Terça-feira, 4 de julho de 2017

Mensagens mensais
MENSAGEM ESPECIAL DE CRISTO JESUS, TRANSMITIDA PARA A 48.ª MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA, NA CIDADE DE SANTIAGO DE COMPOSTELA, A CORUNHA, ESPANHA, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

Aqui está a Arca Sagrada de Deus, que guarda os maiores tesouros do Universo.

Ela retornará Comigo à Terra, para instituir o novo Plano de Deus, no momento do surgimento da nova humanidade.

Retornarei mais brilhante do que um sol e mais luminoso do que centenas de estrelas.

Meu Espírito será tão fugaz quanto o vento, semelhante à força dos oceanos e de todos os mares.

Um Portal do Universo se abrirá sobre a Terra, e os 144 mil o sentirão porque escutarão Minha Voz em seus corações e saberão que a hora se aproxima.

Será o momento em que Deus haverá declarado Sua Justiça sobre o mundo e os ímpios, os injustos, o saberão.

Por isso venho oferecer esta Sagrada Arca como última salvação da humanidade.

Coloquei dentro dela Meu Sagrado Coração, cheio de espinhos, para que seja venerado, seja adorado e reparado pelos homens.

Os anjos participarão desse acontecimento da Vinda do Filho do Homem e não haverá consciência que fique sem sabê-lo, porque Deus já está pondo fim às injustiças humanas, a tudo o que é pecado e a tudo o que está perdido.

Como fiz há mais de dois mil anos na Terra Santa, venho oferecer Meu Coração, como símbolo de expiação universal para que as almas encontrem um refúgio seguro, para que saibam conduzir-se nos tempos que virão e não percam a possibilidade de serem guiadas.

Com tudo isso, venho revelar-lhes os mistérios do Meu Sagrado Coração, que não são verdadeiramente contemplados nem buscados por todos, nestes tempos.

Escolhi este lugar para fazê-lo, porque aqui veio um dos Meus; veio em Meu Nome, para deixar algo que a humanidade não compreendeu, tendo convertido essa oportunidade em perdição para muitas almas.

Mas Minha Misericórdia é infinita e maior que todos os oceanos e todo o Universo.

Minha Fonte de Graça nunca deixará de brotar, mas devo ser obediente ao Meu Pai, assim como vocês devem ser obedientes à Lei e à Justiça.

Minha Graça não terminará, mas deverei encerrá-la em algum momento. Por isso, nestes tempos, Eu venho fortalecê-los, para tentar fazer de suas vidas novos instrumentos que possam corresponder à necessidade do Meu Plano e de Meu urgente retorno ao mundo.

Enquanto o mundo for injusto com tudo o que Eu lhe dei, através do Meu Sacrifício e da Cruz, pela profanação da Palavra, do Divino Verbo e da Eucaristia, ele sofrerá ainda mais do que espera.

Por isso venho com tão poucos para mudar os acontecimentos e fazer de suas encarnações um momento de renovação e de esperança para o mundo.

Quisera que todos os dias orassem para Mim como Me oraram hoje.

Quisera que todos os dias caminhassem para o Portal da Paz assim como caminharam hoje, com simplicidade, em amor e em sintonia.

Isso permitiu que Eu viesse aqui para recolher os purgatórios que existem em toda a Europa.

Quando seus pés caminham com determinação e firmeza para Meu Portal da Paz, muitas coisas Eu posso fazer através de vocês; e todas as que Eu posso fazer são muito desconhecidas para a humanidade.

Hoje, permitiram que Meu Pai concedesse trazer até aqui a Arca da Santa Aliança, sob a veneração profunda do Meu Sagrado Coração, dentro da mesma, como essência e energia.

Quero que seus olhos observem o horizonte de Meu Coração, o Universo de Meu Amor e a Divindade de Minha Consciência, e que possam crer que mais além de tudo isto existe algo maior e verdadeiro, que o mundo ainda desconhece.

Hoje pude deixar em seus corações as Moradas do Meu Pai, aquelas moradas das quais Eu falei no Evangelho, no Novo Testamento.

Quero que orem não apenas por vocês, mas também pelo mundo infiel e egoísta, por aqueles que usam Meu Nome e o Nome de Minha Mãe para promoverem-se e fazerem muitas consciências acreditarem que tudo é verdade.

Não sabem o quanto Meu Coração sente quando desvirtuam as coisas, como propósito e como desígnio celestial.

Não tenho nada mais para entregar-lhes do que Meu Coração e Minha Vida, Minha Alma e Minha Divindade.

Aspiro poder ser nos Meus, muito mais do que Sou.

Aspiro poder converter o que ainda não Me permitem.

Aspiro poder liberar o que ainda resiste em vocês, por medo ou por vergonha.

Meus Olhos de Misericórdia não vêm para ver o que está mal, mas vêm para ver o que Meu Pai criou no profundo de suas consciências, desde o Princípio.

É pela essência das almas do mundo que rezo todos os dias, aos pés de uma luminosa cruz, semelhante a esta que está junto ao Meu altar.

Nesta Cruz Eu dei tudo pelo todo e muito mais do que os homens conhecem por histórias ou por relatos, por experiências ou por visões.

