Quinta-feira, 4 de maio de 2017

Mensagens mensais
MENSAGEM ESPECIAL DE CRISTO JESUS, TRANSMITIDA PARA A 46.ª MARATONA DA DIVINA MISERICÓRDIA, NA CIDADE DE GONDOMAR, PORTO, PORTUGAL, AO VIDENTE FREI ELÍAS DEL SAGRADO CORAZÓN

Louvado seja, Senhor, porque deste a vida e a restauração a Tuas criaturas.

Louvado seja, Senhor, pela presença do Teu Amor infinito, que restaura todas as coisas.

Louvado seja, Senhor, porque Santo é o Teu Nome em cada rincão deste Universo.

Louvado seja, Senhor, porque Tua Verdade triunfa sobre aqueles que dizem ser poderosos.

Ai dos corações que ainda não se arrependeram, porque nunca poderão encontrar a paz!

Louvado seja, Senhor, por Teus anjos e arcanjos, mensageiros da Boa Nova, guardiães dos corações e das almas, curadores do espírito, renovadores da esperança, alegria para os que querem viver em paz.

Louvado seja, Senhor, por tudo o que criaste à imagem e semelhança de Teu Coração, de Tua Consciência, de Tua Sabedoria.

Louvado seja, Pai, por aqueles que Te seguem através do Amor de Teu Filho e de Tua Divina Mãe Celestial.

Louvado seja, Senhor, por aqueles que Te aceitam, pelos que caminham ao Teu lado sem vacilar em nenhum momento, somente olhando o horizonte, para alcançar, no final de seus dias, o Teu Propósito, que é infinito.

Louvado seja, Senhor, por todos os que escutam o Coração de Teu amado Filho e guardam em suas memórias os tesouros da Palavra.

Louvado seja, Senhor, ao escutar a súplica de Teu Unigênito, que abre os portais da paz para que as almas ingressem em profunda comunhão, em perpétua aliança e em união infinita com Teu Santíssimo Coração.

Louvado seja, Senhor, porque Tu estás presente em Teus filhos através de Teus Sagrados Dons, de Tuas Divinas Graças, de Tuas infinitas Bênçãos.

Louvado seja, Adonai, por ainda observar com Misericórdia este mundo, apesar de tantos erros e indiferenças; contempla agora, Adonai, as Obras de Teu Amado Filho, nas virtudes simples de Seus queridos discípulos.

Louvado seja, Adonai, por Tua grandiosa humildade, por Tua pacífica Presença, por Tua luminosa resplandecência, por Tua poderosa Consciência que emana da Fonte Primordial.

Escuta a voz, Adonai, dos que clamam a Ti e deixa de lado as ofensas, todos os pecados, para que através do Sangue que hoje emana de Minhas Chagas, os códigos de reparação e de cura sejam semeados na consciência planetária.

Não olhes as guerras, Adonai, nem o sofrimento de Meus filhos da África.

Não olhes a audácia dos governos nem a mentira dos injustos.

Que Teu Espírito, Adonai, viva no gozo dos que creem em Ti e afirmam, todos os dias, o poder de Tua Sagrada Palavra e a oração incalculável que abre as portas à redenção.

Aceita, Senhor, as reparações que Meu Coração e Minha Alma recebem dos corações que se prostram, na resignação de suas consciências, cumprindo a promessa de viver todos os dias em Tua Santa Humildade.

Adonai, vê aquela Luz que Tu criaste em Teus filhos para que eles Te pudessem vivificar.

Apesar de ter hoje Minhas Chagas ensanguentadas, não deixo de derramar a Misericórdia de Teu Coração.

Que as almas adormecidas despertem.

Que os olhos indiferentes se abram para conhecer a verdadeira realidade.

Que os corações endurecidos sintam o calor do Teu Amor para transformarem suas vidas no precioso modelo que Tu pensaste desde a Origem.

Que assim, Adonai, cumpra-se o Teu Propósito e que ninguém mais se perca na ilusão das trevas nem na cegueira da vida material.

