Sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Maratona da Divina Misericórdia

Hoje venho para que adorem o Sangue precioso de Jesus e para que, por meio de Minhas Chagas, contemplem o Mistério de Minha Ressureição.

Estas cinco Chagas, que são como cinco sóis, doaram-se ao mundo e à sua humanidade, para trazer a salvação e a conversão das almas.

Ainda são um mistério desconhecido as cinco Chagas de seu Senhor, como também Seu precioso Sangue, que foi vertido na Cruz, até as profundidades da Terra, para reconsagrar o mundo ao Plano Divino do Criador.

Estas são as cinco Chagas que hoje trago para vocês, para que suas enfermidades sejam curadas, para que suas feridas sejam cicatrizadas, para que o mais profundo da consciência seja redimido pela Luz poderosa de Minhas cinco Chagas.

Hoje verto sobre o mundo, novamente, este Mistério de Minha Paixão, que foi culminante no alto do Monte Calvário, quando o Sangue, a Água e a dor de seu Senhor, em máxima agonia, redimiam o mundo, para poder dar-lhe uma nova oportunidade de estar diante do Criador, com dignidade espiritual.

Naquele tempo, as santas mulheres, junto à Maria, Minha amada Mãe, estavam com João e com alguns mais, que não estão escritos na Bíblia, aos pés da Cruz, contemplando o mistério da Paixão, da Morte e da Redenção da humanidade, por meio do Sacrifício de Seu amado Filho.

Hoje não venho entregar-lhes a dor que o mundo Me faz sentir nestes tempos.

Hoje venho entregar-lhes o Mistério poderoso de Minhas cinco Chagas, que pode ser venerado e honrado por todas as criaturas deste planeta, por meio da adoração ao Santíssimo Corpo Eucarístico, como também, por meio da contemplação e da devoção às cinco poderosas Chagas de seu Senhor.

Em cada uma das Chagas e por meio de cada uma delas, entreguei um sacrifício para Deus, que ainda que não Me valia vivê-lo, Eu o estava entregando com um amor inexplicável e infinito, depois de ter predicado neste planeta e de ter feito grandes milagres nesta humanidade.

Que estas cinco Chagas que hoje são o símbolo da Redenção da humanidade, hoje, vertam sobre vocês o poderoso Sangue, para que os seus corpos sejam banhados e lavados pela divina Fonte da Reparação e da Cura, a fim de que muito mais almas se rendam a este Mistério, por meio de sua adoração e amor ao Meu Sagrado Coração.

Sintam como este Sangue espiritual hoje os lava completamente. Sintam como cada partícula dos seus seres e cada átomo são tocados pela Luz espiritual do Meu Sangue, a fim de que tudo seja renovado, redimido e curado por Minha insondável intercessão.

Quando estava na Cruz, vivi muitas coisas que a humanidade ainda desconhece. Por isso estou aquí, companheiros, para fazê-los reviver o Mistério de Minha Paixão e de Minha Morte, não como uma pena dolorosa ou uma aflição, mas como uma vitória, porque cada um de vocês, nestes tempos, se anima a morrer todos os dias para si, para que Eu possa estar em vocês e assim agir, a ponto de se desconhecerem completamente em tão poucos dias.

Quisera que as almas do mundo considerassem Minhas cinco Chagas como uma vitória celestial e que, apesar de havê-las sofrido, Meu Coração não deixou de emanar Amor, o Amor que venceu a morte, o Amor que venceu toda dor, o Amor que venceu as injustiças e transcendeu os tempos; o Amor invencível do Meu Coração, que se derrama como um afluente de Luz e tem sede, muita sede de almas.

Desejo que todos possam ser parte de Meu Mistério, para que possam compreender, viver e experimentar a expansão de Minha Consciência divina e tudo o que ainda tenho para dar, infinitamente, para as almas do mundo que aceitem ser parte do Mistério de Minhas Cinco poderosas Chagas e da adoração perpétua ao Meu divino Sangue, derramado uma vez na Cruz.

Sintam como este Sangue hoje os redime e os leva todos ao vazio interior, onde não existe por quê, resposta, nem sentido, porque no vazio eterno de Deus suas almas podem viver a plenitude de estarem fundidas no gozo do Meu Espírito e estar acima de todas as crueldades do mundo, que ofendem o Coração de Deus e a Sua Criação.

Se vocês se colocarem em Minhas Chagas, Eu poderei colocar-Me em vocês, no espaço ou lugar onde se necessita de Cura, Redenção e Luz.

Não venho buscar de vocês realizações pessoais, nem triunfos individuais. Necessito de corações disponíveis, neste tempo, para viver este Mistério, porque se estiverem dentro de Minhas Chagas, farão parte de Meu Sangue e Eu farei de vocês algo novo, algo que tanto lhes custa alcançar mas, que para Mim, por ser seu Mestre e Senhor, nada é impossível.