Deus nunca revelará totalmente Seu Mistério, porque sabe que o homem é débil na carne e na tentação.

Mas sim, Ele poderá dar todos os Seus tesouros e o que existe mais além deste Universo, aos que têm fé nEle, aos que creem em Sua Palavra, aos que vivem em Sua Vontade e a respeitam, aos que confiam plenamente em Seu Misericordioso Amor.

O mundo está muito enfermo de corpo, de mente e de espírito.

Quem socorrerá este mundo chagado e cheio de feridas?

Um mundo que sofre como consciência, através da humanidade e dos Reinos que Meu Pai criou para seu benefício, para o benefício de Suas criaturas.

Estou como uma árvore, esperando que Me contemplem.

Estou como as aves, esperando que Me louvem.

Estou como o mar, para que Me busquem no silêncio.

Estou no vento, para que reconheçam a carícia de Meu Amor em tudo o que foi criado.

Meu Amor, que é o Amor do Meu Pai, está em tudo, esperando reparação e cura.

Que os valentes se animem a seguir-Me.

Que os perseverantes não se cansem de seguir Meus passos.

Que os imperfeitos não se amedrontem.

Que os enfermos creiam no Poder de Minha Cura e que os pacificadores não deixem de dar a paz, apesar do que suceda.

Porque em verdade lhes digo: felizes serão os que fizerem coisas maiores que as que Eu fiz, porque no Céu serão coroados por viverem e buscarem Minha Humildade; porque no Universo serão reconhecidos como Meus servos do fim dos tempos e como os santos dos últimos dias.

Ofereçam seus pequenos sofrimentos pelos que mais sofrem.

O planeta, como um todo, como consciência é a maior dor deste Universo.

Retornarei em Glória para corrigir este projeto humano e esta grande ideia, divina e imaculada, que Meu Pai emanou de Seu Coração ao Infinito.

Quando virem que o mal faz tremer tudo e que as maiores dificuldades da Obra se apresentam, saibam que Meu inimigo está inquieto, porque estou dando passos firmes a caminho do Meu Retorno.

Que se acendam as tochas dos Novos Cristos.

Que se elevem os estandartes da reabilitação.

Que no alto dos montes se vejam as bandeiras da paz, porque o fim está chegando, embora muitos não acreditem.

Refugiem-se no Imaculado Coração de Minha Mãe.

Orem, adorem e esperem em silêncio, porque um sinal significativo acontecerá e não poderão estar distraídos, sem poder vê-lo.

Esse sinal indicará o fim do último fim e a chegada do Ômega à humanidade.

Os Livros Sagrados terminarão de ser escritos, porque a Mulher Vestida de Sol abrirá o novo cofre, em que as pérolas mais preciosas da redenção serão apresentadas ante os Tronos de Nosso Senhor.

O Arcanjo Gabriel anunciará aos Seus anjos o momento de Minha Chegada e a última trombeta no Universo Celestial se escutará. Ai daqueles que não fizerem penitência!

A Justiça será muito grande pelo que a humanidade tem feito, mas Minha Misericórdia salvará aquele que se render, de verdade, por si mesmo e por seus irmãos.

Já não busquem o joio no olho alheio. Já não julguem, já não critiquem.

Sejam misericordiosos como Eu Sou; até o final da cruz, até que sejam transpassados pela Lança do Amor de Nosso Pai.

Mesmo nessa hora, não desistam, porque, embora aparentemente Eu não esteja presente, Meu Espírito Divino sempre estará naquele que creia e que viva Minha Confiança.

Que esta Arca seja o símbolo dos novos redimidos que veneram, pacificamente, Meu Sagrado Coração e que o fazem por uma raça perdida e indiferente.

Alegres serão os que assim o fizerem, porque nunca lhes faltará a fé.

O Reino de Deus se aproxima para derramar Sua Justiça, e Eu farei todo o possível e um pouco mais pelos caídos. Que assim seja.

Rezarei nestes dias, junto a vocês, para que estas rosas que trouxeram ao Meu Altar sejam abençoadas e, ao terceiro dia deste encontro, levem-nas como um presente de luz de Meu Sagrado Coração e como parte da doação dos Reinos da Natureza à humanidade, uma doação incondicional.

Que nesta Maratona oremos pelos que não vivem Meus Mandamentos, pelos que infringem as Leis do Universo todos os dias, pelos que são religiosos e espirituais e não são verdadeiros, para que o Espírito Santo abra seus olhos e rompa os cadeados de seus corações; para que desça a Graça de Meu Misericordioso Coração e as almas sejam resgatadas de seus abismos. Amém.

Enquanto Me elevo ao Universo com todas as súplicas recebidas, necessito nesta hora que aliviem Meu Coração de tudo o que vê neste mundo, dia a dia.

Eu estou aqui pelos que Me escutam, pelos que Me vivem, pelos que Me buscam, pelos que creem em seu Divino Senhor.

Necessito que reparem Meu Coração hoje com uma canção, tão profunda para Mim.

Eu estou aqui com vocês e vocês através desta canção dirão: Senhor, Tu estás aqui, sempre.

Abençoo-os com o poder salvador da Cruz, com o sinal luminoso da redenção e da paz, para que os espíritos impuros sejam liberados e para que as almas encontrem a paz, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.