e destruição do Reino Vegetal.   

Alegrem-se porque são conscientes de todo esse conhecimento e, sobretudo, do que elas têm querido falar há milhões de anos, e ninguém as tem escutado. Hoje é a primeira vez que isso acontece, porque seu Mestre e Senhor se ofereceu para que tudo isso se dê, conforme a Vontade do Pai, do Filho e do Espírito Santo.  

Quando o homem de superfície compreender por que existe cada Reino, a humanidade evoluirá e não se perderá mais nos sofrimentos nem nas provas.

Por isso, essas grandes árvores estão no norte deste planeta. Elas são as grandes captadoras do princípio e da energia divina para a humanidade. E isso continuam cumprindo e realizando há milhões de anos. É um eterno serviço de amor pelas almas e por todos os planos de consciência.

Agora digam ao mundo que é o momento de reconstruir o planeta e de curar os Reinos da Natureza, de plantar árvores e de regenerar a vida, o solo e, sobretudo, as consciências que nunca estiveram atentas à Criação e que estão para servi-la, para fazê-la crescer e despertar. 

Os Retiros interiores oferecem estas chaves para todos os seres humanos, independentemente de sua condição espiritual, mental ou material; porque as grandes árvores da América do Norte estão presentes e existem para que os homens e mulheres da Terra nunca se esqueçam de regressar à Origem de sua essência, que é o amor, a harmonia e o equilíbrio interno e espiritual. 

Apesar de que o mundo esteja convulsionado, no silêncio do Templo das Árvores, dos mil portais, abrem-se os planos da Divindade Única para que todos possam receber e acolher a doação que elas entregam em seu silêncio e firmeza, para que a cura regenere as consciências e para que as consciências encontrem o caminho de entrar em comunhão com a Criação.

No silêncio, escutem a alma-grupo das árvores, das grandes testemunhas e guardiãs da América do Norte e do mundo.

Que a humanidade reaja e não se autodestrua mais; tampouco destrua seus irmãos menores, neste caso o reino vegetal, nem seus elementais, devas e anjos, que, em sua quietude e silêncio, guardam e protegem sua evolução como raça e como consciências.

Sejam tocados por essa poderosa luz que vem das grandes árvores da América do Norte e que, do coronário ao sul do planeta, tudo seja transmutado, transubstanciado e elevado sob o amor incondicional da Criação e de seus grandes regentes do Universo. 

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.  

fev

04

Terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

Maratona da Divina Misericórdia
Aparição reservada de Cristo Jesus Glorificado em Monte Shasta, Califórnia, Estados Unidos, ao vidente Frei Elías del Sagrado Corazón de Jesús, para o primeiro dia da 79ª Maratona da Divina Misericórdia

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

A Luz da poderosa Montanha Branca congregará e reunirá todos os Mestres de ontem, todos os que participaram do Conclave da Hierarquia ao longo dos tempos.

Suas Presenças serão visíveis, mas a maioria não poderá chegar a Eles, porque estarão sob uma certa missão e tarefa, sob um certo propósito e pedido do Criador. 

E assim se abrirão os cofres dos Retiros interiores da Terra, e não apenas se verá a luz de cada um deles, mas também as relíquias mais sagradas que a humanidade ainda não conhece, desde que este planeta começou, como criação e como projeto genético. Deles virá uma luz mais forte e poderosa, porque o grande sinal da Luz Branca da Montanha trará consigo muitas revelações, e os mistérios se desvelarão.

Tudo ficará à vista de todos, mas ninguém poderá infringir esses tesouros e relíquias, porque uma poderosa e invisível energia os protegerá.

Assim, os Mestres chegarão de lugares muito distantes do planeta. Alguns descerão dos Himalaias, outros virão dos Andes, como também alguns virão daqui, e o silêncio mostrará a verdade.

O Coração de Deus se comoverá nesse momento, porque os Mestres de ontem, os Mestres da Luz, os instrutores do planeta e da humanidade prepararão o Retorno de Cristo e serão a grande compensação e sustento interno para Minha Igreja.

Tudo aquilo que está escrito no Universo, através das estrelas, se mostrará. E o que está escrito no Universo descerá ao planeta, como algo muito semelhante aos cometas e às estrelas fugazes que iluminam à noite o firmamento.

Aqueles que aspiraram durante tanto tempo a ascender até as montanhas para encontrar seu mundo interior o encontrarão, depois de haver lutado por muitos séculos contra eles mesmos, para transmutar seus desejos, suas tentações, sua dualidade, sua imperfeição. 

Nessa hora o Sagrado Cálice, o Santo Graal, emergirá, assim como uma vez esteve aqui, nesta Sagrada Montanha Branca.

Novamente a mesa da redenção será preparada.

As tribos também chegarão, assim como chegou Israel depois de haver-se liberado da escravidão do Egito. Mas o povo de Israel, o antigo povo, já não demorará 40 anos para encontrar-Me, para encontrar a Segunda Pessoa de Deus, o Filho, mas já saberá o caminho, porque os Mestres serão suas próprias estrelas que indicarão no firmamento, assim como foi em Belém, a chegada do Messias, do Salvador e Redentor.

Já não haverá consciência na superfície da Terra, nação, poder humano ou pessoa que possa ocultar o que acontecerá, porque todo esse movimento e acontecimento será através do impulso maior do Cósmico Amor, que os criou à imagem e semelhança do Pai, para poder cumprir, neste plano material e espiritual, com Seus desígnios e vontades.