Hoje venho convidá-los, companheiros, e também as almas do mundo, a fazer parte de Minha Congregação Celestial, que adora o Meu precioso e divino Sangue, dentro da Consciência da Igreja Celestial; algo que não é material mas, completamente imaterial; algo que provém do Propósito Divino e da emanação da Fonte, do que vocês podem ser parte enquanto estiverem aqui na Terra, e poderão celebrar Comigo, não só o Mistério de Minha Paixão, por meio dos Sacramentos que são oferecidos, mas também poderão adorar-Me e contemplar-Me por meio das cinco poderosas Chagas e do Meu divino e precioso Sangue.

Necessito que estes códigos de Luz que Eu alcancei na Cruz, por meio do sacrifício, da morte e da ressurreição, possam estar disponíveis nas almas do mundo. Só a vocês corresponderá uma parte, companheiros, a de estar inteiramente unidos a este Mistério das cinco poderosas Chagas e do divino Sangue de seu Redentor. Isso ajudará que as almas mais pecadoras, que estão em todo o mundo, possam receber por meio deste Mistério e de sua inteira devoção a Mim, uma graça inexplicável e uma oportunidade, como hoje vocês a estão tendo conscientemente.

Não deixem que este Mistério, hoje, passe por vocês como se fosse o vento que sopra em seus rostos. Permitam que se possa semear a devoção às cinco Chagas de seu Senhor e ao Seu poderoso Sangue. Sangue que lhes trará a liberação, a redenção e o exorcismo do mal.

Aos pés do Monte Calvário não se encontravam só os Meus inimigos, e digo inimigos para que possam compreender o que lhes quero dizer. Em verdade, o poder de Meu Amor e de Minhas cinco principais Chagas amava incondicionalmente os que Me castigaram até aos pés da Cruz.

Quisera que esta dor que Eu senti pelo mundo, em uma inexplicável agonia, até às três da tarde de uma sexta-feira, há mais de dois mil anos , vocês possam converter, transfigurar e perdoar, como Eu fiz, todos os sofrimentos ocasionados ao Meu Coração, durante aquele tempo.

Mas agora necessito, companheiros, que no estado do seu profundo despertar, possam perdoar o que ainda não perdoaram e que hoje, por meio do Sacramento da Comunhão e da Reconciliação, façam-no verdadeiramente por Mim.

Eu já sei o que há no íntimo de vocês, o que pesa, que amarga, que lhes gera sede de um profundo e verdadeiro amor. Porém, no Mistério de Minhas cinco Chagas e naqueles que são devotos a elas, resolvem-se todas essas causas, pelo simples fato de abrir o coração, e também a alma, para que ingresse o divino Sangue espiritual de seu Senhor nas profundezas de suas consciências, nas raízes mais impenetráveis do erro.

Este é um de tantos aspectos do Cristo Redentor, mistérios que são desvelados na Igreja Celestial, do qual as almas bem-aventuradas participam em comunhão perpétua junto aos anjos.

Se, em verdade, as almas buscassem Minha Consciência, não seria necessária a purificação do mundo, nem tampouco as catástrofes, as guerras e as enfermidades que, nestes tempos, tornam-se interrogações para a consciência humana, para toda a ciência humana, que está separada de Deus.

No alto do Monte Calvário Eu vim viver por vocês todos esses mistérios e semeá-los na consciência do planeta, estabelecê-los nas almas, que através dos tempos e de todos os acontecimentos seriam chamadas por Mim para fazer parte do exército do fim dos tempos.

Vocês estão, neste momento, na última fase desse tempo. Vocês estão sendo partícipes do último grande acontecimento da humanidade. Vocês fazem parte de uma transição, da grande mudança de consciência e de uma inexplicável redenção que o Universo de Deus está oferecendo a todos, sem condições, porque já não existirá outra oportunidade. Não posso prometer, companheiros, o que não sucederá.

Por isso, com espírito de entrega, de regozijo e de adoração, venho pedir ao mundo a devoção às Minhas cinco poderosas Chagas e ao Meu precioso e divino Sangue, a fim de que Eu possa, por intermédio de muito mais almas, socorrer o mundo, desterrar o sofrimento e curar os corações que necessitem de Luz e de Amor.

Hoje todos vocês estão sendo chamados a fazer parte de Minha Congregação Celestial, em devoção às Minhas cinco poderosas Chagas e ao Meu divino Sangue.

Sintam em cada parte de seu corpo Meu precioso Sangue e entrem em comunhão com este Mistério. Não tentem compreendê-lo, mas abram-se para esta experiência de amor, que é pouco merecida pelas almas do mundo, mas Minha Graça tudo permite para apagar a dor e transcender as misérias.