Hoje retiro, através de Minhas Chagas e do Poder de Sua Luz, quantos dormem neste mundo.

Instituo, assim, por meio de Meu Precioso Sangue, a Nova Aliança, entregando a cada um dos presentes uma gota espiritual de Meu Sangue, divino código restaurador, nas consciências que aceitam a simplicidade e se abrem interiormente à cura.

Hoje venho a vocês como o Cristo dos Enfermos, para lhes dar o bálsamo de Minha Reparação, o Dom da aceitação e da entrega que possam viver.

Repetimos:

Cristo Restaurador, 
       Jesus dos Enfermos,
       habita em cada célula desta humanidade.

Amém

Venho aqui por uma Europa separada, assim como veio Minha Santa Mãe há quase cem anos, para unir o que estava separado na consciência humana e para deter o perigo iminente da autodestruição.

Depois daquele grande acontecimento em Fátima, vem a vocês o Cristo dos Enfermos para tentar curar espiritualmente todos os que se submergiram no sofrimento, nas guerras e nas perseguições.

A humanidade precisa ser curada para que possa nascer de novo. Por isso, hoje Me apresento a vocês como o Cristo dos Enfermos.

O Senhor da Misericórdia expõe o Sangue de Suas Cinco Chagas para gerar e despertar a Reparação em toda a humanidade, do Oriente ao Ocidente.

A humanidade necessitará recitar esta oração diariamente, a fim de que se cumpra o desejo mais ardente de seu Senhor.

Se isso se cumprir por todas as almas do mundo, diariamente, o Pai, em Sua infinita Misericórdia e Cura, Me enviará para evitar uma perseguição pior do que a do século passado.

Do contrário, se a resposta for fraca, nações inteiras deverão aprender com a injustiça e com o interminável sofrimento, para compreender, finalmente, que os homens de superfície estão equivocados.

Quero que se sirvam de Minha Energia de Cura para que a paz não desapareça completamente do planeta.

Disse-lhes antes da última Sagrada Semana que lhes traria revelações fortes para evitar situações graves na humanidade.

Quisera que esta Maratona fosse vivida, simbolicamente, como a última e que todos participassem dela a partir de seus corações e lares; é respondendo a este pedido que farão triunfar Meu Sagrado Coração, não só na Europa, mas no mundo inteiro.

Dessa forma, os poderes serão derrotados, os homens injustos perderão sua autoridade, as almas inocentes estarão livres do castigo humano e, assim como disse Minha Mãe há cem anos, haverá mais um tempo de paz antes da grande transição planetária.

Cada momento vivido Comigo é uma preparação, não se esqueçam disso. No final dos tempos, necessitarão deles para persistir na fé e na confiança, sem titubear.

Todos os dias, por meio deste Sacramento, vocês encontram o maior testemunho de Meu Amor por este planeta e por esta humanidade.

Hoje lhes peço, companheiros, através desta Maratona de Oração, que cada comunhão compartilhada e vivida seja realizada pela redenção dos caídos, pelas guerras no planeta, pela perseguição aos cristãos, por aqueles que sofrem em toda a África, pelas incompreensões entre as nações, especialmente por aqueles que geram as guerras e criam as armas contra a Vontade de Deus.

Se tudo isso for oferecido num ato de reparação e de amor ao Cristo dos Enfermos, concederei o triunfo de Meu Sagrado Coração a todos o que Me escutam em cada parte deste planeta.

Meu Pai não os olhará com olhos de Justiça, nem tampouco as nações do mundo, porque Minha Divina e Insondável Misericórdia se derramará como uma grande fonte de Luz sobre a grande balança do desequilíbrio planetário.

Que assim seja.

Dou-lhes a Paz, peço-lhes que vivam em Minha Paz e que levem a paz, o bem e a unidade aos que mais necessitam, a fim de que todos possam alcançar a cura de seu coração e de seu espírito; até que Eu retorne ao mundo com todo o Poder de Minha Glória para voltar a instaurar o Reino de Deus na humanidade.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Agradeço-lhes por aceitarem Minhas Palavras e por difundi-las pelo mundo.

Amém.