O inverno passará, a noite escura terminará, porque a luz poderosa dos Retiros interiores trará o novo, o que ninguém pôde ver desde que começou este planeta e este projeto genético.

E, por fim, antes que chegue o Filho de Deus, a Confraternidade se reunirá. De suas essências brilhará a grande estrela de suas origens. 

Os rostos dos justos não chorarão mais por lamentações nem culpas, mas se alegrarão. O choro será de alegria, de júbilo e de gozo, porque o Santo Graal estará ali, resplandecente, no alto da Montanha Branca. 

A síntese e o legado de todo o amor vivido por Cristo, seu Mestre e Senhor, abrirão o grande portal entre o Céu e a Terra para a descida gloriosa e vitoriosa do Filho de Deus.  

A grande Luz da Montanha Branca abrirá a porta para o novo tempo. Mas depois, muitos outros sinais se mostrarão, mesmo que o planeta e sua humanidade estejam comovidos, agitados ou perturbados. 

Aqueles que foram designados para cumprir uma tarefa e uma missão nestes tempos serão chamados conscientemente, e o Pai Eterno não deverá mais esperar até que Seus filhos despertem e tomem consciência da verdade.

Assim como hoje lhes falo do alto da Montanha Branca, assim também será esse acontecimento, porém mais contundente e revelador.

Os Mestres das montanhas, que descerão dos Himalayas, dos Andes e que emergirão dos Retiros interiores do planeta trarão consigo todo o seu legado e aprendizado e, sobretudo, a experiência do Amor Crístico vivido como grandes consciências universais e cósmicas.

Ninguém poderá dizer que isso não será verdade, porque Deus assim necessita e determina para a construção e o advento da nova raça, que não deverá mais infringir nem ultrajar as leis, os princípios ou os atributos que são parte de uma Vontade Maior e de um desígnio que vem ao mundo e às suas consciências para elevá-las até o Propósito Maior.

Enquanto isso, e quando tudo isso acontecer, a Mulher Vestida de Sol também chegará depois de Seu Filho, e os que não acreditaram nEla a verão em glória, assim como ascendeu aos Céus, rodeada de anjos e de estrelas.

Seus grandes Universos se mostrarão, Suas Faces se revelarão e, ao final, Ela mostrará o último caminho por onde retornar ao Pai, para estar em comunhão com Seu Espírito e com Sua Consciência por toda a eternidade.

O sofrimento não será mais a causa de tantos males e angústias, de tantas desolações e provas, porque nessa hora Meu inimigo estará vencido, e sua cabeça estará a Meus pés.

Eu mesmo e o Arcanjo Gabriel o redimiremos, assim como a todos os seus exércitos caídos que sentenciaram, ao longo dos tempos, todas as civilizações e povos do planeta e do Universo. E assim a Criação se recriará, e tudo voltará a ter um sentido para Deus.

Muitíssimas, mas muitíssimas almas reconhecerão seus erros. Mas a Luz da Misericórdia Divina chegará como a última tábua de salvação no momento do grande Juízo universal. 

Nessa hora, tudo estará definido. Por isso os preparo com estes anúncios e palavras, porque não podem esquecê-las. Não haverá mais outro momento em que possa repeti-las e anunciá-las, assim como faço hoje, neste dia. 

Porque, quando tudo acontecer, vocês, como parte do prolongamento da Minha Vontade e da Minha Obra no planeta, compreenderão o sentido de tudo que fizeram, de tudo o que viveram e experimentaram, de tudo o que lhes pedi que cumprissem ao pé da letra.

Assim tudo começará de novo e as almas se regozijarão, não perderão mais o caminho nem o sentido de suas existências; porque, quando o Rei retornar através da Luz poderosa da Montanha Branca, nesse momento tudo se realizará, e as novas escrituras se cumprirão.

A Bíblia será renovada e restaurada do ultraje que os homens fizeram com ela, porque uma nova história se escreverá, não só no Coração do Pai, mas também no coração de Seus filhos.

Os ciclos se fecharão quando os Retiros interiores se mostrarem, e tudo, absolutamente tudo, sem que falte muito tempo, começará do zero. 

Preparem-se para esse momento; sejam conscientes do que lhes digo. 

Difundam ao mundo Minhas Palavras porque, sendo as últimas, são as mais reveladoras. Há uma parte dos sinais que deverão compreender por vocês mesmos, em sintonia e em amor Comigo.

Assim seguirão crescendo no amor e na verdade, na justiça e no serviço por todos os que não fazem e, algum dia, no próximo tempo e no próximo mundo, deverão fazê-lo.

Deus criou Seus filhos para que sirvam uns aos outros, para que se amem uns aos outros, para que cresçam juntos e em unidade.

Sigam rezando para que seu Mestre possa continuar falando e anunciando a Palavra, que não é própria, mas é a Palavra de Deus, a que vem de Sua Fonte e, sobretudo, de Seu Amor.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. 

Amém.

Quem somos?

Associação Maria
Associação religiosa cristã e ecumênica que tem por finalidade difundir a mensagem universal de amor e de paz que Cristo Jesus, a Virgem Maria e São José transmitem aos monges da Ordem Graça Misericórdia, estimulando o crescimento espiritual através da oração e do serviço altruísta.

Contato

Mensageiros Divinos