Deixem que seus corações sejam lavados por esse Sangue. Permitam que cada rincão de seus seres possa ser tocado por Meu divino Sangue e saiam daqui já sentindo-se outros, renovados por este Mistério de Minha Consciência Sacerdotal.

Hoje, diante das portas da Minha Igreja Celestial, realizem o oferecimento de suas almas a Deus, para que o Pai as contemple em Sua divina e infinita Misericórdia e neste dia de Graça e de Redenção, tudo, tudo seja reparado.

E celebraremos, companheiros, por intermédio de Meu Divino Sangue, o mistério dos sacramentos, Ciência divina e cósmica que trás, para as almas e as vidas, Graças inexplicáveis, acontecimentos divinos na consciência humana, portas que se abrem à Redenção.

E, hoje especialmente, vim com o anjo encarregado da devoção e adoração às Minhas cinco poderosas Chagas e ao Meu divino e precioso Sangue. Ele guarda entre suas mãos, dentro de um tubo de cristal, o Sangue que foi vertido na Cruz, especialmente por Meu Pé direito, que é o Pé que veio estabelecer no mundo a vontade de Deus; e foi essa Vontade que venceu o inimigo e o lançou ao seu abismo até os tempos de hoje.

Cada parte de Meu Corpo é um símbolo de Deus, porque Meu Corpo agora está glorificado; Minha Matéria tornou-se luz, ainda que continue sendo um ser humano iluminado.

Meu Corpo Glorificado faz parte do Universo e da nova ciência para a futura humanidade. Meu Corpo é a nova genética para os Cristos que despertarão na Redenção.

Meu Coração permite isso, para que as almas se tornem mais conscientes de que aqui, neste momento e nesta hora, não só lhes fala Jesus, o Nazareno, mas o Rei dos reis, O que ascendeu aos Céus e está à direita de Deus, governando todos os mundos.

Celebremos este momento, sob o Espírito de Minha Igreja Celestial, para que muito mais Graças preencham seus corações e vidas, e cada um desperte seu dom, o dom que veio entregar em serviço a Deus e por este planeta.

Sintam-se parte dos novos redimidos e já não se aflijam mais. Celebrem com alegria sua ressureição espiritual, porque vocês, como seus irmãos do mundo que agora Me seguem, antes estavam mortos, porém agora estão vivos, com seu verdadeiro ser fazendo parte das primeiras filas preparatórias de Meu segundo Retorno.

Já não se sintam pecadores. Sintam-se salvos pelo divino Sangue de seu Senhor e protejam esse estado espiritual para que nada, nem ninguém, suje-o.

Aos pés de Minha Igreja Celestial, seu divino Mestre e Senhor, na presença de Suas cinco poderosas Chagas e do afluente espiritual de Seu divino Sangue, estenderá este Mistério de Amor e de Redenção, não só para os quatro pontos da Terra e os cinco continentes mas, também, para estes elementos, que farão parte da celebração da Ceia de hoje.


Frei Elías del Sagrado Corazón:

Podemos colocar-nos de pé, sabendo que o Mestre está presente para abençoar estes elementos e que às portas da Igreja Celestial estamos sendo reconhecidos, pela intercessão de Jesus, como dignos filhos de Deus.


Neste Sangue, que uma vez foi vertido na Cruz, encontra-se a essência do Amor, do Amor que provêm da Fonte, que é eterno e infinito, e que trás gozo, vida e plenitude a todas as almas que bebem deste Sacramento.

Que a divina Aliança dos devotos ao divino Sangue de Jesus hoje se estabeleça na Terra, até que Eu retorne ao mundo.

Em Meu sagrado Corpo Eucarístico se reflete a gratidão a Deus, que transmito a todas as almas, por Ele haver-Me permitido encarnar neste mundo e nesta humanidade, a fim de que todos os espíritos, em todos os tempos e em todas as épocas, conheçam a grandeza de serem dignos filhos de Deus.

Diante do altar de Minha Igreja Celestial, volto a dizer-lhes que naquele tempo, quando estava reunido com os doze, tomei o pão, dei graças a Deus por esse sacrifício, entreguei-o e lhes disse: tomem e comam todos dele, porque este é o Meu Corpo, que será entregue pelo mundo para o perdão dos pecados.

Do mesmo modo, tomei o sagrado Cálice entre Minhas Mãos, dei graças a Deus por esse sacrifício, entreguei-o aos Meus apóstolos e a todos os que estavam nos planos internos, dizendo-lhes: tomem e bebam todos dele, porque este é o Meu Sangue, o Sangue da Nova Aliança, que será derramado por seu Senhor para o perdão dos pecados. Recordem-se de fazer isto em Minha Memória, até que Eu retorne ao mundo.

Que no poder de Minha Igreja Celestial se expandam os Raios da Misericórdia ao mundo, a fim de que todas as almas ressucitem para sua vida espiritual. Amém.